Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Na estreia de PC Gusmão, Vasco bate o Avaí no Torneio de Florianópolis

Clube carioca faz 3 a 1 e está em primeiro lugar no quadrangular

PC Gusmão fez sua estreia como técnico do Vasco nesta quarta-feira, pelo Torneio de Florianópolis, e saiu de campo com uma vitória de 3 a 1 sobre o Avaí. Uma curiosidade marcou a partida: Celso Roth também fez sua primeira partida pelo Vasco em 2010 contra o Avaí e também na Ressacada. Na ocasião, os catarinenses venceram por 2 a 0 pelo Campeonato Brasileiro.

Dedé, Rafael Carioca e Léo Gago marcaram os gols da vitória, que leva o time de São Januário à liderança do quadrangular – mais cedo, o Coritiba venceu o Grêmio por 2 a 0 na Ressacada. Emerson descontou para o Avaí.

No sábado, Grêmio e Vasco se enfrentam às 19h30m, enquanto Avaí e Coritiba medem forças às 21h30m. Ambos os jogos serão de novo na Ressacada.

O jogo

A partida começou quente, e cada uma das equipes conseguiu marcar uma vez antes dos 11 minutos. Primeiro foi o Vasco, logo aos dois. Jeferson bateu escanteio da direita, Dedé subiu na primeira trave e desviou para o gol. O Leão empatou em jogada semelhante. Davi efetuou cobrança de escanteio também pela direita e Emerson, na linha da pequena área, cabeceou firme. A bola ainda tocou no travessão antes de entrar.

O Avaí desperdiçou boa chance para virar com Roberto, cara a cara com Fernando Prass, chutando à esquerda, aos 20. Como castigo, sofreu o gol oito minutos depois. Elder Granja recebeu na linha de fundo pela direita e cruzou na medida na segunda trave para Rafael Carioca cabecear no cantinho. Foi apenas o segundo gol dele pelo time de São Januário.

O mesmo Elder Granja teve a oportunidade de ampliar aos 37, mas desta vez não teve o mesmo desempenho que teve na participação do segundo gol. Ele iniciou bem a jogada individual, furando o sistema defensivo avaiano, entrou na área e chutou na rede, mas pelo lado de fora.

Pior ainda fez Davi. Em um lance digno do quadro “Inacreditável FC”, do Globo Esporte, o meia recebeu passe preciso de Roberto, com o goleiro Fernando Prass já batido, e mesmo com a baliza vazia à sua frente chutou à direita do gol.

Avaí pressiona, mas não marca

No intervalo, o Avaí trocou todo o sistema ofensivo para buscar a vitória. Rudnei, Davi, Roberto e Leonardo deram lugar a Caio, Robinho, Anselmo e Vandinho. E quase que o empate aconteceu aos 18. Robinho achou Vandinho livre na meia-lua. Fernando Prass saiu do gol e abafou o chute do atacante no momento certo.

Aos 27, mais uma chance com Robinho. Ele recebeu na direita, não tinha muito ângulo para chutar e optou por cruzar na direção do gol. A bola passou por Fernando Prass, mas não pelo zagueiro Fernando, que colocou pela linha de fundo.

Cinco minutos depois foi a vez de Caio receber na meia-lua. O meia soltou uma bomba, e Fernando Prass voou no ângulo direito para defender.

O Vasco mostrou eficiência na partida e decretou a vitória com um belo chute de Léo Gago, ex-jogador do Avaí, aos 36. Ele aproveitou sobra na intermediária e bateu firme no canto direito de Zé Carlos.

AVAÍ 1 X 3 VASCO
Zé Carlos; Patric (Marcos), Gabriel, Emerson e Pará; Marcinho Guerreiro (Diogo Orlando), Rudnei (Caio), Davi (Robinho) e Rivaldo (Batista); Roberto (Anselmo) e Leonardo (Vandinho). Fernando Prass; Cesinha, Fernando e Dedé (Thiago Martinelli); Élder Granja (Fagner), Romulo, Rafael Carioca (Léo Gago), Jeferson (Alan) e Ramon (Ernani); Fumagalli (Magno) e Rafael Coelho (Bruno Paulo).
Péricles Chamusca. Técnico: PC Gusmão.
Gols: Dedé, aos dois minutos, Emerson, aos 11, Rafael Coelho, aos 28 minutos do primeiro tempo; Léo Gago, 36 minutos do segundo tempo.
Cartõs amarelos: Rafael Carioca, Ramon, Léo Gago e Fagner (Vasco); Marcinho Guerreiro, Robinho, Emerson e Pará (Avaí)
Local: Ressacada, em Florianópolis (SC). Árbitro: Célio Amorim.Auxiliares: Rosnei Scherer e Heton Nunes.

junho 30, 2010 Posted by | Avaí, Vasco da Gama | , , | Deixe um comentário

Coritiba estreia com vitória sobre o Grêmio no Torneio de Florianópolis

Com um homem a mais desde o fim do primeiro tempo, time paranaense mostra superioridade e derrota os gaúchos por 2 a 0

O Coritiba deu, nesta quarta-feira, mostras de que vai continuar forte na disputa para voltar à Série A. O Coxa enfrentou o Grêmio pelo Torneio de Florianópolis, na Resscada, e venceu com sobras por 2 a 0. Rafinha e Enrico marcaram os gols do terceiro colocado da Série B em cima do 12º, da Primeira Divisão.

A equipe paranaense chega aos três pontos e agora aguarda o jogo entre Vasco e Avaí, ainda nesta quarta, para saber se vai terminar a primeira rodada em primeiro. Pelo quadrangular, o Tricolor Gaúcho volta a campo às 19h30m de sábado, contra o time cruzmaltino. Já o Alviverde encara os avaianos na sequência.

O jogo

O Coritiba começou a partida mostrando mais empenho, e, apesar de não ter uma referência no ataque, conseguia ser mais perigoso quando utilizava a velocidade dos seus homens de frente. Aos seis minutos, Marcos Aurélio driblou Ozeia e mandou uma bomba da entrada da área. Victor se esticou todo e colocou para escanteio.

A resposta do Grêmio veio somente em uma bola parada, aos 11. Hugo rolou para Edilson, que mandou na barreira. No rebote, o camisa 10 soltou o pé e mandou para fora. A torcida tricolor, apesar de estar em número reduzido, fazia muito barulho.

A superioridade do Coxa foi traduzida em gol aos 15 minutos. Rafinha deu um lindo drible no marcador e, da meia lua, acertou o ângulo esquerdo de Victor, que voou e não achou a bola. Um lindo gol: 1 a 0. Em desvantagem no placar, o Grêmio se viu obrigado a sair mais para tentar a igualdade. Aos 20, Jonas entrou na área pela direita e bateu cruzado, mas ninguém apareceu para empurrar a bola para o fundo do gol.

Aos 27, o time gaúcho até que marcou, mas o árbitro anulou. Pela direita, William Magrão chutou cruzado e encontrou Hugo, que fez o gol. O jogador, no entanto, estava impedido. O Grêmio ainda foi para o vestiário com um a menos depois que o zagueiro Rodrigo, apesar de o jogo ser amistoso, deu um carrinho violento em Triguinho. Pelo lance, o gremista levou o vermelho direto.

Muitas mexidas no segundo tempo

Com um jogador a menos e querendo dar ritmo ao elenco, o técnico Silas tentou reorganizar o time efetuando seis alterações. Entre elas as entradas de alguns jogadores que foram titulares no primeiro semestre, como Douglas, Fábio Rochemback e Mário Fernandes.

Entretanto, o panorama não mudou muito. O Coxa também fez trocas e mesmo assim continuou superior, chegando ao segundo gol aos 17 minutos. Rafinha puxou contra-ataque e lançou Geraldo em velocidade na esquerda. O meia deu sequência achando Enrico no meio da zaga. Da entrada da área, ele bateu no cantinho direito e ampliou.

Dois minutos depois, o Coritiba teve a chance de ampliar, mas o lateral-direito Angelo proporcionou uma cena no mínimo engraçada para quem assistia ao jogo. Já dentro da área, com boas condições para chutar, ele preparou o chute com a direita, mas na passada encostou com o pé esquerdo na bola e acabou dando uma furada daquelas.

A última chance do jogo foi alviverde. Em mais um contra-ataque, Jeferson Luis recebeu na intermediária e resolveu arriscar dali mesmo. O chute saiu rasteiro, no canto esquerdo, mas foi pela linha de fundo. O placar ficou mesmo no 2 a 0 para o Coritiba.

CORITIBA 2 X 0 GRÊMIO
Edson Bastos; Angelo, Jeci (Cleyton), Pereira (Lucas Mendes) e Triguinho; Marcos Paulo (Ramon), Leandro Donizete (Andrade), Rafinha e Dudu (Geraldo); Enrico e Marcos Aurélio (Jefferson Luis). Victor; Edilson (Mário Fernandes), Ozeia, Rodrigo e Fábio Santos (Neuton); Adilson, William Magrão (Fábio Rochemback), Maylson (Rafael Marques) e Hugo (Douglas); Jonas (Roberson) e Borges (Leandro).
Técnico: Ney Franco. Técnico: Silas.
Gols: Rafinha, aos 15 minutos do primeiro tempo; Enrico, aos 17 minutos do segundo tempo
Cartõs amarelos: Edilson, Maylson, Neuton (Grêmio); Leandro Donizete e Dudu (Coritiba)
Local: Ressacada, em Florianópolis (SC). Árbitro: Paulo Henrique Bezerra. Auxiliares: Marco Antônio Martins e Kléber Lúcio Gil.

junho 30, 2010 Posted by | Coritiba, Grêmio | , | Deixe um comentário

Santos confirma propostas por Ganso e Neymar, mas diz ‘não’

Após receber ofertas da França e da Inglaterra, diretor do Peixe afirma que os dois atletas não estão a venda no momento

O Santos confirmou as propostas oficiais pelo meia Paulo Henrique Ganso e o atacante Neymar, mas adiantou através da imprensa que não aceitará nenhuma das duas. Os números oferecidos também foram confirmados pelo Alvinegro: 15 milhões de euros do Lyon, da França, por Ganso, e outros 15 milhões de euros do West Ham, da Inglaterra, por Neymar.

– Não respondemos formalmente aos clubes por questão de tempo, mas a nossa posição é absolutamente clara de não abrimos negociação para esses dois jogadores – disse o diretor de futebol Pedro Luiz Nunes Conceição.

A oferta dos franceses por Ganso chegou na manhã desta quarta-feira através do representante do clube francês Marcelo Djian. Além de não chegar perto da multa rescisória do atleta, de 50 milhões de euros, ela seria dividida em duas partes.

– A proposta foi de 15 milhões de euros, com um detalhe oito milhões de euros como parcela inicial e no máximo mais sete, dependendo da performance do jogador na Liga dos Campeões ou em uma possível convocação para a seleção brasileira – declarou o dirigente.

Já Neymar, que tem multa estipulada em 35 milhões de euros, recebeu oferta do West Ham, mas na verdade o clube de Londres seria apenas uma ponte para o também londrino só que muito mais poderoso Chelsea.

Apesar do Chelsea ser um sonho para muito dos atletas brasileiras, o diretor afirma que nenhum dos dois atletas manifestou o desejo em forçar a saída.

– A postura dos dois tem sido muito corretas nesse sentido e não é verdade que estão pressionando a diretoria para sair.

junho 30, 2010 Posted by | Santos | , | Deixe um comentário

Orgulhosos, Val Baiano e Correa são apresentados oficialmente por Zico

Jogadores dizem que estão realizando o sonho de jogar pelo Fla. Volante exalta versatilidade, e atacante não quer se comparar ao Império do Amor

Antes de vestirem a camisa do Flamengo, Val Baiano e Correa foram apresentados ao grupo de jogadores. O batismo veio em forma de um animado corredor polonês. Logo depois da recepção “carinhosa”, foi a vez de os dois darem entrevistas logo depois de Zico anunciá-los, em Itu. Sorridentes, os dois jogadores deixaram claro o orgulho de estarem defendendo o clube a partir de agora. E receberam elogios e recomendações do diretor-executivo.

– Que vocês sejam abençoados com essa camisa. Que você (Val Baiano), que já fez gol contra, agora faça a favor. E você (Correa), que já nos venceu algumas vezes, que ajude nas vitórias. Boa sorte – disse Zico rapidamente, antes de deixar o centro de treinamento.

Val Baiano, que garantiu ser rubro-negro desde criança por conta da sua família, assina até dezembro de 2011. Já Correa foi emprestado pelo Dynamo de Kiev até julho de 2011. A princípio, os dois só podem jogar em agosto. Mas como o volante estava no Atlético-MG, o clube tenta fazer com que a transferência seja configurada como nacional, o que liberaria o jogador para atuar em julho.

O atacante, de 29 anos, estava no Monterrey, do México, onde não foi aproveitado. Mesmo assim ele chegou confiante, apesar de deixar claro que não tem a mesma qualidade técnica de Adriano e Vagner Love.

– Hoje é um dos dias mais felizes da minha vida. No futebol, jogador tem de jogar. Sem jogar não tem como render. Não entendi o motivo (de não ser aproveitado no México). A princípio, o treinador tinha pedido minha contratação. Mas cheguei lá e já tinham três atacantes com as mesmas características. Então, quando o Zico fez convite, eu já estava em processo de rescisão e abri mão de muita coisa para vir logo – disse Val Baiano, que fez questão de evitar comparações com os membros do Império do Amor.

– Aumenta a pressão a saída deles. Não vamos fazer comparação deles comigo. São dois jogadores de seleção, que poderiam disputar Copa do Mundo. Vou procurar dar o melhor de mim e aproveitar as oportunidades. Tenho 30 dias para trabalhar e buscar o meu espaço – disse o atacante.

Correa também enfatizou o discurso de estar feliz de chegar ao Flamengo. Principalmente sob o comando de Zico. Ele também explicou como costuma jogar, e quando poderá atuar pelo clube.

– Sei da grandeza do Flamengo e o que é vestir essa camisa. A responsabilidade é grande, mas o retorno também. É um privilégio em dobro ser apresentado no Flamengo pelo maior ídolo do clube e um dos maiores do nosso futebol. É bom chegar com respaldo dele nesse novo projeto e quero corresponder dentro de campo. Posso jogar como segundo volante, mais adiantado, mais recuado… O futebol moderno pede essa versatilidade – disse o volante, que depois explicou sua situação contratual.

– Quero voltar a treinar o mais rapidamente possível para estar logo à disposição. Já joguei quatro jogos no Brasileiro e terei pelo menos mais duas semanas de treino. Ainda não sei se poderei jogar em julho, mas já estão cuidando disso. Qualquer coisa só jogo em agosto mesmo – disse Correa, que também tem 29 anos.


Os dois reforços deixaram a entrevista coletiva e continuaram as avaliações físicas. Eles seguem trabalhando em Itu com a delegação rubro-negra até a próxima quarta-feira.

junho 30, 2010 Posted by | Flamengo | , | Deixe um comentário

Alexandre Kalil anuncia a contratação de Diego Souza pelo Atlético-MG

Presidente do Galo confirma o acerto em seu microblog

Como já é de praxe, o presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, confirmou, mais uma vez via Twitter, a contratação de um grande reforço. Dessa vez trata-se de Diego Souza, ex-meia do Palmeiras.

– A tuitada que vocês estavam esperando! Diego Souza é do #Galo – diz o post.

O mandatário alvinegro gosta de usar seu microblog para dar notícias em primeira mão. Para se ter uma ideia, as confirmações dos acertos com o técnico Vanderlei Luxemburgo, e os meias Ricardinho, Daniel Carvalho e o equatoriano Méndez foram todas feitas desse jeito.

No entanto, Kalil ainda não deu detalhes sobre a contratação de Diego Souza, como valores e tempo de contrato. O ex-jogador do Palmeiras está sem atuar desde abril, quando deixou o clube do Palestra após se desentender com alguns torcedores.

junho 30, 2010 Posted by | Atlético-MG | | Deixe um comentário

Jogo contra o Chile cria alternativa para o meio-campo da seleção

Na tranquila vitória por 3 a 0, setor atuou com novo desenho tático, dando movimentação ao time e deixando Gilberto Silva menos sobrecarregado

Uma das críticas mais ouvidas após a convocação da seleção brasileira para a Copa do Mundo foi a falta de um plano B para o meio-campo. Essa alternativa para o setor, no entanto, parece ter surgido na vitória por 3 a 0 sobre o Chile, na segunda-feira.

As entradas de Ramires pela esquerda e de Daniel Alves pela direita mudaram o desenho tático do meio-campo e deram mais movimentação ao time. Para a partida contra a Holanda, pelas quartas de final da Copa do Mundo, Dunga pode até manter o plano B, que garantiu uma vitória tranquila nas oitavas. Mas terá de mudar as peças, pois não poderá escalar Ramires, que cumprirá suspensão automática depois de levar o segundo cartão amarelo. Além disso, Elano também está descartado, o que deve significar a permanência de Daniel Alves no time.

No jogo contra Costa do Marfim, Dunga escalou um meio-campo com posicionamento parecido com o da seleção de 1994. Nele, Gilberto Silva e Felipe Melo ficam com a função de proteger a zaga, quase lado a lado, enquanto Elano (pela direita) e Kaká (pela esquerda) ficaram responsáveis pela criação. A formação foi montada para dar liberdade ao meia do Real Madrid, que usa muito as arrancadas, mas ainda recupera o ritmo de jogo aos poucos.

O esquema encontrou dificuldade para furar a retranca montada por Coreia do Norte e Portugal, sobretudo pela pouca mobilidade. Contra os portugueses, Kaká, suspenso, e Elano, machucado, foram substituídos por Julio Baptista e Daniel Alves, respectivamente, mas o esquema foi mantido. O mapa de calor dos meias (veja acima), exibido no site da Fifa, mostra como há mais áreas em vermelho, o que demonstra que os jogadores concentraram sua movimentação em determinados trechos do campo. Outra consequência foi Gilberto Silva ter ficado sobrecarregado: foi quem percorreu a maior distância contra Coreia do Norte e Costa do Marfim, e o segundo que mais correu contra Portugal. A seleção usou o esquema nos dois primeiros jogos e sofreu gols em ambos.

Contra o Chile, as contusões de Felipe Melo, Elano e do reserva Julio Baptista fizeram com que Dunga escalasse um meio-campo com estilo diferente. As entradas de Ramires, pela esquerda, e de Daniel Alves, pela direita, deram mais equilíbrio ao time. E mudaram o desenho tático, passando de um quadrado para um losango: Gilberto Silva ficou mais atrás, e Kaká, mais adiantado.

O esquema deixou a ligação entre defesa e ataque também nos pés de Daniel Alves e Ramires. E deixou Gilberto Silva menos sobrecarregado: ele percorreu uma distância menor do que Ramires e Daniel Alves contra o Chile. Coincidência ou não, teve o seu melhor desempenho nesta Copa do Mundo, de acordo com as notas dadas pelo GLOBOESPORTE.COM (veja tabela abaixo).

Gilberto Silva Coreia do Norte Costa do Marfim Portugal Chile
Distância percorrida
11.070 km (1º) 10.979 km (1º) 10.714 km (2º) 10.436 km (3º)
Nota para a atuação
5,0 6,0 6,0 6,5
OBS: entre parênteses, está a posição que ele ocupou no ranking dos que mais correram na partida, entre os brasileiros

Formação do meio-campo é uma incógnita contra a Holanda

A suspensão de Ramires cria uma nova interrogação na cabeça de Dunga. Com um problema no tornozelo esquerdo, Felipe Melo faz tratamento intensivo para tentar voltar à seleção no jogo contra a Holanda, nesta sexta-feira, às 11h (de Brasilia), em Porto Elizabeth. O retorno do volante provavelmente deixaria o meio-campo com a mesma mesma formação tática dos dois primeiros jogos. Se Felipe Melo for vetado, Dunga teria as opções de escalar Josué ou Kleberson. E ficaria aberta a possibilidade de usar um quadrado ou um losango no meio-campo.

junho 30, 2010 Posted by | ABC de Natal, America-RN, Atlético-MG, Atlético-PR, Avaí, Bahia, Botafogo, Ceará, Corinthians, Coritiba, CRB, Criciuma, Cruzeiro, Figueirense, Flamengo, Fluminense, Fortaleza, Futebol Europeu, Futebol Sulamericano, Goiás, Grêmio, Grêmio Prudente, Internacional, Juventude, Náutico, Palmeiras, Paraná, Ponte Preta, Portuguesa, Santo André, Santos, São Caetano, São Paulo, Seleção brasileira., Sport, Vasco da Gama, Vila Nova, Vitória | | Deixe um comentário