Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Vasco inicia conversas para ter Washington, do São Paulo

Agente do atacante confirma o interesse do clube

Com a saída de Dodô e com a lesão de Elton, um reforço para o ataque virou prioridade no Vasco. E a bola da vez é Washington, do São Paulo. A diretoria já iniciou conversas para viabilizar o acerto, mas evita falar sobre o assunto.

Rodrigo Caetano, diretor executivo de futebol do clube, prefere não confirmar nem negar as tratativas. Já o agente do atacante, Gilmar Rinaldi, se limita a dizer que existem conversas com o Cruzmaltino.

– Existe o interesse do Vasco pelo Washington. Estamos conversando. Por enquanto é só isso que tenho a dizer. Estamos conversando – explicou o agente sem dar muitos detalhes, alegando estar com pressa.

junho 5, 2010 Posted by | Vasco da Gama | , | Deixe um comentário

Goiás pode acertar com Richarlyson, do São Paulo

O jogador teria sido procurado pelo clube esmeraldino e a negociação pode acontecer nos próximos dias

Richarlyson está mais próximo do Goiás

Richarlyson está mais próximo do Goiás

CRAQUE DO FUTURO

O Goiás pode estar próximo de trazer mais um reforço para a sua equipe. O nome da vez na Serrinha é o de Richarlyson, que atualmente está sem grande espaço na equipe do São Paulo. Richarlyson é um nome bem visto pela diretoria esmeraldina, que procura jogadores que tenha como característica a versatilidade.

O que pode atrapalhar a chegada do atleta ao time goiano é o interesse do futebol internacional. A informação é que um clube europeu já estava em negociação com o São Paulo e o empresário do jogador, mas que a concretização do acordo havia emperrado. Desde modo, o são-paulino pode pintar no Goiás nos próximos dias, pois um acerto entre diretoria esmeraldina e o clube paulista já estaria encaminhada.

O jogador não é o “camisa 10” que a torcida tanto espera, mas pode ser um contratação de alto nível, já que o versátil jogador já chegou a ser convocado por Dunga para fazer parte da Seleção Brasileira.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

junho 13, 2009 Posted by | Goiás, São Paulo | , , , , | Deixe um comentário

Sem Alex e Anderson, cortados, Miranda e Kleberson são convocados por Dunga

Zagueiro do São Paulo e meio-de-campo do Flamengo são chamados para Eliminatórias 2010 e Copa das Confederações

Ampliar Foto Agência/O Globo Agência/O Globo

Kleberson, do Fla, e Miranda, do São Paulo

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou na tarde desta quinta-feira a convocação do zagueiro Miranda, do São Paulo, e do meio-de-campo Kleberson, do Flamengo, para a disputa das eliminatórias da Copa do Mundo de 2010 e da Copa das Confederações, que será disputada da África do Sul, de 14 a 28 de junho.

Os jogadores foram chamados para os lugares de Alex, do Chelsea, e Anderson, do Manchester United, cortados porque serão submetidos a cirurgias. O meia brasileiro chegou a defender o time inglês na final da Liga dos Campeões, nesta quarta-feira, contra o Barcelona. Os Diabos Vermelhos perderam por 2 a 0.


Nos dias 6 e 10 de junho, o técnico Dunga comanda o Brasil contra Uruguai, em Montevidéu, e Paraguai, no Recife-PE, pelas eliminatórias.

Com a convocação de mais dois jogadores que atuam no futebol brasileiro, agora já são sete os atletas que jogam no país. Miranda e Kleberson se juntam ao goleiro Victor (Grêmio), aos laterais Kleber (Internacional) e André Santos (Corinthians), ao meia Ramires (Cruzeiro) e ao atacante Nilmar (também do Inter).

Confira a lista atualizada dos convocados por Dunga:

Goleiros:

Julio César (Internazionale)

Gomes (Tottenham)

Victor (Grêmio)

Laterais:

Maicon (Internazionale)

Daniel Alves (Barcelona)

Kleber (Internacional)

André Santos (Corinthians)

Zagueiros:

Miranda (São Paulo)

Juan (Roma)

Lúcio (Bayern de Munique)

Luisão (Benfica)

Meio-campistas:

Kleberson (Flamengo)

Gilberto Silva (Panathinaikos)

Josué (Wolfsburg)

Ramires (Cruzeiro)

Elano (Manchester City)

Felipe Melo (Fiorentina)

Júlio Baptista (Roma)

Kaká (Milan)

Atacantes:

Alexandre Pato (Milan)

Luís Fabiano (Sevilla)

Nilmar (Internacional)

Robinho (Manchester City)

maio 29, 2009 Posted by | ABC de Natal, America-RN, Atlético-MG, Atlético-PR, Avaí, Bahia, Botafogo, Ceará, Corinthians, Coritiba, CRB, Criciuma, Cruzeiro, Figueirense, Flamengo, Fluminense, Fortaleza, Goiás, Grêmio, Internacional, Juventude, Náutico, Palmeiras, Paraná, Ponte Preta, Portuguesa, Santos, São Caetano, São Paulo, Seleção brasileira., Sport, Vasco da Gama, Vila Nova, Vitória | , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Em clássico equilibrado, goleiros garantem o 0 a 0 no Choque-Rei

Marcos, do Palmeiras e Denis, do São Paulo, brilham no Palestra Itália num jogo cheio de oportunidades

Hernanes e Mozart disputam a posse de bola

O São Paulo dominou o primeiro tempo e o Palmeiras tomou conta do segundo. No equilibrado clássico deste domingo, no Palestra Itália, o empate de 0 a 0 foi metade culpa da falta de pontaria dos atacantes e metade mérito dos goleiros. O resultado acabou sendo pior para o Tricolor, que segue sem vencer após três rodadas deste Campeonato Brasileiro.

O São Paulo começou bem mais perigoso. Seguro no sistema defensivo, com Eduardo Costa com forte marcação e com os três zagueiros – André Dias, Miranda e Richarlyson – bem postados, o Tricolor tinha tranquilidade e espaços para sair jogando e armar contra-ataques. Nos primeiros minutos, só o visitante jogou.

Marcos faz mais uma boa defesa

Aos sete, a primeira chance. Hugo chutou de longe e o tiro nem foi dos mais difíceis, mas Marcos soltou a bola e assustou a torcida palmeirense. Aos oito, mais uma investida são-paulina. Após cruzamento de Hugo, Washington dividiu com Marcão pelo alto e a bola sobrou para André Dias. O zagueiro cabeceou e Marcos defendeu. Na sequência, Washington mandou para a área novamente e Jorge Wagner errou o alvo na cabeçada.

Só dava São Paulo. O Verdão parecia pedir para tomar o gol. Aos 12, depois de um erro da zaga palmeirense na saída de bola, Dagoberto foi lançado e ficou cara a cara com Marcos, que, de novo, fez grande defesa. O Palmeiras, que não conseguia espaço para jogar e tinha dificuldade para brecar o adversário, só foi reagir aos 20 minutos. A primeira chance de gol, ainda que remota, foi num chute de longe de Diego Souza, que Denis defendeu.

As duas melhores oportunidades do primeiro tempo, porém, estavam guardadas para os minutos finais. Do lado verde, Keirrison completou um cruzamento de Wendel e chutou, à queima roupa, para Denis pegar. No ataque do Tricolor, Washington finalizou ainda mais de perto, dentro da pequena área, de voleio, e Marcos fez mais um dos seus milagres.

Ao sair para o intervalo, os dois técnicos foram para cima do árbitro Rodrigo Braghetto. Muricy Ramalho cobrava um segundo cartão amarelo – seria o vermelho – para Jumar, que brecou um contra-ataque são-paulino com falta. Vanderlei Luxemburgo não queria deixar o rival pressionar o juiz e ficou marcando os passos do treinador tricolor.

Segundo tempo palmeirense

Na volta para o segundo tempo, vendo que seu time estava em desvantagem, foi Luxemburgo quem mexeu: trocou Danilo e Mozart por Lenny e Souza. E o Palmeiras dos últimos 45 minutos foi completamente diferente. Agora, de fato, jogando como o verdadeiro dono da casa.

Aos três, Cleiton Xavier testou Denis de fora da área. Aos oito, Miranda derrubou Diego Souza dentro da área, mas o juiz mandou seguir o lance. Logo depois, foi a vez de Lenny desperdiçar oportunidade quase debaixo do travessão. Aos 11, Keirrison também chutou para fora a sua chance.

Ao contrário da primeira etapa, o São Paulo mal conseguia ficar com a posse de bola e raramente passava da linha do meio-de-campo. Para tentar mudar o cenário, Muricy tirou o apático Hernanes para a entrada de Arouca. Mas o Verdão não deixava o Tricolor respirar.

Muricy ainda substituiu Hugo por Junior Cesar e Jorge Wagner por André Lima. Já Luxemburgo mandou Ortigoza para o lugar de Keirrison. Em má fase com o gol, o K9 saiu de campo sob vaias. A sorte dele é que o público do Palestra Itália foi decepcionante – 12 mil pessoas – e o protesto não foi mais sonoro.

A exemplo do primeiro tempo, quando o São Paulo pressionou e recuou, o Palmeiras também diminuiu o ritmo com o passar do tempo. Depois que Maurício Ramos foi expulso, aos 30 minutos, e o time não tinha mais direito a fazer nenhuma substituição, o 0 a 0 passou a ser um placar interessante. E ninguém conseguiu balançar a rede até o juiz apitar o fim do jogo. Bem que os são-paulinos tentaram no finalzinho, só que Marcos não deixou: aos 43 pegou chute de Dagoberto e aos 46 evitou gol certo de Washington. Por falta violenta, Richarlyson ainda recebeu cartão vermelho. E, aos 49, Denis fez bela defesa ao defender cabeçada de Diego Souza.

Agora, os dois times voltam as suas atenções para as quartas de final da Taça Libertadores da América (se é que não estavam pensando nisso durante o clássico também). Na quarta-feira, o São Paulo encara o Cruzeiro no Mineirão. Na quinta, o Palmeiras recebe o Nacional (URU) no Palestra. Pelo Campeonato Brasileiro, as equipes só voltam a jogar no próximo domingo: o Tricolor repete o duelo com a Raposa no Morumbi e o Verdão visita o Barueri.

FICHA TÉCNICA
Palmeiras 0 X 0 São Paulo

Estádio: Palestra Itália, São Paulo (SP)
Data/hora: 24/05/09, às 16h00
Árbitro: Rodrigo Braghetto (SP)
Assistentes: Ednílson Corona (Fifa-SP) e Emerson Carvalho (Fifa-SP)

Renda e público: R$ 47.220.124 / 12.000 pagantes

Cartões amarelos: Jumar e Maurício Ramos (Palmeiras) e Zé Luís (São Paulo). Cartão vermelho: Maurício Ramos (31’ / 2ºT) e Richarlyson (47′ / 2ºT)

PALMEIRAS: Marcos, Maurcio Ramos Danilo (Lenny / Intervalo) e Marcão ; Wendel, Jumar , Mozart (Souza / Intervalo), Cleiton Xavier e Armero; Diego Souza e Keirrison (Ortigoza / 27’ 2ºT). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

SÃO PAULO: Denis, Zé Luís, André Dias, Miranda e Richarlyson, Eduardo Costa, Hernanes (Arouca / 15’ 2ºT) e Jorge Wagner (André Lima / 38′ 2ºT), Hugo (Júnior César / 25’ 2ºT), Dagoberto e Washigton. Técnico: Muricy Ramalho

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

maio 24, 2009 Posted by | Palmeiras, São Paulo | , , , , , , , , | Deixe um comentário

Ronaldo atinge 32 km/h: é a volta do Fenômeno!

No lance do gol, atacante chega perto de velocistas consagrados; Ronaldo Bolt?

Ronaldo marca o gol contra o São Paulo (Foto: Tom Dib)

Ronaldo marca o gol contra o São Paulo (Foto: Tom Dib)

LANCEPRESS!

A cada jogo, Ronaldo surpreende fãs e críticos. Mais do que a classificação do Corinthians para a decisão do Paulistão, o fato mais comentado nesta segunda-feira foi a arrancada do Fenômeno no segundo gol corintiano, na vitória sobre o São Paulo, pelas semifinais.

plus Vejas os detalhes da arrancada Fenomenal

O camisa 9 do Timão atingiu a velocidade média de 32km/h em sua arrancada. Antes de finalizar, chegou ao ápice com 36km/h. Sem contar que o zagueiro Rodrigo, do São Paulo, ficou para trás na corrida.

Dá até para lembrar do atleta jamaicano Usain Bolt, que cravou 9s69 na final dos 100m rasos na Olimpíada de Pequim, no ano passado.

Exagero? Pois saiba que uma comparação semelhante foi feita por um especialista da pista: Claudinei Quirino, medalha de prata na prova do revezamento 4x100m, na Olimpíada de Sydney, em 2000.

– Ronaldo corre e descansa. Aí, quando precisa dar outro pique, faz a mesma coisa. Não fica correndo o tempo inteiro. Tem tudo a ver com o velocista – diz o tricolor Quirino.

Mais experiente e ainda sem estar com 100% de suas condições, o atacante de fato tem se poupado durante os jogos. Em vez de correr o tempo todo, o craque usa a sua velocidade somente quando é preciso.

Foi isso o que aconteceu no segundo gol diante dos são-paulinos. Vale lembrar que, no primeiro tempo, Ronaldo participou de um lance parecido. Após receber belo passe de André Santos, ganhou dos zagueiros na corrida e mandou para o gol. Mas Bosco fez a defesa.

Em toda a sua carreira, o camisa 9 ficou famoso por suas arrancadas. O apelido de Fenômeno, que recebeu quando jogava pela Internazionale (ITA), tem ligação com a sua velocidade e com o faro de gol.

Sim, o Fenômeno voltou!

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

abril 21, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Richarlyson lidera lista de preferidos do Botafogo para a lateral esquerda

Diretoria ainda tem em mente nomes brasileiros no futebol europeu, mas começará a apostar em Gabriel, revelação do clube

Ampliar Foto Agência/VIPCOMM Agência/VIPCOMM

Reserva do São Paulo, Richarlyson está na mira do Botafogo

Após a vitória que selou a conquista da Taça Guanabara, Ney Franco deixou claro que o Botafogo não pode mais esperar por muito tempo para contratar um lateral-esquerdo para ser titular. E a diretoria, que inicialmente havia avisado que não tinha recursos para isso, agora se movimenta para contratar um jogador de ponta, como pediu o treinador. O primeiro nome da lista de preferidos é Richarlyson, do São Paulo.

Ainda não houve sequer um contato entre Botafogo e São Paulo. No entanto, o nome do jogador foi falado em algumas recentes reuniões de dirigentes. Embora saiba-se que o salário pode não ser compatível com a folha, Alvinegra, existe a esperança de que haja flexibilidade do clube paulista, que poderia aceitar um empréstimo para valorizar Richarlyson, que tem contrato até dezembro de 2010.

Em seguida, o nome da vez é Leonardo, ex-Portuguesa, que atualmente está no Olympiacos, da Grécia. Considerado um talento, o jogador tem 23 anos, e poderia ser contratado com a ajuda de um fundo de investimento. Outra possibilidade é alguém mais desconhecido: Luciano Amaral, de 26 anos, que está emprestado ao Vitória de Guimarães, de Portugal, até julho deste ano e é jogador da Ability, empresa que costuma investir no Botafogo.

Ampliar Foto Gustavo Rotstein/GLOBOESPORTE.COM Gustavo Rotstein/GLOBOESPORTE.COM

Revelação do Botafogo, Gabriel terá oportunidades durante a Taça Rio

Correndo por fora está um velho conhecido: Sylvinho, prestes a completar 35 anos, que atualmente está na reserva do Barcelona. O lateral-esquerdo, que começou no Corinthians e passou pela seleção brasileira, teria sido oferecido, mas possivelmente descartado pela diretoria do Botafogo. Há ainda Uendel, de 20 anos, que defendeu o Fluminense e atualmente está no Avaí.

Enquanto não existe esta definição, a comissão técnica prepara-se para colocar em prática o planejamento de lançar Gabriel, de 19 anos, que é formado no clube e treina com os profissionais desde o início da temporada. A classificação antecipada do Botafogo para a final do Campeonato Carioca fará com que ele seja observado em algumas partidas, como pode ser o caso do goleiro Luis Guilherme.

O ano começou com Eduardo como titular da lateral esquerda. No entanto, o jogador, que originalmente é zagueiro, não agradou. A opção atual é o lateral-direito Thiaguinho, que foi elogiado por Ney Franco. No entanto, o técnico não abre mão de um especialista para a posição.

SAIBA MAIS SOBRE OS COMPONENTES DA LISTA DA LATERAL ESQUERDA

Richarlyson (26 anos)
Nascimento: 27/12/1982, em Natal (RN)
Clube: São Paulo
Clubes anteriores: Ituano, Santo André, Fortaleza e Wustenrot Salzburg (Áustria)

Leonardo (23 anos)
Nacimento: 04/08/1985, em São Paulo (SP)
Clube: Olympiacos (Grécia)
Clube anterior: Portuguesa

Luciano Amaral (26 anos)
Nascimento: 20/10/1982, em Campina Grande (PB)
Clube: Vitória de Guimarães (Portugal)
Clubes anteriores: Caldense, Avaí e CRB

Sylvinho (34 anos)
Nascimento: 12/04/1974
Clube: Barcelona (Espanha)
Clubes anteriores: Corinthians, Arsenal (ING) e Celta de Vigo (ESP)

Uendel (20 anos)
Nascimento: 08/10/1988, em Araranguá (SC)
Clube: Avaí
Clubes anteriores: Criciúma e Fluminense

março 3, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Barrado no Inter, Adriano ganha chance com Dunga. Ronaldinho segue fora

Técnico anuncia lista com 22 jogadores para partida com Portugal. Zagueiro Miranda, do São Paulo, é a surpresa.

Barrado por José Mourinho no Inter de Milão por indisciplina (teria exagerado em noitada com Ronaldinho Gaúcho), o atacante Adriano foi convocado nesta segunda-feira pelo técnico Dunga para o amistoso do Brasil com Portugal, dia 19 de novembro, em Brasília. Já o ex-gremista, que subiu de produção no Milan, segue fora dos planos do treinador.

Esta será a última partida da seleção em 2008. Entre amistosos e jogos das eliminatórias, a equipe de Dunga venceu cinco vezes, perdeu duas e empatou três vezes.

A novidade da convocação é o zagueiro Miranda, do São Paulo. O lateral-esquerdo Marcelo, destaque da seleção nas Olimpíadas, volta a ganhar uma chance com Dunga.

Adriano, que tem três gols (um pelo Italiano e dois na Liga dos Campeões) em oito jogos na temporada, não foi nem relacionado para os últimos três jogos do time italiano.

O jogo com Portugal marcará a inauguração do novo estádio Estádio Walmir Campelo Bezerra, o Bezerrão, que foi reconstruído recentemente.

Ampliar Foto Marcia Feitosa/VIPCOMM Marcia Feitosa/VIPCOMM

Miranda, do São Paulo, é a novidade na convocação de Dunga para amistoso

A última partida entre as duas seleções foi em 6 de fevereiro do ano passado, quando os portugueses, ainda treinados por Luiz Felipe Scolari, venceram o time de Dunga por 2 a 0, em amistoso disputado em Londres. Os gols foram de Simão e Ricardo Carvalho.

O Brasil não enfrenta uma seleção européia no país desde 2002. No dia 27 de março daquele ano, a equipe, sob o comando de Felipão, venceu a Iugoslávia por 1 a 0, gol de Luizão, em um amistoso em Fortaleza.

Dos convocados nesta segunda por Dunga para a partida contra Portugal, dois jogadores entraram em campo naquele duelo no Ceará: o zagueiro Lúcio e o volante Gilberto Silva. A apresentação dos atletas para o jogo em Brasília será no dia 17.

Confira a convocação:

Goleiros

Julio César (Internazionale)

Doni (Roma)

Laterais

Maicon (Internazionale)

Daniel Alves (Barcelona)

Kleber (Santos)

Marcelo (Real Madrid)
Zagueiros

Lúcio (Bayern de Munique)

Miranda (São Paulo)

Thiago Silva (Fluminense)

Luisão (Benfica)

Meias

Gilberto Silva (Panathinaikos)

Elano (Manchester City)
Anderson (Manchester United)
Josué (Wolfsburg)
Kaká (Milan)
Diego (Werder Bremen)

Mancini (Internazionale)

Alex (Internacional)

Atacantes

Robinho (Manchester City)
Luís Fabiano (Sevilla)

Alexandre Pato (Milan)

Adriano (Internazionale)

novembro 3, 2008 Posted by | Seleção brasileira. | , , , , , , | Deixe um comentário