Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Portuguesa x Vasco: clássico na Série B

Times se enfrentam por posições no G4

LANCEPRESS!

Este sábado é dia de festa portuguesa, com certeza. No Canindé, a Lusa recebe o Vasco, às 16h10, em jogo válido pela 17ª rodada da Série B. O Gigante da Colina busca, novamente, assumir a liderança do campeonato, o eu não foi possível com o empate diante do América-RN. Para isso, precisa vencer a Portuguesa, que vem de três derrotas seguidas, e torcer por um tropeço do Atlético-GO. A Lusa, que estreia o técnico René Simões, está na quinta colocação – com 27 pontos – e precisa de um bom resultado para tentar entrar no G4, evitando que o Vasco, com 33, se distancie.

Dorival Júnior, sempre atento aos detalhes da equipe e adotando uma política de mostrar ao time erros e acertos, para buscar o crescimento no jogo seguinte, resolveu barrar Amaral, volante que participou de 14 das 17 partidas do Vasco na competição.

– Tudo é uma situação momentânea. Ele vinha fazendo boas partidas e passava segurança. Nesses últimos três jogos é natural
que tenha dado uma caída. Optei por uma mexida, mas isso nao muda nada, ele continua importante e vai buscar uma nova oportunidade – disse.

Com a ausência de Amaral, Mateus entra no time e joga na lateral-direita. Com a mudança, Alex Teixeira volta à sua posição de origem. Sem contar o desfalque de Aloísio, que foi liberado devido à morte do irmão.

– O Alex está vivendo um grande momento e não posso perdê-lo do meio para frente. Ele jogando como ala é diferente. Se ele vive esse grande momento eu prefiro mantê-lo na frente – explicou o treinador.

Após o treinamento desta sexta-feira, pela manhã, no CT do Palmeiras, Dorival Júnior ressaltou os seus conceitos quanto ao encaminhamento do trabalho à frente do Vasco. Enfrentando muitas lesões e suspensões, o treinador vem mexendo constantemente na equipe, para encontrar a formação ideal para cada jogo. Perguntado se alguém tem vaga garantida, ele foi taxativo.

– Não. Tenho tentado mostrar isso desde o começo do ano. Cada um que brigue pelo seu espaço. Eu acho que é uma necessidade estar sempre alterandoe convivendo com lesões também. Isso é um fato natural. Tem que estar sempre preparado para eventualidades. Mas o grupo é bom, está sempre reforçado pelo crescimento individual de cada atleta. O momento vai definir a melhor formação. Os jogadores se escalam em campo – disse.

Um dia após comemorar o seu aniversário de 89 anos, a Lusa conta com o novo técnico para entrar de vez no G4. No ataque, René ainda não contará com o centroavante Christian, que só deve retornar na próxima rodada, porém Kempes deve estar disponível, após se recuperar de dores musculares na coxa esquerda.

– Eu não sinto mais nenhuma dor e estou bastante confiante. Se o professor René (Simões) me escolher vou fazer de tudo para aproveitar a oportunidade. Será um jogo difícil, mas precisamos da vitória – avisou o centroavante.

Outro que deve retornar à equipe é Preto, que cumpriu suspensão automática. Se por um lado a Lusa conta com o retorno do volante, por outro não terá o lateral direito César Prates, suspenso pelo terceiro amarelo. Em seu lugar, Fernandinho e Simão disputam a posição.

Marco Antônio, com dores na coxa esquerda, é dúvida para o confronto desde sábado.

FICHA TÉCNICA
PORTUGUESA X VASCO

Estádio: Canindé, São Paulo (SP)
Data/hora: 15/8/2009 – 16h10 (horário de Brasília)
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Auxiliares: Cristhian Passos Sorence (GO) e João Patrício de Araújo (GO)

PORTUGUESA: Fábio; Bruno Rodrigo, Thiago Gomes e Guilherme; Simão, Ygor, Acleisson, Héverton e Anderson Paim, Edno e Dinei (Kempes). Técnico: René Simões.

VASCO: Fernando Prass, Mateus, Vilson, Gian e Ernani; Nilton, Souza, Enrico e Carlos Alberto; Alex Teixeira e Elton Técnico: Dorival Júnior.

agosto 14, 2009 Posted by | Portuguesa, Vasco da Gama | , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário