Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Sem Fernandão, Baresi aposta tudo em Ricardo Oliveira contra o Goiás

Camisa 15 não se recuperou das dores que sentiu na panturrilha esquerda no jogo contra o Guarani e foi vetado pelo departamento médico do Tricolor

O atacante Fernandão está fora da partida deste sábado, contra o Goiás, pela sexta rodada do returno do Campeonato Brasileiro. O jogador, que sentiu a panturrilha esquerda no primeiro tempo do jogo da última quarta-feira, nem foi a campo na manhã desta sexta-feira, quando o técnico Sérgio Baresi comandou o último treino antes da partida que terá início ás 18h30m.

Na quinta, o camisa 15 havia feito uma ressonância magnética que não apontou nenhuma lesão grave no local. Ele fez tratamento intensivo por dois dias no Reffis, mas como o jogo contra o Goiás é no sábado, não houve tempo para recuperação. Ele seguirá a fisioterapia durante todo o final de semana para reunir condições de enfrentar o Grêmio, na próxima quarta-feira, no estádio Olímpico, em Porto Alegre.

Sem Fernandão, artilheiro do time no Campeonato Brasileiro, com oito gols, Ricardo Oliveira, que voltou em grande estilo ao time na quarta-feira, marcando o gol da vitória sobre o Guarani, tem presença confirmada no ataque, ao lado de Lucas. Marlos, que também se destacou no duelo contra o Bugre, continuará como titular.

Na defesa, a equipe terá duas novidades, já que Miranda e Richarlyson estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Os substitutos, no entanto, só serão anunciados momentos antes da partida. Nesta sexta, Sérgio Baresi comandou um treino fechado e testou dois times. Na defesa, Samuel e Xandão brigam por uma vaga, com maiores chances para o primeiro, pelo fato de ser canhoto. Na lateral-esquerda, Carleto e Diogo brigam pela chance no time titular.

O time enfrentará o Goiás com: Rogério Ceni; Rodrigo Souto, Alex Silva, Samuel (Xandão) e Diogo (Carleto); Casemiro, Jean, Jorge Wagner e Marlos; Lucas e Ricardo Oliveira.

Fonte:globoesporte.com

setembro 24, 2010 Posted by | São Paulo | , | Deixe um comentário

Com características diferentes, Diogo e Carleto esperam pelo ‘sim’ de Baresi

Os dois jovens disputam a vaga de Richarlyson, suspenso, para a partida deste sábado, contra o Goiás, que será realizada no estádio do Morumbi

física e um chute fortíssimo de fora da área. Com Richarlyson suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o técnico do São Paulo, Sérgio Baresi, tem os garotos Diogo e Carleto como opções para a partida deste sábado, contra o Goiás, pela sexta rodada do returno do Campeonato Brasileiro.

– Ainda não decidi. Testei as duas variações no treino e amanhã (sábado) vou decidir. Acho que os dois estão muito parecidos – afirmou o treinador tricolor, fazendo mistério.

Ambos têm pouca idade e trilharam caminhos diferentes na carreira. Diogo, com 20 anos, foi criado nas categorias de base do clube. No fim do ano passado, cansado de não ter oportunidades com o então técnico Ricardo Gomes, ele entrou na Justiça para tentar se livrar do contrato que o prende até 2014. Não conseguiu, teve de voltar, pedir desculpas e começar novamente a lutar pelo seu espaço. Já Carleto, que está com 21 anos, foi revelado pelo Santos e acabou contratado em definitivo junto ao Valencia (ESP). No entanto, sofreu com algumas lesões seguidas e foi poucas vezes relacionado.

Cada um disputou uma partida como titular na temporada. Diogo atuou no clássico contra o Santos, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro. Carleto jogou contra o Rio Branco, no estádio do Morumbi, pelo Paulista.

– Disputa interna sempre tem. No São Paulo sempre foi assim. Mas tenho de trabalhar firme, para que o treinador possa escolher o melhor. Estou trabalhando forte todo o dia, me empenhando ao máximo para que ele possa contar comigo neste Brasileirão – disse Diogo, em entrevista ao site oficial do clube do Morumbi.

Já Carleto não esconde o otimismo em relação ao jogo deste sábado.

– Acho que chegou a minha hora. Tenho de trabalhar e me cuidar bastante. Talvez sábado seja o dia mais importante da minha vida. Vou deixar as coisas acontecerem naturalmente. Se entrar em campo e tiver uma falta, vou tentar bater, pois este é o meu forte.

Fonte:globoesporte.com

setembro 24, 2010 Posted by | São Paulo | , | Deixe um comentário

Jonas, de ‘pior atacante do mundo’ a artilheiro do Brasileirão

Atacante pode ultrapassar o atual técnico da equipe, Renato Gaúcho, na lista dos goleadores históricos do Grêmio

Dez toques na bola em dez segundos. Tempo suficiente para Jonas concluir três vezes a gol: primeiro, forte disparo de direita defendido por Velásquez; depois, sem ninguém à frente, batida de esquerda na trave; enfim, drible sobre o goleiro, e um inacreditável chute para fora, a poucos centímetros da linha desguarnecida.

Esse lance, ocorrido em 11 de março de 2009 no acanhado Estádio La Independencia, da colombiana cidade de Tunja, inspirou a manchete “o pior atacante do mundo”. Foi com ela que a versão digital do jornal espanhol Mundo Deportivo apelidou Jonas, no dia seguinte.

Um ano e meio depois, Jonas pouca importância dá ao folclórico episódio. À época, com gol de Souza, o Grêmio venceu o Boyacá Chicó por 1 a 0, pela primeira fase da Taça Libertadores.

Confira a tabela de artilheiros com os vídeos de todos os gols

Agora Jonas é o artilheiro isolado do Brasileirão 2010. São 12 gols na principal competição nacional, sete deles marcados nos sete jogos disputados em setembro. Para o atacante do Grêmio, a ironia da reportagem foi sepultada pelos 31 gols que fez nesta temporada.

– A melhor resposta vem dentro de campo. Eu na época nem me importei. Nem sei que jornal é esse – desdenha.

Em três anos de vai e volta ao Estádio Olímpico, Jonas soma 64 gols em 133 jogos. Hoje ele é o 13º maior artilheiro da história do clube, empatado com Cuca e Yura.

Pouco à frente nesta lista há vários personagens históricos do Grêmio. Com mais 11 gols, por exemplo, Jonas chegaria a 75, ultrapassando o 5º artilheiro dos 107 anos do tricolor: Renato Gaúcho, atual treinador da equipe.

Até lá, o camisa 7 pode deixar para trás nomes como Jardel (65), Ronaldinho (68) e Paulo Nunes (73). Mas isso também não é motivo de preocupação ou ansiedade para Jonas.

– Procuro sempre fazer gols, não foco muito nessas coisas externas.

Jonas garante que, no vestiário, não provoca Renato sobre a possibilidade de ficar à frente do chefe na lista – que tem números não oficializados pelo clube:

– Nunca falei com ele sobre isso.

Coincidentemente, a disparada de Jonas na artilharia do Brasileirão teve início a partir da chegada de Renato Gaúcho, em substituição a Silas. Mas Jonas não vê relação entre os sete gols marcados em setembro e a troca de treinador.

– É só coincidência mesmo, porque eu já vinha fazendo gols antes. Foi ano passado que eu comecei. Tanto o Renato quanto o Silas me deixaram à vontade para jogar do jeito que eu sei.

setembro 24, 2010 Posted by | Grêmio | , | Deixe um comentário

Tinga é poupado do treino, e Roth escala Edu no lugar dele

Jogador tem dores musculares na coxa direita, mas deve enfrentar o Corinthians no domingo

Dores musculares na coxa direita tiraram o meia Paulo César Tinga do treinamento da tarde desta sexta-feira. Ele foi de tênis ao gramado principal e depois rumou de volta ao vestiário. Antes, participou de conversa, ao lado dos titulares, com o técnico Celdo Roth. Segundo o departamento médico, o jogador não preocupa. Ele voltará a treinar na manhã deste sábado e, provavelmente, irá a campo contra o Corinthians, domingo, no Beira-Rio.

Roth escolheu Edu como substituto de Tinga no treinamento. Sorondo pegou a vaga de Bolívar, suspenso. Glaydson é o substituto de Wilson Matias, que também recebeu o terceiro cartão amarelo. Renan e Nei voltam ao time.

Escalação colorada para o duelo com o líder: Renan, Nei, Sorondo, Índio e Kleber; Glaydson, Guiñazu, Tinga, Giuliano e D’Alessandro; Leandro Damião.

Fonte: globoesporte.com

setembro 24, 2010 Posted by | Internacional | , | Deixe um comentário

Kalil confirma interesse em Dorival Júnior

Presidente agradeceu Luxemburgo, confirmou interesse em Dorival, mas negou acerto

LANCEPRESS!

Depois da demissão de Vanderlei Luxemburgo, o presidente Alexandre Kalil concedeu entrevista na tarde desta sexta-feira na Cidade do Galo para explicar os motivos que o levaram a tomar a atitude e confirmar o interesse em Dorival Júnior.

Apesar de não falar abertamente sobre o andamento da negociação, Kalil deixou claro que o técnico ex-Santos está na mira para a sequência. Quanto a Levir Culpi, um dos preferidos da torcida, ele descartou.

– Esse negócio do treinador vamos resolver neste fim de semana. Dorival ganhou títulos e se é treinador de ponta, o Atlético vai tentar. Mas temos mais e não há nada fechado com ninguém. Quero dizer também à torcida que o Levir está no Japão, com contrato em vigência e precisamos resolver isso para anteontem.

A despeito de na terça-feira passada o mandatário alvinegro ter dito que naquele momento, nada seria capaz de tirar o treinador do cargo, o vexame diante do Fluminense fez com que tudo caísse por terra.

– Eu tentei fazer algo diferente, queria ver se o time se reabilitava, porque achei que a mudança seria maléfica. Mas contra o Fluminense estava a olhos vistos que a coisa iria desandar. Infelizmente não me restou outra opção. Eu falei que ia segurar, mas tomando de cinco, com o time apático daquele jeito, foi um negócio grotesco – explicou Kalil.

Apesar de o projeto de Luxemburgo ter fracassado, o presidente do Galo fez questão agradecer e rasgar elogios ao treinador. Segundo Kalil, foi o melhor profissional com quem trabalhou até o momento no futebol:

– Poucas vezes trabalhei com treinador que se dedicou tanto. Quero colocar o meu muito obrigado a ele e como presidente fiquei honrado, tendo a certeza de que ganhei um bom amigo. Tudo o que se fala sobre o Vanderlei é uma covardia. Que Deus ilumine a carreira dele e a gente na luta para sair desta situação.

setembro 24, 2010 Posted by | Atlético-MG | | Deixe um comentário

Neymar se livra de gancho no STJD

Garoto foi indiciado por confusão durante confronto entre Santos e Ceará. Marcel e João Marcos também estão livres. Julgamento durou tres horas

A sequência de punições ao atacante Neymar, do Santos, foi quebrada nesta sexta-feira. A estrela alvinegra escapou de gancho em julgamento no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, no Rio de Janeiro, pelo tumulto que ele e o volante João Marcos, do Ceará, provocaram durante partida disputada no dia 12 de setembro, no estádio Castelão, em Fortaleza. Os dois se desentenderam nos últimos segundos de partida. Neymar pisou no pé do adversário, ambos tiveram uma ríspida discussão. A confusão acabou se generalizando, com a participação dos outros jogadores e a entrada da Polícia Militar. Neymar, João Marcos e Marcel (outro santista envolvido na confusão) foram apenas advertidos. Os atletas do Peixe estão livres para jogar contra o Cruzeiro, neste sábado. Já o volante do Ceará poderá enfrentar o Avaí, domingo, em Florianópolis.

Apesar do tumulto no Castelão não ter sido relatado na súmula, a Procuradoria do STJD apresentou as denúncias com base em vídeos. Neymar foi enquadrado em dois artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva: o 250 (praticar ato desleal ou hostil durante a partida), pelo pisão em João Marcos, e o 258 (assumir conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva), pela discussão com o adversário. O primeiro prevê pena de um a três jogos. O segundo, de uma a seis partidas. Marcel e João Marcos responderam apenas pelo artigo 258 e foram advertidos. Neymar foi absolvido da acusação de ter sido desleal e levou apenas um puxão de orelhas do Tribunal pela discussão.

Os clubes também foram julgados. O Santos por atraso na entrada a campo. O Ceará, além de entrado atrasado, foi enquadrado por deixar de tomar providências capazes de prevenir desordens no seu estádio. O Peixe foi multado em R$ 2 mil. Já o Vovô  vai pagar R$ 1 mil pelo atraso. Com relação à acusação de deixar de evitar confusão em sua praça desportiva, a equipe cearense foi absolvida.

Em seu depoimento, Neymar admitiu que discutiu com o adversário, mas que isso faz parte do jogo. Afirmou ainda que foi provocado durante boa parte do confronto por João Marcos, que o teria chamado de “moleque” e ameaçado lhe agredir. Por fim, garantiu que o pisão no adversário foi sem querer.

João Marcos, por sua vez, rebateu as acusações do santista. Assegurou que não fez nenhuma provocação e que só xingou o adversário depois de levar o pisão. No entanto, após analisar o lance com cabeça mais fria, o volante do Vovô acredita que tratou-se de um ato involuntário de Neymar. Isso acabou sendo determinante para que o santista fosse absolvido.

setembro 24, 2010 Posted by | Santos | | Deixe um comentário

Fred, Emerson e Diguinho iniciam recuperação física nas Laranjeiras

Atacantes e volante estão cada vez mais perto de voltar a atuar pelo time

A dupla de ataque titular do Fluminense parece estar mais perto do retorno. Nesta sexta-feira, Fred e Emerson voltaram a treinar no gramado das Laranjeiras. Os dois realizaram circuitos físicos com o preparador Ronaldo Torres. Ambos estão em fase final de recuperação, mas ainda não sabem quando estarão à disposição do técnico Muricy Ramalho.

Por conta de uma lesão polêmica na panturrilha esquerda, que criou mal-estar no clube e acarretou no pedido de demissão do coordenador médico Michael Simoni, Fred não joga desde 25 de julho. Sua última aparição com a camisa tricolor foi no clássico contra o Botafogo. Fez quatro gols no campeonato e desfalcou o time por 13 partidas.

Em 5 de setembro, Emerson, que marcou sete vezes em oito jogos, sofreu um estiramento na coxa esquerda, quando enfrentou o Guarani. De lá para cá, ficou fora de cinco jogos.

Diguinho também trabalhou a parte física. O volante se recupera de uma torção no tornozelo esquerdo, sofrida no empate por 2 a 2 com o Vasco, no dia 22 de agosto. Ele deveria ter voltado no início deste mês, mas a previsão não se confirmou.

No próximo domingo, o Fluminense enfrenta o Vitória, em Salvador, às 16h, no Barradão. O Tricolor é vice-líder do Brasileirão, com 45 pontos, dois a menos que o Corinthians.

Fonte: globoesporte.com

setembro 24, 2010 Posted by | Fluminense | | Deixe um comentário

No melhor ataque do Brasileirão, defensores do Flu entram em cena

Zagueiros e laterais do Tricolor marcaram 14 vezes na competição

Defensores defendem. Não no Fluminense. Nas Laranjeiras, eles têm feito mais. Muito da boa campanha do vice-líder do Campeonato Brasileiro, com 45 pontos (dois a menos que o Corinthians), deve-se ao bom desempenho dos homens de trás que aparecem na frente. O Tricolor tem o melhor ataque da competição, com 45 gols em 24 partidas. Destes, 14 foram anotados por zagueiros ou laterais. Uma fatia que representa 31% do saldo da equipe. Defensores de nenhum outro time têm um aproveitamento tão bom. Botafogo e Avaí são os que mais se aproximam, com oito e sete, respectivamente.

Gols em quantidade e com peso. A colaboração dos zagueiros Leandro Euzébio e Gum e dos laterais Mariano, Carlinhos e Julio Cesar, contabiliza pontos importantes para o Fluminense. Ajudaram a construir boas vitórias e a evitar derrotas. Foram decisivos. O jogo da última quinta-feira, contra o Atlético-MG, pela 24ª rodada, comprova. O placar de 5 a 1 foi construído na maior parte pelo poder de fogo de defensores. O lateral Carlinhos (duas vezes) e os zagueiros Leandro Euzébio e Gum marcaram. O quinto foi do meia Marquinho, já nos acréscimos(assista ao vídeo acima).

– Quando os jogos são complicados, a bola parada decide muito. Era um jogo importante para ganhar confiança, voltar a ter uma sequência de bons resultados e tentar buscar a liderança – disse o zagueiro Gum.

Também contra o Galo, só que na quinta rodada, o Tricolor venceu por 3 a 1, no Mineirão. O gol de Muriqui para os mineiros, aos dois minutos da etapa inicial, foi combatido por Gum, que marcara o primeiro dos três que tem no Nacional. Depois, os atacantes Alan e Fred completaram.

Os goleadores do time de Muricy Ramalho são os atacantes Washington e Emerson. O Coração Valente tem 10, enquanto o Sheik fez sete. Só os dois superam Leandro Euzébio. O zagueiro-artilheiro já marcou cinco. É um jogador bom de cuca. Euzébio é o segundo atleta que mais cabeceia no campeonato: 13 vezes. Está atrás dos atacantes Bruno Mineiro, do Atlético-PR, e Leandro Damião, do Inter, ambos com 15. O defensor tricolor, no entanto, é quem mais acerta. Ao lado do zagueiro Antônio Carlos, do Botafogo, e do atacante Fernandão, do São Paulo, marcou mais vezes: quatro gols cada.

Leandro Euzébio tem uma lista de gols importantes. Foi ele quem iniciou a vitória sobre o Avaí, por 3 a 0, na 7ª rodada. Contra o Cruzeiro, na 10ª, decidiu o jogo: triunfo tricolor por 1 a 0. Contra o São Paulo, na rodada #17, evitou a derrota do Flu. Aos 14 minutos do segundo tempo, decretou o 2 a 2, de cabeça. Em outro empate, no 3 a 3 do Fla-Flu, também abriu o placar.

Por opção ou por consequência do excesso de lesões, Muricy Ramalho já escalou o Fluminense no Brasileiro com pelo menos três esquemas. Fez uso do 4-4-2, do 3-6-1, com Washington sozinho na frente, e do 3-5-2. Em todos eles, os laterais são peças importantes, apesar das variações táticas. Na direita, Mariano, agora jogador de Seleção Brasileira. Na esquerda, Carlinhos e Julio Cesar. Mariano foi quem mais compareceu no ataque. Com seus gols “sem querer”, tem três na lista de artilheiros (nas vitórias sobre Grêmio, Inter e Ceará). Carlinhos fez os dois contra o Galo, e Julio Cesar, um. No empate por 2 a 2 com o Vasco, na 15ª rodada, ele evitou a derrota no clássico.

Fonte:globoesporte.com

setembro 24, 2010 Posted by | Fluminense | , | Deixe um comentário

Pelo Flamengo, Leandro Amaral pede para jogar Brasileiro Sub-23

De olho no confronto com o Goiás, atacante quer mostrar que está em boas condições

LANCEPRESS!

A notícia de que Leandro Amaral seria relacionado para o Brasileiro Sub-23 surpreendeu a todos. Porém, foi o próprio jogador que pediu para atuar contra o Palmeiras pelo torneio, neste sábado.

Há 20 dias realizando treinos intensivos, o atacante espera ter bom desempenho e ganhar ritmo de jogo, para quem sabe?, ser escalado pelo técnico Silas para o jogo contra Goiás, na próxima terça-feira.

– Poderia ficar em casa de folga, curtir a família, mas estou com muita gana de jogar. Acredito que jogar o Campeonato Brasileiro Sub-23 será a maneira de mostrar ao técnico Silas que estou com totais condições de fazer parte de grupo principal e voltar a ser relacionado para as partidas do Brasileirão – explicou o jogador por intermédio de sua assessoria de imprensa.

Contratado no dia 3 de agosto pelo diretor executivo do Flamengo, Zico, Leandro Amaral teria de ficar um mês trabalhando a parte física para entrar em campo 100%. No entanto, a falta de opções era tanta que a sua estreia foi antecipada em mais de 15 dias.

– Agora estou em totais condições de dar o meu melhor e sei que posso ajudar. Estou me sentindo um garoto. Pude fazer um ótimo trabalho com os profissionais da preparação física do clube, o que não tive muito tempo logo que cheguei ao Flamengo – finalizou.

setembro 24, 2010 Posted by | Flamengo | , | Deixe um comentário

Juan treina normalmente e está de volta ao time contra o Palmeiras

Lateral, que ficou fora por três jogos, retorna no lugar de Rodrigo Alvim

A torcida do Flamengo certamente vai respirar um pouco mais aliviada. O lateral-esquerdo Juan participou normalmente do treino tático desta sexta-feira, na Gávea, e vai enfrentar o Palmeiras, neste sábado, no Engenhão. O jogador, que mudou o visual e tirou a barba, ficou três partidas fora por causa de uma torção no tornozelo esquerdo. Rodrigo Alvim, que herdou a posição, não foi bem nos três jogos e recebeu muitas críticas dos rubro-negros.

– Estou muito feliz por retornar ao time. Foi complicado ficar esse período longe das partidas. Estava assistindo aos jogos somente pela televisão. É angustiante não poder fazer nada para ajudar. Minha vontade de jogar é enorme. O time está crescendo. Nossa expectativa é continuar evoluindo diante do Palmeiras – festejou Juan.

Outra mudança foi a entrada de Jean na vaga de Ronaldo Angelim, que será poupado. No meio, o volante Willians retorna após ter cumprido suspensão pelo terceiro cartão amarelo contra o Grêmio. Correa volta para a reserva.

Flamengo e Palmeiras se enfrentam às 18h30m deste sábado, no Rio. O time paulista está em nono lugar, com 32 pontos, enquanto os anfitriões têm 28 em 15º.

Fonte: globoesporte.com

setembro 24, 2010 Posted by | Flamengo | | Deixe um comentário

Felipão admite formar time com Lincoln e Valdivia, mas com ressalvas

Treinador palmeirense afirma que atletas precisam ser avaliados na parte física e técnica para saber se suportam 90 minutos de jogo

O técnico Luiz Felipe Scolari já começa a pensar o Palmeiras com dois meias para fortalecer o ataque do Palmeiras. Com Valdivia retornando de suspensão e Lincoln recuperado de lesão, o treinador já admite utilizar os dois atletas no meio-campo. A dúvida, porém, está no condicionamento desses jogadores, que devem ser relacionados para a partida deste sábado, contra o Flamengo, no Engenhão.

– Há a possibilidade, mas temos de ver a parte física e técnica deles para saber se irão aguentar os 90 minutos correndo atrás do Flamengo. Com a bola, é fácil. Mas temos onze adversários que precisam ser marcados, e precisamos ver o comportamento deles sem a bola. A semana foi ótima para Valdivia e Lincoln. A partir disso, se pode ter um time com mais qualidade – explicou Scolari.

Por estar há mais de um mês afastado da equipe, Lincoln deve iniciar a partida na reserva e Valdivia entre os titulares. O treinador não quis revelar qual será a equipe que começará a disputa no Engenhão. No entanto, afirmou que Gabriel Silva, lateral-esquerdo revelado pelas categorias de base do Alviverde, será o dono da posição.

– Ele está aprendendo a se colocar taticamente. Está recebendo instruções do (Flávio) Murtosa (auxiliar-técnico), que exige muito do apoio e dos cruzamentos. Vai receber mais oportunidades.

Fonte:globoesporte.com

setembro 24, 2010 Posted by | Palmeiras | , | Deixe um comentário

Apesar da má fase do ataque do Fla, Palmeiras prega respeito ao rival

Cariocas têm um dos piores sistemas ofensivos do Brasileiro. Alviverde, porém, acredita que tem de tomar cuidado no Engenhão

O ataque que na temporada passada gerava pesadelos nas defesas rivais, com Adriano e Vagner Love em grande fase, hoje pena para se acertar no Campeonato Brasileiro. Em situação complicada no torneio, o Flamengo tem um dos piores sistemas ofensivos da competição, com 23 gols, atrás de Ceará (19) e Grêmio Prudente (21), e empatado com o Vasco.

Mas, mesmo sabendo que a frente rubro-negra não vive um bom momento, os jogadores do Palmeiras fizeram questão de pregar o respeito ao time do técnico Silas. Neste sábado, às 18h30, as equipes se enfrentam pelo Brasileiro, no Engenhão.

– O Flamengo tem um bom time, é o atual campeão do Brasileiro. Têm as suas qualidades, jogadores bons e temos de tomar todo cuidado. Em todas as partidas para as quais fomos precavidos, os resultados apareceram. Temos de estar concentrados ao máximo para não sermos surpreendidos e conseguirmos manter o bom retrospecto fora de casa – alertou o goleiro Deola.

Para a partida com o Flamengo, o Palmeiras terá o retorno do volante Tinga e do meia Valdivia – ambos estiveram suspensos na partida com o Grêmio Prudente. O clube também pode ter o retorno do meia Lincoln, que estava lesionado desde o dia 1º de agosto e deve ser relacionado por Luiz Felipe Scolari para a partida no Rio de Janeiro.

Fonte: globoesporte.com

setembro 24, 2010 Posted by | Flamengo, Palmeiras | , | Deixe um comentário

Bruno César leva bronca depois de reclamar sobre seu posicionamento

Pensando na união do grupo, treinador e jogadores do Timão conversaram com o meia, que havia falado que estava atuando fora de sua posição

Antes que o problema se tornasse maior, o técnico Adilson Batista e o elenco corintiano trataram de resolver a situação. Após reclamar que estaria jogando fora de sua posição, o meia Bruno César levou uma bronca durante esta semana para evitar qualquer crise no Parque São Jorge. Depois do jogo contra o Grêmio Prudente, no último sábado, o camisa dez disse que não estava rendendo bem pois havia sido deslocado para o lado direito, ao invés de atuar mais centralizado. Nesta quinta, em entrevista ao jornal Lance!, ele atribuiu sua queda de rendimento a essa mudança tática promovida na equipe.

– O Adilson chamou a atenção dele, mas não houve uma reunião, foi uma conversa no campo mesmo. Ele é um jogador jovem, falamos para ele que às vezes a gente faz outra função, tudo pra ajudar o grupo. Resolvemos tudo internamente, sem maiores problemas – explicou o atacante Iarley, nesta sexta-feira, em entrevista no CT do Parque Ecológico do Tietê.

Não foi apenas Adilson Batista que puxou a orelha de Bruno César. Os jogadores mais experientes do elenco também não gostaram da reclamação e conversaram com o meia de 21 anos. Apesar do problema, Iarley elogiou o jogador, que fez rápido sucesso no Timão depois de ser contratado junto ao Santo André este ano.

– Ele é um garoto tranquilo, calado, humilde. É um jogador que tem as características completamente diferentes de alguém que se deixa envolver com salto alto, deslumbramento – disse Iarley.

A preocupação de manter o grupo unido e sem polêmicas na briga pelo título brasileiro é grande. Por isso, os experientes e consagrados Ronaldo e Roberto Carlos foram usados como exemplos pelo elenco para administrar a insatisfação de Bruno César.

– A gente vê os exemplos do Ronaldo e do Roberto. Eles não reclamam de nada, como que a gente vai reclamar? O mais importante é a união do Corinthians. Acho que esse caso do Bruno César foi isolado, ele estava de cabeça quente, já foi conversado e ele entendeu. Nenhuma vaidade vai atrapalhar o grupo – afirmou o zagueiro Paulo André.

setembro 24, 2010 Posted by | Corinthians | , , | Deixe um comentário

Jonathan quer se destacar contra o Peixe, para Mano Menezes ver

Treinador da seleção vai estar na Arena Barueri, neste sábado

Recuperado das dores no músculo adutor da perna direita, o lateral Jonathan volta ao time do Cruzeiro para o duelo contra o Santos. Mas a convocação do técnico Mano Menezes chamou mais atenção do que o retorno do jogador à Raposa.

Tudo porque, na lateral direita foram convocados Daniel Alves, do Barcelona, e Mariano, do Fluminense. Apesar da surpresa, Jonathan preferiu elogiar o companheiro do que lamentar sua ausência na lista.

– Fico feliz pelo Mariano, que considero um amigo e que jogou comigo. Foi uma convocação justa pelo bom campeonato que ele vem fazendo – declarou.

O técnico Mano Menezes confirmou presença na Arena Barueri , no sábado, para assistir ao confronto entre Santos e Cruzeiro. Por isso, Jonathan quer ter uma boa atuação para mostrar ao treinador que tem condições de ser chamado para o time canarinho.

– Claro que eu penso em fazer uma boa partida e que possa ajudar o Cruzeiro a conquistar a vitória. Espero fazer um excelente jogo e quem sabe encher os olhos do Mano – afirmou.

Para o duelo contra o Santos, Jonathan acredita que os Meninos da Vila irão mordidos contra o Cruzeiro por conta da derrota para o Corinthians, na Vila Belmiro.

– Eles jogarão para vencer, e por ter perdido espaço para o Corinthians, a motivação vai estar à flor da pele. Estão pensando em vencer o Cruzeiro para se aproximar mais da gente. Eles tem um jogo a menos e ainda pensam no título – concluiu.

setembro 24, 2010 Posted by | Cruzeiro | , | Deixe um comentário

Com dores na virilha direita, Léo está vetado para o jogo contra o Santos

Gil, substituto imediato, será o companheiro de Edcarlos no setor defensivo

Apesar da boa campanha, o Cruzeiro não teve uma boa notícia na manhã desta sexta-feira. O zagueiro Léo foi vetado pelo departamento médico por conta de dores na virilha direita e ficará fora do confronto com o Santos, neste sábado, às 18h30m (de Brasília), na Arena Barueri.

O jogador passou por exame de ressonância magnética, que não constatou nenhuma lesão, apenas uma mialgia por esforço. Os médicos celestes acharam melhor deixar o jogador também fora do jogo da rodada seguinte, diante do Atlético-GO, na quarta-feira, na Arena do Jacaré.

Com a ausência de Léo, o zagueiro Gil – substituto imediato – fará dupla com Edcarlos. Já Cláudio Caçapa, liberado para os treinos no início da semana, será relacionado para a partida e ficará à disposição do treinador.

setembro 24, 2010 Posted by | Cruzeiro | , | Deixe um comentário

O que falta para o Vasco segurar as vitórias é maturidade

Esta é a conclusão em que PC Gusmão e jogadores do elenco chegaram para explicar a constante perda de pontos

LANCEPRESS!

Maturidade, de acordo com o dicionário: estado em que há maturação, firmeza, precisão, exatidão. Relacionado diretamente à idade, o substantivo é a palavra da vez em São Januário.

Depois de passar semanas sem saber explicar porque não consegue vencer no Brasileiro apesar de fazer boas atuações, o Vasco encontrou na falta de madureza a resposta para a pergunta entalada na garganta da torcida, especialmente após o empate com o Botafogo. Mesmo que o time em campo mostre exatamente o contrário.

Maturidade não é exatamente algo que falte a Fernando Prass, 32 anos, Fernando, 30, Felipe, 33, e Zé Roberto, 29, nomes mais velhos do grupo. Também não é estranha para jovens como Eder Luis, Carlos Alberto, Rafael Carioca e Fellipe Bastos, que apesar da idade, possuem boa rodagem na estrada do futebol.

O que falta então para o time vencer? Para a torcida, a ausência de um artilheiro ainda é apontada como a principal carência do Vasco, o que não vai deixar de existir, pelo menos no primeiro momento. Para outros, tem faltado sorte ao Cruzmaltino.A imaturidade, definitivamente, fica por conta da análise de Paulo César Gusmão e dos jogadores.

– Falta principalmente mais maturidade, o time tem jogado bem, mas não estamos vencendo. Ficamos com aquela coisa na cabeça: “Será que vai acontecer de novo, e acontece” – disse Fellipe Bastos.

O treinador vascaíno prometeu resolver a falta de maturidade do elenco na base da conversa. Para muitos, porém, imaturidade só acaba com o tempo, algo que o Vasco não tem. Enquanto não descobre como vencer, o time se aproxima da zona de rebaixamento. Que a luta para permanecer na Série A não chegue a se tornar algo maduro na Colina.

setembro 24, 2010 Posted by | Vasco da Gama | | Deixe um comentário

Botafogo vai pedir dispensa de Loco Abreu de amistosos do Uruguai

Clube deve enviar ainda nesta sexta-feira ofícios à Federação Uruguaia e à Fifa solicitando permanência do atacante no Alvinegro

Consciente da importância de reunir o máximo de suas forças para brigar por uma vaga na Libertadores, o Botafogo decidiu pedir a dispensa de Loco Abreu da seleção do Uruguai, que disputará amistosos contra China e Indonésia nos dias 8 e 12 de outubro, respectivamente. Ainda nesta sexta-feira o Alvinegro deve enviar ofícios à Fifa e à Federação de Futebol Uruguaia com a solicitação.

Por não se tratar de datas Fifa, o Botafogo tem a esperança de sucesso. Além disso, numa primeira conversa, Loco Abreu teria se mostrado disposto a seguir em General Severiano para reforçar a equipe na reta final do Brasileirão. No entanto, sabe-se que a Federação Uruguaia dificultaria a liberação do atacante.

Caso não consiga a dispensa, Loco Abreu desfalcará o Botafogo nas partidas contra Guarani, em Campinas, e Palmeiras, no Engenhão, nos dias 6 e 10 de outubro, respectivamente.

Em nota oficial publicada em seu site, o Botafogo confirmou que pedirá a desconvocação de Abreu. No entanto, o mesmo não acontecerá em relação a Jefferson, chamado por Mano Menezes para amistosos da Seleção Brasileira. Confira abaixo a nota oficial na íntegra:

O Departamento de Futebol do Botafogo de Futebol e Regatas comunica que solicitará à Associação Uruguaia de Futebol a desconvocação do atleta Sebastian Abreu para os amistosos contra China e Indonesia, nos dias 8 e 12 de outubro. O clube atravessa momento importante no Campeonato Brasileiro e a presença de um de seus principais jogadores é fundamental. Para tanto, o Botafogo FR conta com o ótimo relacionamento com a AUF desde a primeira convocação de Sebastian Abreu.

Com relação ao atleta Jefferson, convocado para a Seleção Brasileira, o Botafogo entende que a situação é diferente, pois ele está começando uma carreira na Seleção, enquanto Sebastian Abreu já tem o nome consolidado em seu país.

Departamento de Futebol
Botafogo de Futebol e Regatas

setembro 24, 2010 Posted by | Botafogo | | Deixe um comentário

Ramon ficará fora de quatro a seis semanas

Exames confirmam novo estiramento na coxa esquerda

LANCEPRESS!

Ramon ficará de quatro a seis semanas fora do time devido a um estiramento de grau 2 na coxa esquerda, sentido no clássico contra o Botafogo, na última quarta-feira. O resultado dos exames saíram na tarde desta sexta-feira e confirmaram a gravidade da lesão, que é na mesma coxa do estiramento anterior. Mas, segundo Paulo César Andrade, médico do clube, não há relação entre elas.

– É uma pena. Mas fizemos todos os exames e ele terá de ficar algumas semanas fora. Nesta tarde, ele já incia o tratamento – disse.

Se o jogador precisar do tempo máximo para se recuperar, retornará à equipe apenas na 34ª rodada.

O camisa 33 lamentou a notícia em seu Twitter e agradeceu ao apoio dos vascaínos.

setembro 24, 2010 Posted by | Vasco da Gama | | Deixe um comentário

Maicosuel ficará fora dos gramados por oito meses

Exame de imagem aponta ruptura total no ligamento do joelho esquerdo; operação deverá ser em dez dias

LANCEPRESS!

O resultado da ressonância magnética realizada por Maicosuel, do Botafogo, não foi nada animador. O exame de imagem apontou ruptura completa no ligamento cruzado do joelho esquerdo, além de uma lesão no ligamento póstero-lateral. Em dez dias ele deverá ser operado, mas ficará longe dos gramados por volta de oito meses.

O médico do Botafogo, Luiz Fernando Medeiros, explicou o resultado do exame de ressonância magnética e qual deverá ser o procedimento para recuperar Mago.

– Maicosuel sofreu uma entorse no joelho esquerdo. É uma lesão grave no ligamento cruzado anterior. Uma lesão extremamente grave para um jogador de futebol. Ele vai precisar de um processo cirúrgico, que ocorrerá, provavelmente, em dez dias – disse o médico do Alvinegro.

No clássico contra o Vasco, na última quarta-feira, o meia-atacante saiu do campo chorando. Será preciso aguardar um tempo de sete a dez dias para o local ficar menos inchado.

– A previsão é a de oito meses. Porque foi uma ruptura completa do ligamento, além de lesões menores. A conduta cirúrgica já está firmada. Estamos aguardando o joelho desinchar para realizar a intervenção – encerrou Luiz Fernando Medeiros.

setembro 24, 2010 Posted by | Botafogo | | Deixe um comentário

Retrospectiva: Luxemburgo não vai deixar os atleticanos com saudades

Equipe alvinegra acumula fiascos e números ruins em 2010

Se alguém perguntasse ao torcedor atleticano há cerca de nove meses qual era a expectativa com a chegada de Vanderlei Luxemburgo no comando do Galo, as respostas eram as mais otimistas possíveis. E não seria para menos. Com um currículo vitorioso, Luxemburgo foi anunciado como novo treinador do alvinegro em 9 dezembro de 2009 pelo presidente do clube, Alexandre Kalil.

O anúncio foi feito pelo Twitter do mandatário alvinegro e encheu a torcida de esperança, principalmente após a reta final frustrante de Celso Roth, que não conseguiu classificar o time para a Copa Libertadores, mesmo tendo ficado por várias rodadas no G-4. Luxa chegou com contrato assinado para duas temporadas, mas menos de um ano depois, deixou o Atlético-MG e dificilmente deixará saudades no torcedor. O ponto final na relação Atlético-MG/Luxemburgo foi nessa quinta-feira, 23 de setembro, após uma goleada de 5 a 1 contra o Fluminense.

Campeonato Mineiro, Copa do Brasil e Sul-Americana

O primeiro jogo comandado por Luxemburgo foi um amistoso, diante do Araxá, durante a pré-temporada do Galo. O resultado foi bom – 3 a 1, com gols de Tardelli, Coelho e Júnior.

Na primeira partida do campeonato estadual, um clássico contra o América-MG e um empate – 1 a 1. No grande teste de Luxemburgo, contra o rival Cruzeiro, a equipe celeste se deu melhor, vencendo por 3 a 1. O pedido de desculpas viria no jogo seguinte, já pela Copa do Brasil, quando o Galo fez 7 a 0 no inexpressivo Juventus, do Acre.

Nos próximos jogos, mais duas goleadas vieram, ambas por 6 a 0 – no Mineiro, contra o Ituiutaba, e novamente pela Copa do Brasil, contra o Chapecoense-SC.

Pelo Campeonato Mineiro, a equipe conquistou boas vitórias e chegou a se classificar para as finais, contra o Ipatinga. No primeiro jogo, 3 a 2, em Ipatinga. No jogo de volta, no Mineirão, 2 a 0 e o Galo, depois de três anos, levantou o caneco estadual.

Na Copa do Brasil, o time passou pelo Sport, mas ficou no caminho quando encontrou o Santos, último time de Luxemburgo antes do Galo. Com isso, uma das chances da equipe de se classificar para a Libertadores, uma das metas do ‘projeto’ de Alexandre Kalil, ficava pelo caminho.

A participação na Copa Sul-Americana também foi sofrida. A classificação para as oitavas de final só saiu aos 48 minutos do segundo tempo, do segundo jogo, com um gol de Ricardinho sobre o Grêmio Prudente.

O Atlético-MG começou o Brasileirão badalado, com vários jogadores de renome, e Diego Souza, que chegou em julho, havia sido escolhido o ‘craque’ do Brasileiro de 2009. Na primeira partida do campeonato, contra o Vasco, vitória por 2 a 1. A torcida mal imaginava que essa seria uma das seis partidas que a equipe venceria após 24 rodadas.

No segundo jogo, o primeiro susto – o pouco conhecido Grêmio Prudente fez 4 a 0. Na rodada seguinte, a segunda vitória, por 3 a 1, contra o xará paranaense.

As dez rodadas que se seguiram foram desastrosas – uma vitória, um empate e oito derrotas, incluindo novo revés para o Cruzeiro, por 1 a 0. O time fez apenas nove gols e levou 19. A essa altura, o time já estava na vice-lanterna há quatro rodadas.

A reação não veio, as desculpas foram se acumulando, e o time vinha repetindo a história de 2005, quando foi rebaixado à série B. Nos últimos 11 jogos, foram três vitórias, dois empates e seis derrotas. Mais uma vez, a defesa foi a antagonista do time – 18 gols. O final da era Luxemburgo foi decretado nessa quinta-feira, após goleada do Fluminense por 5 a 1.

Luxemburgo deixa o Galo em péssima situação – 18º lugar na série A, com a pior defesa do torneio, com 45 gols sofridos. Em 53 jogos comandando o alvinegro, foram 22 vitórias, 12 empates e 19 derrotas.

setembro 24, 2010 Posted by | Atlético-MG | | Deixe um comentário