Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Santistas elogiam amadurecimento de Neymar depois de confusão

Capitão Edu Dracena e técnico Marcelo Martelotte avaliam que o garoto de 18 anos mudou o comportamento para melhor, dentro e fora do campo

Após a polêmica, os santistas já observam uma mudança para melhor no comportamento de Neymar. A rebeldia diante do Atlético-GO, a discussão com Dorival Júnior, as críticas recebidas e a não convocação para a seleção brasileira serviram para o garoto amadurecer na marra, segundo o próprio elenco do Peixe, que tem demonstrado apoio ao jogador de 18 anos.

– O Neymar vai ser um dos maiores jogadores do mundo brevemente. Acho que ele aprendeu com a situação, foi um deslize e ele vai tirar lições disso – disse o capitão Edu Dracena, que fez questão de negar qualquer problema com o atacante.

O fato de Neymar ter pedido desculpas ao grupo e ter demonstrado arrependimento foi fundamental para manter o bom relacionamento dentro da Vila Belmiro. E não é apenas o seu comportamento fora de campo que está melhorando. Na opinião de Edu Dracena, também no gramado o atacante cresceu nas partidas contra Corinthians e Santos, jogando mais objetivamente, evitando firulas desnecessárias.

– Acho que esta sendo até melhor pra ele, porque os adversários já estavam pegando a maneira de como irritar o Neymar, desconcentrar ele dentro de campo. Com isso, ele não conseguia render o esperado. Agora está sendo bom pra ele, ele está jogando bem novamente – analisou o zagueiro.
O treinador Marcelo Martelotte, que assumiu o posto com a demissão de Dorival Júnior, também elogiou o amadurecimento de Neymar. No entanto, não deixou de alertar que a idade ainda pode influenciar no comportamento da jovem estrela santista.

– Acho que ele já teve uma mudança de conduta, uma demonstração de amadurecimento nesses dois últimos jogos. Mas isso não quer dizer que ele já seja um menino pronto, maduro. Talvez esse amadurecimento tenha acontecido da maneira mais dura possível, mas às vezes a mudança vem através de dificuldades. Ele já tem um novo parâmetro de conduta, mas ele continua sendo um menino de 18 anos que pode ter um deslize em algum momento – afirmou o treinador.

Convencido de que Neymar realmente está no caminho certo para a evolução, Martelotte até deixou em aberto a possibilidade de ele voltar a bater pênaltis. De acordo como treinador, Neymar e Marcel podem dividir a função nos próximos jogos.

– Eu conversei com o Ney, falei que ele tinha evoluído nos treinos de cobranças de pênalti. Ele não se preparou para a mudança da regra, porque ele se aproveitava muito da paradinha. Agora ele está se adaptando a isso. Posso definir pelos dois (Neymar e Marcel), quem estiver mais confiante no jogo bate – disse o técnico.

setembro 27, 2010 - Posted by | Santos

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s