Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Bruno César salva e Timão vence de virada

Meia faz gol no último minuto e define 3 a 2 sobre o Mirassol, em jogo que teve dois gols de Willian

Na falta da referência de Liedson, ausente pela primeira vez desde a sua volta ao Corinthians, Bruno César e Willian brilharam. O atacante, que substituiu o Levezinho, marcou dois gols e o meia, que vinha sendo reserva, decidiu para o Timão na vitória por 3 a 2 sobre o Mirassol válida pela 13ª rodada do Paulistão, neste domingo, no Estádio José Maria Maia.

O primeiro tempo começou muito pegado até os 15 minutos. Em seis minutos de jogo, já haviam sido cometidas seis faltas pelos dois times, a maioria delas com violência. A primeira boa chance foi do time da casa, que, aos dois minutos, em chute de longe, obrigou Júlio César a se esticar para fazer a defesa no canto direito. Aos três minutos, um lance duvidoso: Esley cruzou pela esquerda e, usando o braço, Morais tirou a bola para escanteio. O juiz não marcou pênalti.

Quando o jogo acalmou, o Corinthians passou a assumir o controle ofensivo da partida. Aos sete minutos, Willian recebeu bom passe de Moradei, se livrou da marcação e chutou forte no canto direito, obrigando Fernando Leal a fazer uma grande defesa. Aos 11, Paulinho, em outra boa enfiada de bola de Moradei, chutou cruzado, mas a bola saiu torta. Apesar da evolução alvi-negra, o jogo era marcado pela defesa. Os ataques das duas equipes esbarravam em defesas bem postadas.

Aos 20, após uma boa tabela entre Paulinho e Willian, o volante recebeu na pequena área, mas concluiu em cima de Fernando Leal, que salvou mais uma boa chance. Na sequência do lance, o volante bateu fortemente a cabeça na trave esquerda da meta do Mirassol e sentiu a pancada, tendo que ser substituído por Luiz Ramírez, aos 35 minutos.

Depois de o Corinthians ter as chances mais claras do jogo, o Mirassol reagiu. Aos 23, o Leão efetuou uma bela troca de passes, que culminou em uma tabela entre Esley e Wellington Amorim, que concluiu fraco para a meta de Júlio César. Aos 26, o Mirassol chegou ao gol. Xuxa arrancou do campo de defesa, em um rápido contra-ataque, driblou dois adversários e entregou a bola para Serginho, que ajeitou e colocou a bola no ângulo esquerdo, sem chances para Júlio César.

Após o gol, o Timão tentava reagir e conduzia a bola, mas encontrava a intermediária e a defesa do Mirassol muito congestionadas. O jogo esfriou, e as chances se tornaram menos claras, como o cabeceio de Jorge Henrique aos 36 e o chute de Willian em cima da zaga aos 38. Dentinho e Jorge Henrique apagados pouco participavam e a atuação ofensiva alvi-negra se resumia a Morais e Willian.

O substituto de Liedson, desfalque do time pela primeira vez desde a chegada, teve oportunismo para empatar a partida logo aos dois minutos do segundo tempo. Após bola cruzada na área do Mirassol, a zaga não conseguiu cortar a bola, que subiu e acabou caindo nos pés de Willian na pequena área, que completou para o gol. O que poderia ser uma reação alvi-negra no início da segunda etapa foi freada aos cinco minutos. Jorge Henrique entrou de carrinho sobre Esley por cima da bola, levou o segundo amarelo e saiu expulso.

Com um a mais, o Mirassol tentava acuar o Corinthians. Aos 16, o time da casa teve uma chance aguda, com Wellington Amorim, livre e embaixo da trave, chutar por cima do gol do Júlio César. O Corinthians apostava nos contra-ataques e, em um deles, aos 20 minutos, virou a partida. Dentinho deu grande passe para Willian, que pegou a zaga aberta, driblou Fernando Leal e marcou a virada.

O jogo se arrastou até um final emocionante. O Mirassol pressionava e tentava o gol de empate, que chegou, aos 43 minutos após chute forte de Esley, que desviou em Wallace. O jogo parecia perdido, mas reservava emoções. Em baixa, Bruno César, que havia entrado para substituir Dentinho, resolveu a partida aos 45 minutos. Ele recebeu bom passe de Ramírez na lateral da área, conduziu e chutou forte para definir o resultado para o Timão.

FICHA TÉCNICA:
MIRASSOL 2 X 3 CORINTHIANS

Estádio: José Maria Maia, em Mirassol (SP)
Data/hora: 13/3/2011 – 16h
Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra
Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis e Alberto Poletto Masseira
Renda/público: Não divulgado.
Cartões amarelos: Jorge Henrique (COR)
Cartões vermelhos: Jorge Henrique, 5’/2ºT (COR);
GOLS: Serginho, 26’/ 1ºT (1-0); Willian, 2’/2ºT (1-1); Willian, 20’/2ºT (1-2); Esley, 43’/ 2ºT (2-2) e Bruno César, 45′ /2ºT (2-3).

MIRASSOL: Fernando Leal; Fabinho Capixaba, Gustavo Bastos, Luís Henrique e Diego; Jairo,
Otacílio (Reinaldo, 22’/ 2ºT), Esley e Xuxa; Serginho (Vitor Palito, 38’/2ºT) e Wellington Amorim (Guilherme, 29’/2ºT). Técnico: Ivan Baitello.

CORINTHIANS: Júlio César; Moradei, Wallace, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho (Luis Ramírez, 35’/2ºT) e Morais (Danilo, 26′ / 2ºT); Jorge Henrique, Dentinho e Willian (Bruno César, 33’/2ºT). Técnico: Tite.

março 13, 2011 - Posted by | Corinthians |

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s