Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Carlos Alberto é suspenso pelo STJD e não enfrenta o São Paulo

Capitão do Vasco pega gancho de dois jogos (um já cumprido) por causa da expulsão na partida contra o Vitória, na 13ª rodada

O meia Carlos Alberto, do Vasco, foi julgado nesta terça-feira, no STJD, e levou uma punição de dois jogos por causa da expulsão na partida contra o Vitória, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Desta forma, ele está fora do duelo com o São Paulo, quarta-feira, às 22h (de Brasília), no Morumbi. Ele já havia cumprido uma partida de suspensão (contra o Grêmio Prudente). As informações são do site “Justiça Desportiva”.

Carlos Alberto, que havia dado declarações dizendo que confiava na absolvição, viajou com o restante da delegação para São Paulo. O jogador foi julgado no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) – conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva – e corria o risco de ser punido com até seis jogos de suspensão.

O árbitro da partida, Wallace Nascimento Valente, relatou na súmula que o camisa 19 foi punido com cartão amarelo por cometer falta em um adversário e, em seguida, recebeu a segunda advertência porque aplaudiu ironicamente a decisão da arbitragem.

agosto 24, 2010 Posted by | Vasco da Gama | | Deixe um comentário

Leco elogia e diz que Paulo Autuori é um nome forte no São Paulo

Em entrevista ao ‘Arena SporTV’, vice de futebol do São Paulo afirma que clube busca um técnico ‘disciplinador, experiente e que tenha sorte’

O vice-presidente de futebol do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, disse nessa terça-feira que o clube pode até mudar o comando técnico do time nas próximas 24 horas, mas acredita que isso não acontecerá. Em entrevista ao programa “Arena SporTV”, o dirigente disse ainda que Paulo Autuori é um nome de peso para assumir o Tricolor.

– Autuori tem uma história brilhante no São Paulo, ele é muito bem-quisto. Esse homem ganhou Libertadores e Mundial no São paulo e saiu porque quis, não que o São Paulo tivesse o liberado. Certamente (é um nome forte).

Leco aproveitou também para falar sobre a conversa da torcida com os jogadores no treino de segunda-feira e para analisar as passagens dos últimos dois treinadores da equipe: Muricy Ramalho e Ricardo Gomes.

agosto 24, 2010 Posted by | São Paulo | | Deixe um comentário

Neymar convence STJD e se livra de punição por comentário no Twitter

Jogador afirma que seu perfil no site de relacionamentos foi invadido e que xingamento a Sandro Meira Ricci não foi escrito por ele. Procuradoria aceita

O atacante Neymar, do Santos, está livre de punição pelas críticas que teria feito, via Twitter, à arbitragem de Sandro Meira Ricci, que apitou Vitória 4 x 2 Santos, domingo retrasado, em Salvador. Neymar estava machucado e não participou da partida. Ficou assistindo pela televisão e comentando o jogo pela internet.

Em determinado momento, apareceu em seu perfil Twitter a frase “Juiz ladrão vai sair de camburão” logo depois que Ricci expulsou o zagueiro Edu Dracena por cometer pênalti ao tocar a bola com a mão dentro da área. Em seguida, a mensagem foi apagada e Neymar postou uma nova se desculpando e alegando que alguém havia invadido o seu perfil: “Matéria que colocaram no #globoesporte.com falando que eu chamei o juiz de ladrão.. não foi eu não viu… tanto que eu deletei na hora!”.

A pedido do advogado do Santos, João Gazola, Neymar escreveu uma carta ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva afirmando que não ofendeu o árbitro e que houve uma invasão a seu Twitter.

– Não existe nenhuma prova que possa denunciar o jogador – afirmou o procurador do STJD, Paulo Schimitt, em entrevista ao site Justicadesportiva.com.br.

agosto 24, 2010 Posted by | Santos | | Deixe um comentário

Duelos contra times em baixa não iludem os jogadores do Verdão

Palmeiras terá pela frente o Atlético-GO e Atlético-MG, equipes que ocupam a zona de rebaixamento do Brasileirão

O Palmeiras ainda luta para subir na tabela do Brasileiro. E, nas duas próximas rodadas, pelo menos se forem levados em conta os aproveitamentos dos dois próximos adversários, a tendência é que o time consiga duas vitórias. Na teoria, obviamente. Nesta quinta-feira, no Pacaembu, a equipe Alviverde enfrenta o Atlético-GO, rival que ocupa a última posição do Nacional, com somente dez pontos. No domingo, o time viaja para Minas Gerais, onde enfrenta o Atlético-MG, outra equipe aflita pela colocação – é a 18ª, com 13 pontos.

– O Atlético-GO vai querer sair dessa situação e certamente vão fazer de tudo para tirar pontos da gente. Já a situação do Atlético-MG é momentânea. Eles possuem um grande elenco e nunca é fácil jogar fora de casa. Mas nós estaremos preparados para esses dois duelos. Já não perdemos há seis jogos na competição e vamos jogar para vencer – disse o volante Tinga.

Com 20 pontos, o Alviverde ocupa uma posição intermediária na tabela – é o 12º colocado. Apesar de se mostrar irregular – só venceu uma partida sob o comando de Luiz Felipe Scolari na competição (2 a 0 sobre o Atlético-PR) – a equipe está há seis jogos sem perder. A última derrota foi na estreia de Felipão, contra o Avaí (4 a 2), na nona rodada.

agosto 24, 2010 Posted by | Palmeiras | | Deixe um comentário

FOTO: elenco colorado é recebido com festa em Florianópolis

Torcida compareceu em bom número no aeroporto da cidade para recepcionar os campeões da Taça Libertadores

agosto 24, 2010 Posted by | Internacional | | Deixe um comentário

Em nome de Renato: Gabriel e Vilson são apresentados pelo Grêmio

Homens de confiança de Portaluppi, lateral-direito e zagueiro chegam ao Olímpico motivados pela presença do treinador

Foi, em grande parte, em nome de Renato Portaluppi que o lateral-direito Gabriel e o zagueiro Vilson vestiram azul, preto e branco. Homens de confiança do novo treinador do Grêmio, os jogadores foram apresentados oficialmente nesta terça-feira. Eles colocam os pés no Olímpico dispostos a ajudar o antigo chefe. Gabriel foi vice-campeão da Libertadores com Renato no Fluminense em 2008. Vilson foi atleta dele no Vasco.

Gabriel é claro: a presença de Renato foi um diferencial para a decisão que ele tomou de retornar da Grécia para o Brasil.

– Eu decidi quando o Renato entrou em contato comigo, me passando a proposta dele. Acredito nele, como acreditei na época do Fluminense. Isso foi fundamental em minha decisão de vir para o Sul – disse Gabriel.

Com Vilson, a situação foi parecida. Renato procurou o zagueiro, que estava no Vitória, e propôs que trabalhassem juntos outro vez, repetindo a parceria dos tempos de Vasco. Na ocasião, o zagueiro foi rebaixado para a Série B junto com o treinador. Mas ele valoriza o trabalho de Renato.

– Em relação a 2008, quando o Renato foi para lá, a situação estava mais complicada. Era difícil de reagir. Até conseguimos reagir, tanto que levamos a decisão até a última rodada. Ganhei experiência trabalhando com o Renato – afirmou o defensor.

Gabriel espera ter condições de jogo no fim de semana, contra o Atlético-PR, em Curitiba. Vilson já foi relacionado para o duelo desta quarta-feira, contra o Santos, e tem boas chances de começar o jogo.

– Minha última atuação foi na sexta passada, pelo Vitória. Estou pronto para jogar. Estou feliz em estar aqui para ajudar o grupo, ajudar o Grêmio. É um jogo importante, em casa – disse Vilson.

Gabriel Rodrigues dos Santos nasceu no dia 5 de junho de 1981, em São Paulo. Tem 1,71m e 72kg. Defendeu São Paulo, Fluminense, Málaga, da Espanha, Cruzeiro, Fluminense e Panathinaikos, da Grécia. Foi campeão paulista, carioca, grego e da Copa da Grécia. Tem contrato com o Grêmio até dezembro do ano que vem.

Vilson Xavier de Menezes Júnior é natural de São Gonçalo (RJ), onde nasceu em 3 de abril de 1989. Tem 1,89m e 79kg. Defendeu Madureira, Vasco e Vitória. Foi campeão da Série B com o time carioca. Também ganhou o Campeonato Baiano. O vínculo com o Tricolor vai até o fim do ano.

agosto 24, 2010 Posted by | Grêmio | | Deixe um comentário

Idênticos nos números, Fred e Washington ‘brigam’ em alto nível

Principais goleadores do elenco têm 60 jogos e 39 gols com a camisa tricolor e vão disputar vaga ao lado de Emerson no ataque

Sessenta jogos, 39 gols e somente um lugar disponível. A disputa entre Fred e Washington pela vaga de titular do Fluminense deve começar para valer somente na próxima semana, quando o primeiro será liberado para voltar ao time após lesão na panturrilha. Mas no que depender dos números, o ‘duelo’ tem tudo para ser equilibradíssimo. Com passagens em períodos distintos pelo Tricolor, os dois atacantes cumpriram o que deles se espera: balançaram as redes e têm estatísticas rigorosamente idênticas nas Laranjeiras.

Atual dono da camisa 9, Washington chegou ao clube pela primeira vez em janeiro de 2008. Na ocasião, foi, indiscutivelmente, o principal artilheiro tricolor, fez gols importantes na campanha do vice da Libertadores e terminou o Brasileirão como goleador máximo, ao lado de Keirrison e Kleber Pereira, com 21 gols. Totalizando 56 jogos e 37 gols.

Depois de um ano e meio no São Paulo, no entanto, o Coração Valente retornou às Laranjeiras e, com três gols em quatro jogos, igualou a marca daquele que, até então, reinava absoluto entre os torcedores: Fred. Contratado com status de estrela em março de 2009 entrou para a história ao ser decisivo na campanha que evitou o rebaixamento no Brasileirão passado.

Recuperado daquela que considera a pior lesão de sua carreira, com a ruptura quase que completa de músculos da coxa direita em partida contra o Atlético-MG, ainda no primeiro turno do Campeonato Brasileiro de 2009, Fred retornou aos gramados na reta final da competição e com a equipe com 99% de chances de rebaixamento. Principal nome do elenco, ele chamou para si a responsabilidade e deu conta do recado, marcando 13 gols nos 15 últimos jogos do ano, entre Brasileirão e Sul-Americana.

A rotina de problemas médicos, no entanto, impediu que ampliasse a marca de 39 gols em 60 jogos e se distanciasse de Washington. No período em que defende o Tricolor, o jogador já ficou fora de 40 partidas – 38 por estar no departamento médico.

Problemas à parte, a média de 0,65 gol por jogo dá ao torcedor tricolor esperança de um futuro promissor no Brasileirão. Resta saber quem será o escolhido de Muricy Ramalho para jogar ao lado do Sheik Emerson a partir do compromisso contra o Palmeiras, no dia 1º de setembro, no Maracanã.

Em entrevista após a estreia, Washington evitou fazer propaganda de si próprio e levantou até mesmo a possibilidade de atuar junto com o “rival”.

– É compatível. Somos dois jogadores inteligentes, goleadores, e é claro que podemos jogar juntos. Depende também de como o Muricy vai querer armar o time. Há pouco tempo, o Flamengo teve sucesso com Vagner Love e Adriano. Deu certo. Acho que ter um goleador é bom, ter dois é melhor ainda. Quem vai ganhar é o Fluminense – disse na ocasião, após marcar dois gols contra o Atlético-PR.

Já Fred encarou a disputa por vaga com naturalidade e fez questão de garantir que nada vai interferir no bom relacionamento entre os jogadores tricolores.

– Com vaidade não vamos ter problemas. Qualquer grupo tem probleminhas, mas não abrimos mão de resolvê-los internamente. Vaidade para mim é uma tremenda bobeira. Só tem vencedor no grupo. Lógico que todo mundo vai querer jogar, mas não vai ter nada de corpo mole.

Fora da equipe há quatro partidas, Fred está vetado para a partida desta quarta-feira, às 19h30m (de Brasília), contra o Goiás, no Serra Dourada, pela 15ª rodada do Brasileirão. Já Washington tem escalação garantida e a oportunidade de disparar, pelo menos nos números.

agosto 24, 2010 Posted by | Fluminense | , | Deixe um comentário

Diogo reclama de cansaço após treino e não garante estreia na quinta-feira

Nos dez minutos em que o coletivo foi aberto nesta terça, jogador mostra boa movimentação. Ele é ‘agraciado’ com corredor-polonês

Uma corridinha, água. Outra arrancada e mais água. Diogo, como previa, sentiu o primeiro dia de treino no Flamengo e manteve o discurso de que talvez seja melhor adiar a estreia. O jogador foi titular no coletivo nesta terça-feira, no Ninho do Urubu, e diante do crônico problema do ataque, deve ser escalado na partida contra o Atlético-MG, quinta, no Maracanã.

Pelos dez minutos que se puderam ver – o treinamento ficou fechado por mais de 1h50m – o camisa 43 teve boa participação na atividade. Movimentando-se muito, ele recebeu no meio-campo, avançou e foi travado pela zaga. A bola sobrou para Toró que, livre, fez o gol.

Incentivado pelos companheiros, Diogo teve outro bom lance. Ele recebeu na intermediária, arrancou, driblou um zagueiro e chutou de perna esquerda nas mãos do goleiro Diego Lima.

– O cara está querendo. Quando o jogador chega querendo jogar, motiva ainda mais o grupo para fazer o melhor. O Diogo estava jogando no Olympiacos, está com vontade de ajudar – disse o capitão Léo Moura.

Mas o excesso de vontade tem efeitos colaterais, principalmente para um jogador que vem de forte pré-temporada aliada a cinco dias sem treinamentos. A cada interrupção, o atacante procurou as garrafas d’água à beira do campo. No fim do treino, ele admitiu que sentiu o cansaço.

– Não sei se vou começar jogando porque fiquei uma semana parado. Não quero queimar etapas. Quero entrar para ajudar o time. Fiquei cansado e se for assim é melhor dar uma segurada – disse, em entrevista ao site oficial do Flamengo.

O primeiro dia de convivência com os novos companheiros teve a tradicional passagem no corredor polonês e uma brincadeira. Ao lado de David, Renato, Val Baiano e Ronaldo Angelim, Diogo disputou um bobinho que foi encerrado pelo preparador físico Toninho Oliveira, preocupado com o desgaste dos atletas.

Outro reforço contratado, Deivid viajou para a Turquia e retorna ao Rio de Janeiro no fim desta semana. Ele deve estrear na partida contra o Santos, dia 5 de setembro.

agosto 24, 2010 Posted by | Flamengo | | Deixe um comentário

Volante Henrique afirma: ‘Ficar só pensando no G-4 não é bom’

Para o jogador, foco na conquista das vitórias tem de vir em primeiro lugar

Provavelmente, o internauta já tenha ouvido falar no livro ‘O Segredo’, ou quem sabe, até mesmo tenha lido o best seller de Rhonda Byrne. O livro fala da ‘Lei da Atração’, na qual a pessoa, aumentando a força do pensamento na realização de seus desejos, pode realizá-los com mais sucesso. É claro que há aqueles que acreditam, mas, no caso do volante Henrique, a ‘teoria’ que os jogadores devem usar é exatamente oposta. Para ele, se o Cruzeiro quiser chegar ao G-4, o primeiro passo é esquecer essa possibilidade.

– A gente, às vezes, almeja tanto que acaba atrapalhando o pensamento, focando muito. Nós temos que pensar primeiro em vencer. Vencendo, as coisas vão chegando aos poucos. Nós temos que pensar primeiramente na vitória e esquecer o G-4, porque quando a gente está pensando em G-4, não estamos chegando.

O Cruzeiro não consegue conquistar os três pontos há três rodadas. Depois da vitória contra o Atlético-MG, por 1 a 0, a Raposa empatou sem gols com o Grêmio Prudente, em 2 a 2 com o São Paulo e, nesse domingo, foi derrotado pelo Vitória, por 1 a 0. Com esses resultados, o time do técnico Cuca caiu para o oitavo lugar, com 21 pontos.

Fábio concorda

O goleiro Fábio parece partilhar da teoria ‘anti-O Segredo’. Para ele, o momento é de pensar apenas no Corinthians – adversário desta quarta-feira – e sair do Parque do Sabiá com os três pontos.

– Agora, é ver o que a gente deixou de fazer em alguns determinados momentos das partidas que a gente não conseguiu um bom resultado, para que, nesta quarta-feira, a gente saia com uma vitória. É difícil analisar friamente. Às vezes, você não joga bem e consegue a vitória, e, às vezes, até não jogando bem, você consegue o resultado. Agora, em Uberlândia, espero que a gente faça o melhor futebol possível.

agosto 24, 2010 Posted by | Cruzeiro | | Deixe um comentário

Zagueiro Chicão renova por três anos

Jogador acerta permanência no clube e agora terá o terceiro maior salário do elenco, abaixo apenas das estrelas Roberto Carlos e Ronaldo

Boa notícia para a torcida do Corinthians. O zagueiro Chicão vai permanecer no Timão por mais três anos. O jogador e os empresários dele aceitaram nesta terça-feira a contraproposta feita pela diretoria do Corinthians e o novo vínculo deve assinado nos próximos dias.

No início das negociações, a direção alvinegra ofereceu mais duas temporadas ao atleta, além de um reajuste salarial. Chicão, porém, desejava mais três anos de acordo para poder encerrar a carreira no Parque São Jorge.

O acordo foi fechado em reunião na segunda-feira, entre o presidente Andrés Sanches e os agentes Marcelo Goldfarb e Bruno Paiva. O defensor terá agora o terceiro maior salário do grupo corintiano, abaixo apenas do lateral-esquerdo Roberto Carlos (segundo) e do atacante Ronaldo (primeiro).

No último domingo, logo após a vitória por 3 a 0 sobre o São Paulo, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro, Chicão revelou que estava muito próximo de um acordo com a diretoria e que o acerto deveria acontecer em poucos dias.

Titular absoluto desde a Série B do Campeonato Brasileiro de 2008, Chicão se transformou em um dos principais jogadores do Timão, com 135 partidas. Mais que isso, entrou mais para a história do clube como o segundo maior zagueiro-artilheiro, com 32 gols. Pedro Grané, que atuou nas décadas de 20 e 30, fez 50.

No ano passado, durante a fase final da Copa do Brasil, o jogador chegou a ser procurado pelo Benfica-POR, mas as negociações não avançaram. Já em 2010, o Sporting-POR também manifestou interesse em contratatá-lo, porém, o desejo de permanecer no Parque São Jorge falou mais alto.

Confira abaixo a nota oficial dos empresários de Chicão confirmando o acerto:

“Chegamos a um acordo verbal com o Sport Club Corinthians Paulista, para a renovação de contrato do zagueiro Chicão por mais 3 anos. Faltando somente a assinatura do novo vínculo.

É bom que se diga que, ao contrário da polêmica que muitos tentaram criar, sobretudo devido ao fato de também sermos os representantes do goleiro Felipe, as conversas com o clube transcorreram da melhor forma possível. Sendo, como sempre, preservado o respeito pela instituição e pelo presidente Andres Sanches.

Bruno Paiva
Marcelo Goldfarb
Marcelo Robalinho
THINK BALL & SPORTS CONSULTING”

agosto 24, 2010 Posted by | Corinthians | | Deixe um comentário

Especialista em Cruzeiro, Adilson alerta para conhecimento do rival

Agora no Corinthians, ex-técnico da Raposa afirma que do outro lado os jogadores também sabem o seu jeito de trabalhar um grupo

Pela primeira vez desde que deixou o comando do Cruzeiro, o técnico Adilson Batista, agora no Corinthians, vai reencontrar seu ex-clube. Aliás, na partida desta quarta-feira, às 22h, em Uberlândia, o treinador sabe que tem conhecimento de sobra do rival, mas alerta para o que a Raposa também sabe sobre ele.

– É importante você conhecer o atleta a fundo, mas eles também sabem como eu trabalho, o que costumo pedir e a maneira como gosto de jogar. De qualquer maneira facilita o meu trabalho conhecer o grupo do Cruzeiro – declarou o técnico do Corinthians, em entrevista nesta terça-feira.

Na segunda colocação do Campeonato Brasileiro, apenas dois pontos atrás do líder Fluminense, o Corinthians precisa da vitória nesta quarta-feira para seguir a perseguição ao time carioca, que também joga nesta quarta, contra o Goiás, só que às 19h30m. Portanto, o Timão entrará em campo sabendo o que precisa.

– Eu tenho um carinho grande pelo Cruzeiro. É um clube que respeito demais. O torcedor lá sempre me apoiou, me ajudou, mas tenho a ambição de vencer e vou trabalhar profissionalmente como sempre fiz – finalizou Adilson.

Para o duelo com a Raposa, em Minas Gerais, o técnico corintiano segue sem o atacante Dentinho e não poderá contar com o zagueiro William. Ele será substituído por Paulo André, que formará a dupla de zaga com Chicão.

agosto 24, 2010 Posted by | Corinthians | , | Deixe um comentário

Joel Santana veta saída do ‘capitão’ e braço-direito Lucio Flavio

Técnico diz que, no que depender da sua vontade, apoiador fica no Botafogo

Lucio Flavio perdeu espaço. Antes figura certa no time titular, agora o jogador é apenas mais um. A reserva, porém, não diminui sua importância no elenco. Apesar das críticas de parte da torcida alvinegra, o técnico Joel Santana não quer perder o meio de campo. Seu nome foi especulado no Sport e no Coritiba, nada oficial, mas Joel já tratou de eliminar as possibilidades de liberar o jogador.

– Não é bom ele sair. Ele é importante dentro e fora de campo. É um jogador que já passou várias situações no clube. Uso o Lucio Flavio como meu braço-direito, até para traçar nossos planos. O (Leandro) Guerreiro hoje é o capitão, mas ele para mim continua como capitão também. Se ele me perguntar eu digo para ficar. Alguém tem que ter paciência, pois só podemos entrar com 11 – lembrou o técnico.

agosto 24, 2010 Posted by | Botafogo | | Deixe um comentário

Luxa surpreende e escala o jovem Eron na lateral esquerda do Galo

Atleta, que tem apenas 18 anos, deve ser um dos titulares contra o Flamengo

O técnico Vanderlei Luxemburgo comandou primeiro coletivo da semana e apresentou novidades na equipe considerada titular. O jovem Eron, de apenas 18 anos, treinou na lateral esquerda e tem grandes chances de começar a partida contra o Flamengo, nesta quinta-feira, às 21h (de Brasília), no Maracanã.

A oportunidade para a jovem promessa veio por conta das lesões musculares de Fernandinho e Leandro, que estão vetados para o jogo no Rio de Janeiro. Outra novidade foi a presença de Rafael Cruz na ala direita, barrando o antigo titular Diego Macedo.

O atacante Obina e o meia equatoriano Méndez não participaram da atividade. Os dois jogadores ficaram na academia da Cidade do Galo fazendo apenas reforço muscular.

O time que participou do coletivo que durou apenas 30 minutos atuou no esquema 3-5-2 e foi composto por Fábio Costa; Werley, Réver e Lima; Rafael Cruz, Rafael Jataí, Serginho, Ricardinho e Eron; Diego Tardelli e Diego Souza.

agosto 24, 2010 Posted by | Atlético-MG | | Deixe um comentário