Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Embalado, Peixe recebe o Paulista, que luta para se manter fora da zona de risco

Pela primeira vez, Vagner Mancini encara a equipe que o revelou como treinador. Sob seu comando, o Peixe está invicto

Ampliar Foto Agência/Agencia Estado Agência/Agencia Estado

Mancini está no comando do Peixe há cinco jogos: quatro vitórias em um empate

Buscando se manter invicto sob o comando de Vagner Mancini e continuar no G-4 do Paulistão, o Santos recebe o Paulista, nesta quinta-feira, às 21h30m (horário de Brasília), na Vila Belmiro. O Alvinegro não perde desde o dia 12 de fevereiro, quando caiu diante do Marília, na noite em que Márcio Fernandes foi demitido. De lá para cá, foram seis jogos (cinco pelo Paulistão e um pela Copa do Brasil), com cinco vitórias e um empate. No primeiro jogo dessa sequência, contra o Guarani, dia 15 de fevereiro, o Peixe foi comandado interinamente por Serginho Chulapa, mas Mancini já estava nos camarotes da Vila, observando a equipe. Com o novo técnico no banco, foram quatro vitórias em um empate em cinco jogos.

Com a arrancada, o Santos se consolidou no grupo dos quatro melhores do estadual. Está em quarto lugar, com 23 pontos. Já o Paulista não vem muito bem. Muito irregular, a equipe de Jundiaí perdeu em casa para o Santo André, por 3 a 0, na última rodada, e ronda a zona de rebaixamento. Está em 14º lugar, com 13 pontos, apenas três à frente da linha vermelha do Paulistão.

Será o primeiro jogo de Mancini contra a equipe que o revelou como treinador. Sob o comando do atual treinador santista, o Paulista foi campeão da Copa do Brasil de 2005. Mancini trabalhou na equipe de Jundiaí até 2007.

– Tenho muito carinho pelo que o Paulista me proporcionou, mas hoje sou Santos e quero voltar para casa com três pontos na sacola – avisa.

O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances dessa partida em Tempo Real, com vídeos exclusivos, a partir das 21h20m (horário de Brasília). O SporTV transmite ao vivo para todo o Brasil.

Desfalques santistas

Para essa partida, Vagner Mancini segue sem poder contar com o atacante Kléber Pereira e com o lateral-esquerdo Leo, ambos machucados. Roni substitui o artilheiro e Triguinho atua no lugar de Leo. O zagueiro Adaílton, que se machucou contra o Oeste, sábado passado, dará lugar a Fabão, que volta de suspensão.

Já na lateral-direita, a mudança acontece por uma questão técnica. O treinador considera que Pará está em melhor momento que Luizinho e ganha a vaga.

No Paulista, mistério

O técnico Giba não quer dar chance para Mancini, um velho conhecido. Por isso, mandou fechou as portas do estádio Jaime Cintra e não permitiu a entrada de jornalistas no treino da última terça-feira. Com a volta do lateral-direito Marcelinho, que se recuperou de lesão, o técnico pode tirar o zagueiro Marcelo Xavier e escalar a equipe no 4-4-2. O meia Alex Oliveira, que já está recuperando sua forma física, tem chance aparecer na equipe na vaga de Marcelo Toscano.

Giba só irá divulgar a escalação minutos antes do confronto.

SANTOS PAULISTA
Fábio Costa, Domingos, Fabão e Fabiano Eller; Pará, Roberto Brum, Rodrigo Souto, Madson, Molina e Triguinho; Roni. André Luís; Freire, Marcelo Xavier (Marcelinho) e Eli Sabiá; Marcelo Toscano (Alex Oliveira), Cléber Goiano, Ramalho, Felipe Azevedo e Jailson; Enilton e Zé Carlos.
Técnico: Vagner Mancini. Técnico: Giba.
Estádio: Vila Belmiro, em Santos, SP. Data: 12/03/2009. Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza. Auxiliares: Dante Mesquita Junior e Osny Antonio Silveira.
Transmissão: O SporTV exibe a partida ao vivo para todo o Brasil.
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partir de 21h20m (de Brasília).

março 12, 2009 Posted by | Santos | , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário