Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

À beira de um ataque de nervos, Fla encara o Coritiba fora de casa

Em meio a crises de relacionamento, cariocas precisam da vitória no Couto Pereira. Coxa é o penúltimo colocado

Cuca e Adriano: apesar de polêmicas, Imperador reforça o Fla contra o Coxa

Quem se encontra em situação delicada na tabela do Brasileirão é o Coritiba, mas neste domingo, às 16h, no Couto Pereira, em Curitiba, a pressão estará toda do lado do Flamengo. Em estado de ebulição pela semana recheada de problemas – faltas de Adriano, desfalques e irritação de Cuca – , só uma vitória no duelo pela sexta rodada alivia o barril de pólvora carioca. Por outro lado, o Coxa precisa golear e torcer por uma combinação de resultados para deixar a zona de rebaixamento. .

Diante de tantos problemas, um triunfo se faz necessário também para a permanência de Cuca no comando da equipe. Com sete pontos, o Flamengo é o 11º colocado na competição, e na Gávea tornou-se obsessão recuperar no Paraná os pontos desperdiçados na incrível derrota de virada para o Sport na última rodada. Do lado Coxa Branca, a tensão se dá pela penúltima posição na tabela, com apenas um ponto. “De volta” ao Brasileirão, após passar as primeiras rodadas se dedicando a Copa do Brasil, o Coritiba busca a primeira vitória.

Nervos à flor da pele no Fla

As polêmicas envolvendo Adriano chamaram mais atenção do que a partida contra o Coritiba no Ninho do Urubu durante a semana. As ausências do Imperador nos treinamentos de terça-feira deixaram o Flamengo em ponto de ebulição e crises de relacionamento são evidentes. Cuca, no entanto, faz questão de manter as aparências.

– O time está bem trabalhado. Vamos fazer um grande jogo. Isso não atrapalha em nada.

Dentro de campo o Rubro-Negro também tem problemas. Sem Léo Moura e Emerson, lesionados, e Willians, suspenso, a equipe entra em campo com três novidades: Everton Silva, Josiel e Everton. Diante de um adversário mal colocado no Brasileirão, os cariocas pregam respeito e o treinador se prende ao último bom jogo do Coxa para ligar o sinal de alerta.

– Vimos o Coritiba jogar contra o Internacional (pela semifinal da Copa do Brasil) e eles mostraram que são fortes. Esperamos isso contra a gente também.

O discurso foi bem assimilado pelo lateral-direito Everton Silva. Novamente titular, ele admite que a necessidade de vitória das duas equipes pode fazer com que a partida seja tensa.

– É perigoso pela situação deles na tabela. O Coritiba joga em casa e estamos com uma pressão pela derrota pelo Sport. Temos que pontuar lá. Vai ser um jogo muito difícil, mas vamos entrar em campo como guerreiros.

Desfalques atormentam o Coxa

O Coritiba é o penúltimo colocado do Brasileiro, com apenas um ponto, à frente do rival Atlético-PR, que tem saldo de gol pior. Eliminado da Copa do Brasil, o time pode voltar todas as suas atenções para a competição e projeta uma recuperação rápida. A cobrança da torcida já é grande, e há um protesto marcado para este domingo.

O técnico René Simões não fez mistério e definiu os substitutos de Márcio Gabriel, Pereira e Marcelinho Paraíba, suspensos, e de Carlinhos Paraíba, que se recupera da luxação no ombro direito. O atacante Ariel, que era dúvida, treinou normalmente nesta sexta e está confirmado.

– Perdi meus principais jogadores, mas quem entra está com pernas novas e isso já pode fazer a diferença – afirmou o treinador.

Na defesa, Cleiton ficou com a vaga de Pereira. As alas serão ocupadas por Rodrigo Heffner e Guaru, nos lugares de Márcio Gabriel e Carlinhos Paraíba, respectivamente. Renatinho ocupará a posição de Marcelinho Paraíba.

– Estou voltando de lesão, mas espero ajudar. Precisamos valorizar a posse de bola e buscar a primeira vitória em casa – destacou o zagueiro Cleiton.


junho 14, 2009 Posted by | Coritiba, Flamengo | , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Flamengo torce por quinta-feira rubro-negra

Clube pega o Coritiba e torce por triunfos de Vitória e Sport no Brasileirão

O pensamento positivo dos flamenguistas terá de ser triplicado na noite desta quinta-feira. Além da necessidade de um triunfo do Flamengo sobre o Coritiba, no Maracanã, às 20h30, o Rubro-Negro Carioca confia na força de suas cores para secar dois de seus concorrentes ao título brasileiro. São Paulo e Grêmio enfrentam os também rubro-negros Vitória e Sport, respectivamente.

Primeiro de tudo, no entanto, o Flamengo tem de cuidar de seu papel. E este não será dos mais fáceis. O Coritiba vem fazendo boa campanha e tem no atacante Keirrison a sua principal arma para atrapalhar o Rubro-Negro. Foi com show dele que o Alviverde paranaense obteve duas brilhantes vitórias no Rio, contra Vasco e Fluminense.

O lateral-direito Leonardo Moura, aniversariante desta quinta-feira, falou que de nada adiantará a derrota dos demais postulantes ao título se o Flamengo não fizer a sua parte.

– Tomara que todos os rubro-negros possam sair felizes nesta quinta. Mas o mais importante deles é o Flamengo. Em primeiro lugar, temos de ganhar e não bobear. Espero que seja um aniversário e com festa vermelha e preta – disse Léo Moura, que afirmou jamais ter jogado no dia de seu aniversário e que pediu a vitória de presente a seus companheiros.

outubro 23, 2008 Posted by | Flamengo | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Flamengo x Coritiba terá duelo de cabras-machos

Marcelinho Paraíba e Carlinhos Paraíba serão destaques no Maracanã

Marcelinho nasceu em Campina Grande, segunda cidade mais populosa da Paraíba. O amor pela terra natal o fez colocar o estado como parte de seu nome. Mas após quase três meses no Rio de Janeiro ele já admite virar Marcelinho Carioca. Morando com a esposa Estela, com quem está casado há 13 anos e junto há 15, e os filhos Viviane, de 11 anos, e Marcelo, de seis anos, o jogador já está completamente adaptado à Cidade Maravilhosa.

O atacante deixou de morar no Hotel Windsor, onde os jogadores ficam bancados pelo Flamengo até arrumar uma residência fixa, e agora está em um apartamento em Copacabana. A famosa praia do bairro, aliás, foi o primeiro ponto turístico visitado por Marcelinho e sua família. Nas raras folgas que teve, buscou conhecer também o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar.

– São lugares lindos. Meus filhos adoraram, todos já estão adaptados – afirmou o “carioca”. Para completar o tour, Marcelinho diz que só falta um lugar para relembrar as raízes. Trata-se do Centro de Tradições Nordestinas Luiz Gonzaga, a popular Feira dos Paraíbas, em São Cristóvão.

– Quero muito conhecer. Tem muito da minha terra por lá – disse.

Sobre o confronto com o conterrâneo Carlinhos Paraíba, Marcelinho diz não conhecê-lo pessoalmente, mas sabe que no campo trata-se de um bom jogador. Disse até ser fã, mas espera que o povo da Paraíba torça pelo filho mais antigo.

– Vai ser pelo filho flamenguista. Surgi há mais tempo e há o fato de ter mais rubro-negros no estado.

Apesar de não negar o seu estado de origem nem mesmo no nome, o apoiador Carlinhos Paraíba tem raízes cariocas e torce pelo Vasco, maior rival de seu adversário de hoje, o Flamengo. Destaque do Coritiba no Brasileiro, o jogador tem como objetivo atrapalhar a vida do Rubro-Negro.

Na infância pobre em Rio Tinto, a 52km da capital João Pessoa, Carlinhos sonhava ser profissional e defender seu clube do coração, o Vasco. Hoje, tenta minimizar a rivalidade:

– Depois de virar profissional essa história acaba. Enfrentar o Flamengo é como jogar contra o Vasco.

Carlinhos conversou por telefone com o conterrâneo Marcelinho, uma das referências do Flamengo e um exemplo. A impressão foi a melhor:

– Só tenho coisas boas a falar dele. Não fizemos apostas sobre o jogo.

A falta de um clube para atuar quase encerrou prematuramente a carreira do apoiador. Antes de se profissionalizar, Carlinhos, de 25 anos, tentou a sorte no Rio de Janeiro. Foi levado por um empresário ao Duquecaxiense, clube que deu origem ao Duque de Caxias. Depois, foi para o Madureira, no qual não teve destaque. Desiludido, outras alternativas de sobrevivência rondaram sua cabeça, inclusive, dirigir uma van, em Jacarepaguá. Ele trabalhou como cobrador em uma lotação que fazia o trajeto Asa Branca/Vaz Lobo.

Ele muito mudou do início até chegar ao Coritiba. As sondagens de São Paulo, Palmeiras e clubes europeus dificultam sua permanência no Coxa em 2009. A multa rescisória de R$ 20 milhões mostra que ele atingiu o objetivo traçado quando criança: ser um cidadão riotintense ilustre.

QUEM SÃO ELES

Nome: Marcelo dos Santos (Marcelinho Paraíba)
Nascimento: 17/5/1975, em Campina Grande (PB)
Altura e peso: 1,74m e 73kg
Posição: Atacante
Clubes na carreira: Campinense, Santos, Rio Branco-SP, São Paulo, Olympique (FRA), Grêmio, Hertha Berlin, Wolfsburg (ALE) e Trabzonspor (TUR) e Flamengo.

Nome: Carlos Pereira Berto Junior (Carlinhos Paraíba)
Nascimento: 03/04/1983, em Rio Tinto (PB)
Altura e peso: 1,70m e 69kg
Posição: Apoiador
Clubes na carreira: Duquecaxiense, Madureira, Olaria, Nacional-PB, Santa Cruz e Coritiba

outubro 23, 2008 Posted by | Coritiba, Flamengo | , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Flamengo recebe o Coritiba de olho no topo

Rubro-Negro tenta voltar ao G-4 e Coxa ainda sonha com Libertadores

Com os resultados da última rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo volta a ter esperanças de título. Mas, para isso, precisa vencer o Coritiba nesta quinta-feira, no Maracanã, para continuar sonhando com o hexa e também para voltar a ficar entre os quatro primeiros colocados. Já os paranaenses tentam vencer para continuarem com chances de chegar à Libertadores.

O Flamengo não teve boas atuações nos últimos jogos e a torcida não deve comparecer em peso, como foi contra o Atlético-MG. Sabendo que o time precisa apagar a má impressão deixada contra os mineiros e contra o Vasco, Marcelinho Paraíba pediu a presença dos rubro-negros no Maracanã e acredita que a equipe poderá votlar a jogar bem.

– Quero convocar a torcida para apoiar. Decepcionamos contra o Atlético-MG, mas tivemos um bom resultado contra o Vasco e esperamos que ela compareça em bom número ao Maracanã – disse Marcelinho Paraíba.

O técnico Caio Júnior tem dois desfalques nesta partida importante para as pretensões rubro-negras no Brasileiro. Fábio Luciano e Juan, suspensos, não jogam. O volante Aírton e Dininho disputam a vaga do zagueiro. A provável novidade fica por conta do substituto do lateral: Fernando pode estrear pelo Flamengo caso Luzinho volte a sentir dores na virilha direita. O atacante, contratado do Mixto-MT, jogará improvisado e terá a primeira chance desde que chegou, há dois meses.

– Vou procurar ir bem, até para ser aproveitado como meia. Tenho ido ao Maracanã e já vi que a pressão é muito grande – afirmou Fernando.

Após o empate com o Goiás na última rodada do Brasileirão, o Coritiba acabou ficando sete pontos atrás do São Paulo, o quarto colocado e que estaria na Libertadores 2009. E mesmo com essa grande diferença, o discurso no alviverde é que, se o Coritiba vencer no Rio, a equipe seguirá com chances de jogar a principal competição sul-americana no ano do seu centenário.

– Tem que acreditar. É claro que não dá para vender uma falsa ilusão ao torcedor, mas mesmo com o empate contra o Goiás, estamos na briga sim. São sete pontos e precisamos recuperá-los fora de casa. É ter o equilíbrio necessário para jogar uma partida de tamanha importância – disse Dorival Júnior.

E o atalho para essa vitória poderá passar pelos pés do artilheiro Keirrison, que já marcou 16 gols neste Brasileirão. Focado na partida do Maracanã, o atacante espera que o Coritiba possa repetir a atuação que o Atlético Mineiro teve no confronto diante dos próprios cariocas, quando venceu por 3 a 0 diante de um estádio lotado.

– A torcida do Flamengo comparecerá em peso e com certeza fará a equipe partir para cima. Espero que possamos usar isso a nosso favor, já que sobrarão espaços, pois é um campo muito grande – disse o jogador, que marcou duas vezes na partida contra o Fluminense, também no Maracanã.

FICHA TÉCNICA:
FLAMENGO x CORITIBA

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data/Hora: 23/10/2008 – 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (Fifa-RS)
Auxiliares: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e José Javel Silveira (RS)
FLAMENGO: Bruno, Jaílton, Aírton (Dininho), Ronaldo Angelim; Léo Moura, Toró, Ibson, Kleberson e Fernando (Luizinho); Marcelinho Paraíba e Obina. Técnico: Caio Júnior.

CORITIBA: Vanderlei, Maurício, Rodrigo Mancha e Felipe; Marcos Tamandaré, Alê, Leandro Donizete, Carlinhos Paraíba, e Ricardinho; Keirrison e Ariel. Técnico Dorival Júnior.

outubro 23, 2008 Posted by | Coritiba, Figueirense | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Na Gávea, procura-se reserva para Juan

Convocações e suspensões constantes do titular criam problema-extra para a reta final do Brasileirão.

Basta Juan não poder jogar para o problema ficar escancarado. O Flamengo, apesar dos 33 jatletas no elenco profissional, não tem um reserva para o jogador da seleção brasileira.

No início do Brasileiro, a posição era ocupada por Egídio. O jogador foi mal na derrota por 1 a 0 para o Vitória e perdeu espaço. Logo depois, Caio Júnior aceitou negociá-lo com o Juventude e pediu a contratação de Eltinho.

O novo reserva de Juan, porém, estava há sete meses sem jogar e sofreu para entrar em forma. Jogou 45 minutos contra o Santos e teve uma série de problemas médicos, incluindo problemas de cálculos renais. Na semana passada, lesionou novamente a coxa esquerda e não tem previsão de retorno.

– Talvez tivesse sido melhor se eu fosse contratado em 2009. Estaria melhor preparado – declarou o jogador recentemente.


Sem um jogador de origem, Caio partiu para as improvisações, já que as convocações e as suspensões de Juan são comuns. O lateral-direito Luizinho correspondeu bem nas três vezes em que foi exigido. Contra o Atlético-MG, Sambueza jogou na esquerda e decepcionou. Na partida contra o Coritiba, nesta quinta, Everton e até Fernando podem jogar na posição de Juan.

Ao contrário de outras ocasiões, as divisões de base não foram usadas como “solução”. No time sub-20, Diogo é o titular e Leo o reserva. O primeiro tem bom porte físico e em coletivos recentes contra os profissionais se destacou. Porém, a principal promessa do Flamengo para o setor ainda está nos juvenis: Jorbison. No início deste ano, ele participou de alguns treinamentos sob o comando de Joel Santana e recebeu elogios.

outubro 22, 2008 Posted by | Flamengo | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Bruno: ‘Se não der na técnica, que seja na porrada’

Goleiro do Flamengo afirma que agora é hora de um time engolir o outro

O Flamengo entrou de vez na briga pelo título do Campeonato Brasileiro após a vitória por 1 a 0 sobre o Vasco no último domingo. E o goleiro Bruno já entrou no clima de decisão. Segundo ele, a equipe rubro-negra tem a obrigação de vencer o Coritiba na próxima quinta-feira, no Maracanã, mesmo que seja na porrada.

– Se não pudermos ganhar na técnica, que seja na porrada. Daqui para a frente, é final de campeonato. É um time engolindo o outro – disse ao SporTV.

O Rubro-Negro está na quinta posição do Brasileiro com 52 pontos, quatro a menos que o líder Grêmio

outubro 21, 2008 Posted by | Flamengo | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

FLAMENGO X GUARANI AO VIVO

Acesse:

LEIA NOTÍCIAS DE SEU TIME E ASSISTA OS JOGOS DO MENGÃO

TRANSMISSÃO DE JOGOS AO VIVO DO MENGÃO

CLIQUE IMAGEM

TRANSMISSÃO DE JOGOS AO VIVO DO MENGÃO

CLIQUE NA IMAGEM E VEJA AO VIVO O JOGO DO MENGÃO

TRANSMISSÃO DE JOGOS AO VIVO DO MENGÃO

JOGO DO FLAMENGO AO VIVO CLIQUE NA IMAGEM

setembro 20, 2008 Posted by | Flamengo | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 374 Comentários