Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Timão antecipa concentração para a partida contra o Fluminense

Jogadores corintianos vão se apresentar na noite desta segunda-feira em um hotel da capital paulista

Ampliar Foto Reprodução/SporTV Reprodução/SporTV

Preocupado com as condições físicas do time, Mano Menezes refaz planejamento da semana

Para manter o foco 100% voltado para a partida da próxima quarta-feira, contra o Fluminense, pela Copa do Brasil, e preocupado com o estado físico de alguns atletas, o técnico do Corinthians, Mano Menezes, resolveu antecipar a concentração da equipe. Às 23h, todos se apresentarão em um hotel da capital.

A informação foi passada pelo treinador corintiano em sua página no twitter.

– Refizemos o planejamento da semana, pensando na Copa do Brasil. Por isso, vamos concentrar ainda hoje à noite, disse o treinador.

Mano está preocupado porque muitos atletas do elenco não estão no melhor de suas condições. Os atacantes Ronaldo e Souza e o volante Fabinho estão fortemente gripados. Dentinho está com dor de garganta. Elias e William seguem entregues ao departamento médico recuperando-se de lesões. Para completar, André Santos não está 100% recuperado das dores que sentia na virilha direita, e na concentração é mais fácil controlar a alimentação e o descanso dos atletas.

Após o treino físico realizado na manhã desta segunda-feira, no Parque São Jorge, o time voltará aos treinos na tarde desta terça-feira, no CT do Parque Ecológico.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

maio 12, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Para Mano, Timão entendeu ‘recado’ após derrota: ‘Nosso grupo é inteligente’

Treinador acredita que seja natural a oscilação de rendimento pelo envolvimento na decisão do Paulistão e o restante da Copa do Brasil

Ampliar Foto Nelson Coelho/Diário de São Paulo Nelson Coelho/Diário de São Paulo

Mano Menezes diz que a queda contra o Atlético-PR está dentro da normalidade

Mano Menezes considerou a derrota para o Atlético-PR por 3 a 2 (o Corinthians perdia por 3 a 0, resultado que o Santos precisa para ser campeão neste domingo), quarta-feira, em Curitiba, pela Copa do Brasil, como um “sinal” do futebol. Nesta sexta-feira, após conversar com os jogadores antes do treinamento no CT do Parque Ecológico do Tietê, o treinador acredita que o elenco entendeu o recado.

– Foi numa boa hora para não deixar nenhuma dúvida sobre o que é o futebol de hoje. Você tem uma boa vantagem, conseguiu aumentá-la, mas não é suficiente para garantir o título. Nosso grupo é inteligente – afirmou o comandante.

O treinador, aliás, já esperava por um momento de oscilação no duelo pela Copa do Brasil, sobretudo pelo Alvinegro estar envolvido e muito perto da conquista do Estadual. Para levantar a taça, o time do Parque São Jorge pode perder por até dois gols de diferença, neste domingo, às 16h, no Pacaembu.

– Entendo que o que aconteceu em Curitiba está dentro da normalidade. É uma semana diferente. Sempre tivemos um comportamento de concentração, doação e sacrifício. Mas nessa semana poderíamos ter essa queda, como tivemos. Não é o ideal, mas acontece – acrescentou.

Mano disse ainda que vê até certo ponto como positivo o fato de os jogadores estarem ansiosos para decidirem o Paulistão. Entretanto, reconheceu que a expectativa não pode ser extrapolada para não prejudicar o rendimento no momento mais importante da competição.

– Eu sou daqueles que pensam que é preciso ter um nível de ansiedade quando vai jogar. Quando vai decidir um título, também, porque deixa mais atento e concentrado. Mas sem passar do limite para não causar um prejuízo – completou.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

maio 2, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Pressão na Vila preocupa o Corinthians: ‘É um caldeirão’, diz Alessandro

Mano Menezes faz alerta a respeito da influência da torcida sobre a arbitragem e espera Peixe atacando nos primeiros minutos

Ampliar Foto Marcos Riboli/GLOBOESPORTE.COM Marcos Riboli/GLOBOESPORTE.COM

Alessandro treina chutes a gol

O Corinthians vai provar do próprio veneno neste domingo. Acostumado a encurralar os adversários quando joga no Pacaembu, o Timão terá pela frente toda a força que a Vila Belmiro exerce favoravelmente ao Santos, no duelo válido pela primeira partida das finais do Campeonato Paulista.

Quem faz o alerta é o lateral-direito Alessandro. O jogador defendeu o Peixe em 2003, durante a Libertadores, e sabe como o local pode ajudar o Alvinegro praiano. Além disso, acredita que o Timão não pode se descuidar.

– O estádio é menor, é um caldeirão. As arquibancadas são mais próximas. Será uma situação em que a equipe terá de estar preparada, mostrar personalidade para enfrentar.

Para o técnico Mano Menezes, a grande preocupação é com a influência da torcida principalmente sobre a arbitragem. Serão mais de 16 mil santistas empurrando o time dirigido por Vágner Mancini na tentativa de inverter a vantagem do Timão.

– A presença do público cria um ambiente diferente. A pressão sobre a arbitragem é maior. Cada falta que o jogador faz o torcedor cobra cartão amarelo. Precisamos ter uma postura equilibrada e estarmos preparados.

Mano, aliás, projeta que o Santos se arriscará no campo ofensivo nos primeiros

minutos. Entretanto, aposta na força de seu contra-ataque.

– É claro que o Santos vai tentar nos marcar mais adiantado. Vamos precisar saber sair dessa pressão. Trabalhamos muito algumas jogadas durante a semana.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)
Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

abril 25, 2009 Posted by | Corinthians, Santos | , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Vágner Mancini faz treino secreto e testa Adriano no lugar de Pará

Com problemas para escalar o meio-de-campo, treinador observou o volante Adriano, único da posição que estará no banco de reservas

Ampliar Foto Agência/Estado Agência/Estado

Mancini não terá seus dois volantes titulares contra o Timão: Souto e Brum

O técnico Vágner Mancini, do Santos, comandou um treino secreto nesta sexta-feira pela manhã. O clube divulgou que só haveria treino à tarde. Com isso, o treinador teve liberdade para observar sua equipe sem a presença de jornalistas.
Mancini não fez grandes mudanças na equipe que vem utilizando. Ele apenas observou o volante Adriano no lugar de Pará.

O treinador quis testar uma alternativa para o caso de alguma eventualidade durante a final do Paulistão, contra o Corinthians, domingo, às 16h (horário de Brasília) na Vila Belmiro. Afinal, os volantes Rodrigo Souto, machucado, e Roberto Brum, suspenso, não jogam. Adriano é o único jogador da posição para a reserva.

Segundo Mancini, Adriano é uma opção para o caso dele querer uma marcação mais forte no meio-de-campo. O treinador, porém, não quer saber de divulgar a escalação da equipe.

– Com o Adriano no meio, o time ganha em marcação porque ele é um atleta mais envolvido com aquele setor – explica o treinador.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)
Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

abril 24, 2009 Posted by | Corinthians, Santos | , , , , , , , | 1 Comentário

TJD decidirá na próxima semana se o volante Cristian será julgado

Advogado João Zanforlin diz que não houve ofensa e que as mulheres que usam sutiã e os maconheiros são mais perigosos nos estádios

Ampliar Foto Agência/Agencia Estado Agência/Agencia Estado

Na saída da Federação Paulista, Cristian encontrou a sua mulher e sua filha

A situação do volante Cristian,  do Corinthians , que fez gestos obscenos em direção aos torcedores do São Paulo na primeira semifinal do Campeonato Paulista , realizada no último domingo, só será decidida na próxima semana. O jogador esteve na tarde desta sexta-feira no Tribunal de Justiça Desportiva da Federação Paulista de Futebol e conversou com o presidente do órgão, Antônio Carlos Meccia. Na saída, escoltado por seguranças, o atleta não deu entrevistas.

Meccia disse que agora vai sentar com os outros membros do TJD para decidir o caso. Ele falou com os jornalistas na saída e disse que Cristian se mostrou bastante arrependido do gesto.

– Ele disse que em nenhum momento teve intenção de ofender a torcida adversária. Agora nós vamos sentar e resolver. Isso aconteceria na segunda-feira, mas não haverá sessão por causa do feriado. Durante a semana, vamos decidir. Ele poderá ou não ser denunciado – avisou o dirigente.

Com isso, Cristian está garantido na semfiinal de domingo, que acontecerá no Morumbi, e na primeira final do estadual, no caso do Corinthians conseguir a classificação.

– Se for oferecida a denúncia, ele será julgado na segunda-feira seguinte ao feriado – afirmou Antonio Carlos Meccia.

Ampliar Foto Marcelo Prado/GLOBOESPORTE.COM Marcelo Prado/GLOBOESPORTE.COM

O advogado do Corinthians, João Zanforlin (à esq.) conversa com o presidente do TJD, Antonio Carlos Meccia (à dir), após o depoimento do volante Cristian

Na saída da Federação Paulista de Futebol, o advogado do Corinthians, João Zanforlin, saiu em defesa do camisa 6 do time de Mano Menezes.

– Em nenhum momento, aquele gesto do Cristian é ofensivo. Aliás, ele inventou um novo gesto que precisa ser estudado no Brasil. Quando eu quero mandar alguém tomar no c…., eu faço assim [mostrando como se faz] e não do jeito que o Cristian fez. Além do mais, como ele poderia ter feito algum gesto obsceno se a sua mulher e sua filha estavam no estádio? – questionou Zanforlin.

O advogado ainda citou a torcida do São Paulo para tentar inocentar seu jogador.

– Não partiu nenhuma reclamação da torcida do São Paulo. Não aconteceu nenhuma confusão no estádio. Além do mais, se vocês observarem, uma torcida organizada do São Paulo faz o mesmo gesto. E ninguém fala nada.

Para concluir, o advogado falou que estão fazendo tempestade em copo d’água no caso do volante corintiano.

– Existem mulheres que vão de sutiã ao estádio. Isso é atentado ao pudor. E ninguém fala nada. Todo mundo sabe que tem muita gente que fuma maconha no estádio. Isso também não pode. Mas entendo isso. Essa repercussão toda é porque é o Corinthians.

Zanforlin deixou claro que não existe a menor possibilidade de Cristian ser julgado na Justiça Comum. A pedido do Ministério Público, foi aberto um inquérito para julgar o caso.

– A chance é zero. Não passa do primeiro dia. Não vai dar nem multa.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)
Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

abril 17, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , | 2 Comentários

André Santos comemora primeiro gol do ano com panqueca feita pela sogra

Lateral diz que dormiu mais tranquilo após marcar no clássico e oferece feito ao ‘bando de loucos’ e a namorada Suelen, para quem fez até tatuagem

Nada como um gol para tranquilizar. Um gol em um clássico polêmico como contra o São Paulo, melhor ainda. André Santos acordou nesta segunda-feira com um largo sorriso estampado no rosto após quebrar o jejum que o acompanhava na temporada e evitar que o Timão deixasse o Morumbi com uma derrota para o seu grande inimigo no momento. Para comemorar, um dia inteiro de folga e o carinho da família.

Carlos Augusto Ferrari/Globo Esporte

André Santos exibe tatuagem com as letras A e S feita para a namorada Suelen

– Dormi bem mais tranquilo. Fazia tempo que não marcava e estava precisando de um gol. Mas o mais importante foi poder ajudar a equipe, já que estávamos perdendo e conseguimos somar um ponto – explicou.

Bastante requisitado em seu dia de herói, André quer aproveitar o dia de folga para curtir. Ao lado da namorada Suelen, com quem está junto há dois anos, o lateral-esquerdo projeta uma tarde de passeios por algum shopping da capital paulista. Isso depois de saborear uma panqueca preparada pela sogra.

– Vou almoçar em casa com a família e depois aproveitar esse dia. Há muito tempo que nós não tínhamos um dia de folga assim. Quero passear, ir para algum shopping e me divertir um pouco. A gente também precisa desse tempo – acrescentou.

André Santos, aliás, explicou a comemoração do gol diante do Tricolor. Ao mandar a bola para a rede, o jogador saiu girando as mãos sobre a cabeça, gesto para simbolizar a música “Aqui tem um bando de loucos”, cantada pela torcida alvinegra em todos os jogos. Além disso, ofereceu o primeiro gol dele no ano para a amada.

– Eu gosto muito da música e fiz aquilo para a torcida, que sempre nos ajuda em momentos importantes. Mas o gol foi para a Suelen também (risos) – justificou.

André Santos, porém, não estava sendo procurado apenas pela imprensa em seu dia de herói. Logo nas primeiras horas da manhã, recebeu uma ligação do amigo e companheiro de Timão Dentinho, seu grande parceiro nas brincadeiras com o restante do grupo.

– Ele já me ligou logo cedo para falar que eu só marco quando ele está por perto. É uma figura (risos) – completou.

fevereiro 17, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Por sequência como titular, Túlio corre atrás de adaptação em São Paulo

Apesar de se considerar longe do ideal, volante atuou em todos os jogos do Corinthians na temporada, três deles como titular

Ampliar Foto Marcos Ribolli/GLOBOESPORTE.COM Marcos Ribolli/GLOBOESPORTE.COM

Em jogos-treino durante a pré-temporada, Túlio se destacou como titular de Mano Menezes

Nos seis jogos do Corinthians até aqui no Campeonato Paulista, Túlio foi titular em três e entrou no decorrer das outras três partidas. Outros reforços para a temporada 2009 não tiveram a mesma regularidade, mas, mesmo assim, o volante, ex-Botafogo, acredita que ainda não conseguiu se adaptar ao futebol paulista.

– (A adaptação) está sendo um pouco mais complicada do que eu esperava. Mas sempre que mudo de um time para outro passo por um momento complicado de adaptação. Foi assim quando saí do Goiás e fui para o Botafogo. Os três primeiros meses foram mais difíceis, mas não vou entrar em desespero por isso – falou o camisa 8.

A briga para ser volante do Corinthians atualmente é grande. São cinco jogadores mais Elias, que agora está jogando mais adiantado, mas no ano passado atuou como segundo homem de meio-campo. Por falar em primeira e segunda função no setor, Túlio não tem preferência. Quer atuar onde o técnico Mano precisar.

– Com algumas raras exceções, todo volante faz primeiro e segundo volante. Todos os jogadores dessa posição estão sempre dispostos e eu sempre me adapto às duas – comentou Túlio, que no Corinthians já fez as duas funções.

Uma das justificativas do volante para ainda não ter conseguido encaixar o seu futebol no Corinthians é que a base da equipe vem do ano passado.

– Espero que apareça aqui o futebol que apresentava no Botafogo. Tenho de pegar o jeito de o time jogar, porque a equipe já estava formada e preciso me adaptar a isso de alguma maneira – finalizou o meio-campista.

fevereiro 10, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Mesmo por R$ 150, área vip atrai bom público na estreia do Corinthians

Setor oferece traslado até o estádio, alimentação, segurança e proteção da chuva

Ampliar Foto Divulgação/Globo Esporte Divulgação/Globo Esporte

Torcida do Timão na chegada ao estádio

O preço era salgado, mas a torcida do Corinthians compareceu em bom número à área vip, setor criado pelo clube para receber torcedores mais endinheirados em jogos do Timão, no Pacaembu, durante a temporada 2009.
Por R$ 150, o corintiano tem direito a deixar o carro em um hipermercado na região do estádio. Ao chegar ao Pacaembu, acessa o setor por catracas exclusivas e permanece em uma espécie de saguão de entrada recheado de belas recepcionistas.

Já nas cadeiras, recebe um kit alimentação contendo sanduíche natural, pipoca, cachorro-quente, sorvete, refrigerante e água. A segurança do local também foi reforçada para evitar tumultos.

– Apesar do conforto, o preço ainda é bem alto. Fica complicado ficar neste setor sempre. Um trabalhador comum não tem condições de pagar – afirmou o estudante Thiago Costa Pereira, que tem direito à meia-entrada (R$ 75).

Por um pouco menos, o torcedor do Corinthians pode adquirir seu ingresso para um setor com bem menos comodidade. As numeradas descobertas, localizadas logo abaixo da área vip, foram vendidas por R$ 100 e não dão direito a nada. Como choveu durante o jogo, alguns alvinegros precisaram recorrer à tradicional capa para se proteger.
O mesmo aconteceu com quem optou por ficar nas arquibancadas laranjas, do lado oposto do estádio. Elas foram comercializadas por R$ 70 e também não trazem nenhum conforto. Os demais lugares, todos populares, estavam sendo vendidos por R$ 20.

janeiro 22, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , | Deixe um comentário