Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Botafogo vence Barueri com gol aos 46 do segundo tempo

Glorioso não perde há sete jogos na competição.

Botafogo e Barueri fizeram um grande duelo no Engenhão (Crédito: Cléber Mendes)

Botafogo e Barueri fizeram um grande duelo no Engenhão

LANCEPRESS!

No jogo de número 900 do Botafogo em Campeonatos Brasileiros, o time de General Severiano não atuou bem, mas acabou ganhando um presente aos 46 minutos do segundo tempo, vencendo o Barueri por 2 a 1, neste sábado, no Engenhão pela 16ª rodada da competição. Os gols da partida foram marcados por André Lima (duas vezes) para o lado dos cariocas e Márcio Careca para o Barueri.

Com o resultado, o Alvinegro chega aos 19 pontos e dorme afastado da zona de rebaixamento, na 13ª posição. Já o Barueri continua com 22 pontos.

Embalado pelos torcedores, o Glorioso começou melhor. Logo no segundo minuto de jogo, Renato cruzou, Victor Simões escorou de cabeça e Lucio Flavio quase abriu o placar. O início do Botafogo era promissor, mas aos poucos a equipe sucumbia a velocidade do ataque do Barueri, principalmente a de Fernandinho, que envolvia os adversários com dribles rápidos e secos.

As raras oportunidades do Botafogo só aconteciam quando Batista, sempre bem posicionado pela esquerda, era acionado pelo meio-de-campo botafoguense. O jogador chegou pelo menos quatro vezes com liberdade à linha de fundo, mas falhava nos cruzamentos. Apesar de pior na partida, foi o alvinegro carioca que abriu o placar. Juninho recebeu a bola na direita, levantou na área e Batista sozinho cabeceou. Renê fez boa defesa, mas no rebote André Lima empurrou a bola para o fundo do gol, aos 36 minutos.

Com 1 a 0 no placar, o Botafogo se empolgou e partiu em busca do segundo, deixando espaços entre a linha defensiva e o meio-de-campo. Aproveitando o espaço no setor, Thiago Humberto, sozinho, lançou Fernandinho na esquerda. O atacante recebeu a bola deu um baile na zaga do Bota e rolou para Márcio Careca, de primeira, empatar, aos 44 minutos do primeiro tempo.

A segunda etapa começou com os dois times marcando mais. Os espaços deixados no fim do primeiro tempo, não existiam mais e o jogo começou a ficar muito truncado. Para tentar resolver o problema da falta de criatividade, Ney Franco fez duas substituições. Colocou Reinaldo e Jônatas e sacou da equipe Batista e Renato. A mudança feita pelo treinador alvinegro fez efeito e o time melhorou. Dois minutos após as substituições, Reinaldo lançou Lucio Flavio, que foi derrubado. Juninho cobrou com força, mas Renê defendeu.

A superioridade alvinegra na segunda etapa era evidente, mas só durou até os 22 minutos. A partir daí, o jogo ficou muito equilibrado e as equipes não conseguiam mais criar. As raras oportunidades surgiam em jogadas individuais de Fernandinho, pelo Barueri e lançamentos de Jônatas, ou chutes de longe de Reinaldo e Lucio Flavio, pelo Botafogo.

Aos 46 minutos, quando o empate parecia certo, Jônatas fez grande jogada e a bola sobrou para André Lima fazer o segundo gol dele e do Botafogo, fazendo a torcida do Glorioso comemorar a vitória.

Na próxima rodada, o Glorioso tem uma espinhosa missão no Morumbi, onde encara o São Paulo, quarta-feira, às 21h. Já o Barueri joga na quinta-feira, em casa, contra Vitória.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 1 BARUERI

Estádio: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 01/08/2009 – 18h30 (Brasília)
Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (Aspirante FIFA-BA)
Auxiliares: Altemir Hausmann (RS) e Marco Antonio Martins (SC)
Renda/público: R$ 139.367,50 / 12.432 presentes
Cartões amarelos: André Lima e Alessandro (BOT); Márcio Careca, Leandro Castan, Bruno Ribeiro e Ralf(BAR)
Cartão vermelho: Não houve

GOLS: André Lima, 36’/1°T (1-0); Marcio Careca, 44’/1°T (1-1); André Lima, 46’/2°T (2-1).

BOTAFOGO: Castillo, Wellington, Juninho e Eduardo; Alessandro (Thiaguinho, 28’/2°T), Leandro Guerreiro, Renato (Jônatas, 10’/2ºT) Lucio Flavio e Batista (Reinaldo, 10’/2ºT); André Lima e Victor Simões. Técnico: Ney Franco.

BARUERI: Renê, Leandro Castan, Xandão e André Luiz; Bruno Ribeiro (Márcio Hahn, 22’/2°T), Ralf, Everton, Thiago Humberto e Márcio Careca; Fernandinho (Willian, 40’/2°T) e Luis. Técnico: Estevam Soares.

agosto 1, 2009 - Posted by | Botafogo, Grêmio Prudente | , , , , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s