Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Reservas decidem e Corinthians vence Santo André por 2 a 0

Gols de Paulo André e Edno mantêm Timão na terceira colocação da primeira fase; adversário agora é o Oeste

Se o time titular não vinha mostrando um bom futebol, o “mistão” alvinegro, ao menos, apresentou o mesmo estilo de jogo eficiente, mas longe de empolgar o corintiano. Com uma equipe recheada de reservas, Corinthians venceu o Santo André por 2 a 0, jogando no estádio Bruno José Daniel, no ABC paulista, na tarde deste domingo, e se despede da primeira fase do Campeonato Paulista com vitória. 

Os gols foram marcados por dois reservas de Tite: Paulo André e Edno. Com o resultado, o Corinthians chega aos 38 pontos, e mantém a terceira colocação. O Santos, que venceu o Paulista por 3 a 0 e tem os mesmos 38 pontos do rival, não passa o Timão por causa do critério de saldo de gols (20 contra 21 do Corinthians).

O próximo adversário do Corinthians nas quartas de final do Paulista será o Oeste, que terminou a primeira fase na 6ª colocação. O Alvinegro paulista tem a vantagem do mando de campo, em partida única, mas não a vantagem do empate. Na primeira fase, o confronto entre as duas equipes acabou em 3 a 0 para o Timão, em jogo disputado no Pacaembu, pela 15ª rodada. 

O Ramalhão, por outro lado, termina a primeira fase do Campeonato Paulista na lanterna, com 15 pontos. A equipe do ABC, rebaixada para a série A2 desde a última rodada, agora volta as atenções para o duelo com o Verdão pela Copa do Brasil, na próxima quinta-feira, no Pacaembu. O jogo de ida, na última quarta-feira, terminou em 2 a 1 para o Palmeiras, no ABC. Agora, o Ramalhão precisa vencer por pelo menos dois gols de diferença para chegar às quartas de finais da competição continental. O empate dá a vaga ao Palmeiras; uma vitória simples dos andreenses por 1 a 0 também, pelo critério dos gols fora de casa (o Verdão fez 2 no ABC). 

LEVE E SOLTO

Como o Timão entrou em campo com uma equipe recheada de jogadores reservas, os “novos titulares” tiveram a oportunidade de mostrar a Tite que podem se firmar no time. O primeiro a mostrar serviço foi Edno. Mas o lance não saiu do jeito que o atacante gostaria: aos 16 minutos, após boa troca de passes entre Danilo e Ramírez, o camisa 9 ficou na cara de Neneca e viu boa defesa do goleiro adversário. 

E o Timão estava animado! Sufocando o Santo André no campo de defesa, o Corinthians não dava chances para ser surpreendido por uma equipe já rebaixada. Danilo, outro reserva a ganhar oportunidade neste domingo, também queria jogar bem sob os olhos de Tite. Bruno César, seu companheiro na armação, por pelo menos duas vezes assustou o gol do Ramalhão, seu ex-time, com perigosos chutes de longe.

Mas a estrela que brilhou mesmo foi de Paulo André, recuperado de lesão no joelho esquerdo e voltando ao time depois de 196 dias afastado. O zagueiro foi oportunista ao aproveitar cruzamento de Willian na esquerda e, de cabeça, mandar no contrapé de Neneca, aos 21 minutos da primeira etapa.

O gol deu tranquilidade ao Timão, mas acendeu a inquietude do Ramalhão, que perdeu a timidez e se lançou ao campo de ataque. Aos 34 minutos, um pênalti poderia ser marcado em Rychely, após contato de Moradei, mas o lance exigia interpretação do árbitro, e Aurélio Sant’anna Martins não marcou.

Para a segunda etapa, o Corinthians voltou ainda mais empolgado, mas faltava maior capricho no passe final. Bruno César, por exemplo, deu bom passe para Marcelo Oliveira, mas não forte o suficiente para que o lateral-esquerdo, outro “reserva” em campo, ganhasse a dividida com Iran. Em seguida, Ramírez fez boa jogada e Edno dominou de canela, para desespero de Tite e da torcida corintiana que compareceu em peso no ABC.

1 a 0? Placar magro. O Corinthians queria mais. A superioridade era tão latente que realizou até uma blitz com seis homens rondando a zaga andreense, aos 17 minutos. Depois de muita troca de passes, Danilo foi o responsável por furar a muralha adversária ao dar um corte no marcador e servir Willian, mas o camisa 7 não conseguiu a finalização.

Mas quando teve a bola limpa para arriscar o arremate, Willian não fez feio. Aos 27, o atacante, que vinha sendo titular com Tite, dividiu com a zaga e chutou com efeito, à esquerda da trave de Neneca.

Mas os donos da casa, diante de tamanha superioridade corintiana, não tinham “sangue de barata”. Depois de ver, em menos de uma semana, ser consumado o rebaixamento para a série A2 e uma derrota em casa para o Palmeiras na Copa do Brasil, o Santo André intensificou as tentativas para marcar o gol de empate. Aos 18 minutos da etapa final, Aloísio recebeu na área e chutou torto. Seis minutos depois, foi a vez do ex-corintiano Anderson quase marcar de cabeça. Por fim, aos 39 minutos, Célio Codó tocou com estilo e tirou tinta da trave de Rafael Santos.

Para os poucos torcedores do Santo André presentes no estádio Bruno Daniel poderia ser a chance de redenção do Ramalhão, mas a tarde era mesmo corintiana.

Já no fim da partida, Bruno César cruzou na cabeça de Edno, que não vinha fazendo bom jogo. O camisa 9 se redimiu e desviou de Neneca de cabeça. 2 a 0 e fim de papo no ABC paulista.

A vitória dá confiança ao Timão, que mostra que mesmo os reservas podem dar conta do recado. O duelo com o Oeste ainda não tem data definida. 

FICHA TÉCNICA:
SANTO ANDRÉ 0X2 CORINTHIANS

Estádio: Bruno José Daniel, Santo André (SP)
Data/hora: 17/4/2011 – 16h (de Brasília)
Árbitro: Aurélio Sant’anna Martins
Auxiliares: Reinaldo Rodrigues dos Santos e Osny Antonio Silveira

Renda/público: Não divulgados
Cartões amarelos: – (STA); – (COR)
Cartões vermelhos: – 
GOLS: Paulo André, 21’/1ºT (0-1); Edno, 43’/2ºT (0-2)

SANTO ANDRÉ: Neneca; Iran, Anderson, Sandoval e Dênis; Magno, Walax (Mika 32’/2ºT), Juan Felipe (Edílson 27’/2ºT) e Aloísio; Rychely e Borebi (Célio Codó 18’/2ºT). Técnico: Sandro Gaúcho.

CORINTHIANS: Rafael Santos; Moacir, Wallace, Paulo André e Marcelo Oliveira; Moradei, Luis Ramírez, Danilo e Bruno César 
(Nenê Bonilha 46’/2ºT); Edno e Willian. Técnico: Tite.

abril 17, 2011 - Posted by | Corinthians, Santo André |

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s