Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Tite ensaia Timão com voltas de Iarley, Alessandro, Bruno César e Jucilei

Treinador deixa imprensa acompanhar apenas dez minutos da atividade e mostra provável formação para o clássico

Tite dirigiu nesta quinta-feira o primeiro treinamento coletivo no Corinthians, visando o clássico contra o Palmeiras, domingo, às 16h, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro. O gaúcho comandou mais de uma hora de atividade com os portões do CT Joaquim Grava fechado. Quando liberou a entrada da imprensa, o treinador esboçava uma formação sem grandes modificações, mas com quatro novidades: Alessandro, Bruno César, Jucilei e Iarley.

O lateral-direito está recuperado de um problema na coxa direita e deve ocupar a posição preenchida por Moacir no empate sem gols diante do Guarani, domingo passado, em Campinas. O mesmo acontece com Bruno César, aparentemente pronto após sentir uma lesão no mesmo local. Assim, quem o time volta para o sistema 4-4-2, com a saída do zagueiro Leandro Castán.

Tite optou também por trocar o companheiro de ataque de Ronaldo, confirmado para o segundo jogo consecutivo. Iarley ganhou nova oportunidade, ocupando a vaga do argentino Defederico, que teve atuação ruim na rodada passada. Jucilei, que estava com dores musculares, volta no lugar do Paulinho.

Como a imprensa teve pouco tempo para ver o treinamento, não se sabe se Tite testou outras formações durante o período que os jornalistas ficaram do lado de fora do CT. O gaúcho ainda terá a sexta-feira e o sábado para escalar a equipe que inicia o clássico. A tendência, porém, é que não revele a formação com antecedência.

O Corinthians pode jogar com: Julio Cesar, Alessandro, Chicão, William e Roberto Carlos; Ralf, Jucilei, Elias e Bruno César; Iarley e Ronaldo.

outubro 21, 2010 Posted by | Corinthians | , , | Deixe um comentário

Timão esquece final e enfrenta o Atlético

Mano escala Ronaldo e só Jorge Henrique não viaja

LANCEPRESS!

Com confortável vantagem na final do Campeonato Paulista, o Corinthians volta suas atenções para a Copa do Brasil, já que nesta quarta-feira, enfrentará o Atlético-PR pelas oitavas-de-final do torneio. O rival, nas finais do Campeonato Paranaense, vem de goleada por 4 a 2 sofrida diante do Coritiba, em plena Arena da Baixada.

Apesar de decidir o título estadual no domingo, o Alvinegro vai com força máxima para o sul. Até Ronaldo, que costuma ser poupado de jogos do meio de semana, viajou com a delegação e deve ir a campo.

A única baixa será o atacante Jorge Henrique, que saiu de campo contundido no último domingo, contra o Santos, no intervalo do jogo. O jogador não será baixa para o fim de semana, mas foi poupado pelo técnico Mano Menezes. Assim, Dentinho deve entrar na equipe.

Do lado do Furacão, o técnico Geninho sabe que sua equipe vem sendo contestada, mas acredita que uma vitória sobre o invicto Corinthians possa mostrar a real força da equipe.

– Vamos enfrentar o time da moda, que está invicto nesta temporada e que é apontado por muitos, no momento, como o melhor do Brasil. Acredito que um bom resultado neste duelo poderá mostrar exatamente do que esse grupo é capaz – disse o técnico.

Para surpreender o Timão, o time da casa confia no oportunismo de Rafael, atacante que já defendeu o Corinthians. Artilheiro do time no ano com 15 gols, Moura quer esquecer o passado em São Paulo e aproveitar a boa fase.

– Infelizmente acabei não ficando muito tempo no Corinthians, mas tenho ótimas lembranças da minha passagem por lá. No entanto, agora o meu pensamento é o Atlético Paranaense. Fui recebido muito bem, minha família está adaptada e vivo uma ótima fase – comentou o goleador.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR X CORINTHIANS

Estádio: Arena da Baixada, Curitiba (SP)
Data/hora: 29/04/2009, às 21h50
Árbitro: Nielson Nogueira Goes (PE)
Assistentes: Ubirajara Ferraz Jota (PE) e Luciano José Coelho da Cruz (PE)

ATLÉTICO-PR: Galatto, Antônio Carlos, Gustavo e Rhodolfo; Raul, Jairo, Chico, Marcinho e Marcio Azevedo; Wallyson e Rafael Moura. Técnico Geninho.

CORINTHIANS: Felipe, Alessandro, William, Chicão e André Santos, Cristian, Elias, Douglas e Morais; Dentinho e Ronaldo. Técnico: Mano Menezes.

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

abril 29, 2009 Posted by | Atlético-PR, Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Apenas Ronaldo e Elias não viajam a MS

Mano Menezes leva nove dos 11 titulares que enfrentaram o São Paulo para jogo da Copa do Brasil

Ronaldo e Elias treinam no Parque São Jorge

Ronaldo e Elias treinam no Parque São Jorge

LANCEPRESS!

Que mistão que nada! Mano Menezes parece disposto a vencer o Misto por dois gols de diferença e eliminar o confronto de volta, pela segunda fase da Copa do Brasil.

O treinador levará 20 jogadores para viagem a Campo Grande (MS), que acontece nesta terça-feira, às 8h30min, no aeroporto de Cumbica. Dos jogadores relacionados para o clássico com o São Paulo, apenas Ronaldo e Elias não viajarão. Não é certo que todos os outros que disputaram o Majestoso começarão a partida, mas estão confirmados na delegação.

Com isso, Felipe, Alessandro, Chicão, William, André Santos, Cristian, Douglas, Jorge Henrique e Dentinho viajarão nesta terça de manhã para a capital sul mato-grossense.

À tarde, no estádio Morenão, o grupo corintiano realiza o último treinamento antes da partida contra o Misto. A atividade, no mesmo local do jogo, será realizada na parte da tarde.

Corinthians x Misto se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h50 (horário de Brasília).

Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)
Sport West - Loja do Grupo Esportes Oeste (Loja Credenciada da Nike.com)

abril 13, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Timão estreia e terá torcedor no Barueri

Renê, que é até sócio de torcida corintiana, fechou o gol no último confronto

Corinthians e Barueri jogam no Pacaembu, nesta quintaCorinthians e Barueri jogam no Pacaembu, nesta quinta

O Pacaembu deve receber nesta quinta-feira à noite mais de 20 mil corintianos. Um deles, porém, vai ao estádio com objetivo de ver a primeira derrota do Timão na temporada. Trata-se do goleiro Renê, do Barueri, adversário do Alvinegro na rodada inicial do Paulistão, às 19h30.

O camisa 1 é mais um do bando de loucos da sua família. Uma paixão que veio à tona no último confronto entre as equipes, pela Série B. Após pegar cobrança de pênalti de Chicão e de fazer inúmeras defesas, Renê foi vazado por André Santos nos acréscimos. E desabafou:

– Sou corintiano e sócio número 20.070 da Gaviões da Fiel, mas consegui fazer bem meu trabalho. Esperei 13 anos por esse momento. Fui feliz quase na partida toda, mas infeliz no último lance. Meus familiares, que estão aqui no tobogã, devem estar felizes – desabafou.

Corintiano declarado, o sócio espera que a história desta quinta-feira à noite seja diferente no Pacaembu.

– Espero jogar tão bem ou ainda melhor que naquele dia, mas que o jogo termine antes de tomarmos o gol – brinca o capitão do Barueri.

O Timão deve entrar em campo com a mesma formação que vem treinando em Itu. No ataque, Jorge Henrique e Souza tentarão provar que a atuação diante dos argentinos não foi obra do acaso. Além dos dois, o volante Túlio é outro que estreia em jogos oficiais pelo Timão. No mais, a equipe é a mesma do ano passado. Ronaldo, só mesmo em meados de março.

Já o Barueri, caçula da Série A do Brasileirão, trouxe oito reforços: o meia Xuxa (Juventude-RS); os laterais Bruno Ribeiro (Marília) e Neilton (Santa Cruz-PE); os zagueiros João Leonardo (Juventude), Diego Barros (Remo) e Daniel Marques (Paraná); o volante Márcio Hahn (ABC-RN) e o atacante Xuxa (Juventude-RS). Destes, apenas Daniel Marques deve ser titular na estreia.

FICHA TÉCNICA:
CORINTHIANS X BARUERI

Estádio: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data/hora: 22/01/09, às 19h30
Árbitro: Milton Etsuo Ballerini
Assistente: Hilton Francisco de Melo e Edvânio Ferreira Duarte

CORINTHIANS: Felipe, Alessandro, Chicão, Willian e André Santos; Cristian, Túlio, Elias e Douglas; Jorge Henrique e Souza. Técnico: Mano Menezes.

BARUERI: René, Marcos Pimentel, Daniel Marques, Leandro Castan e Márcio Careca; Flávio, Leanderson, Ralph e Éder; Thiago Humberto e Pedrão. Técnico: Toninho Moura.

janeiro 22, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Com Ronaldo no camarote, Timão testa sua nova força contra o Estudiantes

Timão apresenta elenco à torcida neste sábado, mas ainda não terá o Fenômeno em campo. Partida começa às 16h20m, no Pacaembu

Marcos Ribolli/GLOBOESPORTE.COM

Ronaldo vai apenas ‘desfilar’ no Pacaembu

Ronaldo ainda não estará em campo, mas a Fiel terá neste sábado
uma amostra do que será o Corinthians 2009.
Depois de atropelar na Série B do Campeonato
Brasileiro e regressar à elite com louvor, o Timão abre a
temporada com um amistoso diante do Estudiantes, vice-campeão da
Copa
Sul-Americana, às 16h20m, no Pacaembu. A Rede Globo
transmite a partida. Você acompanha também, em Tempo Real, no GLOBOESPORTE.COM.

A partida servirá para que a diretoria apresente
oficialmente os jogadores à torcida. O Fenômeno estará no
gramado, acenará para as arquibancadas, porém, assistirá o duelo
das tribunas, ao lado do presidente Andrés Sanches. Túlio, Jorge
Henrique, Souza e Jean, os outros reforços, estão relacionados.
O argentino Escudero ainda é aguardado, já que o clube tem até o
dia 20 para pagar a primeira parcela do negócio.

– Já deixamos bem claro que o Ronaldo não vai
participar como jogador. Ele será apresentado, como vai
acontecer com todo o grupo. Estamos em uma fase de preparação. O
resultado agora não é importante – disse o técnico Mano Menezes,
que poderá fazer cinco alterações durante o jogo.

Apesar do clima festivo, o Corinthians promete
levar a sério. Mais do que um adversário argentino, o Timão terá
pela frente um jogador que está nos planos da diretoria ainda
para 2009: Verón. O Alvinegro tentou contratá-lo no final do
ano, mas recebeu um não como resposta pelo interesse do jogador
em disputar a Libertadores pelo Estudiantes. Novas conversas vão
acontecer nos próximos meses. O contrato dele termina no final
de abril.

– É sempre uma grande satisfação ver um jogador do
nível do Verón em campo. Mas não podemos ter coração mole neste
momento. É um amistoso, mas queremos ganhar. E eles também –
acrescentou o treinador.

Três estreiam pelo Timão contra os hermanos


Ampliar Foto
Marcos Ribolli/GLOBOESPORTE.COM

Marcos Ribolli/GLOBOESPORTE.COM

Túlio e Jorge Henrique treinam em Itu

Mano Menezes, aliás, já escalou o Corinthians para o confronto.
Do time que venceu a Série B, as únicas baixas são o atacante
Herrera, devolvido ao Gimnasia-ARG, e o meia Morais, suspenso
por 120 dias pelo STJD. Já a defesa é exatamente a mesma que
conquistou a Segundona.

Desde o início da preparação, em Itu, interior de
São Paulo, o técnico não fez mudanças no time titular. Túlio
ganhou a posição no meio-de-campo para formar a dupla de
marcadores com Cristian. Assim, Elias foi adiantado para a
armação, com Douglas. No ataque, sem Dentinho, com a seleção
brasileira sub-20, e Ronaldo, em recuperação, Mano escalou os
recém-contratados Jorge Henrique e Souza.

– A equipe está bem madura sobre o comportamento
que deve ter agora. Sabemos que não temos o entrosamento
necessário. Por isso, quero tranquilidade para manter a posse de
bola – lembrou.

Assim como o Timão, o Estudiantes também está em
fase de preparação para o Campeonato Argentino. A idéia do
técnico Leonardo Astrada é utilizar as cinco substituições para
fazer alguns testes na base da equipe que encerrou a temporada
perdendo a Copa Sul-Americana para o Internacional.


CORINTHIANS

ESTUDIANTES-ARG
Felipe, Alessandro, Chicão,
William e André Santos; Cristian, Túlio, Elias e
Douglas; Jorge Henrique e Souza.
Andújar, Angeleri, Alayes,
Desábato e Cellay; Pérez, Sánchez, Verón e
Benítez; Fernández e Calderón.
Técnico: Mano Menezes. Técnico: Leonardo Astrada.
Estádio: Pacaembu.
Data: 17/01/2009.
Árbitro: Rodrigo Bragheto.
Auxiliares: Giovani Canzian e
Matheus Camolesi.
Transmissão: Rede Globo
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM
acompanha a partir de 16h20m (de Brasília).

janeiro 16, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Férias antecipadas para 16 jogadores do Timão

Timão vai encerrar a Série B, contra o América-RN, com time só de reservas

Mano Menezes desconversou, a comissão técnica escondeu o jogo, mas as óbvias férias antecipadas vão acontecer no Corinthians. 16 atletas estarão dispensados a partir das 18h30 do próximo sábado, quando o árbitro dará o apito final na partida entre Corinthians e Avaí no Pacaembu.

A relação do descanso é a seguinte: Felipe, Alessandro, Chicão, William, André Santos, Cristian, Elias, Douglas, Morais, Dentinho, Herrera, Lulinha, Julio Cesar, Fabinho, Saci e Carlos Alberto.

O momento de definições começa a tomar corpo no Timão. Além da confirmação sobre as férias antecipadas, Diogo Rincón já foi desligado do clube e voltará ao Dínamo de Kiev (UCR). Fábio Ferreira é outro que acertou sua saída, enquanto o atacante Bebeto está muito próximo de acertar sua permanência para o ano que vem.

novembro 19, 2008 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Timão acha tempero e cozinha Bahia: 3 a 0

Com goleada, equipe pode subir no próximo jogo e quebra jejum de vitórias

Nas partidas anteriores, o Corinthians estava sem sal e não
conseguia mais vencer. Bastou ir para a Bahia, terra de famosas
pimentas e do forte óleo de dendê, para reencontrar o tempero que
faltava: aproveitar as suas chances de gol e, não dar muito espaço para
o adversário trabalhar a bola e notar que não é impossível empatar ou
até vencer o líder da Série B do Campeonato Brasileiro. Assim, debaixo
de um forte calor em toda partida, o Timão cozinhou o Bahia e venceu
por 3 a 0, neste sábado, no Estádio Jóia da Princesa, em Feira de
Santana (BA).

A vitória levou o Timão aos 67 pontos e o aguardado
retorno à Série A pode acontecer de forma antecipada, já na próxima
semana, contra o Ceará, sábado, no Pacaembu. Se o Vila Nova-GO não
vencer a Ponte Preta ou o Grêmio Barueri não pontuar contra o Paraná, o
Corinthians subirá se bater os cearenses.

O Timão vinha de
três empates seguidos (São Caetano, Marília e Santo André) e não
ganhava um jogo desde a vitória por 2 a 0 sobre o Bragantino, no dia 20
de setembro, no Pacaembu, em São Paulo. Além de quebrar a seqüência sem
triunfos, o clube ratificou a sua condição de estrela da Série B ao
alcançar o seu 14º jogo seguido sem derrota.

A conquista do
triunfo também teve sabor especial para o time do técnico Mano Menezes.
Mesmo que vingança seja um prato que se coma frio, algo difícil de
acontecer na Bahia. Ao lado do Vila Nova-GO, o clube baiano é a única
equipe que venceu o Corinthians na Série B. A derrota no dia 19 de
julho, em pleno Pacaembu, acabou com uma invencibilidade de 11 jogos da
equipe na competição.

Sob um forte sol, nada melhor do que uma
bola parada para abrir o placar. Aos oito minutos, Cristian bateu
escanteio e o baixinho Morais desviou de cabeça para o fundo do gol. Os
visitantes fizeram 1 a 0 e o meia o seu segundo gol em 12 partidas pelo
time do Parque São Jorge.

Aos 14 minutos, o zagueiro Fábio
Ferreira quase marcou de cabeça o segundo gol. Depois desse lance, o
time paulista perdeu o sal e passou a cozinhar a bola, jogando em ritmo
desacelerado pelo miolo do campo.

Acostumado com todo tipo de
gramado ou clima, o veterano atacante Marcelo Ramos ignorou o sol que
queimava sua cabeça aos 29 minutos de jogo e quase marcou um belo gol
após arrematar de primeira, dentro da área. A bola passou perto do
travessão de Felipe, que, aliviado, enxugou o rosto.

Substituto
de Herrera, Bebeto quase marcou no último lance do primeiro tempo.
Elias rolou a bola para o atacante, que, dentro da área, chutou cruzado
à direita do gol baiano.

A segunda etapa começou com os dois
times curtindo uma leseira, típica na região. O Bahia até tentava
pressionar, mas parava na boa marcação do Timão no bico da área.
Entretanto, aos 11 minutos, Dentinho resolveu mexer no caldeirão de
emoções da torcida corintiana. Wellington Saci cruzou na área, Bebeto
escorou de cabeça e a bola sobrou para o camisa 31, que só teve o
trabalho de tocar no canto direito de Darci para marcar o seu 12º gol
na Série B e aumentar a sua condição de artilheiro do Corinthians.

Algoz
alvinegro no primeiro turno, o Bahia por muito pouco não tirou uma
casquinha do rival aos 21. Mais uma vez o rodado Marcelo Ramos levou
perigo ao gol, após chutar forte uma bola que tirou tinta da trave
direita.

O Bahia bem que tentava furar o bloqueio corintiano e
arriscava alguns chutes contra a meta de Felipe. Só que a pouco
criatividade dos baianos esbarrava na determinação dos marcadores
corintianos, que despachavam a bola para Douglas e Morais que tentavam
articular jogadas para o ataque formado por Dentinho e Otacílio Neto,
que entrou no lugar de Bebeto. Aos 33 minutos, uma dessas bolas sobrou
para Dentinho, que arriscou da entrada da área e contou com falha do
goleiro Darci para decretar o terceiro do Corinthians e o seu 13º na
Série B.

Nos minutos finais, o Timão protegeu a bola e, apesar
do cansaço, teve fôlego para comemorar o reencontro da vitória e a
certeza de que no próximo ano vai saborear gramados melhores e
adversários mais qualificados na Série A do Brasileirão.

A
Fiel também pôde voltar a ver a equipe atuando com o uniforme roxo. Ele
foi utilizado apenas pela terceira vez desde o seu lançamento no início
do ano. Jamais foi usado em derrota. A primeira vez foi na vitória por
2 a 0 ante o Fortaleza, pela Copa do Brasil, em abril, no Morumbi, e, a
segunda vez, aconteceu no empate por 1 a 1 com o Brasiliense, na Série
B, no dia 16 de setembro, em Taguatinga (DF).

O Corinthians volta
a jogar daqui a uma semana, ante o Ceará, no Pacaembu. Já o Bahia
jogará fora de casa contra o São Caetano, também no próximo sábado.

FICHA TÉCNICA:
BAHIA 0 X 3 CORINTHIANS

Estádio: Jóia da Princesa, Feira de Santana (BA)
Data/hora: 18/10/2008 – 16h (de Brasília)
Árbitro: Wallace Nascimento Valente (ES)
Auxiliares: Gelson Pimentel Rodrigues (ES) e Geraldo Pimentel Rodrigues (ES)

Público e renda: não informados
Cartões amarelos: Alisson e Émerson Cris (BAH) e Bebeto (COR)
Cartão vermelho: Fulano, 12’/1ºT (NIT)
GOLS: Morais, 8’/1ºT (0-1); Dentinho, 11’/2ºT (0-2); Dentinho, 33’/2ºT (0-3)

BAHIA:
Darci, Alison (19’/2ºT – Fábio), Cléber Carioca, Rogério e Luciano
Baiano (12’/2ºT – Caio); Fausto, Emérson Cris (31’/2ºT – Willames),
Danilo Cruz e Avine; Paulo Roberto e Marcelo Ramos. Técnico: Ferdinando
Teixeira.

CORINTHIANS: Felipe, Alessandro, Fábio Ferreira,
William e Wellington Saci; Cristian, Elias, Morais e Douglas (43’/2ºT –
Diogo Rincón); Dentinho (41’/2ºT – Lulinha) e Bebeto (18’/2ºT –
Otácilio Neto). Técnico: Mano Menezes.

outubro 18, 2008 Posted by | Bahia, Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Corinthians faz seu ‘clássico nível B’ com Bahia

No fim-de-semana clássico do Brasileirão 2008, equipes mais tradicionais da Série B duelam em Feira de Santana (BA)

Clássico, daqueles que lotam um estádio e páram uma cidade, ficou lá no primeiro semestre do Corinthians. Aliás, ficou restrito somente ao Campeonato Paulista, visto que o time alvinegro disputa a Segunda Divisão – todos os rivais estão na Série A – e viu o Palmeiras – principal rival – ser eliminado pelo Sport na Copa do Brasil. Contudo, no fim-de-semana em que por todos os cantos corre o assunto “Choque-Rei”, o Timão terá o seu clássico “nível Série B”. Trata-se do confronto deste sábado, contra o Bahia, em Feira de Santana.

O jogo pode ser cosiderado um clássico porque somente esses dois clubes, dentre os 20 que disputam a Série B, já foram campeões brasileiros. E, apesar de ocupar apenas a 11ª posição no campeonato, o Bahia já fez o corintiano provar da sua grandeza ao impedir que o Timão emplacasse um seqüência de 10 vitórias consecutivas batendo os comandados de Mano Menezes por 1 a 0 no primeiro turno com gol do meia Elias, no Pacaembu.

– Concordo que seja um clássico sim, pela história que o Bahia tem. Eles têm uma torcida muito forte e com certeza é um adversário que tem que ser respeitado – concorda o meia-atacante Morais, nordestino nascido em Maceió (AL).

O Corinthians que entrará em campo tem três desfalques importantes. O zagueiro Chicão, cuja punição de 120 dias em virtude de um pisão nas costas do atacante Luan do São Caetano, no empate em 2 a 2 do dia 27 de setembro, foi confirmada é a principal delas. O zagueiro-artilheiro só volta em fevereiro de 2009. Outro que fica fora é o argentino Herrera, vice-artilheiro da equipe com 10 gols no campeonato. Sem contar o lateral-esquerdo André Santos, que tem uma lesão na coxa direita e dará a vaga a Welington Saci.

A vaga do defensor será mais uma vez ocupada por Fábio Ferreira conforme aconteceu nas últimas rodadas. No ataque, porém, Mano resolveu sacar Lulinha e apostar na força física de Bebeto. O gramado ruim do Jóia da Princesa deve favorecer um centroavante do porte físico do camisa 38, autor de um gol até aqui. Em relação ao último jogo, quando empatou com o Santo André em 2 a 2 no Pacaembu, uma importante alteração: Elias será o segundo volante titular e Eduardo Ramos volta ao banco de reservas.

Ferdinado Teixeira, técnico do Bahia, faz um discurso respeitoso, no entanto, já definiu a equipe que entrará em campo. A formação será a mesma que vinha treinando desde a última quarta-feira. O meia Caio, que abandonou o coletivo de quarta-feira insatisfeito com as cobranças do treinador, pediu desculpas nesta sexta-feira, mas ficará no banco de reservas.

– Já está tudo superado. Aconteceram algumas coisas aqui no Bahia bem antes do professor Ferdinando chegar que acabaram me chateando – disse ele.

Ainda assim, Caio tomará um chá-de-cadeira e Danilo Cruz assume sua vaga. Ao seu lado estará Emerson Cris, que deixou Marcone no banco para ser titular ao lado de Fausto. Luciano Baiano foi promovido a titular na lateral direita e é amis uma novidade no Tricolor.

FICHA TÉCNICA:
BAHIA X CORINTHIANS

Estádio: Jóia da Princesa, Feira de Santana (BA)
Data/hora: 18/10/2008 – às 16h10 (de Brasília)
Árbitro: Wallace Nascimento Valente (ES)
Auxiliares: Gelson Pimentel Rodrigues (ES) e Geraldo Pimentel Rodrigues (ES)

BAHIA: Darci, Alison, Rogério e Cléber Carioca; Luciano Baiano, Fausto, Emerson Cris, Danilo Cruz e Ávine; Paulo Roberto e Marcelo Ramos. Técnico: Ferdinando Teixeira.

CORINTHIANS: Felipe, Alessandro, Fábio Ferreira, William e Wellington Saci; Cristian, Elias, Morais e Douglas; Dentinho e Bebeto. Técnico: Mano Menezes.

outubro 18, 2008 Posted by | Bahia, Corinthians | , , , , , , , , , , , , , , | 2 Comentários

Alessandro segue fora e não deverá jogar

Lateral tem estiramento na coxa esquerda e não treina desde segunda

O lateral Alessandro tornou a não treinar nesta quarta-feira por conta de um estiramento na coxa esquerda e deverá desfalcará o Botafogo contra o Santos, sábado, no Engenhão. Caso não jogue, Thiaguinho volta a ser titular.

A lesão de Alessandro ocorreu no segundo tempo da partida contra o Vitória, na última quinta, quando foi substituído. Com oito gols na temporada, o lateral recuperou a camisa 2 após a derrota alvinegra para o América de Cáli, na Colômbia, na qual Thiaguinho não foi bem.

outubro 15, 2008 Posted by | Botafogo | , , | Deixe um comentário

Zárate é titular em coletivo alvinegro e marca até um gol

Com ausência de Carlos Alberto, argentino ganha oportunidade ao lado de Wellington Paulista e deixa a sua marca

Em treino tático realizado na tarde desta terça-feira, no campo anexo do Engenhão, Ney Franco testou uma possível formação que enfrentará o Vitória, na próxima quinta-feira. Sem Carlos Alberto, que por causa de uma virose novamente não treinou, o técnico optou por escalar Zárate entre os titulares.

O argentino, que participou de todo o segundo tempo da partida contra o Grêmio e foi elogiado pelo treinador, formou dupla de ataque com Wellington Paulista, e o resultado não demorou a aparecer. Zárate marcou o primeiro, e Wellington o segundo dos titulares no coletivo.

Ney Franco parou o treino muitas vezes, procurando orientar os jogadores e lembrar algumas características da equipe do Vitória, simulando possíveis situações da partida. O treinador também manteve Leandro Guerreiro, que começou a partida contra o Grêmio, mas foi substituído no intervalo, após a expulsão de Jorge Henrique. No decorrer da atividade, Túlio, poupado, deu lugar a Zé Carlos.

O Botafogo começou o treino desta terça-feira com a seguinte formação: Renan, Alessandro, Renao Silva, André Luis e Triguinho; Leandro Guerreiro, Túlio (Zé Carlos), Diguinho e Lucio Flavio; Wellington Paulista e Zárate.

outubro 7, 2008 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , | Deixe um comentário

Clube se movimenta para não perder defesa em 2009

Quatro titulares da retaguarda terão contratos encerrados no fim de 2008, mas diretoria buscará permanência de todos

A diretoria do Botafogo já começa a se movimentar para não perder o seu sistema defensivo em 2009. Com exceção do goleiro Castillo, os demais titulares da retaguarda terão contrato encerrado no dia 31 de dezembro. Portanto, os cartolas alvinegros pretendem ainda no mês de outubro iniciar as conversas para a renovação dos contratos de Alessandro, Renato Silva, Andre Luis e Triguinho.

Dos quatro, apenas o lateral-esquerdo tem vínculo com algum clube. Ele está emprestado pelo São Caetano, com o qual tem contrato até 31 de dezembro de 2009. Triguinho, no entanto, recentemente deixou clara a vontade de permanecer no Botafogo no ano que vem.

– Quero ficar no Botafogo, pois estou adaptado ao clube e à cidade. Mas ainda não sei se já houve alguma conversa com meu procurador – disse, em entrevista publicada no dia 10 de setembro.

O Botafogo sabe, no entanto, que provavelmente terá de competir com propostas de outros clubes. Já houve uma primeira conversa com o procurador de Renato Silva, que deve receber ofertas. No contrato de Andre Luis há uma cláusula que dá ao Alvinegro uma opção de renovação.

– Nós temos interesse que todos esses jogadores fiquem no ano que vem, e já houve um início de entendimento com seus representantes. A partir do momento em que for definida a sucessão presidencial, por volta do dia 20 de outubro, vamos começar a resolver isso – explica o dirigente Ricardo Rotenberg.

outubro 6, 2008 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Mano Menezes mantém dúvida para vaga de Elias: Carlos Alberto ou Perdigão

Treinador quer assistir vídeos dos jogos do São Caetano antes de escolher quem entrará no meio-de-campo do Timão na partida deste sábado

O técnico Mano Menezes ainda não decidiu quem será o substituto do volante Elias na partida do Corinthians contra o São Caetano, neste sábado, às 16h, no Brinco de Ouro, em Campinas, pela Série B do Campeonato Brasileiro. O treinador prefere assistir alguns jogos do adversário antes de escolher quem entra no meio-de-campo.

– Ainda não decidi. Prefiro dar mais uma olhada em relação ao posicionamento do São Caetano nos últimos jogos para decidir o que fazer – afirma.

O comandante alvinegro, porém, não tem muitas opções para a vaga de Elias, com um trauma no pé direito. Cristian, que estreou na vitória por 2 a 0 sobre o Bragantino, quarta-feira, no Pacaembu, está mantido. Carlos Alberto, poupado na rodada passada, é o favorito a ficar com o lugar. Perdigão está na briga também.

– Os jogadores que estão concorrendo são os mesmos que atuaram nos últimos jogos: Carlos Alberto, Eduardo Ramos e Perdigão. São eles que podem compor com o Cristian a dupla de volantes – ressalta o treinador, que ainda poupou do treinamento desta sexta-feira o lateral-esquerdo André Santos e o zagueiro William.

Apesar de não adiantar a escalação, Mano Menezes, em seguida, praticamente descartou a utilização de Eduardo Ramos na função. Segundo o treinador, o jogador rende mais na armação, onde jogarão Morais e Douglas.

– O Eduardo Ramos rende mais à frente. Procuramos fazer uma adaptação com ele pela necessidade da nossa equipe. Mas, se fomos comparar, o Elias teve uma adaptação muito melhor nessa posição. Temos que respeitar as características dos jogadores – justifica.

O Corinthians começa a partida com a seguinte formação: Felipe, Alessandro, Chicão, William e André Santos; Cristian, Carlos Alberto (Perdigão), Morais e Douglas; Dentinho e Herrera.

setembro 26, 2008 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , | Deixe um comentário