Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Titular, Neymar marca e Santos volta ao G4

Com a camisa 7 de Robinho, garoto marca seu primeiro gol pelo Peixe

Neymar estreia no time titular e faz um gol na vitória do Peixe (Foto: Ivan Storti)Neymar estreia no time titular e faz um gol na vitória do Peixe (Foto: Ivan Storti)

Foi um massacre a vitória do Santos por 3 a 0, contra o Mogi Mirim, no Pacaembu. O garoto Neymar, grande nome da partida e que começou jogando pela primeira vez, teve seu espetáculo concretizado com o gol “de estreia” do camisa 7. Apontado como um possível herdeiro de Pelé, o garoto foi festejado pela torcida desde o início da partida.

Mesmo com um excelente partida do Peixe, com muito domínio e posse de bola, a equipe com três gols poderia ter feito ainda mais, se não fosse o desperdício de tentos, principalmente no primeiro tempo. Já o Mogi só tem a lamentar e já começar a pensar na segunda divisão do Paulista. Pois tecnicamente é muito fraco e a distância para os adversários diretos só aumenta com esta derrota.Logo no começo da partida, o garoto Neymar infernizou a vida dos zagueiros do Sapão.

O atacante conseguiu quatro faltas perto da grande área só na etapa inicial. Também deixou os companheiros em boa condição de jogo, como aos 44 minutos, quando driblou o beque do Mogi e limpou a jogada para Paulo Henrique, que livre, chutou para gol. Sorte do arqueiro que fehcou bem o ângulo e saiu sem levar tento de campo.

Assim como era esperado, o Santos voltou ainda mais agressivo para o segundo tempo do jogo. As subidas dos laterais colaboraram para que saisse o lance do primeiro gol da partida, aos 12 minutos com Paulo Henrique, em um lance de bate e rebate dentro da grande área.

E a dificuldade da bola entrar ficou para trás. O Santos a cada lance de ataque, mais e mais levava perigo ao Mogi Mirim. A pressão foi tamanha que aos 23 minutos Roni, bem posicionado durante toda a partida, marcou. Passado cinco minutos, a justiça chegou à campo: Neymar pôde comemorar o gol que teimava em não sair.

Mesmo com um excelente partida do Peixe, com muito domínio e posse de bola, a equipe com três gols poderia ter feito ainda mais, se não fosse o desperdício de tentos, principalmente no primeiro tempo. Já o Mogi só tem a lamentar e já começar a pensar na segunda divisão do Paulista. Pois tecnicamente é muito fraco e a distância para os adversários diretos só aumenta com esta derrota.

Com o resultado, o Peixe soma 27 pontos e volta ao G4 do Campeonato Paulista. O time do interior paulista segue na lanterna com apenas 9 pontos. No próximo domingo o Santos pega o Corinthians no Pacaembu, às 16h. Já o Mogi Mirim recebe o Guarani no sábado, às 18h30.

FICHA TÉCNICA:
SANTOS 3 X O MOGI MIRIM

Estádio: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data/hora: 15/3/2009 – 19h10 (de Brasília)
Árbitro: Márcio Roberto Soares (SP)
Assistentes: Jumar Nunes Santos e Fábio Aparecido Gomes Ribeiro
Renda/público: 13.703 pessoas/ R$276.820,00
Cartões amarelos: Bolaños (SAN); Giovanni, Neguette e Luiz Henrique (MOG)
GOLS: Paulo Henrique aos 12’/2ºT (1-0); Roni aos 23’/2ºT (2-0); Neymar aos 27’/2ºT (3-0)

SANTOS: Fábio Costa; Luizinho, Fabão, Fabiano Eller e Triguinho; Pará, Germano, Lucio Flávio e Paulo Henrique (Molina aos 25’/2ºT); Neymar e Roni (André aos 35’/2ºT). Técnico: Vagner Mancini

MOGI MIRIM: Marcelo Cruz; Anderson Conceição, Thiago Couto (William intervalo) e Neguette; Júlio César, Luiz Henrique, Giovanni, Joelson (Rick aos 26’/2ºT) e Luciano; Marcelo Régis (André Luiz aos 8’/2ºT) e João Sales. Técnico: Paulo Campos.

março 16, 2009 Posted by | Santos | , , , , , , , , | Deixe um comentário