Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Victor Simões volta e faz um dos gols da vitória do Botafogo sobre o Tigres

Atacante chega aos seis gols no Campeonato Carioca e briga pela artilharia

Ampliar Foto Cezar Loureiro/O Globo Cezar Loureiro/O Globo

Maicosuel é derrubado e sofre falta

Campeão da Taça Guanabara, o Botafogo iniciou o segundo turno do Campeonato Carioca vencendo o Tigres por 3 a 2, neste domingo, no estádio de Los Larios. O artilheiro Victor Simões, que ficou um mês longe do time se recuperando de uma lesão muscular, voltou ao time e marcou um dos gols da vitória. O zagueiro Juninho e o lateral-esquerdo Gabriel fizeram os outros gols alvinegros. Leandro Chaves e Sorato descontaram.

Apesar da vitória, o Botafogo está em quinto lugar no Grupo B. Seis dos oito clubes do grupo venceram nesta primeira rodada. E o Botafogo leva desvantagem no saldo de gols. Volta Redonda e Boavista, que venceram os adversários por 3 a 0, dividem a liderança. O Flamengo, que bateu o Cabofriense por 3 a 1, está em terceiro. O Tigres permanece como o pior time do Campeonato Carioca.

Na segunda rodada, o Vasco faz o clássico com o Botafogo, no Maracanã, na quinta-feira, às 19h30min. Já o Tigres encara o Friburguense, fora de casa, na quarta-feira.

Juninho acaba com jejum e faz o primeiro gol alvinegro

O Botafogo tinha a volta de Victor Simões, mas o atacante era muito bem marcado no início da partida. O primeiro chute ao gol foi do Tigres. Aos seis minutos, o Oziel arriscou de longe. O goleiro Renan caiu no lado direito para defender firme. Aos 12 minutos, Maicosuel entrou na área e perdeu equilíbrio ao dividir com Edson. Os alvinegros queriam pênalti, mas o árbitro William Marcelo de Souza Nery deixou corretamente o lance seguir.

O Botafogo tinha a iniciativa da partida. E, aos poucos, criava as chances. Victor Simões recebeu dentro da área, mas chutou mal para fora. Aos 20 minutos, um lance incrível. Maicosuel soltou a bomba de fora da área. A bola explodiu no travessão e quicou em cima da linha. Por muito pouco, o Alvinegro não fez o primeiro gol. Depois, Juninho arriscou de longe e o goleiro Marcos Paulo defendeu firme.

O Tigres se limitava a esperar um erro do Botafogo para tentar o contra-ataque. Muito pouco. Mas, bem fechado, conseguia dificultar as jogadas alvinegras. O gol só saiu em uma jogada de bola parada. Thiaguinho sofreu uma falta na intermediária. Maicosuel surpreendeu ao rolar para Juninho enquanto os jogadores do Tigres aguardavam um cruzamento para a área. O zagueiro soltou a bomba e a bola entrou no canto direito do goleiro Marcos Paulo. A bola ainda quicou antes de entrar. Um lindo gol, o primeiro do zagueiro na temporada. Juninho não marcava há mais de um ano, desde fevereiro do ano passado. Botafogo 1 a 0.

E o Alvinegro não relaxou. E chegou ao segundo gol ainda no primeiro tempo. Victor Simões, no único momento que conseguiu se livrar da marcação, recebeu na entrada da área e chutou forte cruzado. A bola entrou no canto esquerdo de Marcos Paulo, que falhou no lance. Foi o sexto gol do artilheiro no Campeonato Carioca. Na comemoração, o atacante homenageou o ex-jogador Donizete e imitou uma pantera em campo. Foi o sexto gol de Victor Simões na competição. Ele briga pela artilharia com Bruno Meneghel, que tem oito, do Resende.

Garoto Gabriel tem estreia inesquecível

O Botafogo voltou para sonolento para o segundo tempo. E o Tigres não demorou para aproveitar. Aos dois minutos, em um rápido contra-ataque, Joelton, que havia entrado no lugar de Clayton no intervalo, tocou para Leandro Chaves na área. O atacante só teve o trabalho de tocar para o gol e descontar. O goleiro Renan já estava vendido no lance.

O Tigres chegava com perigo nas costas de Alessandro, pelo lado direito da defesa do Botafogo. Aos dez minutos, Leandro Chaves cruzou na medida para Joelton, que cabeceou para fora.

Para tentar resolver o problema, o técnico Ney Franco mandou o volante Fahel colar em Leandro Chaves, o principal jogador do Tigres na partida. Deu certo. E o Botafogo voltou a dominar a partida. Aos 21 minutos, Maicosuel tocou para Victor Simões na área. O atacante conseguiu driblar o marcador, mas chutou de esquerda por cima do gol. Uma chance incrível que desperdiçou o artilheiro. Pouco depois, Jean Carioca caiu na área. O árbitro mandou o lance seguir. Em seguida, Maicosuel arrancou e chutou rasteiro. O goleiro Marcos Paulo defendeu.

Aos 25 minutos, um pênalti não marcado a favor do Botafogo. Fahel foi puxado na área pelo zagueiro Edson. Mas o árbitro William de Souza Nery não marcou. Quatro minutos depois, Victor Simões perdeu um gol impressionante. O atacante recebeu na área e, livre à frente do goleiro, tocou fraco. Marcos Paulo caiu e defendeu firme.

Para tentar o empate, o técnico João Costa resolveu colocar o veterano artilheiro Sorato, de 39 anos, em campo. Mas a bola não chegava. O Botafogo, então, conseguiu ampliar com o jovem Gabriel, de 20 anos. O lateral-esquerdo, que entrou no lugar de Thiaguinho e disputava a primeira partida como profissional, soltou uma bomba na entrada da área. A bola entrou no canto esquerdo do goleiro Marcos Paulo, que nada poderia fazer no lance. Era o terceiro gol alvinegro. E uma estreia inesquecível para Gabriel.

O Tigres ainda conseguiu mais um gol nos acréscimos. Sorato recebeu na área e chutou rasteiro no canto esquerdo de Renan. No final, Botafogo 3 a 2.

Ficha técnica:

TIGRES 2 x 3 BOTAFOGO
Marcos Paulo, Oziel, Pedrão, Zé Carlos e Edson; Marquinhos, Jaílson, Denis (Sorato) e Clayton (Joelton); Leandro Chaves (André Bocão) e Gilcimar Renan, Juninho, Emerson (Batista) e Leandro Guerreiro; Alessandro, Fahel, Léo Silva, Maicosuel e Thiaguinho (Gabriel); Jean Carioca e Víctor Simões (Diego).
Técnico: João C. Costa. Técnico: Ney Franco.
Gols: Juninho aos 38 minutos e Victor Simões aos 45 minutos do primeiro tempo; Leandro Chaves aos 2 minutos e gabriel aos 42 minutos; Sorato aos 45 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Edson, Clayton, Joelton (Tigres);
Estádio: Los Larios, em Xerém

Data: 08/03/2009.

Árbitro: William Marcelo de Souza Nery.

Auxiliares: Marcos Tadeu Peniche Nunes e José Ronaldo Braga.

Público: 1.905 pagantes

março 8, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , , , , | 2 Comentários