Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Vasco empresta Élton para o Sporting Braga (POR)

Atacante é liberado pela diretoria e sequer aparece na Colina nesta sexta

O atacante Elton é mais um a deixar o Vasco. O jogador foi liberado pela diretoria cruzmaltina e acertou a sua transferência para o Sporting Braga, de Portugal, até julho de 2011. O Gigante da Colina tinha 10% dos direitos do atleta, mas os valores envolvidos na negociação não foram divulgados. A expectativa é que o goleador embarque para a Europa neste sábado e seja apresentado de forma oficial na segunda-feira.

A diretoria do Vasco vai confirmar a negociação se forma oficial neste sábado. O jogador tem contrato com o Gigante da Colina até dezembro de 2011. Elton foi um dos destaques da equipe na conquista da Série B, em 2009. Ele foi o artilheiro do time na competição, com 17 gols.

Nesta sexta-feira, Elton sequer foi a São Januário. Na quinta-feira, o jogador trabalhou pela última vez na Colina e aproveitou para se despedir dos seus companheiros. Em sua passagem pelo Vasco, o atacante marcou 37 gols em 74 jogos.

agosto 6, 2010 Posted by | Futebol Europeu, Vasco da Gama | , | Deixe um comentário

Após eliminação, Ricardo Gomes não é mais técnico do São Paulo

Diretoria tricolor opta por não renovar o vínculo do técnico um dia depois a saída da Taça Libertadores da América. Milton será o interino no domingo

Um ano e dois meses após ser contratado para substituir Muricy Ramalho, que caiu após a eliminação da equipe na Taça Libertadores de 2009, Ricardo Gomes sofreu do mesmo veneno e não é mais o técnico do São Paulo. O treinador teve seu contrato encerrado após a eliminação da equipe na semifinal do torneio sul-americano na última quinta-feira e a diretoria, após uma reunião na manhã desta sexta-feira, preferiu não renová-lo por mais uma temporada. Neste domingo, contra o Atlético Paranaense, pelo Campeonato Brasileiro, a equipe será dirigida internamente pelo auxiliar Milton Cruz.

O treinador estava pendurado há tempos no clube. Na véspera da fase de quartas de final da Libertadores, contra o Cruzeiro, chegou a cogitar-se a sua demissão. Na época, Sérgio Soares, que havia conquistado o vice-campeonato paulista com o Santo André, foi procurado para ser o substituto. Mas, como o time despachou o rival mineiro com autoridade na competição sul-americana, Gomes ganhou uma sobrevida.

Porém, com o retorno do Campeonato Brasileiro, após a Copa do Mundo, a pressão voltou forte em cima do treinador. Após quatro semanas de treinamento, o time disputou 15 pontos no Nacional e conquistou apenas quatro, frutos de uma vitória sobre o Ceará (2 x 1), no Morumbi e um empate por 1 a 1 com o Grêmio Prudente também em casa. No mais, o time acumulou derrotas para Avaí (2 x 1) , no Morumbi, Vitória (3 x 2), em Salvador, Santos (1 x 0), na Vila.

A diretoria, mesmo dividida, resolveu dar um novo voto de confiança ao treinador. Porém, o péssimo futebol apresentado pela equipe na primeira semifinal, contra o Inter, no Beira-Rio, pesou muito na decisão da diretoria. Apesar do Tricolor ter perdido apenas por 1 a 0 no Sul, não foi possível reverter a desvantagem no estádio do Morumbi.

– Houve um consenso entre as partes que a melhor solução para o clube neste momento é essa. Sua passagem pelo São Paulo foi digna, de muito trabalho e respeito. Ele é um dos grandes treinadores do futebol brasileiro, mas o futebol tem seus momentos e achamos que ao término de seu contrato a melhor saída para ambos seria essa – disse o presidente Juvenal Juvêncio.

Ricardo Gomes comandou a equipe em 73 partidas. Teve um aproveitamento de 58,9% dos pontos conquistados, com 38 vitórias, 15 empates e 20 derrotas. Sua estreia ocorreu no dia 27 de junho de 2009, na vitória por 2 a 0 sobre o Náutico, no estádio do Morumbi. Na ocasião, o time era o 16º no Campeonato Brasileiro e Ricardo levou o time às primeiras colocações, brigando pelo título até a última rodada, terminando em terceiro lugar, garantindo uma vaga na Libertadores.

Ao se despedir do técnico, Juvenal desejou sorte:

– Ele é jovem e competente. Continuaremos acompanhando seu trabalho e lhe desejando sorte – completou o mandatário são-paulino.

agosto 6, 2010 Posted by | São Paulo | , | Deixe um comentário

Fora da Libertadores, São Paulo oficializa venda de Hernanes

Volante já havia se despedido no campo após duelo com Inter no Morumbi

A saída de Hernanes para o Lazio já estava apalavrada. Mas, nesta sexta-feira, a diretoria anunciou oficialmente a transferência do volante para o futebol italiano. A cúpula tricolor aguardava apenas o fim da participação do time na Taça Libertadores para tornar público o acerto. A equipe venceu o Internacional por 2 a 1 no Morumbi, na última quinta, mas não se classificou para a final da competição continental porque perdeu o primeiro jogo por 1 a 0, no Beira-Rio.

– Nós concluímos a negociação do Hernanes e agora com o fim da Libertadores ele deve ir para a Seleção Brasileira e posteriormente para a Itália – resumiu o diretor de futebol do São Paulo, João Paulo de Jesus Lopes.

O Lazio já conta com o ex-zagueiro tricolor André Dias, que deve ajudar Hernanes a se adaptar rapidamente ao novo clube. E, na próxima semana, o camisa 10 vai voltar a vestir a camisa da Seleção Brasileira no amistoso contra os Estados Unidos, no dia 10 (terça-feira), em New Jersey, sob o comando de Mano Menezes. A CBF liberou o atleta para viajar no domingo à noitee poder assim enfrentar o Atlético-PR, na Arena da Baixada, pelo Brasileiro, no mesmo dia, mas Hernanes não deve atuar nesta partida.

A diretoria não confirmou valores, mas a negociação que tirou Hernanes do Morumbi gira em torno de dez milhões de euros (R$ 23 milhões), dos quais 75% (R$ 17 milhões) ficam para o São Paulo, e 25% (R$ 6 milhões), para Hernanes e seus investidores. O clube italiano fará o pagamento em duas parcelas: uma agora, e a outra em dezembro. Hernanes disputou 215 jogos com a camisa do São Paulo e marcou 35 gols.

agosto 6, 2010 Posted by | São Paulo | , | Deixe um comentário

PC Gusmão confirma equipe e adia escalação do quarteto ofensivo

Treinador prefere dar mais segurança ao setor defensivo e saca Eder Luís, que ficará como opção. Carlos Alberto vai atuar como centroavante

O técnico Paulo César Gusmão adiou a escalação do quarteto ofensivo, formado por Felipe, Carlos Alberto, Zé Roberto e Eder Luís, na partida deste domingo, às 18h30m (de Brasília), contra o Vitória, em São Januário, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O comandante preferiu dar mais segurança ao setor defensivo e optou pela entrada de Rômulo no meio-campo. Na coletiva de imprensa, ele explicou a alteração que fez no Gigante da Colina.

– O time fica com uma marcação mais forte e dá uma liberdade maior para o Felipe encostar nos atacantes. Hoje (sexta-feira), a bola chegou bem ao ataque, com qualidade pelos dois lados do campo. Na atividade anterior, mesmo jogando com quatro atletas ofensivos, não tínhamos facilidade para chegar na frente – explicou o treinador.

Com isso, o Vasco vai entrar em campo diante dos baianos com a seguinte formação: Fernando Prass, Fágner, Dedé, Fernando e Max; Nilton, Rafael Carioca, Rômulo e Felipe; Zé Roberto e Carlos Alberto. Eder Luís vai ficar como opção no banco de reservas. O quarteto ofensivo, segundo o treinador, ainda não uma data para atuar junto.

– Ainda vamos demorar para escalar os quatro jogadores juntos. Ainda vamos precisar de um tempo de preparação para eles se acostumarem ao esquema de marcação, que já está encaixado – afirmou o treinador.

No coletivo desta sexta-feira, os titulares venceram por 4 a 0, com gols de Max (2), Felipe e Carlos Alberto. O Vasco ocupa a 15ª colocação na competição, com 14 pontos.

agosto 6, 2010 Posted by | Vasco da Gama | | Deixe um comentário

Max se destaca no coletivo e tem chance de ser titular no domingo

PC improvisa lateral-direito pelo lado esquerdo e prefere sacar Eder Luís do time principal. Rômulo retorna à equipe na atividade desta sexta-feira

O lateral-direito Max foi a surpresa do coletivo desta sexta-feira, em São Januário. Improvisado pelo lado esquerdo, ele marcou dois gols e deu uma assistência na vitória dos titulares por 4 a 0 sobre os reservas. Carlos Alberto e Felipe marcaram os outros dois. Além dessa alteração, o treinador também apostou na entrada de Rômulo na vaga de Eder Luís. O comandante vascaíno não fez nenhuma alteração na equipe principal.

PC está buscando a formação ideal para o confronto deste domingo, às 18h30m (de Brasília), contra o Vitória, em São Januário, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em vez de manter o quarteto ofensivo da véspera, o treinador precisou reforçar o meio-campo com Rômulo.

Na atividade desta sexta-feira, o Vasco entrou em campo com a seguinte formação: Fernando Prass, Fágner, Dedé, Fernando e Max; Nilton, Rafael Carioca, Rômulo e Felipe; Zé Roberto e Carlos Alberto. O Gigante da Colina ocupa a 15ª colocação no Brasileiro, com 14 pontos.

O lateral-direito Elder Granja, o zagueiro Thiago Martinelli, o volante Léo Gago e o atacante Rodrigo Pimpão não vão ser relacionados para o confronto. Os atletas sequer participaram do coletivo. Todos treinaram sob o comando do auxiliar Jorge Luís.

agosto 6, 2010 Posted by | Vasco da Gama | , | Deixe um comentário

Vasco libera, e Jéferson acerta com o Avaí até o fim do Brasileirão

Jogador é emprestado até o fim do ano e diz que vai voltar em 2011

O apoiador Jéferson foi liberado pelo Vasco e acertou a sua ida para o Avaí até o fim do ano. O jogador, que tem contrato com o Gigante da Colina até dezembro de 2011, não vinha sendo aproveitado pelo técnico Paulo César Gusmão e preferiu se transferir para o clube catarinense. O atleta, que confirmou a transferência, esteve em São Januário para acertar os últimos detalhes e se despedir dos companheiros.

Jéferson foi contratado pelo Vasco no fim de 2008 como um dos destaques do Santo André na Série B. No Campeonato Carioca de 2009, o jogador foi o pivô da perda de seis pontos pelo Vasco por ter atuado de forma irregular. A principal partida do jogador com a camisa vascaína foi contra o Flamengo, na mesma competição. Naquela ocasião, o time cruzmaltino venceu por 2 a 0.

Na Colina, o apoiador participou de 36 partidas e marcou quatro gols. Antes de deixar São Januário, Jéferson, que sofreu com seguidas lesões no Gigante da Colina, conversou com alguns amigos e mandou um recado para o torcedor vascaíno.

– Daqui a pouco eu estou de volta. Retorno em janeiro – afirmou o jogador.

agosto 6, 2010 Posted by | Avaí, Vasco da Gama | , | Deixe um comentário

Presidente: proposta por Wesley poderá virar ‘dinheiro de pinga’

Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro afirma que jogador poderá agregar muito mais valor ao seu futebol ao ficar na Vila e se consolidar como ídolo santista

O presidente do Santos, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, tenta suas últimas cartadas para segurar o volante Wesley na Vila Belmiro. O clube recebeu uma proposta oficial do Werder Bremen-ALE, de R$ 15 milhões, mas ainda está abaixo da multa rescisória. O Santos diz que o valor é R$ 23,1 milhões. Já o empresário do atleta, Roberto Almeida,
diz que a multa é R$ 18,4.

O dirigente afirma que vai tentar convencer o jogador a apostar num plano de carreira que pode lhe render mais frutos no futuro. Luis Alvaro diz que Wesley pode ganhar muito mais se permanecer na Vila, se consolidar como ídolo e chegar à Seleção Brasileira.

– Se ele esperar, vai se valorizar ainda mais e fará dessa proposta ser dinheiro de pinga no futuro. Não que ele beba.

O presidente santista disse que já começou a conversar com o Wesley logo após a conquista da Copa do Brasil, em Salvador, diante do Vitória.

– Expliquei ao Wesley que ele é uma peça importantíssima para o grupo. Ele saiu do Santos em 2008, deu a volta por cima com sua garra e voltou para vencer. Acreditamos que ele ainda tem muito a acrescentar à sua carreira jogando aqui.

agosto 6, 2010 Posted by | Santos | | Deixe um comentário

Peixe prepara plano para segurar os meninos na Vila Belmiro

Presidente vai se reunir com representates de Neymar e Ganso para apresentar detalhes. Projeto envolve marketing e planejamento de carreira

O Santos vai apresentar nos próximos dias o plano de marketing que vai explorar as imagens de Paulo Henrique Ganso e Neymar. A intenção é gerar receita que permita ao clube investir na permanência da dupla na Vila Belmiro.

O presidente do Peixe, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, explicou que o projeto está pronto e vai ser apresentado aos jogadores e seus representantes depois que ele voltar dos Estados Unidos, onde chefiará a delegação da Seleção Brasileira. O Brasil enfrenta os Estados Unidos, em amistoso que será disputado em Nova Jersey, na próxima terça-feira.

– É um grande projeto, digno de multinacional. Defendo a tese de que o jogador que se transforma em ídolo, com capacidade de geração de empatia com o consumidor, se paga facilmente. Fica simples para obter recursos. Podemos oferecer a eles salários diferenciados – explicou o dirigente.

Além de projeto de marketing, para explorar a imagem dos jogadores, há ainda um programa de planejamento de carreira que vai ser proposto pelo clube. A tese principal do plano é o seguinte: Ganso e Neymar vão ganhando prêmios, bônus, aumentos conforme forem atingindo objetivos (títulos, convocações para a Seleção). Além disso, a ideia é solidificar na dupla a imagem de ídolos alviengros.

– Ficando mais tempo no clube, eles se tornam ídolos e agregam valor. Com isso, têm condições de negociar contratos ainda melhores.

O pai de Neymar, Neymar dos Santos Silva, ainda não tem conhecimento dos detalhes do projeto e vai esperar a conversa com o Santos. Ele diz que o garoto tem o sonho de jogar na Europa (Chelsea já ofereceu R$ 46,2 milhões) pelo jogador.

– Vamos sentar e ouvir o que o Santos tem a nos apresentar. A ideia é buscar uma solução que fique boa para todo mundo – disse.

Ganso, por sua vez, afirmou que sua intenção é permanecer no Peixe. Ele diz que não recebeu nenhuma proposta oficial.

– Quero disputar a Taça Libertadores pelo Santos.

agosto 6, 2010 Posted by | Santos | | Deixe um comentário

Empresário e irmão de Ronaldinho diz que jogador está feliz no Milan

Roberto de Assis também põe fim às especulações sobre uma possível transferência e diz que não há presssa para renovar o contrato do craque

Depois do Milan emitir um comunicado oficial negando que vai vender Ronaldinho Gaúcho, agora foi a vez do irmão e empresário do jogador, Roberto de Assis, fazer o mesmo. Segundo o agente, o craque, que tem mais um ano de contrato com o clube rossonero, seguirá na Itália.

– Ronaldinho está feliz no Milan. A coisa mais importante é se sentir vem. Ainda temos um ano para renovar. Não há pressa. Nós confiamos nos dirigentes e temos um ótimo relacionamento – afirmou Roberto de Assis, em entrevista à emissora Sky Sport Italia.

Sobre as ofertas de clubes brasileiros, como Flamengo e Palmeiras, e do Los Angeles Galaxy, dos EUA, o empresário disse que não há muito que comentar.

– O Milan já disse que deseja mantê-lo até o fim de sua carreira. Não há mais nada o que dizer. Temos um grande respeito pelo clube e o objetivo do Ronaldinho é ganhar o Scudetto e deixar os torcedores felizes – salientou.

Ainda segundo Assis, Ronaldinho voltará a trabalhar normalmente com o restante dos companheiros em cerca de cinco dias. O jogador se recupera de uma distenção muscular sofrida na última semana.

agosto 6, 2010 Posted by | Flamengo, Palmeiras | | Deixe um comentário

Procuram-se donos: Verdão tem quatro camisas ‘titulares’ vagas

Números 7, 9, 10 e 11 estão sem dono após saídas de jogadores. Valdivia deve ser o 10, e outros reforços podem abocanhar os restantes

Com a adoção da numeração fixa, o Palmeiras chega ao mês de agosto com quatro números vagos entre as camisas 1 e 11 em seu elenco. Camisas importantes, como  7, 9, 10 e 11 ficaram sem dono após negociações de jogadores.

A 10 já possui destino praticamente certo: Valdivia, que deve ser apresentado oficialmente neste sábado, e vestir a camisa que utilizou entre 2006 e 2008. O número está vago desde a saída de Cleiton Xavier, para o Metalist, da Ucrânia.

Assim, sobrariam os números 7, 9 e 11. No Palmeiras, a última era de Marquinhos, negociado com o Flamengo.

A 9 também pode ter novo “pai” em breve. O atacante Luan, contratado por empréstimo junto ao Toulouse, da França, utilizou por muito tempo o número quando jogou no São Caetano. Se for mesmo o dono da camisa, ele terá a responsabilidade de vestir o manto que já pertenceu a craques como Evair e teve como últimos astros Keirrison e Vagner Love.

O número 7, que era de Diego Souza, também está órfão. Rivaldo, volante que veio do Avaí, poderia ser um dos agraciados com a camisa.

– É difícil falar em números, mas o elenco está ficando com muito mais qualidade com a chegada desses reforços. É o caso do Valdivia, que já conhece o clube, é bacana. Precisamos de qualidade e experiência, e esses reforços irão nos ajudar – comemorou Danilo.

Por outro lado, o Verdão tem muitos titulares de numeração alta. O quarteto ofensivo que tem jogado é quase um time de basquete: Marcos Assunção tem a 28, Lincoln a 99, Kleber é o 30, e Ewerthon, o 88. Sem contar os zagueiros Danilo (23) e Maurício Ramos (15), e o lateral-direito Vitor (14). O goleiro Marcos é dono da 12, camisa que esteve ao lado dele em seus maiores títulos pelo Verdão, como a Taça Libertadores de 1999.

Entre os que mais atuam, cinco jogadores têm números baixos: Edinho (3), Léo (4), Pierre (5), Armero (6) e Márcio Araújo (8). Com os reforços, o Palmeiras pode, em breve, voltar a ter um tradicional time de 1 a 11.

agosto 6, 2010 Posted by | Palmeiras | | Deixe um comentário

Tinga realiza sonho de jogar o Mundial pelo Inter: ‘É justiça’

Fora do primeiro jogo contra o Chivas, meia brinca com expulsões em jogos decisivos e comemora chance de ser campeão do mundo

Faz uma semana. Tinga, em meio a uma entrevista coletiva, largou uma frase solta, quase perdida das demais: “Sinto que ainda vou jogar um Mundial”. Ele mal poderia imaginar que o Chivas, do México, vestiria pele de zebra e eliminaria o Universidad de Chile fora de casa. Como o Inter desbancou o São Paulo, o meia está no Mundial de Clubes, já que o clube mexicano não pode representar a América do Sul no torneio

Para Tinga, é a realização de um sonho. Em 2006, o jogador foi negociado com o Borussia Dortmund logo depois da Libertadores. Como consequência, não foi campeão mundial com o Inter meses depois.

– É verdade, falei isso há uma semana, antes dos jogos. Foi um ato de fé que tive. Quando saí daqui, depois da Libertadores, sabia que tinha que ir. Foi por minha vida, minha família, mas sabia que, por justiça, teria que jogar um Mundial, por ter participado diretamente daquela campanha até lá. Deus não falha – disse o jogador.

Antes de ir para o Mundial, Tinga pode ser bicampeão da Libertadores pelo Inter. Mas ele está fora do primeiro jogo contra o Chivas. Nesta quinta-feira, o jogador voltou a receber o cartão vermelho em uma partida decisiva, como aconteceu no Brasileirão de 2005, contra o Corinthians, e na final da Libertadores de 2006, diante do São Paulo, logo depois de fazer o gol do título colorado. O jogador leva a situação com bom humor, mas lamenta a repetição das expulsões.

– Voltei no tempo de novo. Na verdade, estou ficando experiente nisso. Tive uma situação contra o Corinthians, em que fui expulso injustamente. Depois, em 2006, tive a expulsão na final, e agora mais uma vez. É a terceira vez. Tem gente dizendo que tenho que ser expulso pelo menos uma vez, porque dá sorte. Mas sei o que representa. Se a gente tomasse mais um gol, a culpa poderia ser minha. O que me dá tranquilidade é que sempre foi injusto, talvez com a exceção de 2006, quando tirei a camisa. Desta vez, fiz uma falta no jogo todo e fui expulso. Tomara que seja sempre com final feliz – afirmou o jogador.

Celso Roth, até o jogo contra o Chivas, quarta-feira, em Guadalajara, precisará escolher o substituto de Tinga. Andrezinho, Giuliano e Wilson Matias são os principais candidatos.

agosto 6, 2010 Posted by | Internacional | | Deixe um comentário

Kroeff fica insatisfeito com atuação do Grêmio em Goiânia: ‘Não gostei’

Presidente compara desempenho do time com o dos últimos dois jogos

Depois de elogiar o desempenho do Grêmio nos jogos contra Cruzeiro e Inter, em que o time atuou no 3-5-2, o presidente do clube gaúcho, Duda Kroeff ficou insatisfeito com a atuação da equipe no empate por 1 a 1 com o Goiás, na noite desta quinta-feira, na estreia do time pela Copa Sul-Americana, no Serra Dourada. Hugo colocou o Tricolor na frente, mas Rafael Moura, de pênalti, empatou.

– Gosto de analisar as atuações. Os dois últimos jogos foram bons, mas hoje (quinta) não fiquei satisfeito. O time vinha crescendo e deu uma piorada. Não gostei – completou.

O Goiás começou melhor, ameaçando a defesa do Grêmio. O goleiro Victor foi um dos destaques, fazendo boas defesas. Mesmo com menos produção, foi o Tricolor que saiu na frente, com um gol de Hugo, aos 35 minutos do primeiro tempo.

No segundo tempo, o Grêmio melhorou, foi superior em muitos momentos, mas cedeu o empate em pênalti cobrado por Rafael Moura.

– Empate com gol fora de casa é bom resultado, deixa a gente em uma posição boa, um 0 a 0 nos basta no Olímpico – lembrou o presidente, amenizando a situação.

O Grêmio não vence há sete partidas. No Brasileirão, está na zona do rebaixamento e projetava começar a Sul-Americana com vitória para ajudar a embalar na competição nacional.
– Vamos novamente conversar, motivar o grupo – disse Kroeff.

O presidente também lembrou que, para o jogo contra o Fluminense, no domingo, pelo Brasileirão, em casa, o Grêmio terá desfalques. Perder titulares por um lado pode ser ruim, mas ele vê o lado bom da situação.

– Os que vão substituir vão entrar com vontade, pode ser uma boa – projetou.

agosto 6, 2010 Posted by | Grêmio | | Deixe um comentário

Muricy reprova saída de Alan e pede a contratação de outro atacante

Técnico diz que não entende a opção da transferência: ‘É puro negócio’

O técnico Muricy Ramalho ficou insatisfeito com a ida de Alan para o RB Salzburg, da Áustria, anunciada nesta sexta-feira. O comandante tricolor disse que o atacante, de 21 anos, se precipitou ao ir para um campeonato de menor importância da Europa. Ele afirmou que muitas vezes, por questões de mercado, o interesse dos atletas acaba ficando em segundo plano.

– São coisas do futebol brasileiro, o jogador acaba saindo no meio da competição importante. Acho que ele deveria ficar mais um tempo para ser melhor formado. Tem coisa que nós não entendemos, mas sabemos que acontecem. É puro negócio. Às vezes não se escolhe o melhor para o atleta, se escolhe o melhor para as outras pessoas – declarou.

Muricy disse que a saída de Alan torna necessária a contratação de outro atacante. Atualmente, o elenco tricolor conta com Fred (machucado), Emerson, Washington e Rodriguinho.

– Temos de buscar outro atacante. A vida continua, mas com certeza não é uma coisa legal. Não fico zangado com ninguém, mas posso dar uma opinião porque fui perguntado. Dou a opinião do jeito que eu acho, e não do jeito que as pessoas acham que eu vou dar. Mas boa sorte para o menino, que poderia melhorar se ficasse aqui mais tempo.

agosto 6, 2010 Posted by | Fluminense | | Deixe um comentário

Prestes a assinar com o Fluminense, Deco já procura apartamento no Rio

Meia é impedido de falar sobre transferência enquanto o Chelsea não o libera

Falta só a liberação do Chelsea para Deco ser anunciado como jogador do Fluminense. Mas enquanto o fax das Laranjeiras não recebe o documento, o meia mantém a forma física. Na manhã desta sexta, ele deu continuidade ao trabalho em uma academia na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. O jogador que disputou a Copa do Mundo pela seleção portuguesa foi orientado por um personal trainer e foi acompanhado nos exercícios pelo ex-atacante Luizão, pentacampeão mundial.

Enquanto o documento não chega de Londres, Deco não fala sobre o seu iminente futuro:

– O Chesea pediu para que eu não falasse sobre o Fluminense até que a liberação chegue – disse o jogador de 32 anos.

Mas coisas estão encaminhadas. Tanto que, perguntado se já procura apartamento na cidade, Deco respondeu afirmativamente:

– Sim, já.

Agora só falta o sim da Inglaterra.

agosto 6, 2010 Posted by | Fluminense | , | Deixe um comentário

Kleberson espera ser mantido no time quando Renato puder jogar

Mesmo ameaçado de perder a vaga, volante elogia contratação do apoiador. Juan sonha repetir entrosamento com o camisa 11

A chegada de Renato Abreu ao Flamengo pode ser vista de dois diferentes pontos por importantes jogadores do atual elenco. De um lado está Juan, que voltará a ter pelo seu setor o antigo companheiro. Do outro está Kleberson, que corre o risco de ser sacado do time quando o apoiador estiver pronto para jogar. Mas independentemente de qualquer situação, sua contratação foi elogiada por todo mundo.

Inclusive pelo próprio “ameaçado” volante. Kleberson reconheceu que existe essa chance de perder a vaga. Mesmo assim, comemorou a chegada de Renato e demonstrou confiança de que eles podem jogar juntos também.

– Renato tem a sua história no Flamengo, voltou agora, tem o seu prestigio… Seria normal isso acontecer. Quem ganha com isso é o próprio Flamengo… Se os dois estiverem bem, vão jogar os dois – disse o volante.

Já Juan tem apenas motivos para comemorar. Foi ao lado de Renato que o lateral viveu uma das melhores fases na Gávea. Principalmente pelo entrosamento que eles passaram a ter pelo lado esquerdo entre 2006 e 2007. Por isso, ele foi só elogios ao comentar a contratação do amigo.

– Ele é um jogador importante, experiente, joga em ritmo forte, tem uma dinâmica boa de jogo. Realmente tive um grande entrosamento com ele e espero que possamos voltar a jogar aquele futebol – disse Juan.

Fora do jogo com o Corinthians, domingo, no Pacaembu, Renato Abreu deve fazer sua reestréia contra o Ceará, dia 14, no Maracanã.

agosto 6, 2010 Posted by | Flamengo | | Deixe um comentário

Dirigente diz que David volta ao Fla contra o Ceará, no dia 14 de agosto

Vice de finanças confirma que zagueiro não enfrenta o Corinthians, mas garante que o Fla pagará R$ 800 mil ao Panathinaikos na próxima semana

A novela envolvendo a regularização de David deve ter seu capítulo final na próxima semana. O vice de finanças do Flamengo, Michel Levy, explicou que houve algumas alterações na forma de pagamento do acordo firmado com o Panathinaikos pela aquisição do jogador. Tudo deve ser resolvido e pago integralmente para que ele possa enfrentar o Ceará, dia 14, no Maracanã. O zagueiro está fora do jogo contra o Corinthians, domingo, no Pacaembu.

O empréstimo de David terminou no dia 30 de junho.  Para o jogador voltar a ser regularizado na CBF, o Flamengo precisa cumprir o acordo firmado com o clube grego pela aquisição de 60% dos direitos econômicos. Inicialmente, o pagamento dos cerca de 360 mil euros (algo em torno de R$ 800 mil) da operação seria feito em duas parcelas: a primeira de R$ 350 mil ainda em junho, e a outra no fim de agosto.

Mas alguns fatores não permitiram que isso fosse feito. Além das dificuldades financeiras, o Flamengo buscou na troca envolvendo Gilberto Silva e Kleberson uma nova composição. Nela, iria ceder percentual de Camacho e Jorbison para quitar a dívida por David. Como a negociação não deu certo, o Fla voltou as atenções ao pagamento da primeira parcela normalmente. A cessão de parte de jogadores rubro-negros ao Panathinaikos, porém, voltou a ser discutida na última semana. Mas novamente não teve uma evolução positiva. E mais uma vez o clube voltou a falar no pagamento em dinheiro.

Só que um fato mudou os planos do departamento financeiro e o Flamengo resolveu esperar um pouco mais para pagar a operação integralmente. Ou seja, quitar a dívida de R$ 800 mil de uma vez só ao invés do parcelamento.

– Quando iríamos concretizar o pagamento da primeira parcela, nesta semana, o clube grego exigiu uma fiança bancária, que é uma espécie de garantia de que se não pagarmos daqui a 30 dias, o banco me cobra. Como isso leva de 15 a 20 dias para ser feito, não compensava porque já estaríamos no fim de agosto tendo de pagar a segunda parcela. Então chegamos ao entendimento para fazer o pagamento completo, de maneira integral. Melhor segurar um pouco mais e pagar tudo logo. Acredito que na próxima semana vamos finalizar esse assunto. Já até conversei sobre isso com o David para explicar tudo, pois sabemos que ele é o maior prejudicado na demora desta situação – explicou Michel Levy.

Sem David regularizado, Rogério Lourenço irá escalar Jean e Ronaldo Angelim contra o Corinthians, às 16h (horário de Brasília) de domingo, no Pacaembu.

agosto 6, 2010 Posted by | Flamengo | , | Deixe um comentário

Atacante Robert quer aproveitar a chance e se firmar como titular

Jogador será companheiro de Wellington Paulista contra o Grêmio Prudente

O atacante Robert vai ter mais uma chance de mostrar serviço para o técnico Cuca e também para o torcedor do Cruzeiro. O jogador será titular neste domingo, às 18h30m (de Brasília), contra o Grêmio Prudente, no Ipatingão.

– A intenção é sempre jogar e fazer o melhor possível. Vai ser um jogo difícil, mas, se vencermos, com certeza estaremos entre os quatro primeiros colocados.

Sobre a chegada do atacante argentino Ernesto Farías, Robert se mostrou tranquilo com o aumento da concorrência e frisou que um grupo vencedor precisa de muitos jogadores de qualidade.

– Eu não estou preocupado. Sei que as oportunidades são dadas para todos, e quem jogar tem que dar o máximo. Sempre procuro fazer o melhor, independentemente de quem estiver atuando, e aqui a concorrência é sempre grande. Quem quer ser campeão tem que ter bons jogadores e, quanto mais qualidade, melhor. Cabe ao professor escolher os 11 que vão jogar.

Para a partida contra o Prudente, o atacante sabe que terá de se movimentar mais que o habitual, pois suas características são semelhantes às de Wellington Paulista.

– Vamos ter que conversar bastante, porque um de nós dois vai ter que sair mais da área e, quando um sair, o outro tem que ficar para segurar a marcação. Eu também gosto de me movimentar para escapar dos defensores e, com certeza, vou fazer isso no jogo. Por isso acredito que não vamos ter problemas.

Robert o conhece bem o Grêmio Prudente, ainda da época que jogava no Palmeiras. O atacante entende que será um jogo difícil, mas não acredita que a equipe paulista repetirá a atuação de quarta-feira. Na oportunidade, contra o Atlético-MG, o time paulista buscou mais o ataque que se defendeu.

agosto 6, 2010 Posted by | Cruzeiro | | Deixe um comentário

Zezé Perrella diz que elenco está montado para a temporada 2010

Para dirigente, este é o melhor time desde 2003, ano da ‘Tríplice Coroa’

Com a chegada do atacante argentino Ernesto Farías, o Cruzeiro já tem montada a estrutura do time que disputará o restante do Brasileirão. De acordo com o presidente Zezé Perrella, não estão previstas novas contratações. Ainda neste sábado, mais um argentino chegará a Belo Horizonte – o meia Montillo, que se apresentará em definitivo, após cumprir o compromisso pela Taça Libertadores jogando no Universidad de Chile.

Para o dirigente, o elenco montado nesta temporada é o melhor desde 2003, quando a equipe comandada pelo então técnico Vanderlei Luxemburgo, conquistou o Campeonato Mineiro, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro.

– Estou tranquilo, porque nós temos jogadores para todas as posições. Nós estamos com uma boa zaga, temos opções para a lateral direita, a esquerda. Eu diria que talvez, de 2003 para cá, nós tenhamos o melhor elenco. O Cruzeiro está muito forte. Acho que o Cuca está bem servido, não quero contratar ninguém agora.

Embora não espere fazer novas contratações, Zezé Perrella diz que a temporada de transferências para o futebol internacional ainda não se abriu. De qualquer forma, ele espera conseguir manter os jogadores na Toca da Raposa II.

– Vamos ver se a gente consegue segurar todo mundo. Acho que o grande objetivo do Cruzeiro este ano é tentar ser campeão brasileiro.

agosto 6, 2010 Posted by | Cruzeiro | | Deixe um comentário

Timão aposta em ‘melhor momento’ para esquecer revés contra Flamengo

Adilson Batista destaca que Corinthians vive fase mais positiva que o clube carioca, carrasco alvinegro na eliminação nas oitavas da Taça Libertadores

Reencontrar o Flamengo causa calafrios na torcida do Corinthians. Foi o Rubro-Negro quem tirou o Timão da briga pelo inédito título da Taça Libertadores justamente no ano de seu centenário. Mas, três meses depois da eliminação, o técnico Adilson Batista esquece o revés e prefere olhar para a classificação do Campeonato Brasileiro para vislumbrar um domingo de alegria.

O Timão está em uma situação mais confortável que os cariocas. O clube do Parque São Jorge aparece na segunda colocação, com 25 pontos, e pode recuperar a liderança. Já o Fla surge apenas em oitavo, com 17, lutando para se aproximar do grupo dos quatro melhores.

– Nossa situação é um pouco melhor que a do Flamengo. Temos que trabalhar nessa linha para buscar a liderança – afirmou.

A palavra revanche, aliás, foi esquecida pelos alvinegros. Jogadores e comissão técnica tentam valorizar muito mais o retorno à primeira colocação do Brasileirão do que um triunfo para se vingar do Flamengo pelo ocorrido na Libertadores.

– Temos que reagir rápido. O futebol é dinâmico. É preciso esquecer e vivenciar o presente. É outra competição – acrescentou o treinador.

Para recuperar a liderança, o Corinthians precisa derrotar o Flamengo e torcer por um tropeço do Fluminense diante do Grêmio, em Porto Alegre. O Tricolor carioca tem 26 pontos.

agosto 6, 2010 Posted by | Corinthians | | Deixe um comentário

Alvinegros planejam arrancada com sequência de jogos no Engenhão

Em 19 dias, Botafogo fará três partidas no Rio de Janeiro

Subir sete posições em uma rodada mexeu com o ímpeto dos jogadores do Botafogo. O triunfo sobre o Vitória, domingo passado, em Salvador, mandou a equipe da zona de rebaixamento direto para a 10ª posição. Melhorou, mas ainda é pouco para quem sonha com uma vaga na Libertadores e com o título. A hora é agora, e o grupo quer aproveitar os jogos em casa para continuar a escalada. Das próximas quatro partidas do time no Brasileiro, três serão no Engenhão.

A sequência começa neste sábado, contra o Atlético-MG. Depois, dia 14, o Alvinegro vai a Goiânia enfrentar o Atlético-GO. De volta ao Rio, os comandados de Joel Santana recebem o Avaí, no dia 21, e o Ceará no dia 25. É o momento propício para embalar. Até porque depois dessa sequência serão dois jogos longe da torcida, contra Inter e Grêmio Prudente.

– Vínhamos com boas atuações, mas não conseguíamos resultados. O Avaí estava na zona de rebaixamento no ano passado e conseguiu seis ou sete vitórias seguidas. De quatro jogos, três serão em casa. Temos de pensar jogo a jogo e fazer o máximo de pontos possíveis – afirmou o lateral-esquerdo Marcelo Cordeiro.

Pensar jogo a jogo é pensar no Galo. O time mineiro está em crise. No Nacional, é o penúltimo, está na zona de rebaixamento. O volante Somália, no entanto, espera muitas dificuldades.

– Sabemos que o Brasileiro é difícil, muito embolado. O Atlético-MG é uma excelente equipe. A posição que está não condiz com a grandeza do clube – frisou.

As equipes se enfrentam às 18h30m, no Engenhão.

agosto 6, 2010 Posted by | Botafogo | | Deixe um comentário

Exame aponta lesão no joelho de Daniel Carvalho, que fica afastado

Jogador se contundiu na partida contra Grêmio Prudente, na última quarta-feira

O meia Daniel Carvalho, uma das contratações mais badaladas do Atlético-MG para a temporada, desfalcará o time até se recuperar de uma lesão no joelho esquerdo. O jogador se contundiu na partida contra o Grêmio Prudente, nessa quarta-feira, na estreia da equipe na Copa Sul-Americana.

Segundo o departamento médico do clube, o jogador passou por uma ressonância magnética nessa quinta-feira, que apontou uma entorse, com lesão parcial do ligamento colateral medial. Não será necessária, porém, nenhuma intervenção cirúrgica.

O Atlético-MG não divulgará a previsão para recuperação dos jogadores lesionados. Porém, o próprio Daniel Carvalho disse acreditar que, em pouco mais de um mês, estará à disposição do técnico Vanderlei Luxemburgo.

– Foi uma pequena lesão, parcial, ainda bem que não rompeu. Eles dão um prazo de um mês, um mês e meio até a recuperação.

Jairo Campos

Outro desfalque confirmado no elenco atleticano é do zagueiro Jairo Campos, que sentiu dores na coxa direita, também na partida contra o Grêmio Prudente. O equatoriano passou por exames e não foi apontada nenhuma lesão mais séria. O zagueiro fará acompanhamento médico, e apresentando melhora, será liberado para voltar aos treinamentos com os demais jogadores.

agosto 6, 2010 Posted by | Atlético-MG | , | Deixe um comentário

Inter perde do São Paulo, mas vai à final da Libertadores e ao Mundial

Como o adversário da decisão sul-americana é o mexicano Chivas, que pertence à Concacaf, Colorado, mesmo se for vice, irá a Abu Dhabi

Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, é longe, bem longe do Brasil. Mas os torcedores do Inter podem dizer, de peito cheio, que é logo ali. Afinal, na noite desta quinta-feira, o time gaúcho assegurou vaga no Mundial de Clubes de 2010 e vai lutar pelo bi do planeta. Mesmo com a derrota por 2 a 1 para o guerreiro (e aplaudido) São Paulo, no Morumbi, o Colorado, que venceu a primeira partida, no Beira-Rio, por 1 a 0, vai ao torneio porque na final da Libertadores vai encarar o mexicano Chivas.

Como pertence à Concacaf, o clube de Guadalajara não pode disputar a competição no lugar de um sul-americano. A primeira partida da final da Libertadores será na próxima quarta-feira, no México. Depois, no dia 18, o Inter recebe o rival no Beira-Rio.

No Morumbi, Alex Silva abriu o placar para os tricolores. Alecsandro empatou para o Colorado, e Ricardo Oliveira marcou o gol da vitória são-paulina com gosto de derrota.

Diferentemente da primeira partida, em Porto Alegre, nesta noite deu gosto de ver a semifinal da Libertadores. Os dois times atacaram, criaram chances e fizeram um espetáculo digno do tamanho de Tricolor e Colorado. Algo que por culpa do São Paulo não aconteceu no duelo do Beira-Rio. Lá, o time de Ricardo Gomes foi covarde, não se arriscou e saiu no lucro perdendo apenas por um gol.

E para quem gosta de coincidências, o jogo desta noite foi recheado delas.  Todas ligadas ao empate por 2 a 2 entre as duas equipes na final da Libertadores de 2006, conquistada pelo Colorado. Primeiro, a falha de Renan, lembrando a de Rogério Ceni quatro anos atrás. Depois, a expulsão de Tinga no segundo tempo, assim como foi naquele ano.

A história do jogo realmente foi interessante. Confira mais detalhes.

Segundo tempo
Ao som de “frangueiro, frangueiro, frangueiro” para o goleiro Renan, o Inter voltou para a etapa final sem alterações. Assim como o São Paulo. Mas a resposta da torcida colorada à tricolor foi com grito de gol. Logo aos seis minutos, D’Alessandro cobrou falta, Alecsandro desviou e não deu chance para Rogério Ceni.

Mas quem pensou que o São Paulo sentiria o gol de empate estava enganado. Em dois minutos, o time do Morumbi manteve as esperanças de sua torcida. Após lançamento de Jean para a área, Renan saiu de soco. Mas na sobra, Cleber Santana dividiu e colocou Ricardo Oliveira na cara do gol. E ele foi matador: 2 a 1, aos 8 minutos.

Os jogadores do Inter reclamaram bastante de impedimento, mas o lance foi legal. Apesar da vitória parcial do Tricolor, o resultado era do Colorado, que venceu por 1 a 0 no Beira-Rio. Para ir à final, os donos da casa precisavam de mais um gol. Só que os gaúchos têm um time incrível, extremamente competitivo.

A igualdade só não saiu porque os deuses do futebol ajudaram o São Paulo. Aos 18 minutos, após cruzamento de Sandro da direita, Tinga teve a chance de fazer o segundo, mas Jean salvou quase em cima da linha. O Tricolor voltou a assustar apenas aos 30, quando Marlos fez jogada individual e chutou. Renan defendeu.

O jogo estava difícil para o São Paulo. Mas o Inter ajudou. Na verdade, Tinga ajudou. Assim como em 2006, na segunda final entre as equipes, ele foi expulso. Cometeu falta por trás em Junior Cesar e, como já tinha o amarelo, levou o segundo e em seguida o vermelho. Com um a mais, Ricardo Gomes encheu o time de atacantes, Rogério Ceni foi para a área… Mas não deu.

Ao menos a torcida reconheceu a vontade tricolor com aplausos. Mas o Morumbi foi mesmo dos colorados no fim do jogo.

SÃO PAULO 2X1 INTER
Rogério Ceni; Jean, Alex Silva, Miranda e Junior Cesar; Rodrigo Souto (Marcelinho Paraíba), Hernanes e Cleber Santana (Marlos); Fernandão, Dagoberto (Fernandinho) e Ricardo Oliveira. Renan; Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Sandro, Guiñazu, Tinga e D’Alessandro (Giuliano); Taison (Wilson Mathias) e Alecsandro.
Técnico: Ricardo Gomes. Técnico: Celso Roth.
Gols: Alex Silva, aos 30 minutos do primeiro tempo; Alecsandro, aos 6, Ricardo Oliveira, aos 8 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Fernandão (SPO); Tinga, Kleber (INT). Cartão vermelho: Tinga (INT)
Público: 57.113 pagantes. Renda: R$ 4.484.282,25.
Data: 05 de agosto. Estádio: Morumbi. Árbitro: Carlos Amarilla (Paraguai). Auxiliares: Nicolas Yegrós (Paraguai) e Milcíades Saldívar (Paraguai)

agosto 6, 2010 Posted by | Internacional, São Paulo | , | Deixe um comentário