Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Grêmio recebe Caracas de olho na semifinal

Tricolor adota 4-4-2 para seguir em frente na Libertadores

LANCEPRESS!

Num Olímpico lotado, revivendo os melhores tempos de Libertadores, o Grêmio tentará na noite desta quarta-feira chegar à semifinal da competição com uma vitória sobre o Caracas. Será o jogo da volta. No de ida, na capital venezuelana, houve empate em 1 a 1. Se o Tricolor passar, enfrentará na próxima fase o vencedor de São Paulo x Cruzeiro.

Embora vá pressionar o tempo todo, o Grêmio se classificará com um empate sem gols. Novo 1 a 1 levará a decisão para os pênaltis. E empate de 2 a 2 para cima classificaria o Caracas.

Com exceção do goleiro Victor, que serve à Seleção, o técnico Paulo Autuori poderá escalar força máxima. E na formatação tática inaugurada no 0 a 0 com o Fluminense, domingo, no Maracanã: o 4-4-2, que substitui o 3-5-2 da era Celso Roth.

Com quatro no meio-campo, o setor varia de forma durante o jogo, como gosta o técnico – do quadrado, com Adilson e Túlio mais atrás e Tcheco e Souza à frente, para a linha de quatro, com Tcheco aberto na direita e Souza na esquerda.

— O time passou a impressão de que já jogava nesse esquema havia muito tempo. Só precisamos ser mais agudos na parte ofensiva – elogiou Autuori.

Em Caracas, o Grêmio tomou gol de saída, sofreu sufoco, mas aos poucos equilibrou a partida e chegou ao empate. Os dois gols saíram de lances de bola parada. O gramado em péssimo estado impediu jogadas mais elaboradas.

— Tanto o Caracas quanto o Grêmio jogam mais do que apresentaram na primeira partida – constatou Tcheco. – No nosso campo, o nível dos dois vai subir. Mas precisamos continuar atentos ao jogo aéreo deles.

Impulsionada pela tradição do Tricolor, e pela teórica inferioridade técnica do Caracas, a torcida já dá a classificação como alcançada. É jogo jogado, diz-se. Os dirigentes e Autuori alertam sobre o perigo que isso representa e fazem de tudo para esse clima não chegar ao elenco. E estão conseguindo.

— Menosprezar o adversário é o caminho mais curto para a decepção. Até porque o Caracas não chegou até aqui à toa – disse o zagueiro Réver.

Réver, aliás, está de volta ao time, junto com o lateral-direito Ruy. Ambos cumpriram suspensão pelo Brasileiro contra o Fluminense. Com o fim do esquema de três zagueiros, quem sai é Rafael Marques. Mas Ruy, bom no apoio, poderá perder a posição para Thiego, bom de marcação, em jogos fora de casa.

Autuori continuará a apostar na dupla de ataque Maxi López-Alex Mineiro, que esteve infernal nos primeiros dez minutos contra o Fluminense. López criou jogada em que Tcheco acertou a trave e Alex Mineiro achou espaço para dois arremates perigosíssimos.

— Nosso entrosamento melhora a cada dia – afirmou o argentino.

O Caracas está em Porto Alegre desde sábado. Seus integrantes mostram altivez, e não consideram o Grêmio favorito. O técnico Noel Sanvicente afirma que seu time atuará com a naturalidade de quem se encontra em casa.. No treino de segunda-feira, no Beira-Rio, ele recebeu boas notícias: os atacantes Rentería e Castellín, o meio-campista Vera e o lateral Cichero recuperaram-se de lesões musculares e treinaram normalmente. Com isso, o time venezuelano terá força máxima. Em relação à equipe que atuou em Caracas, a única novidade é a entrada de Lucena no lugar de Piñango no meio-campo, por critério técnico.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO X CARACAS

Local: Estádio Olímpico (Porto Alegre, RS)

Data-hora: 17/06/2009 – 21,50 (horário de Brasília)

Árbitro: Carlos Torres (PAR)

Auxiliares: Rodney Aquino e César Franco (PAR)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Ruy, Leo, Réver e Fábio Santos; Adilson, Túlio, Tcheco e Souza; Alex Mineiro e Maxi López.

Técnico: Paulo Autuori.

CARACAS: Renny Vega; Romero, Rey, Barone e Cichero; Luis Vera, Lucena, Darío Figueroa e Gomez; Rentería e Castellín.

Técnico: Noel Sanvicente.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

junho 16, 2009 Posted by | Grêmio | , , , , , , , , | Deixe um comentário

Grêmio escala titulares para encarar o Vitória

Tricolor gaúcho tenta tirar o foco da Copa Libertadores

LANCEPRESS!

O Grêmio se encontra em Salvador desde a manhã de quinta-feira, preparando-se para o confronto com o Vitória, neste domingo, às 16h, no Barradão. O técnico Paulo Autuori mandará a campo o mesmo time que empatou em 1 a 1 com o Caracas, quarta-feira, na capital venezuelana, pelas quartas-de-final da Libertadores. Com uma única dúvida: o garoto Adilson ou o veterano Túlio no meio-de-campo.

Não haveria razão para fazer diferente. A equipe está descansada e seu próximo jogo pela competição continental será só no dia 17 de junho.

– O principal motivo é que precisamos subir na tabela. Estamos em oitavo lugar, com quatro pontos em três jogos, e esse desempenho é insuficiente para as ambições do Grêmio – disse Autuori.

Ruy traz um argumento bem razoável ao apoiar a decisão de não poupar jogadores. Para o lateral-direito, nenhum time está se cansando muito nesse momento.

– Desgaste físico nós vamos sentir lá pelo fim do Brasileiro. Então, a hora de ir com força máxima e dar todo o gás é agora – receitou Ruy.

Todos estão conscientes de que o time não atuou bem em Caracas. Mas, segundo os jogadores, a culpa foi dos buracos do gramado.

– O Barradão não é uma mesa de bilhar, mas vai dar para o Grêmio rolar a bola – apostou Réver.

A questão da mudança de esquema será levada com comedimento. Paulo Autuori acha que, se tirar um dos três zagueiros, pode desestabilizar o setor defensivo, que segundo ele vem dando sustentação à equipe. Por isso, a passagem do 3-5-2 para o 4-4-2 será feita gradualmente. Por enquanto, mudando jogadores de função ao longo da partida. Por exemplo, passando o zagueiro Leo para a lateral direita e deslocando o lateral-direito Ruy para o meio-campo.

Para essa partida contra o Vitória, Ruy, Rafael Marques e Réver entrarão pendurados com dois cartões amarelos.

O zagueiro Anderson Martins deve ser a principal novidade do Vitória para o jogo contra o Grêmio. Recuperado de uma lesão na panturrilha, o atleta tem sido escalado entre os titulares nos últimos treinos.

Pelo que demonstrou durante a semana, o técnico Paulo César Carpegiani pretende mandar a campo uma equipe mais cautelosa. Tanto que saiu do tradicional 4-4-2 para o 3-6-1. Anderson Martins formará o trio defensivo com Wallace e Victor Ramos.

FICHA TÉCNICA:

VITÓRIA X GRÊMIO

Local: Barradão, Salvador (BA)
Data e hora: 31/05/2009 – 16h (horário de Brasília)

Árbitro: Wagner Tardelli (SC)

Auxiliares: Alcides Pazetto (SC) e Angelo Bechi (SC)

VITÓRIA: Viáfara, Wallace, Victor Ramos e Anderson Martins; Apodi, Vanderson, Uelliton, Leandro Domingues, Ramon Menezes e Adriano; Neto Baiano. Técnico: Paulo Cesar Carpegiani.

GRÊMIO: Victor, Leo, Rafael Marques e Réver; Ruy, Adilson (Túlio), Tcheco, Souza e Fábio Santos; Jonas e Maxi López. Técnico: Paulo Autuori.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

maio 31, 2009 Posted by | Grêmio, Vitória | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário