Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Arrancar na tabela: a palavra de ordem aos dois times

Em momentos turbulentos na competição, Fluminense e Botafogo se enfrentam precisando vencer para definir objetivos no ano

Arrancar. Eis o verbo mais pronunciado tanto nas Laranjeiras quanto em General Severiano. Quem vai conseguir conjugar o verbo arrancar? Tricolores ou alvinegros? Isso será definido às 18h30 de domingo, no Estádio João Havelange, o Engenhão.

O Fluminense, após perder o jogo e a liderança para o Cruzeiro, quer voltar a vencer para retomar não só a primeira colocação no Campeonato Brasileiro, mas também a confiança de seus torcedores. A arrancada tricolor pode levar ao título nacional. Já o Botafogo sonha em derrotar o Tricolor para encerrar de vez com o jejum de oito jogos sem vitórias. A vitória serviria para fazer com que uma hipotética classificação para a Copa Libertadores se torne mais plausível para jogadores e torcedores.

Apesar de jogar em domínios alvinegros, o Tricolor é o mandante da partida em que contará com os importantíssimos retornos do atacante Emerson e do volante Diguinho. O atacante está recuperado de lesão na coxa esquerda, enquanto Diguinho não sente mais dores em seu tornozelo. Ambos, para o técnico Muricy Ramalho, são tidos como peças importantíssimas no esquema de jogo.

Emerson está de volta e é a esperança de gols do Flu (Crédito: Gilvan de Souza)

Além dos dois, liberados pelo departamento médico, o Fluminense terá o retorno do lateral-direito Mariano. Destaque do time na atual temporada, o jogador foi convocado para a Seleção Brasileira em dois amistosos, contra o Irã e a Ucrânia.

Com os retornos, Emerson mostra otimismo para que a arrancada seja do Fluminense:

– O Fluminense sentiu a ausência de jogadores importantes que estavam machucados. Contra o Botafogo terá a minha volta, do Diguinho e do Mariano, que estava na Seleção. Agora é vencer ou vencer para continuarmos na luta pelo título da competição – disse Emerson, o Sheik Tricolor.

Deco, com lesão em sua coxa direita, é o desfalque do Fluminense. Marquinho será seu subtituto.

Já pelo lado alvinegro, além de ter o retorno do goleiro Jefferson, que também serviu a Seleção Brasileira, o Glorioso contará com a volta do volante Marcelo Mattos. Curado de uma lesão em seu joelho esquerdo, Marcelo Mattos poderá figurar entre os titulares que Joel Santana vai escolher para iniciar o clássico.

Curiosamente, desde a saída de Marcelo, o Botafogo não venceu mais na competição.

Jobson, que voltou na última partida contra o Palmeiras está confirmado no ataque alvinegro ao lado de Loco Abreu.

Jobson é a arma do Botafogo para derrotar o Fluminense (Crédito: Gilvan de Souza)

Um dos líderes do elenco, Leandro Guerreiro disse que este será um jogo de definição para os objetivos do Botafogo no Brasileiro.

– Esta partida será um divisor de águas, já que estamos um pouco mais afastados dos líderes. Temos de jogar muito para vencer e iniciar a arrancada – comentou.

As fichas estão na mesa. As cartas distribuídas. Quem vai levar a melhor? Fluminense segue firme na disputa do título ou o Botafogo se torna, de vez, um sério candidato pela vaga na Copa Libertadores?

De quem será a arrancada? Domingo, às 18h30, com direito ao tempo real do LANCENET!

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE X BOTAFOGO

Data/Hora: 17/10/2010 – 18h30 (de Brasília)

Estádio: Olímpico João Havelange (Engenhão), Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Djalma José Beltrami (RJ)

Auxiliares: Dibert Pedrosa Moisés (Fifa/RJ) e Ediney Guerreiro Mascarenhas (RJ)

FLUMINENSE: Rafael; Mariano, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Diogo, Diguinho, Marquinhos e Conca; Emerson e Washington. T: Muricy Ramalho.

BOTAFOGO: Jefferson, Antônio Carlos, Leandro Guerreiro e Márcio Rosário; Alessandro, Marcelo Mattos, Somália, Lucio Flavio e Marcelo Cordeiro; Jobson e Loco Abreu. T: Joel Santana.

outubro 17, 2010 Posted by | Botafogo, Fluminense | , | Deixe um comentário

Para espantar a crise, Flu e Fogão se enfrentam no Maraca

Vitória no clássico pode significar a recuperação no Campeonato Brasileiro

LANCEPRESS!

O clima nas Laranjeiras e em General Severiano não é dos melhores. Além dos resultados ruins, Fluminense e Botafogo têm sofrido constantes pressões de suas torcidas. Mas é com o pensamento de espantar a crise que as equipes entram em campo neste domingo, às 18h30, no Maracanã, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

A semana para o Botafogo foi marcada por protestos da torcida alvinegra, que contou com reunião entre torcedores e André Silva, carta ao presidente Maurício Assumpção e até pichação. Dentro de campo, Ney Franco quebrou a cabeça nos treinamentos para encontrar uma forma ideal para o time, enfim, conquistar a primeira vitória na competição nacional.

– O Fluminense passa pela mesma situação que a nossa. As duas equipes precisam de uma vitória para ajudar também no dia-a-dia. Se o Botafogo conseguir, isso colaborará também na parte emocional. Tenho certeza de que vamos jogar bem – disse Ney Franco.

Para a partida, o treinador optou por escalar o time no 3-5-2. Tática utilizada, com certo sucesso, durante as Taças Guanabara e Rio.

Nas Laranjeiras, o clima também não é dos melhores. Os jogadores do Fluminense ainda não esqueceram o protestos da última semana, onde torcedores invadiram o gramado, agrediram o volante Diguinho e tiros foram disparados para o alto para dispersar a confusão. Fora de campo, diretoria e patrocinador não se entendem e os salários, que estavam atrasados, foram pagos somente nesta quinta-feira.

Diante de tantos problemas, os jogadores do Tricolor veem o clássico diante do Botafogo como a chance de ouro para espantar a crise das Laranjeiras. E Parreira está confiante. Com a exceção de Luiz Alberto, que está suspenso e dará vaga para Cássio, o comandante repetirá o time que empatou com o Náutico no último domingo. Com Carlos Eduardo e Conca no meio-de-campo e Thiago Neves e Fred no ataque.

– Depois da atuação contra o Náutico, não tinha como não dar uma segunda chance ao Berna. Já o Leandro Amaral vai para concentração comigo. O time será o mesmo da partida contra o Náutico, com o Cássio na zaga – explicou.

FICHA TÉCNICA:
FLUMINENSE X BOTAFOGO

Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data/horário: 07/06/2009, às 18h30
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Auxiliares: Ediney Guerreiro Mascarenhas (RJ) e Rodrigo Pereira Joia (RJ)

BOTAFOGO: Renan; Emerson, Juninho e Eduardo; Alessandro, Leandro Guerreiro, Fahel, Lucio Flavio e Thiaguinho; Tony e Victor Simões – Técnico: Ney Franco.

FLUMINENSE: Ricardo Berna, Diogo, Edcarlos, Cássio e João Paulo; Wellington Monteiro, Marquinho, Conca e Carlos Eduardo; Thiago Neves e Fred – Técnico: Carlos Alberto Parreira.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

junho 7, 2009 Posted by | Botafogo, Fluminense | , , , , , , , , | 1 Comentário

Nos embalos de sábado à noite, Flu e Bota fazem clássico cercado de suspense

Do lado tricolor, escalação de Fred ainda é uma incógnita. No Glorioso, Ney Franco promete anunciar substituto de Victor Simões só no vestiário

Ampliar Foto Editoria de Arte/GLOBOESPORTE.COM Editoria de Arte/GLOBOESPORTE.COM

Botafogo de Ney Franco x Flu de Parreira

Fluminense e Botafogo se reencontram na noite deste sábado, no Maracanã, depois de fazerem a semifinal da Taça Guanabara, que foi vencida pelo Alvinegro, por 1 a 0. O horário da partida, marcada para 20h30m, é diferente do usual, mas as emoções no Clássico Vovô prometem ser as mesmas.

Uma vitória garante o Tricolor nas semifinais da Taça Rio, com duas rodadas de antecedência, já que está em segundo lugar no Grupo A com 15 pontos e 100% de aproveitamento, atrás do Vasco apenas no saldo de gols (8 a 10). Já o Alvinegro precisa vencer para continuar sonhando com a classificação. Isso porque, mesmo em primeiro lugar no Grupo B, tem o mesmo número de pontos que Flamengo e Bangu (10), e o Friburguense, com 9, vem logo atrás.

CONFIRA COMO ESTÁ A TABELA DE CLASSIFICAÇÃO
Parreira mexe mais uma vez no time

Fred ainda é dúvida no clássico deste sábado

O técnico Carlos Alberto Parreira vai para o seu quinto jogo no comando do Fluminense e ainda não conseguiu repetir a escalação. Não por causa de problemas de lesões ou suspensões, mas para continuar observando os jogadores que têm à sua disposição.

Contra o Botafogo, o goleiro Fernando Henrique e o lateral-esquerdo Leandro voltam depois de cumprirem suspensões. No meio-campo, Jailton e Maurício serão os volantes, e no ataque Fred ainda é dúvida por causa de dores na virilha da perna esquerda. Caso seja vetado, Roger entrará em seu lugar. Parreira acredita em equilíbrio no clássico.

– Vivemos um melhor momento, mas a responsabilidade de vencer não é do Fluminense. Ela sempre será dividida em clássicos. Os times estão bem equilibrados, e o trabalho feito durante a semana ajuda a decidir o vencedor. Dentro de campo, quem toma as decisões são os jogadores. Por isso é fundamental ter a experiência em campo.

O treinador tricolor aproveita para elogiar o trabalho feito por Ney Franco no comando do Botafogo.

– O time do Ney Franco está muito bem no campeonato. O Botafogo não terá Victor Simões, mas conta com outros jogadores importantes, como Maicosuel, que foi destaque na Taça Guanabara, e Reinaldo, que tem uma história bonita como goleador no Flamengo e no São Paulo. Alessandro tem muita força no ataque, mas precisamos de cuidado como um todo.

Glorioso encara o clássico como uma decisão

Sem Victor Simões, Reinaldo é a esperança de gols do lado alvinegro do Clássico Vovô

Ainda na ressaca do tropeço diante do Americano em pleno Engenhão, o Botafogo encara o clássico contra o Fluminense como uma legítima decisão. Preponderante para levantar a auto-estima do elenco e possibilitar uma arrancada rumo ao título da Taça Rio, e consequentemente do Estadual, a partida terá efeito direto também na tabela de classificação do Grupo B, uma vez que o Glorioso pode ser superado por Bangu, Flamengo e Friburguense em caso de tropeço.

Para corrigir os erros da última rodada, Ney Franco optou por muita conversa. Até porque o comandante alvinegro é da teoria de que o talento individual fará a diferença.

– Quem decide são os jogadores. Vamos torcer para que os nossos estejam bem e possam fazer a diferença. Vai ser um clássico equilibrado, sem muita surpresa técnica ou tática.

Já o atacante Reinaldo pede atenção especial ao setor ofensivo do Tricolor. Everton Santos, Thiago Neves, Conca e Fred (dúvida) fazem com que o atacante cobre marcação forte para evitar o fim da invencibilidade no clássico, que já dura dois anos.

– O Fluminense é muito ofensivo, tem um quarteto forte e difícil de marcar. Pode ter o clima de revanche pelo lado deles, mas queremos continuar sendo a pedra no sapato. Vencer esta partida é fundamental para que a gente se classifique para a semifinal.

Sem Victor Simões, suspenso, Ney Franco ainda não confirmou a escalação da equipe. Wellington, Gabriel e Lucas Silva são as opções.

FLUMINENSE BOTAFOGO
Fernando Henrique, Mariano, Luiz Alberto, Edcarlos e Leandro; Jailton, Maurício, Thiago Neves e Conca. Everton Santos e Fred (Roger). Renan, Wellington (Lucas Silva), Juninho e Emerson; Alessandro, Fahel, Leandro Guerreiro, Leo Silva e Thiaguinho; Maicosuel e Reinaldo.
Técnico: Parreira. Técnico: Ney Franco.
Estádio: Maracanã. Data: 28/03/2009. Horário: 20h30m. Árbitro: Gutemberg de Paula Fonseca. Auxiliares: Wagner de Almeida Santos e Vinícius da Vitória Nascimento.
Transmissão: O Premiere, pelo sistema pay-per-view, mostra para todo o país.
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partir de 20h15m (de Brasília).

março 27, 2009 Posted by | Botafogo, Fluminense | , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Papo motivacional antecede treinamento do Fogão

Ney Franco e André Silva lembraram ao grupo que já levaram um título e que empate ficou para trás

Adepto do papo com seu grupo, Ney Franco já fez virar rotina a resenha antes dos treinamentos que sucedem às partidas, sobretudo quando o Botafogo vacila, caso de quarta-feira, contra o Americano, no Engenhão. O zagueiro Juninho explicou qual foi o teor da conversa desta vez, que também teve a presença do vice de futebol, André Silva.

– Lembramos que o foco já é todo no clássico, e o momento é até melhor, já que temos a Taça Guanabara. Ney frisou que é fundamental mantermos a confiança um no outro e que dependemos somente de nós para nos classificarmos. Sabemos que a cobrança surge pelo que já produzimos, então é só ter calma – revelou o capitão.

Segundo o goleiro Renan, que admitiu o vacilo no primeiro gol do time de Campos, não houve bronca nos cerca de 30 minutos de papo, até pelo estilo do treinador.

– O jeitão mineiro do Ney fala mais alto nessas horas. Ele age da mesma maneira, mesmo mostrando que não gostou e sendo claro sobre o que quer – afirmou o camisa 1, que tem a mesma opinião do craque Maicosuel.

– Foi mais para motivar e seguirmos em frente mesmo. Todos têm autocrítica, não há porque haver grandes mudanças. O que aconteceu é até normal, o Americano veio com uma proposta e a pôs em prática com perfeição. Ney é um grande pai do grupo – lembrou.

março 27, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Fluminense e Botafogo disputam vaga na final

Renê Simões e Ney Franco terão desfalques importantes no ataque

Leandro Amaral e Reinaldo são as principais esperanças de gol de Fluminense e BotafogoLeandro Amaral e Reinaldo são as principais esperanças de gol de Fluminense e Botafogo

LANCEPRESS!

Botafogo e Fluminense entram em campo nesta Quarta-Feira de Cinzas, às 22h, para decidir quem ficará com a vaga na final da Taça Guanabara. O vencedor da partida a ser realizada no Maracanã terá a missão de espantar a zebra chamada Resende, que despachou o Flamengo na outra semifinal.

Depois de anunciar o ataque titular com Everton Santos e Maicon, o técnico René Simões tem problemas para escalar o Fluminense. Revelado em Xerém, o segundo atacante deixou o campo sentindo dores no tornozelo direito antes mesmo do início do treinamento tático realizado na tarde desta terça-feira, nas Laranjeiras.

Com isso, Leandro Amaral ganha a grande chance de voltar para o time. O jogador, no entanto, ainda não marcou gols este ano e começa a ser perseguido pela torcida.

Classificado na última rodada da primeira fase, o Tricolor foge do favoritismo. Perguntado quem seria a grande preocupação dentro de campo, René Simões não pensou duas vezes. Para o treinador, o Botafogo é forte por causa de um único nome.

– Para mim, o Ney Franco merece atenção especial. Se pudesse escalar um zagueiro só para marcá-lo, faria isso. Ele formou um belo time e o Botafogo está jogando muito certinho. É um time complicado de se enfrentar – disse.

Não é só pelas bandas das Laranjeiras que os desfalques preocupam. No Botafogo, o técnico Ney Franco foi obrigado a abrir mão de seu principal jogador, Victor Simões, por causa de uma lesão muscular. Com o desfalque, o treinador se livrou de uma baita dúvida na defesa. A ausência do atacante fez com que Ney adiasse a escolha por Wellington ou Émerson para formar o trio de zaga com Juninho e Leandro Guerreiro.

– Com a ausência de Victor Simões, a melhor escalação do momento é essa que vai para campo. O time não será somente defensivo. Maicosuel, apesar de ser apoiador, cai muito bem pelas pontas. Como segundo atacante, os gols podem sair da mesma forma que aconteceu contra Bangu e Friburguense – explicou o treinador.

A esperança dos alvinegros ficam depositadas em Reinaldo. O atacante, que marcou um gol em cima do Fluminense na final da Taça Guanabara de 2001, quando defendia o Flamengo, terá a chance de repetir a dose, agora com a camisa do Botafogo.

FICHA TÉCNICA:
FLUMINENSE X BOTAFOGO

Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 25/02/2009 – 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols (RJ)
Auxiliares: Marco Aurélio dos Santos Pessanha (RJ) e Jorge Luís Campos Roxo (RJ)
FLUMINENSE: Fernando Henrique, Mariano, Edcarlos, Luiz Alberto e Leandro; Fabinho, Diguinho, Conca e Thiago Neves; Everton Santos e Leandro Amaral (Maicon). TÉCNICO: René Simões.

BOTAFOGO: Renan, Wellington, Emerson e Juninho; Alessandro, Fahel, Leandro Guerreiro, Thiaguinho e Léo Silva; Maicosuel e Reinaldo. TÉCNICO: Ney Franco.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Botafogo, Fluminense | , , , , , , | Deixe um comentário

BOTAFOGO X INTERNACIONAL AO VIVO

Acesse:

LEIA AS NOTÍCIAS DE SEU TIME E TODOS OS JOGOS AO VIVO TRANSMISSÃO DE JOGOS AO VIVO DO FOGÃO

CLIQUE IMAGEM

TRANSMISSÃO DE JOGOS AO VIVO DO FOGÃO

CLIQUE NA IMAGEM E VEJA AO VIVO O JOGO DO FOGÃO

setembro 25, 2008 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 21 Comentários

FLUMINENSE X SÃO PAULO AO VIVO

Acesse:

LEIA NOTÍCIAS E ASSISTA JOGOS DO FLUMINENSE

TRANSMISSÃO DE JOGOS AO VIVO DO FLUZÃO

CLIQUE IMAGEM

TRANSMISSÃO DE JOGOS AO VIVO DO FLUZÃO

CLIQUE NA IMAGEM E VEJA AO VIVO JOGO DO FLUZÃO

setembro 18, 2008 Posted by | Fluminense | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 20 Comentários