Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Bota e Furacão brigam para fugir da degola

Alvinegro está em 13º enquanto paranenses estão em 14º. Diferença entre os dois é de apenas um ponto

LANCEPRESS!

Botafogo e Atlético-PR se enfrentam neste sábado, ás 18h30, no Engenhão, para tentar se afastar ainda mais da incômoda zona de rebaixamento. Tanto os cariocas quanto os paranaenses estão em boa fase e saíram das últimas posições do Campeonato Brasileiro. Por isso, um resultado negativo de qualquer uma das equipes irá reacender o sinal de alerta nos clubes.

O Botafogo estava há sete jogos sem saber o que é perder, mas uma derrota para o São Paulo no meio de semana acabou com essa sequência. Além disso, o cartão amarelo recebido pelo capitão Juninho deixa a principal peça do Alvinegro fora dessa partida.

O técnico Ney Franco tem outros problemas. O lateral-esquerdo Michael e o atacante Reinaldo ficam fora da partida por estarem lesionados. Além deles, o meia Renato está praticamente vetado pelo departamento médico por problemas musculares.

O treinador alvinegro tem algumas dúvidas para montar a equipe. Na zaga, Emerson é o favorito para ficar com a vaga, mas Fahel corre por fora. Se Ney Franco optar pelo volante, Leandro Guerreiro será recuado para a zaga para fazer a função de Juninho. No meio de campo, Jônatas ganha a vaga de Renato enquanto Batista é deslocado novamente para a ala esquerda.

A única boa notícia no Alvinegro é no ataque, com o retorno de André Lima.

– É uma opção ofensiva que a equipe ganha. O atleta tem crescido, aprimorado a parte física e foi determinante na vitória contra o Barueri – admitiu o treinador.

Embalado com duas vitórias consecutivas e fora da zona do rebaixamento pela primeira vez desde a nona rodada, o Atlético-PR espera dar continuidade à boa sequência no Campeonato Brasileiro. Além disso, se vencer o Botafogo, o clube passará o adversário na tabela.

E para esse jogo, o técnico Antonio Lopes poderá contar com o retorno do lateral-direito Raul, que cumpriu suspensão na última rodada. Porém, o jogador deve ficar no banco de reservas. A única alteração será na defesa. O zagueiro Bruno Costa, expulso na vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro, desfalca a equipe e dará lugar a Manoel. Dessa forma, o treinador irá armar o Furacão no 3-5-2, com Nei novamente fazendo a função de zagueiro.

Mas a principal arma do Furacão é a confiança. Para o comandante rubro-negro, o triunfo sobre o Cruzeiro mostrou para os jogadores que é possível conquistar mais pontos em cima do Alvinegro carioca.

– Essas duas vitórias serviram para levantar o astral do grupo. A parte motivacional nossa melhorou sem dúvida, pois ganhar do Cruzeiro não é fácil e conseguimos vencer. E o nosso time viu que pode chegar no Rio de Janeiro e pontuar em cima do Botafogo. Temos tudo para fazer um bom jogo e quem sabe sair com um resultado positivo – afirmou Lopes.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO x ATLÉTICO-PR


Local: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 8/8/2009 – 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Francisco de Assis Almeida Filho (CE)
Auxiliares: Ednilson Corona (Fifa – SP) e Manuel Marcio Bezerra Torres (CE)

BOTAFOGO: Castillo, Wellington, Emerson (Fahel) e Eduardo; Alessandro, Leandro Guerreiro, Jônatas (Renato), Lucio Flavio e Batista; Victor Simões e André Lima. Técnico: Ney Franco.

ATLÉTICO-PR: Galatto, Nei, Rhodolfo e Manoel; Raul, Valencia, Paulo Baier, Wésley e Márcio Azevedo; Marcinho e Wallyson. Técnico: Antonio Lopes.

agosto 8, 2009 - Posted by | Atlético-PR, Botafogo | , , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s