Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Flamengo e Guarani fazem decisão às avessas

Times duelam na parte de baixo da tabela e prometem jogo movimentado

O Flamengo não conquistou nenhum título em 2010, algo que não acontecia desde 2005, mas já participou de algumas decisões este ano. Uma delas – talvez a principal até agora – acontecerá neste sábado, às 19h30, contra o Guarani, no Engenhão, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Afinal, será umduelo de duas equipes que lutam para escapar do rebaixamento, a apenas duas rodadas para o fim da competição. Com Cruzeiro, em casa, e Santos, fora, pela frente, o Rubro-Negro espera alcançar logo a marca de 43 pontos nesta rodada e ficar mais perto da permanência na Série A.

Do outro lado, o Bugre, com 37 pontos, ultrapassará o Fla em casa de vitória, pois ficará com a mesma pontuação e número de vitórias superior. Daí vem a motivação do time de Campinas, que espera jogar os problemas para cima do clube carioca. No entanto, a equipe não vence há dez rodadas, o que faz com que aposte numa formação ofensiva, numa espécie de tudo ou nada para se manter na elite do futebol brasileiro.

Para a partida, o técnico Vagner Mancini usará os meias Preto e Barboza na criação e os atacantes Mazola e Geovane na frente. O garoto Douglas, 17 anos, que fez sua estreia entre os profissionais no empate em 1 a 1 contra o Vitória, na semana passada, e não agradou, perdeu sua vaga para Geovane.

– Não tem como irmos para o Rio se não for com uma equipe que jogue mais à frente. Não é jogo para encher o time de zagueiro e volante, mas sim com atletas que chegam à frente e sabem finalizar – explicou o treinador.

Nesta partida, além da presença de Geovane no ataque, Mancini deverá confirmar o retorno de Baiano ao meio-de-campo bugrino. O experiente volante, que cumpriu suspensão na última rodada, deverá reassumir a vaga de Paulinho. Já os experientes Douglas, Fabão, Renan e Ricardo Xavier, lesionados, seguem desfalcando o time.

No Rubro-Negro, nada de correr muitos riscos. Apesar da situação incômoda, o time nunca esteve na zona de rebaixamento na competição e espera se manter assim. Contando com o apoio da torcida, que deverá encher o Engenhão, o técnico Vanderlei Luxemburgo deixou de lado a formação com três atacantes e escalará a equipe no 4-4-2 tradicional.

O meio será formado com três volantes de origem (Maldonado, Willians e Kleberson) e apenas um armador (Renato). No ataque, a dupla D2 – Diogo e Deivid – ganhará nova chance.

– O Flamengo tem que jogar o seu jogo. Sabemos da proposta do Guarani. É um time de velocidade, com uma bola parada muito boa também. É um jogo decisivo, então, sabemos que temos que atacar. Não precisamos ganhar o jogo em dez minutos. Temos 90 minutos mais os acréscimos. Para vencer, precisamos ter paciência, trabalhar a bola – avaliou Luxemburgo.

FLAMENGO X GUARANI

Local: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 20/11/2010 – 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (DF)
Auxiliares: Cesar Augusto de Oliveira Vaz (DF) e João Antônio Paulo Neto (DF)

FLAMENGO: Marcelo Lomba, Léo Moura, Welinton, Ronaldo Angelim e Juan; Maldonado, Willians, Kleberson e Renato; Diogo e Deivid – Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

GUARANI: Emerson, Apodi, Aislan, Ailson e Márcio Careca; Maycon, Baiano (Paulinho), Preto e Barboza; Mazola e Geovane – Técnico: Vagner Mancini.

novembro 19, 2010 - Posted by | Flamengo, Guarani | ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s