Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Vitória vence Botafogo, por 4 a 3, no Barradão

Apodi faz gol aos 44 do segundo tempo e garante os três pontos para equipe baiana

Vitória e Botafogo fizeram um jogo empolgante no Barradão (Crédito: Romildo de Jesus)

Vitória e Botafogo fizeram um jogo empolgante no Barradão

LANCEPRESS!

Em um jogo marcado por um primeiro tempo movimentado e um gol de Apodi aos 44 minutos do segundo tempo, o Vitória recebeu o Botafogo, no Barradão, neste sábado, e venceu os cariocas por 4 a 3, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols da partida foram marcados por Roger, duas vezes, Adriano e Apodi, para o time baiano. E pelo Alvinegro: Juninho, Batista e Victor Simões balançaram a rede adversária.

Com o resultado, o Glorioso permaneceu com seis pontos e o Rubro-Negro baiano chegou aos 13, na competição. Na próxima rodada o Glorioso enfrenta o Goiás, no Engenhão, enquanto o Vitória encara o Santo André, no Barradão.

O jogo começou com o atual campeão baiano imprimindo um ritmo muito forte e tentando sufocar a defesa do Botafogo, que desde o início mostrava fragilidade na marcação. Com o tempo, o Botafogo foi equilibrando a partida e chegou a ameaçar o goleiro Viáfara aos 10 minutos, com um chute cruzado de Laio, que o arqueiro rubro-negro defendeu com categoria. Porém, um minuto depois, foi o Vitória que abriu o placar. O volante Carlos Alberto fez um lançamento vertical para Roger, o zagueiro Juninho falhou, e o atacante com categoria, na cara do goleiro Renan, deu um toque por cima e fez o primeiro do jogo.

Após o gol, parecia que o Botafogo iria reagir, mas com Carlos Alberto, Apodi e Roger em uma tarde inspirada, ficava difícil para os cariocas dominarem a partida. Tanto que aos 21 minutos, Roger recebeu mais um lançamento, desta vez de Vanderson, driblou o zagueiro Emerson, dividiu com Renan – que saiu mal do gol – e a bola foi morrendo devagarzinho nas redes do Alvinegro. 2 a 0 para o Vitória.

A reação do time visitante só aconteceu mesmo aos 29 minutos, quando Juninho diminuiu o placar acertando uma bomba, em cobrança de falta na entrada da área, sem chance para o goleiro Viáfara. Não deu tempo nem para botafoguenses comemorarem e no minuto seguinte, Adriano aproveitou o rebote de Renan, após um chute de fora da área de Vanderson, e aumentou o marcador, deixando o jogo 3 a 1 para o Vitória. Aos 37, depois que Ney Franco acertou o posicionamento de Leandro Guerreiro, Léo Silva virou bem o jogo para a direita, Alessandro cruzou e Batista fez o segundo gol do Botafogo na partida.

Após um primeiro tempo empolgante e com cinco gols, a segunda etapa começou com o Botafogo tentando mostrar que não estava morto. Aos 12 minutos, Alessandro acertou um bom chute de longe, Laio tentou completar de letra, mas Viáfara estava atento e fez uma boa defesa.

As substituições feita por Ney Franco deram certo e os 27 minutos, Renato, que entrou no lugar de Léo Silva, acertou um bom passe para Victor Simões na área. O Pantera dominou com categoria e deu um toque na saída do goleiro Viáfara, empatando o jogo.

Com o gol, os alvinegros diminuíram o ritmo e por isso, aos 44 minutos, tomaram o golpe fatal. Após bom cruzamento pela esquerda, Renan saiu mal do gol e Apodi, de cabeça, deu números finais ao jogo.

O Botafogo continua sem conseguir vencer o Vitória no Barradão. Foram sete jogos ao todo. No ano passado, os cariocas tomaram de 5 a 2 para os rubro-negros e o técnico Geninho, que dirigia o Glorioso, na época, foi demitido.

FICHA TÉCNICA:

VITÓRIA 4 X 3 BOTAFOGO

Estádio: Barradão, Salvador (BA)
Data/hora: 20/6/2009 – 16h10 (de Brasília)
Árbitro: Francisco Carlos Nascimento (AL)
Auxiliares: Carlos Jorge Titara da Rocha (AL) e Otavio Correia de Araujo Neto (AL).
Renda / Público: R$191.440,00 / 7.912 pagantes.
Cartões amarelos: Leandro Domingues, 22’/ 1º T – Carlos Alberto, 28’/ 1º T – Roger, 42’/ 1º T (VIT); Léo Silva, 20’/ 2ºT (BOT).

GOLS: Roger, 11’/1°T – 1×0 (VIT); Roger, 21’/1°T – 2×0 (VIT); Juninho, 29’/1°T – 2×1 (BOT); Adriano, 30’/1°T – 3×1 (VIT); Batista, 37’/1°T – 3×2 (BOT); Victor Simões, 27’/2°T – 3×3 (BOT); Apodi, 44’/2°T – 4×3 (VIT).

VITÓRIA: Viáfara, Wallace, Victor Ramos, Anderson Martins; Apodi, Carlos Alberto, Vanderson, Leandro Domingues (Neto Berola – 32’/2°T) e Robson; Adriano (Robert – intervalo) e Roger (Edson – 18’/2°T). Técnico: Paulo César Carpegiani.

BOTAFOGO: Renan, Alessandro, Emerson, Juninho e Eduardo; Leandro Guerreiro, Léo Silva (Renato 25’/2°T), Batista e Lucio Flavio; Laio (Tony – 21’/2°T) e Victor Simões. Técnico: Ney Franco.

junho 20, 2009 Posted by | Botafogo, Vitória | , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário