Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Diretoria tricolor não fará loucuras por André Lima, Fábio Santos e Lúcio

Empresários dos respectivos jogadores querem maior valorização pela renovação, porém orçamento para 2011 terá de ser respeitado

As primeiras propostas de renovação oferecidas pelo Grêmio para André Lima, Fábio Santos e Lúcio não agradaram aos empresários dos jogadores, que exigem mais valorização. A direção quer a permanência dos três, que também projetam ficar no Olímpico, mas o vice de futebol, Antônio Vicente Martins, avisa que não fará loucuras.

– Devemos ter alguma resposta na semana que vem. Podemos ter alguma dificuldade, porque vamos obedecer ao orçamento e, se algum desses jogadores entender que deve ter uma valorização muito acima das estabelecidas, poderemos ter dificuldades. Assim, teremos que ir ao mercado procurar alternativas.

Quem faz as tratativas com os empresários é o diretor executivo, Cícero Souza. Vicente Martins destaca que as dificuldades iniciais são normais de qualquer renovação.

– Eles têm conversado com o Cícero, mas é normal, é um processo de renovação, a gente sabe como funciona. O interesse o Grêmio é que permaneçam, e eles também querem ficar. Mas há uma diferença entre nossas possibilidades e as necessidades dos jogadores. Eles podem merecer, mas temos limites orçamentários.

Já em janeiro, o Grêmio entra na disputa da pré-Libertadores. Passando pelo Liverpool, do Uruguai, entra para a fase de grupos. O vice de futebol também se utiliza da visibilidade que a Libertadores dá a um jogador. Apesar de seguir o orçamento, sobre o qual Vicente Martins não divulga valores, o dirigente não descarta investir alto em alguma grande contratação, caso ela apareça.

– O atleta vai ter uma visibilidade diferente disputando a Libertadores. Nós traçamos um orçamento e vamos obedecer. Um exemplo: o orçamento do Grêmio é, vamos supor, R$ 3 milhões, mas surge uma oportunidade de contratar um Messi, por mais R$ 300, R$ 400 mil. Evidente que o Grêmio vai contratar. O que nós temos que ter bem claro é que o orçamento tem que ser obedecido. Não vou contratar 15 jogadores por R$ 400 mil porque não tem como pagar.

dezembro 13, 2010 - Posted by | Grêmio | ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s