Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Proximidade da estreia de Ronaldo agrada Túlio e ‘assombra’ Souza

Fenômeno deve estrear com a camisa do Corinthians nas próximas rodadas. Melhor para o Timão e pior para o camisa 50, em má fase

Agência/Estado Agência/Estado

Mano conversa com Souza e Ronaldo em treino da semana passada no Parque Ecológico

Não é só Ronaldo que quer ver o fim da ansiedade em torno da sua estreia com a camisa do Corinthians. Outros jogadores do elenco alvinegro também contam as horas para ver o craque em campo. Quase 100% recuperado fisicamente, o camisa 9 está em reta final de recuperação e pode aparecer como titular nas próximas rodadas.

Nesta segunda-feira, o Fenômeno treinou no Parque Ecológico ao lado dos reservas que não enfrentaram a Portuguesa, no último sábado. Os titulares ficaram no Parque São Jorge fazendo manutenção física.

– A gente fica feliz (com a proximidade da estreia), porque sabe o quanto o Ronaldo pode ajudar o Corinthians. E também para acabar com toda essa ansiedade em cima dele. Para nós, é muito importante – comentou o volante Túlio.

A iminente entrada de Ronaldo no time deve deixar apenas um jogador preocupado: o atacante Souza. Titular em todos os jogos do Corinthians na temporada, o camisa 50 não está bem e também não caiu nas graças do torcedor, que no último sábado, no empate por 1 a 1 com a Lusa, gritou o nome do ex-xodó Herrera, agora no Grêmio.

– O Souza sabe que no futebol, principalmente na posição dele, o jogador um dia é vilão e no outro é herói. Ele tem de continuar trabalhando porque uma hora ou outra a bola vai começar a entrar – opinou o ex-botafoguense.

Desde o começo da temporada, quando questionado sobre a escalação do Timão com Ronaldo, Mano Menezes deixou claro que com o craque 100% sobraria a reserva para Souza. O rendimento do atacante, aliás, tem ajudado na decisão.

O técnico alvinegro, porém, saiu em defesa do jogador no último sábado, quando novamente ele perdeu muitos gols.

– O Souza não fez um mau jogo contra a Portuguesa, mas foi cobrado com veemência pela torcida. Ele precisa aprender a conviver com essa situação, pois ouvimos o nome do Herrera vindo da arquibancada porque ele foi um ídolo da torcida. Isso é natural no futebol – falou o comandante.

A próxima chance para Souza desencantar (ele fez apenas um gol, de pênalti, na goleada sobre o Oeste) será na próxima quarta-feira, contra o Mogi Mirim, no estádio do Pacaembu, pela sétima rodada do Campeonato Paulista.

fevereiro 9, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , | Deixe um comentário