Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Fabinho é inscrito pelo Cruzeiro na Libertadores

Volante lamentou expulsão conta Barueri. Último cartão vermelho recebido foi há cinco anos

Fabinho deverá ser relacionado para partida contra o Grêmio (Crédito: Vipcomm)

Fabinho deverá ser relacionado para partida contra o Grêmio

LANCEPRESS!

Confirmado na Libertadores por Adilson Batista ainda neste domingo após a derrota diante do Barueri, Fabinho foi inscrito para a competição sul-americana nesta segunda-feira e deverá ser relacionado para o jogo desta quarta-feira contra o Grêmio.

O jogador teve a atuação destacada pelo treinador do Cruzeiro, apesar da expulsão no segundo tempo. O volante impediu que Thiago Humberto penetrasse na área cruzeirense.

Ser advertido com cartão vermelho não é algo comum na carreira do jogador. A última vez que Fabinho havia sido expulso foi no dia 13 de junho de 2004 no empate em 1 a 1 entre Corinthians e Goiás, no Serra Dourada.

– Ficamos chateados porque já estava há muito tempo sem ser expulso. Era uma motivação pessoal, ainda mais pela posição que atuo, que é sempre de combate – se defendeu o jogador.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

junho 22, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Kléber: ‘Já até sonhei com o título da Libertadores’

Atacante do Cruzeiro pede dedicação de todo o grupo na reta final

Kléber é o artilheiro do Cruzeiro na temporada com 20 gols. (Crédito: Vipcomm)

Kléber é o artilheiro do Cruzeiro na temporada com 20 gols.

LANCEPRESS!

O desejo de conquistar o título da Libertadores faz com que os jogadores do Cruzeiro cheguem a sonhar com o objetivo. Para o atacante Kléber, um dos destaques da Raposa na temporada e que o intuito de ser campeão não sai de seus pensamentos, o fato de a equipe estar na semifinal da competição alimenta ainda mais o sonho e pode servir como combustível.

– Eu já até sonhei com a gente sendo campeão da Libertadores. Tive um sonho há duas noites com a gente conquistando o título. São só quatro jogos, é colocar isso na cabeça pois são os quatro jogos, talvez, da nossa vida. Se cada jogador pensar assim, todo mundo correndo e se ajudando, tenho certeza de que temos grandes chances de sermos campeões – pediu o atacante.

O camisa 25 acredita que o Cruzeiro encontrará dificuldades na partida em função da forte marcação do time gremista que tentará neutralizar a velocidade do time.

– Eles vão marcar muito forte, pois sabem que nosso time tem uma saída de bola boa com nossos volantes e o Wagner. Vão marcar o time todo. Logicamente, a gente sabe que, pela escola do Sul, eles marcam mais forte. Mas é normal, vai ser um jogo de força e a gente tem de estar preparado – alertou o Gladiador.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

junho 22, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Venda de parte de Ramires é adiada

Cruzeiro deve concluir negociação na semana que vem

LANCEPRESS!

O Cruzeiro espera concretizar na próxima semana a venda dos 30% dos direitos econômicos de Ramires para o grupo de investidores representado por Giuliano Bertollucci.

A negociação, que estava prevista para ser concluída na semana que passou, precisou ser adiada, pois Bertolucci teve alguns compromissos e não pôde viajar a Belo Horizonte para fechar o acordo.

O Cruzeiro receberá dois milhões de euros pela venda, cerca de R$ 6 milhões. O dinheiro servirá para o clube manter em dia os salários de jogadores e de funcionários no restante deste semestre.

Atualmente, a Raposa detém 70% dos direitos econômicos do volante. Os 30% restantes pertencem ao Joinville, clube pelo qual o camisa 8 foi revelado.

abril 4, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Adilson faz testes em coletivo

Técnico comanda treino entre profissionais e juniores da Raposa

Ampliar Foto Agência/VIPCOMM Agência/VIPCOMM

Wellington Paulista fez dois no coletivo

O técnico Adilson Batista comandou um treino coletivo nesta quinta-feira. A equipe principal do Cruzeiro enfrentou o time júnior e venceu por 3 a 0.

Após o trabalho em dois períodos na terça-feira, e o treino técnico de quarta, a comissão técnica quer adequar a carga de atividades para que os atletas estejam descansados no jogo contra o Tupi, domingo, às 6h, no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora. Será o duelo de volta pelas quartas-de-final do Mineiro. No primeiro, vitória celeste por 1 a 0.
– A gente começou a semana com dois períodos, dando ênfase à parte física e agora somente à parte tática e técnica com o Adilson. O objetivo é que a carga suba no começo, estabilize e caia na sexta e no sábado, para os atletas chegarem descansados no domingo – explicou o preparador físico, Quintiliano Lemos, em entrevista ao site oficial.
O coletivo serviu para o técnico Adilson Batista testar diversas formações e fazer experiências. Com alta rotatividade, todos os atletas disponíveis estiveram em campo. Wellington Paulista (duas vezes) e Bernardo marcaram os gols.
O treinamento foi constantemente interrompido pelo técnico, que procurou corrigir os erros cometidos contra o Tupi, no último sábado, e projetar a forma como a equipe deve se portar na decisão da vaga na semifinal.

– A gente não deixa soltar o coletivo, trabalho em conjunto porque podem acontecer faltas e machucar alguém. Durante este trabalho o Adilson para, corrige, para que as coisas aconteçam da maneira que ele quer no jogo – explicou o auxiliar técnico, Ivair Júnior.

O volante Henrique diz que o grupo está atento aos erros cometidos no primeiro jogo.

– Pelo número de jogadores que nós temos, ele decidiu trazer os meninos para a gente ter um ritmo maior de treinamento e chegarmos bem condicionados no domingo. Ele já viu o vídeo do jogo e corrigiu o posicionamento para que a gente diminua os erros e vença – disse.

abril 3, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Jogadores são vacinados contra a gripe

Integrantes da comissão técnica e demais funcionários também se previnem

Divulgação/Site Oficial do Cruzeiro

Elicarlos é vacinado contra a gripe

Jogadores, membros da comissão técnica e demais funcionários do Cruzeiro foram vacinados contra a gripe nesta quinta-feira. A iniciativa do departamento médico pretende fazer com que a incidência da doença seja minimizada no período do outono e inverno, época em que ocorre com maior freqüência.

– O nosso primeiro objetivo é impedir alguns tipos de infecção por gripe. A gente tem uma menor incidência de quadros de gripe no meio de uma p

– Acho que todos os jogadores têm que tomar, assim como quem atua em outras funções no clube para poder se prevenir. Acho que é sempre importante – disse Elicarlos, em entrevista ao site oficial do clube.

Léo Fortunato ressalta a prevenção como uma forma de evitar que os atletas fiquem fora das partidas por causa da gripe.

– Quanto mais a gente se precaver nessas situações, melhor para a gente. Com isso ficamos fora só por cansaço ou por sentir alguma coisa, porque por doença estamos precavidos – afirmou.

opulação vacinada. Quando acontece de uma pessoa vacinada ter a gripe, a tendência é que ela se manifeste com uma intensidade menor. Com isso, caso algum atleta seja infectado, ficará menos dias afastado de suas atividades – explicou o médico do clube, Sérgio Freire Júnior.

Os jogadores aprovam a atitude. Para o volante Elicarlos, o fato de os funcionários também serem vacinados é algo positivo.

– Acho que todos os jogadores têm que tomar, assim como quem atua em outras funções no clube para poder se prevenir. Acho que é sempre importante – disse Elicarlos, em entrevista ao site oficial do clube.

Léo Fortunato ressalta a prevenção como uma forma de evitar que os atletas fiquem fora das partidas por causa da gripe.

– Quanto mais a gente se precaver nessas situações, melhor para a gente. Com isso ficamos fora só por cansaço ou por sentir alguma coisa, porque por doença estamos precavidos – afirmou.

abril 3, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Fábio: ‘Deveríamos ter matado o jogo’

Goleiro celeste diz que o time precisa aprender a jogar com o regulamento

Fábio salvou o Cruzeiro no final da partida contra o Universitário Sucre-BOLFábio salvou o Cruzeiro no final da partida contra o Universitário Sucre-BOL (Crédito: Gil Leonardi)

LANCEPRESS!

O goleiro Fábio do Cruzeiro pediu mais atenção aos companheiros daqui para a frente na Copa Libertadores. A Raposa venceu o Universitário Sucre-BOL por 1 a 0, na última quarta-feira, mas acabou pressionada nos minutos finais da partida.

– A gente sabia das dificuldades. Tivemos chances novamente, temos que aprender a jogar com o regulamento e matar o jogo. Os jogos fora são difíceis, os juízes não dão falta. A gente tem que aprender a jogar e estar apto porque a tendência é as dificuldades aumentarem daqui para frente – comentou Fábio.

março 5, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Raposa encara altitude com mais experiência

Jonathan espera repetir boa atuação apresentada contra o Deportivo Quito

Jonathan confiante em uma vitória celesteJonathan confiante em uma vitória celeste (Crédito: Gil Leonardi)

LANCEPRESS!

O Cruzeiro já está em Santa Cruz de la Sierra na Bolívia, onde enfrenta, na próxima quarta, o Universitário Sucre, pela Taça Libertadores. Essa será a terceira partida da Raposa na competição e a segunda jogando na altitude. Na segunda rodada o time celeste jogou à 2.850m de altitude e empatou com o Deportivo Quito do Equador, agora o clube encara os 2.750m de Sucre, na Bolívia.

– Já jogamos a 2.800 metros e o time foi bem, deu para ter um parâmetro e nossa equipe jogou bem. Tenho certeza que todos os jogadores pensam como eu de que vamos fazer em Sucre um jogo tão bom quanto na altitude do Equador – disse o lateral Jonathan.

março 3, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Em sua reestreia, Sorín supera expectativas

Em seu retorno, argentino foi ovacionado pela torcida cruzeirense no Mineirão

Sorín reencontrou a torcida celeste após 10 meses afastado de campoSorín reencontrou a torcida celeste após 10 meses afastado de campo (Crédito: Gil Leonardi)

LANCEPRESS!

O lateral-esquerdo Sorín voltou a participar de uma partida oficial após quase dez meses afastado de campo, devido a uma cirurgia no joelho. O argentino fez a reestreia pelo Cruzeiro diante da torcida, que o ovacionou sempre que pegava na bola.

Sorín jogou até os dez minutos do segundo tempo, demonstrou a garra de sempre e foi com frequência ao ataque, como é sua característica.

– Adilson tinha conversado comigo para jogar 30 minutos, acabou indo mais e foi muito bom. Agora tenho mais jogos pelo Mineiro para ir recuperando a condição física. A ideia é cada vez jogar um pouquinho mais e, tomara em mais dois ou três jogos já tenha condições de jogar uma partida completa – disse o argentino, que descartou jogar na quarta pela Libertadores.

VIAGEM
Após vencer o Ituiutaba, os jogadores do Cruzeiro tiveram pouco tempo de descanso. A equipe se reapresenta nesta segunda-feira, às 9h30, na Toca da Raposa 2, e o técnico Adilson Batista decidirá quais jogadores viajarão à Bolívia, onde o clube enfrentará o Universitário de Sucre, pela Libertadores na quarta-feira.

Os relacionados embarcam para São Paulo às 12h e às 16h30 pegam outro voo para Santa Cruz de La Sierra (BOL), onde ficarão concentrados até a manhã de quarta, seguindo para Sucre.

março 2, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Bilhetes para a partida começarão a ser vendidos nesta sexta-feira

LANCEPRESS!

A diretoria do Cruzeiro definiu nesta quinta-feira como serão disponibilizados os 25 mil bilhetes para o jogo de domingo, às 16h, contra o Ituiutaba, no Mineirão. Os ingressos começarão a ser vendidos na manhã de sexta-feira, e têm desconto se adquiridos com antecedência.

Até o sábado, os preços são os seguintes: cadeira de setor (R$ 10); cadeira lateral (R$ 15); cadeira central (R$ 20) e cadeira especial (R$ 30). Estudantes, menores de 12 anos e maiores de 60 anos pagam a metade do preço em todos os casos.

A venda antecipada acontecerá na sexta-feira e no sábado, de 9h às 17h, na Sede Campestre (rua das Canárias, 254, Pampulha), no Ginásio do Barro Preto (rua Ouro Preto s/n) e na Loja Cruzeiro Mania do Barreiro (av. Sinfrônio Brochado, 125). Na Loja Cruzeiro Mania da Savassi (av. do Contorno, 6605), as bilheterias funcionam das 10h às 17h.

A bilheteria 1 do Mineirão (av. Abraão Caram, 1000) funcionará apenas na sexta-feira, de 9h às 17h, já que no sábado o estádio receberá outra partida do Campeonato Mineiro.

No domingo, os bilhetes sofrerão aumento, passando a custar: cadeira de setor (R$ 15), cadeira lateral (R$ 20), cadeira central (R$ 25) e cadeira especial (R$ 35). Estudantes, menores de 12 anos e maiores de 60 anos pagam a metade.

No dia do jogo, os ingressos serão disponibilizados de 9h às 12h na Sede Campestre, no Ginásio do Barro Preto e nas Lojas Cruzeiro Mania da Savassi e do Barreiro. No Mineirão, a venda acontecerá de 9h até os 2 min do segundo tempo, nas bilheterias 1, 3 e 4.

Os torcedores do Cruzeiro terão acesso ao Mineirão pelos portões 1, 2, 3, 6, 7A e 14. Os adeptos do Ituiutaba entrarão pelo 13 (cadeira inferior).

Fonte: Site oficial do Cruzeiro

fevereiro 27, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Cruzeiro espera aprender com empate em Quito

Empate na altitude de Quito será exemplo para duelo na Bolívia

Em Quito, Ramires marcou seu sétimo gol na temporadaEm Quito, Ramires marcou seu sétimo gol na temporada (Crédito: Gil Leonardi)

LANCEPRESS!

Os jogadores do Cruzeiro viram o empate com o Deportivo Quito, do Equador, como uma forma de se preparar para a partida da próxima quarta-feira, contra o Universitário de Sucre, da Bolívia. Assim como a capital do Equador, a cidade boliviana está a mais de 2.800 metros acima do nível do mar.

– Para a gente é complicado. Creio que vamos trabalhar em cima do que aconteceu aqui para que não aconteça lá no jogo de Sucre, também na altitude, para a gente procurar sair com a vitória – disse o volante Ramires.

O camisa 8 da Raposa foi um dos jogadores que sentiram muito os efeitos da altitude. No segundo tempo acabou substituído pelo atacante Soares.

– É muito diferente. Dei dois piques ali e já senti. A gente cansa um pouco, e eu, ficar atrás e buscando o contra-ataque, ia ser um pouco difícil para executar – explicou.

Mesmo com o cansaço da viagem de volta, Ramires não quer ficar fora do jogo de domingo contra o Ituiutaba pelo Estadual.

– Estamos aqui para trabalhar, estou à disposição de Adilson – disse.

fevereiro 27, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Após estreia explosiva, Kléber reforça o mistão do Cruzeiro contra o Uberaba

Time celeste joga no Uberabão às 18h15m tentando manter folga na liderança. Ramires também tem chance de começar a partida

Divulgação/VIPCOMM Divulgação/VIPCOMM

Gustavo (à dir.) está confirmado na zaga para o jogo contra o Uberaba, fora de casa

Kléber teve uma rápida estreia com a camisa do Cruzeiro: ficou 15 minutos em campo, mas o suficiente para marcar dois gols, antes de ser expulso na vitória por 3 a 0 sobre o Estudiantes, pela Libertadores. Neste sábado, os torcedores deverão ter mais tempo para ver o atacante com a camisa celeste.

Ele reforça o time misto que enfrenta o Uberaba às 18h15m, no Uberabão, pela sexta rodada do Campeonato Mineiro. O clima do jogo é menos tenso do que o de quinta-feira, já que o Cruzeiro só perde a liderança com uma tragédia e o adversário ocupa apenas a oitava colocação. O time de Kléber tem 15 pontos, três a mais do que Democrata e Ituiutaba, mas com um saldo de gols bem superior (13, contra seis e cinco, respectivamente).

Confira a classificação e a tabela de jogos do Mineiro

Os titulares Ramires e Fabrício foram relacionados pelo técnico Adilson Batista e devem fazer companhia a Kléber. O primeiro cumpriu suspensão automática contra o Estudiantes, e o segundo foi poupado do treino dessa sexta-feira. O lateral-direito Jancarlos, o zagueiro Leonardo Silva e o volante Elicarlos, que também jogaram na quinta-feira, viajam com a delegação para Uberaba.

Adilson quer dar ritmo aos reservas

Apesar da expulsão, a atuação de Kléber foi elogiada por Adilson Batista. Ele destacou a personalidade do comandado e disse que ele vai melhorar “nesse quesito”. O atacante, por sua vez, se defendeu:

– No fim do Brasileiro, os árbitros já não pegaram tanto no meu pé porque entenderam o meu estilo de jogo – justificou Kléber durante o programa “Arena SporTV”, na sexta-feira. – Gosto do jogo com contato, com força.

Além de dar descanso aos titulares, Adilson Batista quer que os reservas cheguem a um bom nível físico o quanto antes. Ele treinou a equipe com duas formações, 4-4-2 e 3-5-2. Na segunda, Leo Fortunato faria companhia a Anderson e Gustavo na zaga, com o meia Fabrício saindo do time titular.

– Precisamos acelerar o processo de alguns jogadores, para que eles fiquem à disposição, no mesmo nível dos demais, o mais rápido possível – disse para o site oficial do clube.

Desfalques no Uberaba

O Uberaba ocupa atualmente a última das oito vagas que levam às quartas-de-final do Campeonato Mineiro. Tem seis pontos, assim como o sétimo colocado, o Uberlândia, e o nono, o Tupi. Para enfrentar o Cruzeiro, o técnico Pedrinho Rocha não poderá escalar o zagueiro Rogério, o lateral-esquerdo Michel Gomes e volante Bruno Camargo, que estão suspensos.

Ficha do jogo

UBERABA CRUZEIRO
Laílson, Ivonaldo, Glauco, Gustavo e Jackson; Balduíno, Gabriel, Maurício, Michel Cury e Biro Gomes; Danilo. Andrey, Jancarlos, Gustavo, Anderson e Gerson Magrão; Fabrício (Mateus), Elicarlos, Ramires (Camilo) e Bernardo; Soares e Kléber.
Técnico: Pedrinho Rocha. Técnico: Adilson Batista.
Estádio: Uberabão. Data: 21/02/2009. Horário: 18h15m. Árbitro: Emerson Almeida Ferreira. Auxiliares: Márcio Eustáquio Santiago e Ângela Paula Ribeiro.
Transmissão: O Premiere, pelo sistema pay-per-view, mostra para todo o país.

Primeira fase – sexta rodada
Sexta, 20/02
21h45m – América 0 x 0 Social
Sábado, 21/02
11h – Democrata GV x Uberlândia
16h – Guarani x Ituiutaba
16h – Atlético x Rio Branco
18h15m – Uberaba x Cruzeiro
Quarta-feira, 25/02
17h15m – Tupi x Villa Nova

fevereiro 21, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Estreante Kléber marca duas vezes, e Cruzeiro vence o Estudiantes

Atacante fica em campo por 15 minutos, faz dois gols e é expulso, mas Raposa garante vitória por 3 a 0 sobre os argentinos, no Mineirão

Com dois gols e um cartão vermelho, Kléber estreia e garante a vitória da Raposa

O Cruzeiro venceu o Estudiantes por 3 a 0, nesta quinta-feira, no Mineirão, pela primeira rodada do Grupo 5 da Libertadores com direito a dois gols do estreante Kléber. Após uma primeira etapa de poucas chances de gol, a Raposa se impôs no segundo tempo e conquistou seus três primeiros pontos na competição.

Mais cartões que chances de gol

Com menos de 10 segundos de bola rolando, Wágner cometeu a primeira falta dura da partida, sobre o argentino Salgueiro. Não demorou muito para que os cartões amarelos começassem a aparecer. Aos 6, Henrique cometeu falta em Angeleri e foi advertido. Aos 12, foi a vez de Germán Re, que exagerou na força, em disputa pela bola com o cruzeirense Fabrício. Com 20 minutos de jogo, os dois zagueiros do time do técnico Adilson Batista – Thiago Heleno e Leonardo Silva – já estavam pendurados. Além deles, Wágner, Cellay e Boselli foram punidos na primeira metade da partida.

Já as chances de gol foram raras. Os visitantes ameaçaram primeiro, aos 14 minutos, em levantamento na área. Apesar da alta estatura da zaga celeste, a bola chegou ao argentino Desábato, que desviou e por pouco não abriu o placar.

O time do técnico Adilson Batista chegou perto de marcar aos 23, quando Thiago Ribeiro se esticou, mas não conseguiu completar cruzamento do meia Wágner para o fundo das redes. Aos 30, Wágner tabelou com Wellington Paulista na entrada da área e chutou de esquerda, mas a bola desviou na zaga argentina e saiu pela linha de fundo.

Apagado na etapa inicial, Wellington Paulista aproveitou o contra-ataque da Raposa, aos 33, invadiu a área argentina pela direita e chutou sem ângulo, para a defesa de Andújar. A melhor oportunidade da Raposa saiu dos pés de Thiago Ribeiro, que arriscou de longe com força, aos 34, e quase surpreendeu o goleiro argentino, que defendeu no susto.

Kléber deixa seu cartão de visitas

A etapa final começou com investida dos argentinos. Aos 4, Salgueiro invadiu a área pela esquerda, driblou o goleiro Fábio, mas ficou sem ângulo para chutar e acabou cruzando para o meio da área, onde só havia cruzeirenses. O camisa 1 da Raposa se redimiu e apareceu bem aos 12, quando saiu da área e atrapalhou Boselli, que entrava livre na área com a bola nos pés. Na sequência, Fabrício fez bem a cobertura e afastou o perigo.

O  estreante Kléber entrou na vaga de Thiago Ribeiro, aos 15, e viu, de dentro de campo, Wellington Paulista invadir a área e sofrer pênalti. Apesar dos pedidos do camisa 9, o lateral Fernandinho cobrou com força no canto direito e não desperdiçou.

Aos 23, Kléber recebeu passe dentro da área de Wellington Paulista e, no chute cruzado, marcou seu primeiro gol com a camisa celeste. Pouco depois, aos 27, o estreante invadiu a área pela esquerda e, com tranquilidade, tocou no canto direito de Andújar. Na comemoração, o atacante levantou a camisa e acabou advertido com o cartão amarelo. Logo na saída de bola dos argentinos, Kléber fez falta dura em Verón e acabou expulso.

Com um jogador a menos em campo, Adilson Batista reforçou a marcação do Cruzeiro e pôs Elicarlos no lugar de Fabrício, um dos destaques da partida. Apesar da pressão argentina nos minutos finais, a Raposa garantiu a vitória em casa.

Ficha técnica:

CRUZEIRO 3 x 0 ESTUDIANTES-ARG
Fábio; Jonathan, Leonardo Silva, Thiago Heleno e Fernandinho; Fabrício (Elicarlos), Henrique (Jancarlos), Marquinhos Paraná e Wagner; Thiago Ribeiro (Kléber) e Wellington Paulista. Andújar, Angeleri, Desábato, Cellay e Germán Re (Sanchez Prette), Perez (Fernandez), Braña, Verón e Benítez; Salgueiro e Boselli (Calderón).
Técnico: Adilson Batista. Técnico: Leonardo Astrada.
Gols: Fernandinho, aos 17 minutos do segundo tempo; Kléber, aos 23 e aos 27 do segundo tempo
Cartões amarelos: Henrique, Thiago Heleno, Leonardo Silva, Wágner, Kléber (Cruzeiro); Germán Re, Boselli, Cellay, Braña (Estudiantes). Cartão vermelho: Kléber (Cruzeiro).
Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte. Data:19/02/2009. Árbitro: Carlos Amarilla (Paraguai).  Auxiliares: Emigdio Ruiz e Rodney Aquino (Paraguai).

fevereiro 20, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Atacante Kléber poderá estrear pelo Cruzeiro

Gladiador Celeste está entre os 20 relacionados contra o Estudiantes

Kléber jogará com a camisa 25 na LibertadoresKléber jogará com a camisa 25 na Libertadores (Crédito: Gil Leonardi)

LANCEPRESS!

Cotado como uma das principais contratações do Cruzeiro nesta temporada, o atacante Kléber poderá estrear nesta quinta-feira contra o Estudiantes, pela Libertadores. A partida está marcada para às 19h15 e será o primeiro jogo do clube celeste na competição continental em 2009. O Gladiador Celeste foi um dos quatro atacantes convocados pelo treinador Adilson Batista para enfrentar a equipe argentina.

Kléber vestirá a camisa 25 na Copa Libertadores e jogará pela primeira o campeonato sul-americano.

Confira os 20 concentrados:

Goleiros: Andrey e Fábio
Laterais: Fernandinho, Jancarlos e Jonathan
Zagueiros: Anderson, Léo Fortunato, Leonardo Silva e Thiago Heleno
Volantes: Elicarlos, Fabrício, Henrique e Marquinhos Paraná
Meias: Bernardo, Gerson Magrão e Wagner
Atacantes: Kléber, Soares, Thiago Ribeiro e Wellington Paulista

fevereiro 19, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Fabrício preparado para desafio na Libertadores

Volante do Cruzeiro disputará sua terceira Copa Libertadores

Fabrício é um dos jogadores mais experientes do grupo celesteFabrício é um dos jogadores mais experientes do grupo celeste (Crédito: Gil Leonardi)

LANCEPRESS!

O volante Fabrício disputará a partir desta quinta-feira a sua terceira Libertadores, a segunda defendendo o Cruzeiro. Em 2003, quando atuava pelo Corinthians, o jogador chegou às oitavas-de-final com o Timão, mas caiu diante do River Plate (ARG).

No ano passado, chegou à Toca da Raposa 2 como um dos jogadores mais experientes do grupo. Apesar de ficar fora de alguns jogos da primeira fase, ele mostrou participação importante na reta final. Fabrício marcou o único gol da Raposa contra o Boca Juniors, em Buenos Aires, diminuindo a vantagem hermana.

– Será a minha terceira Libertadores. Estamos sempre aprendendo, é uma questão de costume. Os clubes são muito diferentes, o jogo tem outra pegada – disse o jogador ao site oficial do Cruzeiro.

fevereiro 19, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Cruzeiro x Estudiantes: cinco títulos em campo, e a rivalidade de sempre

Brasileiros iniciam caminhada em busca do tri. Argentinos querem o tetra

Ampliar Foto Agência/VIPCOMM Agência/VIPCOMM

Thiago Ribeiro está confirmado no ataque

É Libertadores, é Brasil x Argentina e é estreia. Cruzeiro e Estudiantes medem forças nesta quinta-feira, no Mineirão, pela primeira rodada do Grupo 5 da competição continental. Às 19h15m (horário de Brasília), a equipe celeste começa a caminhada em busca do tricampeonato. Em 1976 e 1997, o principal título do futebol sul-americano ficou em Belo Horizonte .

O adversário merece respeito. Afinal, o vice-campeão da última edição da Copa Sul-Americana ganhou três vezes a Libertadores: 68, 69 e 70. O experiente meia Verón, principal jogador do clube argentino, está confirmado.

O grupo ainda conta com Deportivo Quito, do Equador, e Universitário Sucre, que empataram por 1 a 1, semana passada, na Bolívia. O GLOBOESPORTE.COM transmite a partida em Tempo Real. O SporTV mostra para todo o país.

Raposa vai ao ataque, mas Kléber fica no banco

Ampliar Foto Agência/VIPCOMM Agência/VIPCOMM

Kléber está relacionado, mas fica no banco

Líder invicto e com 100% de aproveitamento no Campeonato Mineiro, o time celeste conta com a força da torcida para estrear com vitória e manter o índice neste início de ano. Mas o duelo com os argentinos é considerado o primeiro grande teste da temporada.
O volante Fabrício, um dos líderes do elenco, julga que começar a competição contra um forte concorrente às duas vagas nas oitavas-de-final pode fazer bem ao Cruzeiro.

– Acho que é o adversário mais difícil da chave, mas é bom pegar um time argentino logo na primeira fase que dá uma certa maturidade para chegar lá na frente e encontrar adversários mais qualificados, treinados e acostumados a jogar partidas decisivas – analisou, em entrevista ao site oficial do clube.
O jogador chega a citar indiretamente as oitavas-de-final de 2008, quando o Cruzeiro foi eliminado pelo Boca Juniors. Após uma derrota por 2 a 1, em Buenos Aires, a equipe perdeu pelo mesmo placar no Mineirão e foi eliminada. Autor do gol celeste na Bombonera, Fabrício diz que os atletas remanescentes aprenderam com os erros.

– Eles (jogadores do Estudiantes) já sabem que a gente não vai ser tão afoito quanto no ano passado, não vamos nos expor tanto como nos expusemos, tomando gols de contra-ataque no Mineirão. Acho que eles vão acabar respeitando mais o nosso time – observou.

O único encontro entre os adversários desta quinta se deu nas quartas-de-final da Supercopa de 1994. No jogo de ida, em 5 de outubro, o Estudiantes venceu, no estádio Jorge Hirschi, em La Plata, por 1 a 0. Uma semana depois, o Cruzeiro fez 3 a 0, no Mineirão.

O técnico Adilson Batista não contará com o volante Ramires, suspenso pelo cartão vermelho recebido diante do Boca, nas oitavas do ano passado. Fabrício e Bernardo são os principais candidatos à vaga.

Outra dúvida é o lateral-esquerdo Fernandinho, que trabalhou à parte nos dois últimos dias por causa de uma dor muscular na coxa direita. O meia Gerson

Magrão é o eventual substituto.

Ampliar Foto Agência/EFE Agência/EFE

Verón (à dir.) inspira muitos cuidados

No ataque, Kléber fica como opção no banco de reservas. Ele treinou entre os titulares nos dois últimos dias. Primeiro, na vaga de Thiago Ribeiro. Nessa quarta, no posto de Wellington Paulista. A expectativa do Gladiador para o duelo é grande.

– Pronto para 90 minutos eu ainda não sei, mas a vontade de jogar é grande. Tenho treinado muito forte nessas duas semanas e acredito que jogar 20 ou 30 minutos eu aguento legal – disse, em entrevista ao site oficial do clube.

Verón comanda

Se o Cruzeiro acompanhou a final da última Copa Sul-Americana, conquistada na prorrogação pelo Inter, sabe que não vai ter tarefa fácil contra o time de La Plata. O Estudiantes chegou a Belo Horizonte nessa quarta-feira, treinou no Mineirão e está definido. Recuperado de lesão muscular, o armador Verón, craque do time, está confirmado pelo técnico Leonardo Astrada.

CRUZEIRO ESTUDIANTES-ARG
Fábio; Jonathan, Leonardo Silva, Thiago Heleno e Fernandinho (Gerson Magrão); Fabrício (Bernardo), Henrique, Marquinhos Paraná e Wagner; Thiago Ribeiro e Wellington Paulista. Andújar, Angeleri, Desábato, Cellay e Germán Re, Perez, Braña, Verón e Benítez; Salgueiro e Boselli.
Técnico: Adilson Batista. Técnico: Leonardo Astrada.
Estádio: Mineirão. Data: 19/02/2009. Árbitro: Carlos Amarilla (Paraguai). Auxiliares: Emigdio Ruiz e Rodney Aquino (Paraguai).
Transmissão: O SporTV exibe a partida ao vivo para todo o país.
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partir de 19h15m (de Brasília).

fevereiro 19, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Cruzeiro x Estudiantes: 40 mil a venda

A partida contra o Estudiantes será na próxima quinta, às 19h15, no Mineirão

LANCEPRESS!

Nesta terça-feira começam a venda dos 40 mil ingressos para a partida de estreia do Cruzeiro na Libertadores. O jogo será contra o Estudiantes, na quinta-feira, às 19h15, no Mineirão.

Preços de terça e quarta-feira:
Geral: R$ 10,00
Cadeira inferior: R$ 25,00
Cadeira superior: R$ 35,00
Cadeira especial: R$ 50,00

Venda na terça e na quarta-feira:
Das 9h às 17h
Bilheteria 1 do Mineirão (av. Abraão Caram, 1.000)
Sede Campestre (rua das Canárias, 254, Pampulha)
Ginásio do Barro Preto (rua Ouro Preto s/n)
Loja Cruzeiro Mania do Barreiro (av. Sinfrônio Brochado, 125)
Das 10h às 17h
Na Loja Cruzeiro Mania da Savassi (av. do Contorno, 6.605)

Preços de quinta-feira:
Geral: R$ 10,00
Cadeira inferior: R$ 30,00
Cadeira superior: R$ 40,00
Cadeira especial: R$ 60,00

Venda na quinta-feira:
Das 9h às 15h
Sede Campestre
Ginásio do Barro Preto
Loja Cruzeiro Mania e do Barreiro.
Das 10h às 15h Cruzeiro Mania da Savassi
No Mineirão, a venda acontecerá de 9h até o final do primeiro tempo

Abertura do estádio: 17h
Acesso da torcida do Cruzeiro: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7A, 9, 12 e 14.
Acesso da torcida do Estudiantes: portão 13

fevereiro 17, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Zezé Perrella responde Alexandre Kalil

Presidente do Cruzeiro divulga em resposta a Kalil no site oficial do clube

Arbitragem de Alício Pena Júnior também não agradou o presidente Zezé PerrellaArbitragem de Alício Pena Júnior também não agradou o presidente Zezé Perrella

LANCEPRESS!

O presidente do Cruzeiro, Zezé Perrela, divulgou no site oficial do clube uma carta respondendo as acusações feitas pelo presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil e manifestando também a revolta do clube com a arbitragem de Alício Pena Júnior, no clássico do último domingo.

Confira a carta na íntegra:

Carta do Zezé Perrella.

A atuação do árbitro Alício Pena Júnior foi considerada ruim por todos aqueles que acompanharam o clássico do domingo. Ao deixar de dar uma falta a favor do Atlético-MG próxima à área do Cruzeiro nos primeiros minutos da partida, o juiz se descontrolou e passou o restante do jogo tentando fazer média com o nosso rival. O que vimos na seqüência foi uma atuação lamentável, com o árbitro errando em diversos lances e nos prejudicando terrivelmente. A confusão foi tamanha que Alício marcou um pênalti inexistente para o Atlético-MG no segundo tempo e ainda deu cinco minutos de acréscimo na segunda etapa, sem nenhuma justificativa para tamanha prorrogação.

Em boa parte, os absurdos cometidos pelo árbitro se devem à pressão que o mesmo sofreu desde o erro no primeiro lance. No intervalo o treinador do Atlético entrou em campo para reclamar com Alício, mas o atônito árbitro não tomou nenhuma providência. É bom lembrar que em 2007, em um jogo do Campeonato Brasileiro contra o Botafogo no Mineirão, o Cruzeiro teve seu treinador excluído do banco por também ter entrado em campo no intervalo para conversar com o árbitro Leonardo Gaciba. Julgado posteriormente, Dorival Júnior recebeu uma suspensão de 120 dias.

Nós, do Cruzeiro, nos sentimos profundamente prejudicados mais uma vez por esse mesmo árbitro que, em 2007, já havia sido personagem de outra partida igualmente conturbada da nossa equipe no Campeonato Mineiro contra o Ipatinga. Na ocasião o senhor Alício Pena Júnior simulou uma suposta cabeçada do zagueiro André Luiz em seu rosto. No primeiro julgamento nosso jogador chegou a receber uma suspensão de 120 dias, mas, posteriormente, o STJD reconheceu a encenação e, além de reduzir a pena do zagueiro, afastou Alício Pena Júnior da arbitragem por 60 dias. Apesar de tudo, jamais, mesmo com as barbaridades daquele caso, o Cruzeiro atacou a honra do cidadão Alício Pena Júnior, que sempre foi respeitado pela nossa instituição como homem e pai de família.

O que nos causa muita estranheza agora é ouvir de jornalistas que Alício Pena Júnior sempre foi um árbitro fraco e que nunca poderia ter chegado ao quadro da FIFA. Não era assim que o até então respeitado Alício Pena Júnior parecia ser tratado pela imprensa. Durante sete anos consecutivos ele foi escolhido pelos veículos de comunicação o melhor árbitro de Minas Gerais e recebeu o Troféu Guará.

Por fim, gostaria ainda de esclarecer que a posição do Cruzeiro era a de que a Federação Mineira de Futebol escalasse um árbitro de outro Estado para apitar os clássicos. Mas, em reunião recente na sede do Atlético-MG, com a presença do presidente da Federação Mineira de Futebol, senhor Paulo Schettino, o presidente Alexandre Kalil foi contra a nossa opinião e disse que defendia a arbitragem de um mineiro no clássico. Ora, os fatos parecem incoerentes. Se o presidente Kalil já desconfiava há anos da seriedade da direção da arbitragem mineira por que ele não concordou com uma arbitragem de fora?

O que o Cruzeiro Esporte Clube defende nesse instante é que sejam apuradas todas as graves denúncias feitas nas últimas horas. E que os responsáveis, caso existam, sejam punidos.

Um abraço,

Zezé Perrella

Presidente do Cruzeiro Esporte Clube

fevereiro 17, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Experiência: dois terços do grupo já disputaram competições sul-americanas

Jogadores do Cruzeiro estão acostumados com o clima da Libertadores

Ampliar Foto Agência/Vip.com Agência/Vip.com

Fabrício vai disputar sua terceira Libertadores

O elenco do Cruzeiro sempre foi caracterizado como jovem e inexperiente. Entretanto, um dado mostra que os jogadores da Raposa já ganharam um pouco mais de rodagem em 2009. As contratações para a temporada e a participação na Libertadores 2008 fizeram com o grupo atual tenha dois terços do total (21 de 31) com experiência em competições sul-americanas.

Como apenas 25 jogadores podem ser inscritos na Libertadores, o percentual pode melhorar ainda mais para a competição deste ano. Não disputaram torneios sul-americanos os jovens Rafael, Diego Renan, Mateus, Bernardo e Zé Eduardo, promovidos do time de juniores, os meias Camilo e Gerson Magrão e os atacantes Alessandro e Wanderley.

– Contribui muito, acho que toda experiência é válida. É a minha terceira Libertadores. A gente vem sempre aprendendo, é uma questão de costume. Você tem que se acostumar a jogar fora, com arbitragem diferente. Os times são muito diferentes, o jogo tem outra pegada. É muito importante o grupo ter uma certa experiência internacional – analisou Fabrício, em entrevista ao site oficial do clube.

O Cruzeiro estreia na Libertadores deste ano na próxima quinta-feira, contra o Estudiantes La Plata, em Belo Horizonte. Abaixo segue a lista dos jogadores com experiência em competições sul-americanas:

Goleiros: Fábio e Andrey
Laterais: Jancarlos, Jonathan, Sorín e Fernandinho
Zagueiros: Leo Fortunato, Leonardo Silva, Anderson, Gustavo e Thiago Heleno
Volantes: Elicarlos, Fabrício, Henrique, Ramires e Marquinhos Paraná
Meia: Wagner
Atacantes: Thiago Ribeiro, Wellington Paulista, Jael e Kléber

fevereiro 17, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Raposa desiste de vender Guilherme ao Real Zaragoza e devolve acusações

Diretoria do clube mineiro diz que espanhóis não cumpriram acordo e dá a negociação por encerrada

Ampliar Foto Washington Alves/VIPCOMM Washington Alves/VIPCOMM

Negociação de Guilherme está encerrada

A diretoria do Cruzeiro respondeu às acusações do Real Zaragoza na mesma moeda. Após as alegações do clube espanhol, que publicou nota em seu site oficial afirmando que os dirigentes da Raposa teriam rompido contrato firmado desde 24 de janeiro, onde teria ficado acertada a venda do atacante Guilherme, os mineiros declararam que a negociação está encerrada.

De acordo com o site oficial da Raposa, na última quarta-feira Guilherme seguiu para a Espanha com o diretor de futebol Eduardo Maluf e seus representantes para realizar exames médicos e assinar contrato, mas, ao chegar à Europa, teve as avaliações médicas transferidas para Madri e, posteriormente, adiadas. Maluf teria, ainda, passado por duas reuniões com o presidente do Zaragoza, Eduardo Bandrés Moliné, e um assessor.

Segundo a versão celeste, os espanhóis não apresentaram as garantias exigidas pelos mineiros e propuseram dar apenas notas promissórias. Os representantes do atacante também não teriam aceitado novos termos referentes ao salário do jogador.

Da mesma forma que o Zaragoza, o Cruzeiro ameaça acionar os responsáveis pelo descumprimento do contrato na Fifa, e levanta suspeitas sobre uma possível crise financeira no clube espanhol.

janeiro 30, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Fábio não descarta ida para o exterior

Goleiro, no entanto, afirma que pretende permanecer na Raposa

Ampliar Foto Rejane Araújo/VIPCOMM Rejane Araújo/VIPCOMM

Fábio tem contrato até dezembro

Apesar de ressaltar o desejo de permanecer no Cruzeiro, o goleiro Fábio não descarta a possibilidade de se transferir para o exterior até o dia 31, quando fecha a janela. Informações dão conta de que clubes ingleses estariam interessados no camisa 1 celeste.
– Tenho contrato até dezembro, mas tem uma cláusula que favorece as equipes do exterior. Meu interesse é ficar, estou muito feliz aqui, por isso estamos tentando chegar a um acordo com o Cruzeiro – afirmou Fábio à Rádio Itatiaia.
Segundo o próprio jogador, a multa rescisória de seu contrato, que termina em dezembro, é de “apenas” 1,3 milhões de euros (cerca de R$ 3,9 milhões).

janeiro 26, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Mesmo desfalcada, Raposa começa vencendo em Uberlândia

Time encontra dificuldades, mas ganha na estreia no Campeonato Mineiro

Ampliar Foto Agência/VIPCOMM Agência/VIPCOMM

Gérsom Magrão vibra com o 1º gol

Com o time incompleto por causa de desfalques, o Cruzeiro estreou no Campeonato Mineiro 2009 com vitória fora de casa ao derrotar o Uberlândia por 2 a 1, na noite deste domingo, no Parque do Sabiá, pela primeira rodada. Gérson Magrão e Fernandinho marcaram para a Raposa, e Rogério Corrêa descontou para os anfitriões.

Com o resultado, o time celeste larga com três pontos, mas em segundo lugar, atrás apenas do Rio Branco por causa do saldo de gols (dois contra um), mas na frente do Ituiutaba, que tem saldo igual, mas marcou apenas um.

O Uberlândia volta a jogar nesta quarta-feira, quando enfrenta o América-MG, no Independência, às 22h (de Brasília), na abertura da segunda rodada. O Cruzeiro joga só no próximo domingo, no MIneirão, onde recebe o Social.

Mesmo com os desfalques de Wagner, Fabrício e Henrique, o Cruzeiro não precisou de muito tempo para balançar as redes. Logo aos 11 minutos, Thiago Ribeiro avançou como um ponta pela direita e cruzou na área para Gérson Magrão, que substituiu Wagner, completar de cabeça e abrir o placar.

O gol deu tranquilidade ao time celeste, já que a equipe anfitriã estava disposta a brigar pelos pontos em casa. Aos 15, o zagueiro Carlão obrigou o goleiro Fábio a fazer boa defesa. Em seguida, Wellington Paulista chutou de fora, e aí foi Paulo César quem defendeu. Aos 27, Ramires fez ótima jogada pela esquerda, apareceu na área, mas o goleiro do Uberlândia saiu bem nos pés do meia.  Welington Paulista também parou no camisa 1 ao receber livre na área.

Chuva no Triângulo Mineiro

A volta do intervalo coincidiu com uma chuva que passou a cair em Uberlândia. O time da casa continuou tentando o empate, como no chute de Bergue, aos oito, que acertou a zaga celeste. Porém, aos 18, Após escanteio cobrado pela direita, Inidnho desviou de leve, e Rogério Corrêa subiu mais alto e finalizou, empatando o jogo no Parque do Sabiá.

Preocupado com o time que caía de rendimento, o técnico da Raposa, Adilsom Batista, trocou Magrão e Paulista por Camilo e Soares. A mudança surtiu efeito logo no minuto seguinte, com o atacante recém-contratado chegando com perigo de cabeça, após cobrança de falta. Pouco depois, ele cruzou para Ramires concluir mal de cabeça.

Até que, aos 25, Ramires trombou com Ley na área, e o árbitro Ricardo Marques Ribeiro apitou pênalti, sob muitos protestos da equipe da casa. O lateral acabou expulso do jogo. Fernandinho cobrou muito forte e desempatou para o Cruzeiro.

Mesmo na frente, o time celeste continuou sofrendo com os ataques do time da casa, como aos 37, quando Fábio saiu nos pés de Renna, em chegada perigosa. E aos 43, com Bergue cabeceando sozinho para fora, quase empatando o jogo. No finzinho, a Raposa quase aumentou em um lance de Rancharia, que ao tentar afastar o perigo, quase fez contra.

Ficha técnica:

UBERLÂNDIA 1 x 2 CRUZEIRO
Paulo César; Ley, Carlão, Rancharia e Marinho; Pepo, Rogério Corrêa (Alemão), Indinho e Wanderson (Joílson); Renna e André Nascimento (Bergue). Fábio; Jonathan, Leo Fortunato, Leonardo SIlva e Fernandinho; Elicarlos, Marquinhos Paraná (Jancarlos), Ramires e Gérson Magrão (Camilo); Wellington Paulista (Soares) e Thiago Ribeiro.
Técnico: José Maria Pena. Técnico: Adilson Batista.
Gols: Gérson Magrão, aos 11 minutos do primeiro tempo, e Rogério Corrêa, aos 18, e Fernandinho, aos 28 do segundo.
Cartões amarelos: Ley, Renna, Wanderson e Pepo(Uberlândia); Fernandinho, Fábio e Leo Fortunato  (Cruzeiro). Cartão vermelho: Ley (Uberlândia)
Estádio: Parque do Sabiá, em Uberlândia (MG). Data: 25/01/2008. Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro. Auxiliares: Jair Albano Félix e Celso Luiz da Silva.

MINEIRO
Primeira fase – primeira rodada (horários de Brasília)
Domingo, 25/01
Uberaba 0 x 1 Ituiutaba
Rio Branco 3 x 1 Villa Nova
Atlético 0 x 0 América
Uberlândia 1 x 2 Cruzeiro
Segunda, 26/01
20h30m – Social x Tupi
Terça, 27/01
21h45m – Democrata GV x Guarani

janeiro 25, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Dirigente diz que Leandro Amaral prefere o Vasco, e Cruzeiro descarta contratação

Diretor de futebol da Raposa, Eduardo Maluf garante que clube mineiro nem pensa mais no atacante, mas em São Januário está ligado o sinal de alerta

Ampliar Foto Marcia Feitosa/Fotocom.Net Marcia Feitosa/Fotocom.Net

Permanência de Leandro Amaral no Clube de Colina é mistério e esperança para dirigentes

A novela Leandro Amaral continua, mas um novo capítulo veio à tona na semana do Natal, mas que não necessariamente soa para a torcida do Vasco como o prenúncio de um presente, mesmo que de fim de ano. Cobiçado pelo Fluminense, onde esteve no início da temporada e teve de sair de volta a São Januário depois de uma briga judicial, o atacante não faz mais parte dos planos do Cruzeiro. Segundo o diretor de futebol Eduardo Maluf, o clube mineiro mudou o seu planejamento e descartou o jogador.

– Conversamos há pouco tempo com a esposa dele (Tatiana), e o Leandro tem esse sentimento de continuar no Vasco. Ele não quer sair do Rio, e nós o descartamos porque precisávamos definir tudo rapidamente. Acabamos optando pelo Wellington Paulista e o Soares, que são jogadores mais novos – diz ele à Rádio Globo, referindo-se aos atletas recém-contratados ao Botafogo e ao Fluminense (emprestado pelo Tricolor carioca, Soares disputou o Brasileirão pelo Grêmio). – Ainda vamos buscar mais um atacante, pois queremos ter o elenco fechado até a reapresentação (no dia 5 de janeiro).

Os dirigentes cruzmaltinos, no entanto, se mostram reticentes em relação à decisão do jogador. Há uma proposta oficial de renovação, mas Leandro Amaral optou por esquecer o assunto durante as férias, e o clube agora está em compasso de espera.

– Fizemos uma proposta e esperávamos uma resposta até segunda-feira (22 de dezembro), mas a Tatiana não respondeu até esta quarta (24), quando eles viajariam para o Caribe. Perdemos o contato, mas temos certeza de que ele ainda não acertou com nenhum clube. O que foi especulado (interesses do Cruzeiro e do Fluminense) nós soubemos pela imprensa – garante Carlos Alberto Lancetta, supervisor de futebol, em entrevista à Rádio Brasil.

Já o segundo vice administrativo do Vasco, José Hamilton Mandarino, liga o sinal de alerta. Segundo ele, o silêncio do atacante pode ser o indício de que ele está mesmo negociando com outro clube.

– A proposta foi dentro da realidade do clube. Precisamos pensar em como ter uma meta na provisão de recursos para o futebol profissional da qual não podemos nos afastar, caso contrário não dá para administrar bem. É preferível deixar de fazer do que fazer mal, mas no caso do Leandro Amaral a proposta é interessante, e ele ficou de nos dar uma resposta que ainda não houve Evidentemente que o sentimento que começa a tomar conta de todos nós é que ele pode ter uma outra oferta. Há um impasse, e estamos aguardando, administrando o silêncio – afirma Mandarino à Rádio Bandeirantes.

CLIQUE NA IMAGEM E COMPRE AGORA A SUA CAMISA DA RAPOSA

dezembro 25, 2008 Posted by | Cruzeiro, Vasco da Gama | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário