Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Sentimento não para e Vasco derrota Brasiliense

Em jogo duro, Pimpão marca e dá vitória ao Gigante da Colina

Carlos Alberto conduziu o Vasco na estreia com vitória na Série B

Carlos Alberto conduziu o Vasco na estreia com vitória na Série B (Crédito: Paulo Sérgio)

LANCEPRESS!

Com o sentimento vascaíno à flor da pele, o Vasco iniciou sua participação na Série B do Campeoanto Brasileiro, o caminho de volta à elite do futebol nacional, com uma vitória por 1 a 0 sobre o Brasiliense, neste sábado, em São Januário lotado.

A tarde, que começou com a apresentação pelo Gigante da Colina do atacante Aloísio, terminou com a conquista dos três pontos em um jogo complicado, o que deve ser a tônica dos próximos 37 confrontos que o time terá pela frente na competição.

No primeiro tempo o Cruzmaltino foi mais empolgação e o Jacaré, consistência. Enquanto os donos da casa foram pouco objetivos, apesar da boa atuação de Carlos Alberto, os visitantes marcaram bem e saíram com perigo nos contra-ataques.

E se não fosse a falta de pontaria de Julio César, nas duas melhores chances criadas nos 45 minutos iniciais em lances semelhantes, o placar teria sido alterado. Aos nove minutos ele chutou cruzado, Fernando Prass espalmou e a bola bateu na trave. Trinta minutos depois, ele recebeu boa bola de Iranildo, entrou livre na área e bateu cruzado para fora.

Ao contrário do jogo cadenciado do primeiro tempo, a etapa final começou em alta velocidade e com uma blitz de um Vasco bem mais disposto nos minutos iniciais que culiminou, após o primeiro chute do Brasiliense, aos 14 minutos, com Fábio Júnior obrigando o camisa 1 cruzmaltino a uma boa defesa, com a explosão do Caldeirão.

O Cruzmaltino tocava bem a bola no meio, mas não conseguia finalizar bem. Porém, aos 16 minutos, Carlos Alberto e Léo Lima iniciaram o lance e este passou para Ramon na esquerda. O lateral avançou e encontrou Rodrigo Pimpão na grande área, que dominou e chutou para balaçar a rede e a torcida na Colina.

A partir daí, os vascaínos que marcaram presença em São Januário soltaram de vez o grito e vibraram bastante no ritmo que vai conduzir a caminhada de retorno do Gigante da Colina à Série A.

Em campo, a equipe carioca seguiu pressionando o oponente, sem conseguir marcar o segundo, e suportou a pressão final do Jacaré.

Na próxima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, a segunda, o Vasco enfrenta, no próximo sábado, às 16h10, em Fortaleza (CE), o Ceará. Já o Brasiliense, no mesmo dia, Mas às 21h, recebe o Campinense, em Taguatinga (DF).

Antes, no entanto, o Gigante da Colina tem compromisso pela Copa do Brasil. O time cruzmaltino pega, na quarta-feira, no primeiro jogo das quartas-de-final da competição, o Vitória, em São Januário, às 19h30.

FICHA TÉCNICA:
VASCO 1 X 0 BRASILIENSE (DF)

Estádio: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 9/5/2009 – 16h10
Árbitro: Rodrigo Braghetto (SP)
Auxiliares: Claudson Lincoln Beggiato (SP) e Dante Mesquita Júnior (SP)
Renda/público: R$ 323.420,00 / 13.606 pagantes (15.446 presentes)
Cartões amarelos: Paulo Sérgio e Carlos Alberto (VAS); Pedro Ayub e Juninho (BRA)

GOL: Rodrigo Pimpão, 16’/1°T

VASCO: Fernando Prass, Paulo Sérgio, Vilson, Gian e Ramon; Amaral, Mateus (Nilton, 22’/2°T), Léo Lima e Carlos Alberto; Rodrigo Pimpão (Alan Kardec, 25’/2°T) e Elton (Bruno Gallo, 36’/2°T). Técnico: Dorival Júnior.

BRASILIENSE (DF): Guto, Cris, Ailson e César Gaúcho (Ji Paraná, 42’/2°T); Julio César (Chefe, 29’/2°T), Juninho, Pedro Ayub, Iranildo, Éder (Ricardinho, 9’/2°T) e Edinho; Fábio Junior. Técnico: Roberval Davino.

maio 9, 2009 Posted by | Vasco da Gama | , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário