Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Atlético-MG não consegue classificação em estreia na Copa BR

Em partida polêmica, Galo consegue mais uma virada nesta temporda

Um encontro inédito: o confronto da noite desta quarta-feira entre Atlético-MG e IAPE-MA foi o primeiro da História do futebol brasileiro. Apesar da enorme disparidade em relação aos nomes que compõe as equipes, o jogo foi bastante equilibrado. A quarta virada atleticana na temporada, desta vez por 3 a 2, aconteceu no Estádio Nhozinho Santos, em São Luis. Porém, o Galo não conseguiu vencer por dois gols de diferença, o que ocasiona o confronto de volta na próxima quarta-feira na Arena do Jacaré.

PRIMEIRO TEMPO

Com um início bastante disputado no meio-campo, o IAPE-MA demonstrou disposição nos primeiros minutos e a chance mais clara de gol foi da equipe maranhense, que chegou ao gol de Renan Ribeiro com enorme perigo.

Apesar da empolgação do time de Pereirinha, quem abriu o placar foi o Atlético Mineiro. Em uma excelente jogada de Magno Alves, aos seis minutos de partida, o atacante encontrou Renan Oliveira muito bem colocado. O meia atleticano ficou de frente para o gol, defendido por Flauberth, e finalizou, deslocando do goleiro, para o fundo das redes adversárias.

Depois de sofrer o gol da equipe alvinegra, o IAPE-MA diminuiu o ritmo, que apresentara no início da partida. Entretanto, manteve a boa marcação, impedindo que o Galo chegasse a sua meta.

Após um cruzamento na área do Galo, aos 14 minutos, Renan Ribeiro tentou segurar firme. Contudo, o arqueiro atleticano não conseguiu agarrar a bola e ela acabou sobrando para o Vanvan, centroavante do time adversário, que finalizou tranquilamente para o fundo do gol. Os atleticanos reclamaram de falta do jogador da equipe maranhense, mas não foram atendidos pelo árbitro.

Muito bem em campo, o centroavante do IAPE-MA, Vanvan, continuou infernizando a defesa atleticana.Com 19 minutos de jogo, ele driblou o zagueiro Werley e finalizou no canto de Renan Ribeiro. Porém, a bola bateu na trave esquerda do goleiro e foi recuperada pela zaga em seguida.

Sem muita criatividade após o gol de empate, o Alvinegro tentou organizar jogadas e chegar à meta adversária. Todavia, o Galo não conseguia oferecer perigo até os 25 minutos, quando o atacante Magno Alves finalizou de fora da área e obrigou o goleiro Flauberth a realizar uma difícil defesa.

O Galo continuou lutando para chegar ao gol adversário, mas sem êxito. Aos 32 minutos de partida, após um escanteio cobrado pelo lado direito do ataque, a bola sobrou para Diego Tardelli que, de primeira, finalizou forte, porém a bola acabou saindo.

Em uma jogada extremamente confusa, em que árbitro e assistente não sabiam se marcariam impedimento ou não, o centroavante Vanvan conseguiu assinalar seu segundo tento na partida e virar o jogo para o IAPE-MA aos 38 minutos de partida.

Após a confusão, o time preto e branco ficou nervoso em campo e não conseguiu se encontrar. No último minuto do período regulamentar, o IAPE-MA chegou com perigo ao gol do Galo. Depois de um cruzamento na pequena área, Vanvan cabeceou por cima da meta de Renan Ribeiro.

Os atleticanos sairam de campo reclamando bastante do árbitro do confronto.

SEGUNDO TEMPO

O Atlético começou fulminante na etapa complementar. Logo na primeira jogada da partida, o armador Ricardinho deu uma belíssima assistência para o atacante Diego Tardelli finalizar rasteiro para o gol de Flauberth e igualar o duelo novamente.

Enquanto atacava com toda a força, o Galo não conseguia marcar gol e ainda deixava a retaguarda desguarnecida. Contudo, apesar de chegar com perigo, o IAPE-MA não conseguiu marcar mais seu terceiro gol.

Sem conseguir chegar ao gol adversário e virar a partida, o técnico Dorival Júnior decidiu apostar em Neto Berola. O atacante entrou no lugar de Renan Oliveira e deu mais movimentação ao setor ofensivo atleticano.

Em ótima jogada pelo lado esquerdo, aos 15 minutos, entre Leandro e Magno Alves, o atacante deixou o lateral na cara do gol, que finalizou forte e obrigou o goleiro adversário a fazer belíssima defesa.

O Galo continuou ameaçando a defesa adversária. Após um escanteio, a bola sobrou para Diego Tardelli, que finalizou forte e obrigou Flauberth a realizar mais uma difícil intervenção aos 20 minutos. Na jogada seguinte, Ricardo Bueno marcou um gol, mas estava em posição irregular.

Dorival Júnior decidiu apostar em uma formação com quatro atacantes, já que sua equipe não conseguia finalizar a partida. Logo após a modificação do treinador, Diego Tardelli passou a bola para Ricardo Bueno, que finalizou de fora da área e acabou marcando o gol da virada alvinegra aos 31 minutos da segunda etapa.

Em mais uma ótima jogada, aos 36 minutos, Vanvan fintou Jackson, chegou à linha de fundo e tentou colocar por cima de Renan Ribeiro. Contudo, o jogador acabou finalizando para fora.

Incansável na busca por mais um gol, o Atlético-MG chegou ao gol de Flauberth com Neto Berola. Após um belo drible no zagueiro adversário, o atacante tentou acertar o cantinho do goleiro, aos 43 minutos, mas o arqueiro acabou espalmando a bola para escanteio.

Com o resultado obtido em São Luis, o Galo terá que jogar mais uma partida contra o IAPE na próxima quarta-feira na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.

FICHA TÉCNICA:
IAPE-MA 2 x 3 ATLÉTICO-MG

Estádio: Nhozinho Santos, São Luis (MA)
Data/hora: 23/2/2011 / 22h
Árbitro: Andrey Silva (PA)
Auxiliares: José Costa (PI) e Francisco Gaspar (PI)
Renda/público:

Gols: Atlético-MG: Renan Oliveira (6′ do 1ºT), Diego Tardelli (1′ do 2ºT), Ricardo Bueno (31′ do 2ºT)
IAPE-MA: Vanvan (14′ do 1ºT e 38′ do 1ºT)

Cartões amarelos: Atlético-MG: Zé Luis (36′ do 1ºT), Ricardinho (9′ do 2ºT), Jackson (29′ do 2ºT)
IAPE-MA: Hans Muller (23′ do 2ºT) e Aldinho (37′ do 2ºT)
Cartões vermelhos:

IAPE-MA: Flauberth, Daniel, Carlinhos e Hans Muller; Arcinho, Pires (Aldinho – 28′ do 2ºT), Curuca, Válbson (Hiltinho – 27′ do 2ºT) e Bruno Paiva (Tica – intervalo); Vanvan e Robson. Técnico: Paulo Cabrera

ATLÉTICO-MG: Renan Ribeiro, Jackson, Werley, Réver e Leandro; Zé Luis, Serginho, Ricardinho (Wesley – 29′ do 2ºT) e Renan Oliveira (Neto Berola – 11′ do 2ºT); Magno Alves (Ricardo Bueno – 19′ do 2ºT) e Diego Tardelli. Técnico: Dorival Júnior.

fevereiro 24, 2011 - Posted by | Atlético-MG |

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s