Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Vasco vence e espera decisão do TJD-RJ

Em ritmo de treino, time vascaíno passa pelo Tricolor Suburbano

Carlos Alberto marcou, de pênalti, o primeiro gol do Vasco na vitória sobre o MadureiraCarlos Alberto marcou, de pênalti, o primeiro gol do Vasco na vitória sobre o Madureira (Crédito: Paulo Sérgio)

LANCEPRESS!

O Vasco entrou em campo contra o Madureira neste domingo, no Engenhão, sob a ordem de manter o pensamento somente no jogo, esquecendo a sua confusa situação extracampo. Sem muito entusiasmo e diante de poucos torcedores, a equipe vascaína venceu por 3 a 0 na última rodada do Grupo A da Taça Guanabara.

Com o resultado, os oponentes torcaram de posição. O time vascaíno foi a oito pontos, em sexto lugar, enquanto o Tricolor Suburbano permaneceu com sete, agora penúltimo – e ambos fora da semifinal.

Porém, na terça-feira, o Pleno do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ) julga o recurso do clube cruzmaltino contra a perda de seis pontos. Se os recuperar, passará a ter 14 pontos, o que garante a liderança do grupo e um lugar na fase decisiva do turno.

O primeiro tempo foi disputado em ritmo de treino, com duas equipes sem nenhuma inspiração. O Vasco dominou a etapa, buscou especialmente as jogadas pelas laterais, mas esbarrou na pouca criatividade de seus homens de frente. Por sua vez, o Madureira não deu trabalho a Tiago.

Porém, aos 27 minutos, Paulo Sérgio fez cruzamento pela direita e a bola bateu no braço de Daniel. O meia Carlos Alberto fez boa cobrança no minuto seguinte e abriu o placar.

O Tricolor Suburbano voltou para a etapa final no ataque e acertou a trave adversária em um bonito chute de Abedi aos três minutos. Porém, a equipe vascaína retomou o controle das ações e, sem esforço, ampliou a vantagem: Jéferson fez o seu aos 17 minutos e Élton aos 40 minutos – os dois marcaram seus primeiros gols pelo clube.

O Madureira volta a campo no dia 28 de fevereiro, em Edson Passos (RJ), contra o Bangu, na abertura da Taça Rio. Já o Vasco enfrenta, na quarta-feira, o Flamengo (PI), em Teresina (PI), em sua estreia na Copa do Brasil. No Carioca, recebe o Friburguense, em São Januário, dia 1º de março, pelo segundo turno.

FICHA TÉCNICA:
MADUREIRA 0 X 3 VASCO

Estádio: Olímpico João Havelange (Engenhão), Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 15/2/2009 – 16h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Noel Laranja (RJ)
Auxiliares: Jackson Lourenço Massarra dos Santos (RJ) e João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ)
Renda/público: R$ 87.161,00 / 5.113 pagantes
Cartões amarelos: Ricardo, Junior Amorim, Daniel e Bruno (MAD); Nilton, Paulo Sérgio, Titi (VAS)
Cartões vermelhos: Bruno, 12’/2ºT (MAD)

GOLS: Carlos Alberto, 28’/1ºT; Jéferson, 17’/2ºT; Élton, 40’/2ºT.

MADUREIRA: Renan, Claudemir, Eduardo Luiz, Ricardo e Daniel (Adão, 23’/2ºT); Victor Silva (Neto, intervalo), Bruno, Abedi e Adriano Felicio; Júnior Amorim (Jones, 18’/1ºT) e Fábio Oliveira. Técnico: Robson Gabriel.

VASCO: Tiago, Paulo Sérgio (Mateus, 20’/2ºT), Fernando, Titi e Ramon; Amaral, Nilton, Jéferson (Enrico, 32’/2ºT) e Carlos Alberto; Alex Teixeira (Élton, 13’/2ºT) e Rodrigo Pimpão. Técnico: Dorival Júnior.

fevereiro 15, 2009 Posted by | Vasco da Gama | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Após perda de pontos, Vasco pega o Madureira sem saber se vai às semifinais

Resultado no Engenhão não garante time da Colina na próxima fase da Taça GB. Julgamento vai ser na próxima terça-feira

Ampliar Foto Agência/FOTOCOM.NET Agência/FOTOCOM.NET

Jéferson está confirmado no time titular que vai encarar o Madureira, neste domingo

O Vasco entra em campo neste domingo, às 16h, com um antigo ditado na cabeça. Como diz a cultura popular, o time da Colina vai encarar o Madureira, no Engenhão, pela última rodada da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca, com “um olho no padre e o outro na missa”. Em outras palavras, a equipe precisa de um resultado positivo diante do Tricolor suburbano e de uma vitória no Tribunal de Justiça Desportiva, na próxima quinta-feira, para ficar com uma das vagas nas semifinais do torneio.

Na última quinta-feira, o Vasco perdeu seis pontos no julgamento realizado no TJD. Os auditores do tribunal consideraram irregular a escalação do meia Jéferson na estreia do time no Carioca, contra o Americano, no dia 24 de janeiro. O departamento jurídico do time de São Januário alega que conseguiu uma liminar para ter o atleta em campo. Acompanhe o confronto ao vivo pelo Premiere e em Tempo Real pelo GLOBOESPORTE.COM.

Alex Teixeira e Titi voltam ao time titular de Dorival Júnior

O técnico Dorival Júnior vai poder escalar a equipe considerada ideal no confronto da sétima rodada da Taça GB. O treinador poderá escalar o zagueiro Titi e o meia-atacante Alex Teixeira, que cumpriram suspensão na partida diante do Cabofriense, na última quarta-feira. Para o retorno dos atletas, o comandante cruzmaltino vai sacar Vilson e Elton.

Apesar da perda de seis pontos no julgamento da última quinta-feira, a comissão técnica vascaína está fazendo um trabalho para conscientizar os jogadores de que nada está perdido. Dorival confirmou que vai se esforçar para colocar na cabeça do grupo que o Vasco entra em campo com 11 pontos na tabela de classificação do Grupo A. Segundo o comandante cruzmaltino, o time está focado no confronto diante do Madureira.

– Você observa o semblante de quase todos e eles estão bem. A maioria está focada no melhor rendimento, no resultado de domingo, nada mais. O Vasco vai buscar a vaga no campo, não no tapete – afirmou o treinador vascaíno.

Além da perda de pontos, o clube ainda vive uma ebulição política. Na última semana, o vice de marketing José Henrique Coelho acusou a diretoria comandada por Roberto Dinamite de não ter capacidade para gerir o clube e acusou alguns correligionário de fazer caixa dois. Mesmo distante da briga, Dorival acompanhou o momento em que o seu nome foi envolvido na discussão, já que os valores de seus vencimentos foram revelados pelo ex-cartola. Mesmo assim, ele diz que vai seguir com o seu trabalho.

– Vou seguir fazendo o meu trabalho da mesma maneira. No caso dos jogadores, eles precisam focar o trabalho, pensar dentro de campo. A maioria dos atletas está focado em fazer a melhor partida possível – disse Dorival.

Tricolor suburbano ainda sonha com uma vaga na semifinal

O Madureira, com sete pontos, está em sexto lugar. O time também ganhou uma sobrevida com a perda dos pontos do rival deste domingo. Porém, a situação é a mais complicada. O Tricolor suburbano precisa vencer a equipe da Colina, além de torcer por empates nos jogos Cabofriense x Duque de Caxias e Fluminense x Tigres.

Curiosamente, o Madureira conta com dois ex-vascaínos na partida deste domingo. O lateral-direito Claudemir, revelado nas categorias de base de São Januário, e o meia Abedi, que teve o seu melhor momento na carreira defendendo as cores do time cruzmaltino.

MADUREIRA VASCO
Renan, Claudemir, Paulão, Ricardo e Daniel; André Paulino, Bruno, Victor Silva e Abedi; Fábio Oliveira e Júnior Amorim. Tiago, Paulo Sérgio, Fernando, Titi e Ramon; Amaral, Nilton, Jéferson e Alex Teixeira; Carlos Alberto e Rodrigo Pimpão.
Técnico: Robson Macedo. Técnico: Dorival Júnior.
Estádio: Engenhão. Data: 15/02/2009. Árbitro: Leandro Noel Laranja (RJ). Auxiliares: Jackson Lourenço Massarra dos Santos (RJ) e João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ).
Transmissão: O Premiere exibe a partida.
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partir de 15h30m (de Brasília).

fevereiro 14, 2009 Posted by | Vasco da Gama | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Nilton Santos será homenageado no domingo

Esposa do ídolo alvinegro receberá camisa antes do jogo contra o Bangu

Nilton Santos é um dos maiores icones da História do BotafogoNilton Santos é um dos maiores ícones da História do Botafogo

A exemplo de Leandro Guerreiro, que ganhou camisa comemorativa alusiva aos cem jogos pelo clube, o craque Nilton Santos será homenageado pela diretoria do Botafogo. Antes da partida contra o Bangu, domingo, no Engenhão, Dona Célia, esposa do ídolo, entrará em campo para receber das mãos do presidente Maurício Assumpção uma camisa que será lançada.

A intenção da gestão alvinegra é reverter os lucros da comercialização da vestimenta para o custeio do tratamento da doença do ex-jogador, de 83 anos, que sofre do Mal de Alzheimer. Por conta de sua condição, inclusive, Nilton não poderá comparecer à partida.

A camisa começará a ser vendida oficialmente na segunda-feira, mas no domingo será feita uma espécie de pré-venda, com um stand no Engenhão, que contará com 200 peças.

fevereiro 6, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Apático, Fogão sucumbe ao Voltaço: 1 a 2

De virada, Alvinegro perde invencibilidade na Taça GB em pleno Engenhão

Guerreiro luta pela posse de bola contra o atacante Zambi, do VoltaçoGuerreiro luta pela posse de bola contra o atacante Zambi, do Voltaço (Crédito: Gilvan de Souza)

A noite, definitivamente, não era alvinegra. Apesar de ter saído na frente, o Botafogo acabou derrotado pelo Volta Redonda por 2 a 1, no Engenhão, e deu adeus à invencibilidade no Campeonato Carioca. A falta de inspiração foi principal inimigo do time de Ney Franco, cujo gol foi marcado por Victor Simões. Fernando e Fabrício Carvalho viraram.

Agora, o Fogão está a três pontos do arqui-rival Flamengo, na vice-liderança do Grupo B. Já o clube aurinegro, que conquistou sua primeira vitória, pulou da sétima para a quinta posição, com quatro.

O Botafogo demorou para acordar na partida. A correria imposta pelo Volta Redonda dificultava muito a saída de bola alvinegra, algo até rotineiro nos jogos contra os pequenos. Por isso, ao apostar nos contra-ataques, a equipe do técnico Aílton, com mais espaço, criou duas boas chances para abrir o placar, com Fernando, ex-Flamengo, e depois com Bruno Barra.

No lado do time da casa, Victor Simões era o único que representava perigo para a defesa rival, mas, sozinho, tinha dificuldades para concluir. Porém, bastou Reinaldo, seu companheiro, abrir os olhos pela primeira vez, e a primeira grande jogada saiu. O camisa 7 rolou para trás e deixou Simões de frente para o gol. O atacante só teve o trabalho de deslocar o goleiro ao bater de pé direito para fazer 1 a 0.

Mal despertou, e o Alvinegro cochilou outra vez. Um minuto depois, Fernando aproveitou-se de rebatida errada da defesa, tocou na saída de Renan, que ainda abafou, mas não conseguiu evitar o empate. Vale destacar, porém, que Ricardo Luiz estava impedido no primeiro lançamento.

De pé novamente, o Botafogo tornou a ser agressivo, mas encontrou um Volta Redonda bem postado atrás e interrompendo o jogo com muitas faltas.

Ambos os times voltaram do intervalo sem alterações. Mas, antes que o time dirigido por Ney Franco pudesse se organizar, o Voltaço virou o jogo. Fabrício Carvalho bateu falta direto para o gol e, no susto, Renan foi enganado e aceitou. A desvantagem não fez nada bem para o Botafogo, que poderia ter sofrido pelo menos mais um.

Aos poucos, porém, com o recuo do adversário, o Alvinegro passou a dominar as ações. Era inexplicável apenas a razão de seguir com três defensores, uma vez que o Volta Redonda só contra-atacava com dois jogadores. De tanto imprensar, Leandro Guerreiro se tornou um meia. Mas de nada adiantava. O Botafogo não conseguia invadir a ameaçar o goleiro Edinho.

Com Jean Carioca e Eduardo nas vagas de Túlio Souza e Emerson, respectivamente, a equipe de Ney Franco ganhou em movimentação, mas errava muito. A torcida presente ao Engenhão, em pequeno número, ficou impaciente.

Nos quinze minutos finais, o Voltaço chegou a ter dez homens dentro da área. Foi o suficiente para que o Botafogo praticamente não desse mais um chute certo a gol, o que lhe valeu o fim da invencibilidade na temporada.
FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO 1 X 2 VOLTA REDONDA

Estádio: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 5/2/2009 – 21h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Noel Laranja (RJ)
Auxiliares: Wendel de Paiva Gouvea (RJ) Sérgio Waldman (RJ)
Renda/público: R$ 71.603,00 / 4.583 pagantes
Cartões amarelos: Juninho (BOT); Dedé, Wanderson, Zambi, Bruno Barra e Tiago (VOL)
Cartão vermelho: Tiago, 45’/2ºT (VOL)
GOLS: Victor Simões, 29’/1ºT (1-0); Fernando, 29’/1ºT (1-1); Fabrício Carvalho, 8’/2ºT (1-2)

BOTAFOGO: Renan; Emerson (Thiaguinho, 20’/2ºT), Juninho e Leandro Guerreiro; Alessandro, Fahel (Lucas Silva, 41’/2ºT), Túlio Souza (Jean Carioca, 12’/2ºT), Maicosuel e Thiaguinho; Reinaldo e Victor Simões – Técnico: Ney Franco.

VOLTA REDONDA: Edinho, Dedé, Júnior Baiano e Arlindo; Júlio Cezar, Fabrício Carvalho, Bruno Barra, Fernando (Tiago, 37’/2ºT), Ricardo Luiz (Leonardo, 41’/2ºT) e Wanderson; Zambi (Fernandão, 31’/2ºT) – Técnico: Aílton Ferraz

fevereiro 5, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , | Deixe um comentário

Ingressos para jogo contra o Volta Redonda estão à venda nesta terça

Bilhetes para partida desta quinta-feira começam a ser comercializados das 10h às 18h em cinco pontos do Rio de Janeiro

A partir desta terça-feira, das 10h às 18h, o torcedor do Botafogo poderá comprar ingressos para o jogo contra o Volta Redonda, que acontece nesta quinta, às 21h, no Engenhão, pela quarta rodada da Taça Guanabara. Antes do confronto principal, as duas equipes se enfrentam pelo Estadual de Juniores, a partir das 18h.

Vale lembrar que o torcedor poderá circular livremente pelos setores Norte, Sul e Leste do Engenhão, sem precisar entrar pelo portão específico de cada local. Além disso, há bilheterias dentro do edifício garagem do estádio (localizado na Rua das Oficinas), facilitando a compra de bilhetes para aqueles que forem de carro e optarem por parar seus veículos neste local.

PREÇOS DOS INGRESSOS

Setores Norte, Sul e Leste – R$ 25 (inteira) e R$ 12 (meia)
Setor Vip (Oeste Inferior) – R$ 35 (inteira) e R$ 17 (meia)
Obs: venda exclusiva pelo site www.futebolcard.com.br

PONTOS DE VENDA (das 10h às 18h)

General Severiano, Caio Martins, Marechal Hermes, Engenhão (portão Sul) e Citibank Hall

fevereiro 3, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Botafogo recebe o Macaé, no Engenhão

Será apenas a segunda vez na história em que as equipes se enfrentam

LANCEPRESS!

O Botafogo recebe o Macaé nesta quinta-feira, às 18h45, no Engenhão pela segunda rodada do Campeonato Carioca. A partida pode valer a liderança do grupo B já que ambos venceram na primeira rodada. Além deles, Flamengo e Mesquita também somam três pontos.

Será apenas a segunda vez em que as equipes se enfrentam. No dia 23 de março de 2008, o Botafogo goleou o Macaé por 7 a 0, destaque para Wellington Paulista, autor de quatros gols. O resultado elástico do confronto serve de inspiração para o Glorioso conquistar a segunda vitória no Estadual, porém, Ney Franco prefere pregar cautela para evitar um possível tropeço.

– O princípio básico é o de evitar a todo custo os tropeços, principalmente contra os pequenos e em situações que se está em vantagem. É fundamental ter cautela sem deixar de ser agressivo, sempre mantendo a postura profissional e de respeito ao adversário. Mas vamos marcar o Macaé no campo deles e ter uma saída de bola rápida – disse o treinador alvinegro.

Pelo lado do Macaé, o técnico Dário Lorenço sabe que será uma tarefa difícil enfrentar o Botafogo no Engenhão, mas promete que a equipe vai suar sangue para tentar alcançar o resultado positivo.

– Assisti ao VT da partida do Botafogo contra o Boavista e vamos ter que suar sangue para conseguir um resultado positivo no Engenhão. Conversei bastante com o grupo e pedi tranquilidade, apesar de sabermos das dificuldades que iremos encontrar – explicou Dário Lourenço.
FICHA TÉCNICA:
Botafogo X Macaé

Estádio: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 29/01/2009 – 18h45
Àrbitro: William Marcelo de Souza Nery (RJ)
Auxiliares: Eduardo de Souza Couto (RJ) e Alexandre Eller (RJ)

Botafogo: Renan; Emerson, Juninho e Leandro Guerreiro; Alessandro, Léo Silva, Lucas Silva, Maicosuel e Eduardo; Diego e Victor Simões. Técnico: Ney Franco.

Macaé: Darci; André, Hélton e Vinícius (Wallacer); Chiquinho, Léo Gonçalves, André Gomes, Gláuber e Bill; Osmar e Jackson. Técnico: Dário Lourenço.

janeiro 29, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , | Deixe um comentário

Ingressos à venda para Fogão contra Macaé

Bilhetes podem ser comprados em General Severiano, Caio Martins, Marechal Hermes, Engenhão ou Citibank Hall

LANCEPRESS!

Os ingressos para o jogo contra o Macaé, na próxima quinta-feira, às 18h45m, no Engenhão, pela segunda rodada da Taça Guanabara já estão sendo disponibilizados para a torcida do Botafogo.

A partida marcará o reencontro dos jogadores alvinegros com a torcida no Engenhão. O Botafogo até disputou o jogo-treino contra o Olaria em seu estádio, mas foi com os portões fechados para o público.

Os postos de venda antecipada, General Severiano, Caio Martins, Marechal Hermes, Engenhão e Citibank Hall, funcionarão das 10h às 18h

PREÇOS:

Setor Sul: R$ 25 (inteira) e R$ 12 (meia)

Setor Norte: R$ 25 (inteira) e R$ 12 (meia)

Setor Leste: R$ 25 (inteira) e R$ 12 (meia)

janeiro 26, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Debaixo de muita chuva, Fogão derrota o Olaria

Temporal prejudica qualidade do jogo. Até Reinaldo sai machucado e vira dúvida

Reinaldo virou dúvida para o jogo contra o BoavistaReinaldo virou dúvida para o jogo contra o Boavista (Crédito: Ricardo Cassiano)

Sob um constante temporal, que assolou a cidade do Rio de Janeiro e prejudicou em demasia a qualidade do teste, o Botafogo derrotou o Olaria por 2 a 1, nesta quarta-feira, no Engenhão, no último jogo-treino antes da estreia do Campeonato Carioca, contra o Boavista, sábado, em Saquarema. Os gols foram marcados por Victor Simões e Diego, com Tales Lemos descontando.

Não houve muito a destacar sobre a partida, exceto pela bisonhas jogadas proporcionadas pelo campo encharcado. A falta de sensibilidade dos responsáveis por não suspender a atividade pareceu ainda mais evidente quando Reinaldo, sozinho, sentiu uma fisgada no músculo posterior da coxa direita e teve de ser substituído por Diego. A lesão, porém, deu a impressão de não ter ocorrido por conta do lamaçal.

Antes, porém, Eduardo tentou bater um escanteio, mas só o que chutou foi a poça d´agua que rodeava a bandeirinha do lado esquerdo do campo. Na única trama em que o deplorável estado do campo não atrapalhou, Maicosuel acertou um lançamento para Lucas Silva, que chutou, o goleiro Jonathan espalmou e Victor Simões, por cobertura, marcou um belo gol.

Apostando nos contra-ataques, já que contava com um time leve e rápido, o Botafogo, até o fim da etapa, só chegou mais uma vez, quando Eduardo, livre na área, isolou a bola. De resto, somente erros de passe, show das poças e jogadas mais ríspidas. Quando o camisa 10 do Olaria, Vinícius, caiu lesionado em campo, o árbitro decidiu encerrar o primeiro tempo com apenas 35 minutos.

Na volta do intervalo, com 11 mudanças e um campo em condições menos precárias, o Alvinegro assumiu postura mais ofensiva, logo premiada com o gol de Diego, de pênati, sofrido por ele mesmo, aos nove minutos. A partir daí, sem forçar muito, o time de Ney Franco se limitou a tocar de lado, poupando-se, enquanto o Olaria, também todo alterado, foi ao ataque.

E o esforço da equipe do técnico Deninho foi premiado aos 32, quando Tales Lemos, de 17 anos, sofreu pênati que, a exemplo de Diego, ele mesmo bateu. O Botafogo ainda criou outras duas chances, mas não ampliou. Como no primeiro tempo, o árbitro terminou o jogo-treino pouco antes dos 45.
FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO 2 X 1 OLARIA

Local: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/Hora: 21/01/2009, às 16h (de Brasília)
Árbitro: Gilmar Henrique (RJ)
Assistentes: Luis Henrique (RJ) e Luis Carlos (RJ)
Renda e público: portões fechados
Cartões amarelos: –
Cartões vermelhos: –
GOLS: Victor Simões, 25’/1ºT (1-0), Diego, 9’/2ºT (2-0), Tales Lemos, 32’/2ºT (2-1)

BOTAFOGO: Renan (Milton Raphael, intervalo), Emerson (Wellington, intervalo), Leandro Guerreiro (Fahel, intervalo) (Alex, 29’/2ºT) e Juninho (Teco, intervalo); Alessandro (Thiaguinho, intervalo), Léo Silva (Batista, intervalo), Maicosuel (Túlio Souza, intervalo), Lucas Silva (Jean Carioca, intervalo) e Eduardo (Gabriel, intervalo); Reinaldo (Diego, 13’/1ºT) (Wellington Júnior, 29’/2ºT) e Victor Simões (Laio, intervalo). Técnico: Ney Franco.

OLARIA: Jonathan (Paulista, intervalo), Pedro Gabriel (Marquinho, intervalo), Romário (Diego, intervalo), Rafael (André, intervalo) e Marcus Vinícius (Eduardo, intervalo); Angelo (Boniek, intervalo), Thiago (Joel, intervalo), Wallace (Reginaldo, intervalo), Vinícius (Tales Lemos, intervalo); Diego Neto (Evandro, intervalo) e Felipe (Vinícius, intervalo). Técnico: Deninho

janeiro 22, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Glorioso bate o Leme em jogo-treino

Reinaldo e Victor Simões fazem os gols da vitória por 2 a 0

Ampliar Foto Agência/Agencia Estado Agência/Agencia Estado

Thiaguinho sofre com a marcação

O Botafogo fez o primeiro teste dentro de campo antes de sua estreia no Campeonato Carioca, neste domingo pela manhã, no Caio Martins. O time venceu o Leme, da Terceira Divisão, por 2 a 0.

Os destaques do amistoso foram dois atacantes. Na primeira etapa, Reinaldo fez o primeiro de pênalti. Depois do breve intervalo, o técnico Ney Franco mudou a equipe quase inteira, mas mesmo assim o placar foi ampliado. Jean Carioca lançou Victor Simões, que mandou uma bomba para fazer o segundo.

O time titular foi a campo com a seguinte formação: Renan, Emerson, Leandro Guerreiro e Teco; Alessandro, Fahel, Léo Silva, Maicosuel e Eduardo, Lucas Silva e Reinaldo. O Glorioso enfrenta o Olaria, no Engenhão, na quarta-feira, no último teste antes da primeira rodada do Estadual, dia 24, contra o Boavista, em Saquarema.

janeiro 18, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Lucio Flavio não deve viajar com a delegação

Apoiador teve um estiramento na coxa esquerda e saiu de campo

O apoiador Lucio Flavio sentiu uma fisgada ainda no primeiro da partida com o Santos, neste sábado, no Engenhão, e foi substituído. Ainda durante o jogo, foi detectado um estiramento na coxa esquerda do capitão, que saiu mancando, e, provavelmente, nem sequer viajará para Argentina, neste domingo de manhã.

É provável, nesse caso, que Marcelinho ocupe a vaga de Lucio Flavio na viagem. O Botafogo encara o Estudiantes (ARG), na próxima terça-feira, no Monumental de Nuñez, pelo jogo de ida das quartas-de-final. A segunda partida será dia 5 de novembro, no Engenhão.

outubro 19, 2008 Posted by | Botafogo | , , , , , | Deixe um comentário

Zárate espera repetir boa atuação no sábado

Atacante foi bem contra o Vitória, e espera jogar bem contra o Santos, no Engenhão

Após boa atuação na partida contra o Vitória, na última rodada do Brasileirão, o atacante Zárate aguarda definição de Ney Franco quanto ao time titular que enfrenta o Santos, sábado, no Engenhão. O hermano chegou a ser escalado como titular no coletivo de quinta-feira, mas posteriormente, o treinador promoveu as entradas de Jorge Henrique e Carlos Alberto, liberados pelo STJD.

Mesmo sem saber se está ou não confirmado como titular, Zárate espera repetir a boa atuação da última partida pelo Campeonato Brasileiro.

– Não estou confirmado, mas se for jogar, penso em repetir o que fiz no jogo contra o Vitória. Ainda não cheguei ao meu melhor nível, mas já fui bem naquela partida – disse.

O atacante revelou ainda que já está bem adaptado ao Brasil, mas ainda sofre com o calor.

– Estou bem adaptado ao Brasil, mas sofro um pouco com o calor. Depois de tanto tempo de treino físico, estou bem, com mais confiança e já conheço os companheiros – completou o atacante argentino.

outubro 18, 2008 Posted by | Botafogo | , , , , | Deixe um comentário

Reservas dão vitória ao Santos em jogo-treino

Amistoso contra o Paulista, de Jundiaí, serviu como preparação para o jogo contra o Botafogo, sábado às 18h20, no Engenhão

O Santos venceu por 2 a 0 o amistoso frente o Paulista, de Jundiaí, realizado nesta quarta-feira no CT Rei Pelé. Os gols saíram no segundo tempo, com Tiago Luís e Wesley, de pênalti. O jogo-treino foi encarado como uma oportunidade para o técnico Márcio Fernandes observar os atletas e definir o time que enfrenta o Botafogo, no próximo sábado, às 18h20, no Engenhão.

No primeiro tempo, o treinador já deu um esboço do time que deve entrar em campo no Rio de Janeiro: Fábio Costa, Wendel, Domingos, Adaílton, Fabio Santos; Roberto Brum, Rodrigo Souto, Bida e Molina; Cuevas e Lima.

Ainda na primeira etapa, o técnico santista promoveu as entradas do lateral Pará e o do meia-atacante Róbson. No segundo tempo, apenas os reservas estiveram em campo. À exceção foi o goleiro Fábio Costa, que participou de todo o treinamento e deve ser o titular da meta santista no duelo com o Botafogo.

Assim, o técnico Márcio Fernandes dá a entender a preferência por colocar o zagueiro Adaílton e o atacante Lima, nos lugares de Fabiano Eller e Kléber Pereira, que estão suspensos para o jogo de sábado. Eller cumpre suspensão automática por ter sido expulso na derrota sofrida em Porto Alegre – 2 a 0 para o Grêmio, no Olímpico -, e Pereira por levar o terceiro cartão amarelo na mesma partida.

No sábado, o Peixe, que está 13º lugar com 33 pontos, enfrentará o Botafogo, sexto colocado com 46 pontos, no Estádio João Havelange, pela 30ª rodada do Brasileirão. Nesta quinta-feira, o elenco treina de manhã no CT Rei Pelé e à tarde segue viagem para o Rio de Janeiro, onde irá começar sua preparação para o duelo do fim de semana.

outubro 15, 2008 Posted by | Santos | , , , , , | Deixe um comentário

André Luis pensa em continuar no Bota

Zagueiro afirma que já foi procurado pela diretoria e quer fazer história no Rubro-Negro

Em boa fase no Botafogo, Andre Luis manifestou o desejo de renovar contrato com o clube, já que o atual se encerra no fim do ano.

– A diretoria já me procurou, mas vamos esperar terminar o campeonato para resolver. Meu objetivo é fazer história, conquistar títulos aqui. Pelo carinho que tenho pelo clube, pelos companheiros, a intenção é de permanecer, não tem por que sair do Botafogo – afirmou Andre.

No próximo sábado, no Engenhão, o zagueiro reencontrará o Santos, que o revelou e no qual conquistou dois Brasileiros, em 2002 e 2004. Andre Luis disse conhecer bem o clube e ainda ter amigos lá, mas garantiu que não terá pena do adversário.

outubro 12, 2008 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , | Deixe um comentário

Santos terá novidades contra o Botafogo

Depois de longo período afastado, Fábio Costa volta com dois meias ao time da Vila Belmiro, no Engenhão!

Se por um lado o técnico Márcio Fernandes não poderá contar com Kléber Pereira, Fabiano Eller e Carleto para a partida contra o Botafogo no próximo dia 18, no Rio de Janeiro, por outro ele terá o retorno de três jogadores.

O goleiro Fábio Costa e o meia Róbson já estão recuperados de um estiramento muscular na coxa esquerda e participaram normalmente do coletivo desta sexta-feira. A exceção ficou por conta do meia Michael que, embora tenha permanecido no Cepraf durante a atividade, também tem a volta programada.

O retorno do camisa 1 já havia sido ensaiado para a partida contra o Atlético-PR, quando o jogador pediu para jogar. Na ocasião, em reunião com o departamento médico e comissão técnica, Fábio Costa foi convencido a não queimar etapas do processo de recuperação e voltar somente no dia 18, contra o Botafogo.

O jogador está afastado do time há 18 rodadas. Sua última partida foi contra o mesmo Botafogo, na Vila Belmiro, no empate em 2 a 2, no dia 13 de julho. Longe dos gramados há 83 dias, o goleiro ainda recupera suas condições físicas, já que voltou aos exercícios há cerca de vinte dias.

Outro retorno muito aguardado pelo torcedor santista é o do meia Róbson, que fez sua última partida no empate em 1 a 1 com o Ipatinga, no dia 20 de agosto. Com apenas três jogos disputados pelo Santos em quase quatro meses de clube, o jogador está recuperado e pode ser relacionado para a partida.

outubro 10, 2008 Posted by | Santos | , , , , , , | Deixe um comentário

Ingressos à venda para Botafogo x Vitória

Torcedor poderá comprar bilhetes por R$ 5 para jogo que acontece nesta quinta-feira, no Engenhão

Estão à venda os ingressos para o jogo entre Botafogo e Vitória, que acontece nesta quinta-feira, às 20h30m, no Engenhão. Os bilhetes estão à venda das 10h às 18h, em diversos pontos da cidade. A carga a ser comercializada é de 30 mil ingressos, e os torcedores com carteira que comprove a condição de estudante pagam metade do valor.

Confira os preços dos ingressos

Setor Leste inferior – R$ 20 (R$ 10 meia-entrada)

Setor Leste superior – R$ 10 (R$ 5 meia-entrada)

Setor Norte – R$ 10 (R$ 5 meia-entrada)

Setor Sul – R$ 10 (R$ 5 meia-entrada)

Setor Oeste superior – R$ 20 (R$ 10 meia-entrada)

Setor Oeste VIP inferior (somente pelo site http://www.futebolcard.com) – R$ 45 (22,50 meia-entrada)

Locais de venda

General Severiano (Av. Venceslau Brás, 72 – Botafogo)

Engenhão (bilheteria Sul)

Caio Martins (R. Presidente Backer, s/n – Niterói)

Marechal Hermes (R. Xavier Curado, 1.705)

Citibank Hall (Av. Ayrton Senna, 3.000 – Shopping Via Parque, Barra da Tijuca)

outubro 7, 2008 Posted by | Botafogo | , , | Deixe um comentário

Ney Franco lamenta, mas já assimila a derrota

Técnico visa ao jogo de volta, no Engenhão, e confia na recuperação do Fogão

Único a falar com a imprensa após a derrota do Botafogo para o América de Cáli, nesta quarta, na Colômbia, o técnico Ney Franco lamentou a terceira derrota consecutiva do time, mas, ao mesmo tempo, viu méritos no adversário e garantiu já pensar na próxima partida.

– Foi um jogo muito equilibrado, de marcação, disputas até ríspidas. Eles fizeram o papel deles, nos pressionaram em boa parte do jogo. É evidente que queríamos vencer, mas o 1 a 0 nos dá boas chances de inverter o placar no Rio – analisou.

– Imaginávamos que seria difícil, e nossa previsão se confirmou. Resta a nós ter a competência de nos recuperamos no Rio para seguirmos na competição – destacou.

A derrota por 1 a 0 permite ao Botafogo apenas vitórias por dois ou mais gols de diferença, no Engenhão, na próxima quarta. Vantagem por 1 a 0 leva a decisão para os pênaltis. Caso o América marque um ou mais gols e, mesmo assim, perca por um de diferença, a equipe colombiana se classificará.

Nas quartas-de-final, o adversário do Alvinegro ou do América tem tudo para ser o Estudiantes, que vencer o Arsenal de Sarandí na partida de ida, fora de casa, por 2 a 1, e tem grande vantagem na decisão da vaga.

setembro 25, 2008 Posted by | Botafogo | , , , , , , , | Deixe um comentário

Contra estigmas, Túlio minimiza vaga no G-4 e acredita no título do Brasileirão

Volante do Bota diz que vaga na Libertadores não satisfaz, até porque não adianta chegar lá, comemorar e ser eliminado nas primeiras fases’

O Botafogo ficou 11 rodadas invicto no Brasileirão, conquistou oito vitórias neste período, mas bastou um tropeço diante do Internacional, no Engenhão, para o assunto voltar à tona: seria o Glorioso um time que não segura a pressão nos momentos decisivos? Nas duas vezes em que teve oportunidade de chegar ao segundo lugar, contra os gaúchos e contra o Náutico, também em casa, o time sucumbiu. Estigma que deixa alguns jogadores do elenco chateados.

– Entre seis ou sete times, apontar um e dizer que este não vai ser campeão é muito fácil. A gente sabe que depois da derrota para o Inter vão dizer novamente, que o Botafogo é time que não chega, mas cabe a nós mudar isso. Só a gente pode provar o contrário – diz Túlio.

Confiante e ambicioso, o volante crê na recuperação já contra a Portuguesa, domingo, no Canindé, e não se mostra satisfeito com a quarta posição no Brasileirão.
– A vaga na Libertadores é conseqüência da briga pelo título. Supervalorizam demais essa vaga no G-4 e tem time que comemora, chega lá e perde nas primeiras fases. O que vale e marca é título. Queremos o título, a vaga na Libertadores apenas não satisfaz.

setembro 17, 2008 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário