Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Flamengo vence outra no fim e se classifica

Rubro-Negro derrota o Macaé por 2 a 1 e está na semifinal da Taça GB

Zé Roberto tenta sair da marcaçãoZé Roberto tenta sair da marcação (Crédito: Julio Cesar Guimarães)

O Flamengo enfrentou o Macaé neste sábado, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda e garantiu a sua classificação para a semifinal da Taça Guanabara com duas rodadas de antecipação ao vencer por 2 a 1, com o gol da vitória no finzinho, marcado por Zé Roberto. O próximo confronto do Rubro-Negro será no Maracanã, contra o Boavista. O Macaé vai visitar o Mesquita.

Assista aos gols da partida!

Com o resultado, o Flamengo chegou a 15 pontos e ampliou a liderança do Grupo B. O Macaé se manteve com sete e diminuiu bem as suas chances de avançar à próxima fase do primeiro turno.

Antes do início do jogo, o lateral-direito Leonardo Moura foi homenageado pela diretoria rubro-negra com uma camisa do Flamengo com o número 200, em alusão à quantidade de jogos que ele completou pelo clube na última quarta-feira.

Os quase 40ºC de temperatura fizeram com que o início da partida fosse disputado em marcha lenta. Os ataques pouco criavam e as defesas levavam a melhor na maioria das jogadas. O primeiro lance de perigo foi aliviado pela zaga do Macaé. Léo Moura aproveitou cruzamento de Everton e finalizou em cima de um adversário.

Ciente de que tinha espaços para jogar, o Macaé não se intimidou e deu muito trabalho com os atacantes Roma e Jackson, ambos com passagem pela Gávea. Em uma dessas jogadas de contra-ataque, Jackson recebeu livre na área e, quando ia bater, foi travado por Willians, que se recuperou de forma brilhante.

O Macaé assustou mais uma vez em um belo chute de André Gomes de fora da área. Bruno fez excelente intervenção. No lance seguinte, o Flamengo respondeu numa linda tabela entre Obina e Ibson. O primeiro fez o gol, mas a jogada foi anulada por impedimento do segundo.

Quando menos se esperava, o Flamengo abriu o placar numa bola parada. Zé Roberto foi derrubado pertinho da área. A torcida pediu o goleiro Bruno, mas quem cobrou foi Marcelinho Paraíba, e com maestria, sem defesa para Darci.

Nem a desvantagem no marcador brecou o ímpeto do Macaé, que não demorou a chegar ao empate. Roma tocou para Jackson, que foi derrubado na área por Willians, desnecessariamente. Wallacer cobrou com categoria e o placar ficou 1 a 1.

No último lance do primeiro tempo, um grande erro do árbitro Wagner dos Santos Rosa. Wallacer fez um lindo lançamento para Jackson, mas o juiz encerrou a etapa inicial de maneira precipitada, já que o jogador do Macaé tinha plenas condições de seguir a jogada e fazer o gol.

Sem nenhuma alteração para a segunda etapa, o Flamengo quase sofreu a virada antes do primeiro minuto. Bruno deu bobeira numa bola recuada e a entregou nos pés de Roma. No entanto, o atacante demorou a chutar e Bruno se recuperou no lance.

Na intenção de mudar a dinâmica do meio-de-campo da equipe, o técnico Cuca colocou Jônatas no lugar de Marcelinho Paraíba. Na primeira jogada do volante, logo uma ocasião de perigo. Depois de tabela com Obina, Jônatas chutou rasteiro, mas Darci praticou a defesa.

O Flamengo por pouco não desempatou o jogo em sua jogada de maior coletividade de partida. Jônatas tabelou com Josiel e tocou para Obina. O baiano ajeitou para Ibson, que, de canhota, mandou por cima do gol.

A equipe norte-fluminense voltou a ameaçar numa cobrança de falta, que Gláuber obrigou Bruno a fazer boa defesa. Como última mudança do Flamengo, Cuca tirou Obina, que havia acabado de perder gol incrível, e colocou o argentino Maxi.

Sem muita inspiração, o Flamengo dependia das jogadas de bola parada para assustar. Numa delas, Josiel aproveitou cobrança de escanteio feita por Jônatas e deu linda cabeçada. Darci fez a defesa mais bonita do jogo.

Quando o empate parecia certo, o Flamengo achou o gol do desempate. Fábio Luciano cruzou da direita e encontrou Zé Roberto, que numa bela cabeçada fez o segundo gol rubro-negro.

A um minuto do fim, o goleiro Bruno teve excelente oportunidade numa falta, mas cobrou para fora. Nada que mudasse o humor da torcida rubro-negra, que comemorou a classificação antecipada com cinco vitórias em cinco partidas.
FICHA TÉCNICA:
MACAÉ 1 X 2 FLAMENGO

Estádio: Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)
Data/hora: 07/02/2009 – 18h15 (de Brasília)
Árbitro: Wagner dos Santos Rosa
Assistentes: Jackson Lourenço Massara dos Santos (RJ) e Rodrigo Pereira Joia

RENDA/PÚBLICO: R$ 101.940,00 / 7.817 pagantes

Cartões amarelos: Bill, Léo Gonçalves, Roma (MAC); Ibson, Marcelinho Paraíba, Ronaldo Angelim, Willians (FLA)
Cartões vermelhos: Não houve

GOLS: Marcelinho Paraíba, 31’/1ºT (0-1); Wallacer, 40’/1ºT (1-1); Zé Roberto, 41’/2ºT (1-2).

MACAÉ: Darci, Chiquinho, Octávio, Vinícius e Bill; Marciel, André Gomes (Gláuber, 26’/2ºT), Léo Gonçalves, Wallacer; Jackson e Roma (Sylvestre, 38’/2ºT). Técnico: Dário Lourenço.

FLAMENGO: Bruno, Aírton, Fábio Luciano e Ronaldo Angelim; Leonardo Moura, Willians, Ibson, Marcelinho Paraíba (Jônatas,

11’/2ºT) e Everton (Josiel, 17’/2ºT); Zé Roberto e Obina (Maxi, 29’/2ºT). Técnico: Cuca.

fevereiro 9, 2009 Posted by | Flamengo | , , , , , , , , | Deixe um comentário