Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Cruzeiro supera a Caldense e estreia com vitória no Mineiro

Raposa só venceu a resistência do adversário na segunda etapa do confronto na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas

O Cruzeiro demorou a engrenar, mas confirmou o seu favoritismo e estreou no Campeonato Mineiro de 2011 com vitória. Neste domingo, a Raposa derrotou a Caldense por 3 a 0, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.

O jogo:

O fato de a Caldense ter iniciado a sua pré-temporada antes do Cruzeiro, o que é normal para equipes de menor expressão, não surtiu o efeito esperada pela equipe de Poços de Caldas no início da partida. Apesar de melhor condicionada fisicamente, a Caldense teve muita dificuldade para impedir o bom toque de bola do Cruzeiro, que envolveu o adversário.

Com posse de bola e toques objetivos, a Raposa ditava o ritmo do jogo e foi assim que criou três boas oportunidades de gol. Aos quatro minutos, Thiago Ribeiro fez boa jogada pela direita e por muito pouco não abriu o placar. Aos 15 minutos, o zagueiro Léo – sem marcação na pequena área – só não marcou, pois finalizou sem direção. No minuto seguinte, mais uma chance. Novamente Thiago Ribeiro obrigou Glaysson a fazer boa defesa.

Diego Renan vibra com gols marcados no início da temporada

No entanto, a blitz do Cruzeiro não intimidou a Caldense, que de acuada em campo passou a ser ofensiva e levou perigo. Aos 23 minutos, após jogada de Mirandinha, Rivaldo, sem marcação, finalizou para fora. No minuto seguinte foi a vez de Mirandinha arriscar finalização contra a meta defendida por Fábio.

Apesar de ter diminuído o seu ímpeto, a Caldense teve grande oportunidade de abrir o placar graças à falha de defesa cruzeirense. Após jogada de Ivo, o zagueiro Gil falhou e Mário Loyola demorou a finalizar. Já o Cruzeiro seguia pressionando o adversário e desperdiçando gols. Aos 41 minutos, Gilberto – que ouvia a torcida do Cruzeiro pedir pela presença do meia Roger – dominou com categoria e finalizou em um belo voleio, que não foi na direção do gol.

Segundo tempo:

O panorama dos primeiros minutos da segunda etapa foi semelhante ao do início da partida. O Cruzeiro começou melhor. O zagueiro Léo teve a primeira chance de gol, após cobrança de escanteio de Montillo. Já a Caldense também ameaçou. Aos 15, Ivo finalizou e Fábio fez boa defesa e impediu que Fabrício chegasse na bola. No minuto seguinte foi a vez de Thiago Ribeiro arriscar de fora da área e a bola passar com perigo.

Raposa engrena e vence o goleiro Glaysson:

O Cruzeiro era melhor em campo. Com três atacantes – Wallyson entrara – a Raposa sofreu, mas alcançou o seu objetivo após boa jogada de Thiago Ribeiro. Aos 19 minutos, o camisa 11 foi derrubado por Ivo na pequena área. Pênalti que Wellington Paulista cobrou e marcou. Cruzeiro 1 a 0.

Dois minutos depois, Diego Renan tabelou com Wellington Paulista e finalizou sem chances para Glaysson. Cruzeiro 2 a 0 e Caldense sem forças para reverter o placar.

Com uma boa vantagem no placar, o Cruzeiro passou a administrar o resultado e quando teve espaços para chegar ao gol de Glaysson, não desperdiçou. Aos 40 minutos, após boa jogada de Wallysson, Dudu marcou o seu primeiro gol em competições oficiais com a camisa do Cruzeiro, após aproveitar rebote do goleiro da Caldense e definiu o placar na Arena do Jacaré.

Próximos compromissos:

Na próxima quarta-feira (2/2), a Caldense recebe o América-MG, no Ronaldão, às 22h. Já o Cruzeiro visita o Villa Nova, às 17h, no Castor Cifuentes.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 3 X 0 CALDENSE

Local: Arena do Jacaré, em Sete Lagoas
Data/hora: 30/01/2011, 17h
Árbitro: Cleison Veloso
Auxiliares: Celso Luiz da Silva (MG) e Marcus Vinícius Gomes (MG)
Renda/Público: Não divulgados.

Cartões amarelos: Rômulo (CRU); Rivaldo e André Alves (CAL)
Cartões vermelhos: Não houve.

Gols: Wellington Paulista, aos 20’2T(1-0), Diego Renan, aos 20’2T(2-0) e Dudu, aos 40’2T(3-0).

CRUZEIRO: Fábio, Rômulo (Wallyson, aos 9’2T), Gil, Léo e Diego Renan; Pablo, Henrique, Gilberto (Pedro Ken, aos 31’2T) e Montillo (Dudu, aos 36’2T); Thiago Ribeiro e Wellington Paulista. Técnico: Cuca

CALDENSE: Glaysson, André Alves, Anderson Carvalho, Rafael Dias; Ivo (Robson, aos 25’2T), Maxsuel, Mário, Luizinho e Mário Loyola (Flavinho, aos 29’2T); Mirandinha e Rivaldo (Fabrício, aos 12’2T).

janeiro 31, 2011 - Posted by | Cruzeiro |

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s