Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Kleber aprova busca por Ronaldinho Gaúcho, mas procura não se iludir

Atacante nega também qualquer conversa com Cruzeiro, comenta atrasos financeiros e alerta: “Não adianta trazer Ronaldinho e não pagar os outros”

No dia em que ajudou o Palmeiras a lançar dois bonecos seus, um caricato e outro lúdico, vestido de Gladiador, Kleber falou também sobre outros assuntos ligados ao clube. O atacante aproveitou a entrevista para esclarecer que a visita a Belo Horizonte, na última quinta-feira, não teve nenhuma relação com um possível interesse do Cruzeiro. Ele também se mostrou animado, mas realista sobre o interesse do time paulista em Ronaldinho Gaúcho e ainda comentou os atrasos de direitos de imagens no elenco alviverde, lembrando que o clube precisa quitar as dívidas antes de trazer mais jogadores de alto custo. Confira os principais trechos da entrevista coletiva do atacante.
Possíveis reforços de peso no Verdão e ‘conselhofinanceiro’
“Não só Ronaldinho, mas Adriano. Ficamos felizes que tem possibilidade. Mas não podemos nos iludir muito. Claro que temos expectativa, mas é contida. Por enquanto, não chegou ninguém e pensamos nos que estão aqui. Não sei até q ponto está situação de Ronaldinho, Adriano, se é possível, se não é. Eu não me iludo. Mas não adianta trazer esses jogadores e ficar devendo para outros. O Ronaldinho não vai resolver nada sozinho, nem o Adriano, nem o Kleber, nem o Valdivia”.
Atrasos de direitos de imagem
“O Palmeiras sabe que tem de pagar dois meses de atraso. Todos sabem. Outros clubes estão em atraso. Em 2008, quando saí, o Palmeiras também me devia e me pagou tudo depois. Sabemos das dificuldades dos clubes, mas tenho certeza de que tudo será acertado”.

Chances de sair, suposto interesse do Cruzeiro e outras propostas
“Nunca passou pela minha cabeça sair. Não pretendo sair, não tenho intenção. Já deixei isso bem claro. Tenho contrato de quatro anos. Se o Palmeiras quiser me vender, for bom para o clube, tudo bem. Mas não é minha intenção. Estive em Belo Horizonte para visitar a família, não conversei com ninguém. Para mim não chegou qualquer proposta. Só se veio para o Palmeiras. Procuro não me envolver. Só fico sabendo quando as coisas estão mais encaminhadas, estão para se resolver. Não falo com Pepe (empresário) sobre isso. Quando tiver algo encaminhado, aí procuro saber”.

dezembro 17, 2010 - Posted by | Palmeiras | ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s