Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Bruno César leva bronca depois de reclamar sobre seu posicionamento

Pensando na união do grupo, treinador e jogadores do Timão conversaram com o meia, que havia falado que estava atuando fora de sua posição

Antes que o problema se tornasse maior, o técnico Adilson Batista e o elenco corintiano trataram de resolver a situação. Após reclamar que estaria jogando fora de sua posição, o meia Bruno César levou uma bronca durante esta semana para evitar qualquer crise no Parque São Jorge. Depois do jogo contra o Grêmio Prudente, no último sábado, o camisa dez disse que não estava rendendo bem pois havia sido deslocado para o lado direito, ao invés de atuar mais centralizado. Nesta quinta, em entrevista ao jornal Lance!, ele atribuiu sua queda de rendimento a essa mudança tática promovida na equipe.

– O Adilson chamou a atenção dele, mas não houve uma reunião, foi uma conversa no campo mesmo. Ele é um jogador jovem, falamos para ele que às vezes a gente faz outra função, tudo pra ajudar o grupo. Resolvemos tudo internamente, sem maiores problemas – explicou o atacante Iarley, nesta sexta-feira, em entrevista no CT do Parque Ecológico do Tietê.

Não foi apenas Adilson Batista que puxou a orelha de Bruno César. Os jogadores mais experientes do elenco também não gostaram da reclamação e conversaram com o meia de 21 anos. Apesar do problema, Iarley elogiou o jogador, que fez rápido sucesso no Timão depois de ser contratado junto ao Santo André este ano.

– Ele é um garoto tranquilo, calado, humilde. É um jogador que tem as características completamente diferentes de alguém que se deixa envolver com salto alto, deslumbramento – disse Iarley.

A preocupação de manter o grupo unido e sem polêmicas na briga pelo título brasileiro é grande. Por isso, os experientes e consagrados Ronaldo e Roberto Carlos foram usados como exemplos pelo elenco para administrar a insatisfação de Bruno César.

– A gente vê os exemplos do Ronaldo e do Roberto. Eles não reclamam de nada, como que a gente vai reclamar? O mais importante é a união do Corinthians. Acho que esse caso do Bruno César foi isolado, ele estava de cabeça quente, já foi conversado e ele entendeu. Nenhuma vaidade vai atrapalhar o grupo – afirmou o zagueiro Paulo André.

setembro 24, 2010 - Posted by | Corinthians | , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s