Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Astorga retribui confiança de Mancini

Defensor posa de pé-quente ao lembrar que, nos últimos dois jogos em que atuou, o Peixe saiu vencedor de campo

Ampliar Foto Adilson Barros/GLOBOESPORTE.COM Adilson Barros/GLOBOESPORTE.COM

André Astorga exalta qualidades de Mancini

Depois do treinamento desta segunda-feira, no CT Rei Pelé, o zagueiro André Astorga fez questão de se dirigir ao técnico Vagner Mancini para agradecer a confiança que vem recebendo do treinador. O defensor atuou nas duas últimas partidas do Santos- no empate por 0 a 0 contra o CSA-AL, pela Copa do Brasil, e na vitória por 2 a 1 sobre o Palmeiras, pelo Campeonato Paulista.

– Agradeço ao Mancini por ter acreditado em mim. Ele sempre foi transparente e, por isso, conquistou a confiança de todos. Temos muito a crescer juntos – afirmou o defensor, em entrevista ao site oficial do Santos.

André Astorga ressaltou que ficou muito feliz em poder ajudar o Peixe no triunfo do último sábado.

– Para mim, foi muito gratificante poder colaborar com os meus companheiros e, ainda mais, por termos conseguido sair com a vitória contra o Palmeiras, que é uma grande equipe – lembrou.

Além disso, o zagueiro declarou que seguirá trabalhando forte.

– Para mim, cada dia é uma nova etapa. Esperei com paciência para ter uma chance. Fico muito feliz por ter correspondido e ajudar com garra e determinação – disse.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

abril 14, 2009 Posted by | Santos | , , , , , , | Deixe um comentário

Palmeiras empata e não se garante na semi

Resultado de 1 a 1 com o Guará não dá classificação antecipada ao Verdão

Diego Souza briga, mas Verdão apenas empata com o Guará. (Foto: Eduardo Viana)Diego Souza briga, mas Verdão apenas empata com o Guará. (Foto: Eduardo Viana)

Palmeiras sofreu, empatou com o Guaratinguetá fora de casa e ainda não garantiu a classificação para a semifinal do Paulista. Com 37 pontos, o Verdão pode ver a vantagem para o segundo colocado diminuir, caso o Corinthians derrote o Santos no domingo.

Sem seu ataque titular (Keirrison e Willians suspensos) e Cleiton Xavier em um dia apagado , o Palmeiras teve dificuldades para chegar ao gol de Fernando na primeira etapa. A equipe de Vanderlei Luxemburgo insistiu demais com as jogadas pelo meio e foi facilmente neutralizada pelo Guará.

Por sua vez, O Guaratinguetá, com apenas um atacante de ofício, Wellington Amorim, fez bem seu papel no primeiro tempo. Jogou de forma cautelosa e, nas poucas vezes que chegou ao gol de Bruno, levou perigo. Nenê e Wellington Amorim ameaçaram com chutes da entrada da área.

E foi através da dupla que saiu o gol do Guaratinguetá. Aos 42 minutos, Nenê avançou pela direita e cruzou rasteiro. Bruno saiu mal do gol e a bola sobrou limpa para o camisa 9 concluir.

Ao sair de campo, Bruno comentou sobre uma possível falha no gol:

– Eu não falhei. A bola passou por baixo da perna do Danilo e bateu na ponta do meu dedo. Infelizmente sobrou para o Wellington Amorim marcar.

Luxemburgo mexeu na equipe no vestiário. Daniel e Marquinhos entraram nos lugares de Sandro Silva e Lenny. As mudanças deixaram o Verdão mais ofensivo. Diego Souza, em tabela com Ortigoza, quase abriu o placar.

O paraguaio, que foi decisivo em sua partida de estreia como titular, aos 10 minutos, recebeu de Armero na área, girou bem e foi puxado por Edson Rocha. Pênalti para o Palmeiras. Diego Souza bateu forte no meio do gol e empatou a partida.

Em outra jogada da dupla, poucos minutos depois, o camisa 30 ganhou na força do zagueiro e cruzou rasteiro. Diego, sozinho, furou e perdeu a chance de marcar.

Mas não foi só o Palmeiras que perdeu gols. Em lance incrível, Wellington Amorim tentou de letra, mas Bruno defendeu, no rebote Gil bateu para outra defesa do goleiro. Magal também arriscou, desta vez Wendel tirou em cima da linha.

O Palmeiras se fechou demais na metade final da segunda etapa e pouco atacou. O Guará tentou, mas não teve forças para garantir a vitória.

Com o resultado, o Verdão chega a 37 pontos, disparado na liderança. O Guará assume a 15ª posição, com 15 pontos.

FICHA TÉCNICA

GUARATINGUETÁ 1 X 1 PALMEIRAS

Estádio: Prof. Dario Rodrigues Leite , em Guaratinguetá (SP)
Data/hora: 21/03/2009 – 19h10 (Brasília)
Árbitro: Vinicius Furlan
Auxiliares: Flavio Alexandre Silveira e Alberto Poletto Masseira
Cartões amarelos: Thiago Saletti, Edson Rocha e Nenê (GUA); Wendel e Danilo (PAL)
Gols: Wellingtom Amorim, 42’/1ºT (1-0); Diego Souza, 10’/2ºT (1-1)

GUARATINGUETÁ: Fernando; Ivo, Nino, Edson Rocha (Rocha, 34’/2ºT) e Thiago Saletti (Jamur, 34’/2ºT); Careca, Alê, Magal, Nenê e Gil; Wellington Amorim. Técnico: Márcio Araújo.

PALMEIRAS: Bruno, Wendel (Evandro,27’/2ºT), Maurício Ramos, Danilo e Armero; Pierre, Sandro Silva (Marquinhos / intervalo), Cleiton Xavier e Diego Souza; Lenny (Daniel / intervalo) e Ortigoza. Técnico: Vanderlei Luxemburgo

março 19, 2009 Posted by | Palmeiras | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Frustrado por não estrear, Eduardo Costa aguarda chance diante do Mirassol

O são-paulino esperava ser utilizado durante o duelo com o Mogi Mirim, mas resultado da partida adiou o momento tão esperado pelo atleta

Ampliar Foto Agência/Diário de São Paulo Agência/Diário de São Paulo

Eduardo Costa está ansioso para estrear com a camisa do São Paulo

O volante Eduardo Costa, contrato no início de 2009, esperava estrear, finalmente, no São Paulo no último domingo na partida contra o Mogi Mirim. Porém, a oportunidade acabou por não acontecer. O atleta, que ficou afastado por causa de uma lesão no joelho direito, confessou a decepção em não entrar, mas espera ser utilizado no jogo desta quinta-feira contra o Mirassol, pelo Campeonato Paulista.
– Seria meu primeiro jogo defendendo o Tricolor, mas infelizmente não deu. É normal porque eu criei uma expectativa e fiquei um pouco frustrado com a situação. Espero poder estrear na próxima partida nesta semana.

Para o meio-campista, o que importa neste momento é adquirir ritmo de jogo e, assim, ficar à disposição do técnico Muricy Ramalho. Eduardo Costa afirmou que está desacostumado com o banco de reservas, já que nunca havia sofrido uma lesão séria e na maioria dos times onde passou começava como titular.

– Fiquei muito tempo parado e agora tenho que ir com calma, cada coisa no seu tempo. Meu objetivo é voltar a ter meu ritmo de acordo com os jogos. É uma situação nova para mim, estava acostumado a iniciar a partida, mas quando o Muricy me colocar vou entrar com a maior felicidade do mundo.
O horário de alguns confrontos não tem agradado aos torcedores, que tem mantido baixa média de público nos jogos à noite. Atuar com o estádio cheio ou vazio, não faz diferença, de acordo com Eduardo Costa. O fundamental é focar no trabalho e continuar a recuperação.
– O que vai me dar 100% de condições é ir atuando em cada jogo. Apesar de dar um ânimo a mais, não posso pensar em atuar diante torcida ou com poucas pessoas, eu tenho é que fazer meu papel para ajudar o São Paulo.

março 9, 2009 Posted by | São Paulo | , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Torcida aposta que Ronaldo será titular contra o São Caetano

Galera diz que gol contra o Palmeiras é só o início e que o Fenômeno vai marcar o seu nome na história do clube de Parque São Jorge

Ampliar Foto Marcelo Prado/GLOBOESPORTE.COM Marcelo Prado/GLOBOESPORTE.COM

Torcida espera mais um show de Ronaldo

A torcida do Corinthians já faz a contagem regressiva. Afinal, a partida da próxima quarta-feira, contra o São Caetano, às 21h50min, pelo Campeonato Paulista , marcará a estreia de Ronaldo no estádio do Pacaembu, diante da massa alvinegra. Na manhã desta segunda-feira, a procura por um ingresso já foi muito grande nas bilheterias do Parque São Jorge.

O otimismo é geral. Todos acreditam que o camisa 9 vai brilhar muito mais e que já será titular no meio de semana.

O bancário Paulo Henrique Cerqueira, de 28 anos, disse que Ronaldo foi muito bem.

– Ele vai melhorar cada vez mais. É claro que ainda precisa perder um pouco de peso e melhorar sua forma. Mas, cada vez que pegou na bola, levou perigo. É diferenciado. Contra o São Caetano, tomara que ele marque de novo.

O auxiliar de expedição Herbert dos Santos, de 27 anos, ainda estava empolgado com o show dado pelo Fenômeno em Presidente Prudente.

– Foi fantástico. O Ronaldo é diferenciado e mostra isso dentro de campo. Acredito que ele será titular na quarta-feira e já poderá jogar os 90 minutos. Por tudo que ele faz, as pessoas têm de esquecer o que ele faz fora de campo. Isso não interessa – afirmou o torcedor, que segurava uma camisa roxa do Timão com o número 99, usado pelo Fenômeno na época em que ele defendeu as cores do Milan.

Ampliar Foto Marcelo Prado/GLOBOESPORTE.COM Marcelo Prado/GLOBOESPORTE.COM

Herbert estará no Pacaembu na quarta

– Eu sempre fui fã do Ronaldo. Quando ele foi para o Milan, encomendei a minha camisa roxa do Corinthians. E, como a gente pode escolher o número e o nome, mandei colocar o número 99 em homenagem a ele – contou.
Já o piloto Pedro Elias acredita que Ronaldo ainda poderá ser o artilheiro do Campeonato Paulista.

– O nível aqui é muito ruim. E ele, mesmo fora de forma, é muito bom, fora de série. Agora que marcou o primeiro gol, não vai parar mais. O Ronaldo será o herói do título corintiano no Campeonato Paulista.

março 9, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , | Deixe um comentário

R9 e K9 são as apostas para Palmeiras e Timão

Boa fase e ídolos podem fazer o jogo no interior paulista ser histórico

LANCEPRESS!

O líder Palmeiras, do goleador Keirrison e das estratégias de Luxemburgo enfrenta o Corinthians, do ídolo Ronaldo, invicto no ano e motivado pela estreia fenomenal. Ingredientes não faltam para o torcedor esperar um grande jogo neste domingo, em Presidente Prudente, pelo Campeonato Paulista.

O Timão também tem mistério para a partida. No treino desta sexta-feira, o técnico Mano Menezes promoveu uma série de mudanças entre um tempo e outro do coletivo. No primeiro, Escudero entrou no lugar de Dentinho, formando a equipe com três zagueiros. Foi a única alteração em relação à vitória sobre o Itumbiara.

Mas na segunda parte, Souza, Jorge Henrique e Fabinho foram sacados para a entrada de Ronaldo, Dentinho e Alessandro. Escudero foi deslocado para a ala esquerda e André Santos para o meio de campo. As mudanças podem fazer o Fenômeno ser titular. No entanto, o treinador garantiu que Ronaldo será reserva, mas vai entrar no jogo.

No Palmeiras, o momento também é positivo, mas ameaçado pela má fase na Copa Libertadores. Uma vitória no clássico poderia dar ânimo novo e o zagueiro Edmílson está ciente disso.

– Não podemos perder esse clima positivo que existe entre nós. Além da parte interna, temos um time forte dentro de campo. Nossa auto-estima não pode ir lá para baixo por causa de uma derrota – afirmou o zagueiro.

O retrospecto pode ser animador ao Verdão, já que nunca perdeu um clássico disputado em Presidente Prudente.

Porém, o Palmeiras ainda não contará com o retorno de Marcos. O goleiro ainda se recupera de lesão muscular na coxa direita e desfalca mais uma vez a equipe. A boa notícia é a liberação do atacante Keirrison e do meia Willians, que se machucaram no jogo de terça-feira e eram dúvidas.

FICHA TÉCNICA:
PALMEIRAS X CORINTHIANS

Estádio: Estádio Eduardo José Farah, Presidente Prudente (SP)
Data/hora: 08/03/2009 – 16h (de Brasília)
Árbitro: Cleber Wellington Abade (SP)
Auxiliares: Carlos Augusto Nogueira (SP) e Nilson de Souza (SP)

PALMEIRAS: Bruno, Maurício Ramos, Edmílson e Danilo; Fabinho Capixaba, Pierre, Jumar, Cleiton Xavier, Diego Souza e Armero (Marcão); Keirrison. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

CORINTHIANS: Felipe, Chicão, William e Escudero; Alessandro, Cristian, Elias, Douglas e André Santos; Jorge Henrique (Dentinho) e Souza. Técnico: Mano Menezes

março 7, 2009 Posted by | Corinthians, Palmeiras | , , , , , , , , | 1 Comentário

Marcos faz tratamento intensivo para tentar enfrentar o Colo Colo

Goleiro fará trabalhos de fisioterapia na tarde desta segunda-feira

Ampliar Foto Agência/AP Agência/AP

Marcos jogou a partida contra a LDU, em Quito

Única dúvida do técnico Vanderlei Luxemburgo para a partida desta terça-feira, diante do Colo Colo, pela Taça Libertadores, no Palestra Itália, o goleiro Marcos será submetido a um trabalho intensivo de fisioterapia para ter condições de atuar contra os chilenos. O camisa 12 do Palmeiras tem um edema na parte posterior da coxa direita, apresentado depois de sofrer uma pancada na partida do último sábado, contra o Guarani, pelo Campeonato Paulista.

– Ele está bem melhor. Está concentrado com o grupo, vai para o treino desta tarde e será novamente avaliado pelo Otávio (Vilhena, médico do clube). Não participará dos treinos com bola e só ficará na fisioterapia – comentou o médico Vinícius Martins.

Caso não possa atuar, Marcos será substituído por Bruno, que já fez a sua estreia na Taça Libertadores – enfrentou o Real Potosí, na Bolívia, no jogo de volta pela primeira fase da competição.

março 2, 2009 Posted by | Palmeiras | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Na Bolívia, elenco se reúne por consolidação da vaga na Libertadores

Segundo grupo de jogadores do Verdão já está em Santa Cruz de la Sierra e parte nesta terça para Sucre, onde os titulares já treinam

Divulgação/Assessoria de Imprensa do Palmeiras

Edmílson dá entrevista após o treino

Com o segundo grupo de jogadores que permaneceu no Brasil para o confronto com a Ponte Preta, domingo, pelo Campeonato Paulista, o Palmeiras se reúne novamente. Os atletas que acompanham o técnico Vanderlei Luxemburgo em Santa Cruz de la Sierra partem na manhã desta terça-feira para Sucre, onde a equipe se concentra até o dia da partida de volta da pré-Libertadores contra o Real Potosí.

A viagem terá duração de aproximadamente 35 minutos, em um voo fretado pelo clube paulistano. Depois de almoçarem, os jogadores terão um treino no período da tarde, acompanhados de Luxemburgo e do preparador físico Antonio Mello, que está com os atletas titulares na Bolívia desde a última sexta-feira.

Depois de ter vencido a Ponte Preta pelo Paulistão e terem retomado a primeira posição da competição, os jogadores se sentem mais sossegados para a nova ‘decisão’ pela Taça Libertadores.

– Dá para viajar tranquilo porque voltamos a ser os líderes. Agora falta a gente se firmar na Libertadores – avisou o zagueiro Danilo.

Com o 5 a 1 na primeira partida, no Palestra Itália, o Palmeiras pode perder por até 3 a 0 que ainda se garante na fase de grupos da competição continental.

fevereiro 3, 2009 Posted by | Palmeiras | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário