Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Tuta estraga o baile e Corinthians só empata com São Caetano

Centroavante bota água no chope alvinegro e acaba com a festa. Empate mantém série invicta, agora com 12 jogos

Jogo do Corinthians na Série B 2008 parece um musical. A começar pela Fiel que embala o time com paródias de O Rappa, de Roberto Carlos e de Tim Maia, entre outras canções. E no empate em 2 a 2 deste sábado, ante o São Caetano, em Campinas, o ritmo perdeu o compasso e o tom corintiano desafinou no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, terra do maestro Carlos Gomes. Foi o São Caetano de Tuta quem armou o samba no baile do Corinthians.

E como uma das maiores bandas brasileiras dos anos 80, no clima do rock, o Timão mandou seu recado em poucos minutos: “Blitz, documento!” para cima do Azulão. Os canhotos Morais, André Santos e Douglas trocavam passes virtuosos e em menos de cinco minutos a equipe de Mano Menezes já havia disparado quatro chutes a gol. No entanto, como se pisasse no pé da garota dançando no baile de formatura, o maestro Douglas pisou na bola, caiu e armou um contra-ataque para o Azulão. A bola ficou no pé esquerdo de Andrezinho, que cruzou com perfeição, na cabeça de Tuta. Ele contou com a falha de William para finalizar no contrapé do goleiro Felipe.

Não demorou, entretanto, para o Corinthians responder. Se o maestro desafinou, André Santos passou a batuta para outro garçom alvinegro, Herrera. O argentino deu a sua sexta assistência no campeonato ao sair na cara do gol e tocar para Dentinho apenas empurrar para a rede. O camisa 31 chamou André Santos para dançar e ambos gingaram uma capoeira em Campinas. A Fiel cantou mais alto.

Só não contava, porém, com a volta de Tuta. Paradão, com poucos toques na bola e com categoria, o centroavante foi o tormento do capitão William neste sábado. O experiente jogador, com passagens em 19 clubes do futebol brasileiro, não dançava e nem cantava. Só mascava o seu chiclete e fazia gols. Em mais uma falha de William – que dançou com a vassoura na terra de Carlos Gomes – tomou a bola do companheiro Leonardo e fuzilou para pôr o Azulão mais uma vez na frente.

Do outro lado, quem praticamente sumia em campo era o volante Eduardo Ramos. Responsável por substituir Elias – que não toca nenhum instrumento, mas carrega o piano corintiano – o camisa 29 não conseguia manter o ritmo e a cadência do titular. Em diversos momentos do primeiro tempo, ele deixou a desejar e Cristian ficou sobrecarregado na marcação. Ramos, contudo, é especialista em cruzamentos. Como se fosse um solista, batia todas as faltas e foi com bola rolando que colocou a bola na cabeça de Herrera. Dentro da pequena área, o artilheiro corintiano fez seu décimo gol no campeonato e alcançou Tuta na tabela. Túlio, do Vila Nova- GO, segue na liderança com 21.

Quem perdeu o passo e a cabeça foi o zagueiro Chicão. Ele se irritou com o movimento do atacante Luan e resolveu revidar uma falta sofrida dentro da área. O problema é que o árbitro viu o pisão que o camisa 3 desferiu nas costelas do adversário. Foi para o chuveiro mais cedo. Alessandro, no fim do jogo, aos 47 minutos acompanhou o zagueiro e também recebeu o vermelho.

Com erros de passe, as equipes desafinaram. O último toque não saía e os meias não orquestravam as jogadas. Defasado, o Timão apenas se defendeu e o Azulão não conseguiu furar a retranca. Ao término do jogo, o São Caetano somou 37 pontos e está atrás do décimo colocado, o Ceará. Já o Corinthians, continua líder absoluto. São 62 pontos, 11 a mais que o vice-líder Vila Nova, 14 que o quinto colocado Santo André, que perdeu uma posição após a vitória do Barueri por 2 a 0 sobre o Bragantino neste sábado à noite. Na próxima rodada, o Corinthians e São Caetano jogam, respectivamente, com Marília (no sábado, às 16h) e Barueri (terça-feira, às 20h30).

FICHA TÉCNICA:
SÃO CAETANO X CORINTHIANS

Estádio: Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas
Data/hora: 27/09/2008 às 16h10 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)
Auxiliares: Giovani Cesar Canzian (SP) e Everson Luquesi (SP)
Renda e público: R$ 367.590,00 / 11.961 pagantes
Cartões amarelos: Apodi, Daniel e Tuta (SCA); André Santos (COR)
Cartões vermelhos: Chicão e Alessandro (COR)
Gols: Tuta (1-0), 8’/1ºT; Dentinho (1-1), 13’/1ºT; Tuta, (2-1), 33’/1ºT; Herrera (2-2), 12’/2ºT

SÃO CAETANO: Julio Cesar, Leonardo, Tobi e Marco Aurélio; Apodi, Glaydson, Daniel (Hernane, 30’/2ºT), Gerson (Francismar, 13’/2ºT) e Andrezinho; Luan (Finazzi, 30’/2ºT) e Tuta. Técnico: Vadão.

CORINTHIANS: Felipe, Alessandro, Chicão, William e André Santos; Cristian, Eduardo Ramos (Carlos Alberto, 35’/2ºT), Morais e Douglas; Dentinho (Fábio Ferreira, 18’/2ºT) e Herrera (Careca, 43’/2ºT). Técnico: Mano Menezes.

setembro 28, 2008 Posted by | Corinthians, São Caetano | , , , | Deixe um comentário