Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Flamengo realiza treino no Rio de Janeiro

Juniores do Fla participaram; atacante Josiel segue poupado

Atacante Josiel sente dores na coxa esquerda

Atacante Josiel sente dores na coxa esquerda (Crédito: Paulo Sérgio)

LANCEPRESS!

O Flamengo enfrenta na noite desta quarta-feira o Remo, em Belém (PA), pela primeira rodada da segunda fase da Copa do Brasil, mas no Rio de Janeiro houve trabalho forte na Gávea.

Os jogadores do elenco principal que permaneceram, uma forma de preservar parte do grupo da longa viagem antes da semifinal da Taça Rio contra o Fluminense, neste domingo, enfrentaram os juniores rubro-negros, vice-campeões da Taça Guanabara da categoria.

Participaram da movimentação os seguintes atletas: Fábio Luciano, Ronaldo Angelim, Douglas, Egídio, Zé Roberto, Leonardo Moura, Everton e Obina. Completaram o time principal no coletivo reservas do time de juniores.

Enquanto isso, o atacante Josiel, que também ficou no Rio de Janeiro, ficou apenas correndo em volta do campo. O jogadore está sendo poupado devido a dores na coxa esquerda.

abril 8, 2009 Posted by | Flamengo | , , , , | Deixe um comentário

Sucesso do Vasco na temporada começa na defesa

Retaguarda menos vazada entre os semifinalistas é um dos trunfos para o título

Fernando é um dos pilares da zaga cruzmaltina

Fernando é um dos pilares da zaga cruzmaltina (Crédito: Gilvan de Souza)

LANCEPRESS!

Numa partida decisiva, não sofrer gols é fundamental para alcançar a classificação. Neste quesito, o Vasco está bem servido. Com apenas nove gols sofridos em 15 jogos no Campeonato Carioca, a sólida defesa vascaína serve como um dos pilares do time para voltar a uma final de turno após cinco anos.

A muralha da Colina é, de longe, a menos vazada entre os quatro semifinalistas da Taça Rio. Com um padrão de jogo definido e a boa proteção dos volantes Amaral e Nilton, oVasco hoje é uma equipe que transmite segurança para os torcedores e, principalmente, ao seu camisa 1.

No gol vascaíno, Tiago sofreu muito em 2008. Só no Campeonato Brasileiro foram 72 gols sofridos em 38 jogos. Um desastre. Mas o tempo passou, novos jogadores vieram e hoje os zagueiros Fernando e Titi podem se orgulhar do trabalho. E melhor: se o ferrolho continuar entrosado no clássico, as chances de o Vasco sair classificado aumentam.

– Numa decisão é importante ter uma defesa segura porque dá para você jogar tranquilo, sabendo explorar os erros do adversário.Você sabe que o ataque também funciona e, se pintam duas ou três oportunidades, a equipe faz o gol – analisa Tiago.

Até a partida contra o Volta Redonda, na Taça Rio, o Vasco havia sofrido apenas seis gols em todo o Carioca e numa só tacada foi vazado três vezes. Mas Fernando, um dos líderes da equipe, estava fora devido à suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

Porém, nada que tenha abalado o ferrolho da Colina. Nele se baseiam atacantes, meios-de-campo e torcedores do Vasco. Não há mais sustos nem a sensação de que o gol é iminente na partida.

– Para você mostrar respeito ao adversário, tem que marcar. Nosso time faz isso – disse Tiago.

COZINHA FECHADA!

9 gols – Sofreu a defesa vascaína em 15 jogos disputados no Campeonato Carioca deste ano.
3 gols – A equipe cruzmaltina sofreu só quando esteve diante do Volta Redonda. Na ocasião, inclusive, Fernando estava fora.
72 gols – Levou a zaga vascaína em 38 jogos do Campeonato Brasileiro de 2008.

abril 8, 2009 Posted by | Vasco da Gama | , , , , | Deixe um comentário

Tricolor completo para a maratona de jogos

Time terá cinco jogos decisivos em duas semanas. Borges deve voltar contra o Defensor nesta quinta-feira

Muricy crê em equipe pronta para a sequência de jogos (Foto: Tom Dib)

Muricy crê em equipe pronta para a sequência de jogos (Foto: Tom Dib)

LANCEPRESS!

A decisão do Corinthians de mandar o primeiro jogo da semifinal do Campeonato Paulista no estádio do Pacaembu agradou a diretoria são-paulina. Caso o Timão resolvesse mandar seu jogo em Presidente Prudente, como foi cogitado, o Tricolor teria mais uma viagem pela frente.

Em duas semanas, o São Paulo terá cinco jogos decisivos. Três da Libertadores e as duas semifinais do Estadual. Além do pouco tempo para a preparação, os jogadores estão cientes das dificuldades que devem enfrentar com as viagens. O segundo jogo da competição continental, por exemplo, é em Medellín, na Colômbia, uma viagem com duração de 12 horas.

Uma boa notícia para os torcedores é que o técnico Muricy Ramalho deve contar com o elenco completo. Praticamente todos os atletas estão fora do Reffis e com os cartões amarelos zerados. Borges, um dos últimos a se recuperar, está liberado para enfrentar o Defensor Sporting (URU) nesta quinta:

– Graças a Deus estou 100% para suportar esta sequência – garantiu o camisa 17.

Vinte atletas participaram do treino desta terça-feira. Eles foram divididos em duas equipes, além dos goleiros Bosco e Denis. O capitão Rogério Ceni ficou no Reffis (centro de recuperação), enquanto os outros trabalhavam no gramado. Não há ninguém machucado neste momento:

– Ainda bem, viu. Chegamos em uma fase decisiva dos campeonatos com todo mundo legal – vibrou o médico José Sanchez.

CONFIRA OS JOGOS DO TRICOLOR:

DATA COMPETIÇÃO ADVERSÁRIO LOCAL
09/04 Libertadores Defensor Sporting (URU) Morumbi
12/04 Paulista Corinthians Pacaembu
15/04 Libertadores Ind. Medellín (COL) Medellín
19/04 Paulista Corinthians Morumbi
22/04 Libertadores América de Cali (COL) Cali

abril 8, 2009 Posted by | São Paulo | , , , | Deixe um comentário

Fabiano Eller pode ficar de fora do Paulistão

Jogador será julgado pelo STJD na próxima segunda-feira

O zagueiro Fabiano Eller pode desfalcar o Peixe no restante do campeonato Paulista(Foto: Ivan Storti)

O zagueiro Fabiano Eller pode desfalcar o Peixe no restante do campeonato Paulista(Foto: Ivan Storti)

LANCEPRESS!

O Santos pode ganhar mais um problema para a fase final do Paulistão. O zagueiro Fabiano Eller, que foi expulso no confronto diante da Ponte Preta, não joga a primeira partida contra o Palmeiras e corre o risco de ficar de fora também da última semifinal.

Fabiano Eller será julgado na próxima segunda-feira pelo Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD/SP), por praticar ato de hostilidade contra adversário. O atleta foi denunciado no artigo 255 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que tem pena máxima de três jogos.

O zagueiro discutiu com o volante Deda no penúltimo minuto do confronto com a Ponte Preta e ambos foram punidos com o cartão vermelho. De acordo com relato do árbitro Rodrigo Braghetto, a confusão começou logo após o terceiro gol do Peixe, que garantiu a classificação do Santos.

Na súmula consta que Fabiano Eller retardou o reinício da partida e acabou advertido com amarelo. Deda não gostou e xingou o adversário dizendo: “vai tomar no c… seu m…, sai dai”, descreveu o árbitro, acrescentando ainda o revide de Eller, que disse: “vai tomar no c… você seu v… do c…”.

Em função da discussão, tanto o jogador do Santos quanto Deda foram denunciados. O Santos, no entanto, pode levar a pior, já que uma suspensão tiraria Fabiano Eller das semifinais e, possivelmente, do primeiro jogo da decisão, em caso de classificação da equipe santista.

O Santos também responderá pelo atraso na partida contra a Ponte Preta. De acordo com o CBJD e o Regulamento do Campeonato Paulista, cada minuto atrasado pode fazer com que o clube pague até R$ 1 mil.

abril 8, 2009 Posted by | Santos | , , , | Deixe um comentário

‘Ronaldo estará 90% pronto neste domingo’

Preparador físico vê Fenômeno 100% em cerca de um mês

Ronaldo descansa durante treinamento em Itu

Ronaldo descansa durante treinamento em Itu (Crédito: Ari Ferreira)

Ronaldo não enfrentou o Mirassol pela última rodada do Paulistão. Com mais de uma semana de treinamento, a expectativa da Fiel é de que o Fenômeno esteja descansado e pronto para ajudar o Corinthians diante do São Paulo neste domingo, no Pacaembu. A comissão técnica do Timão tranquiliza os torcedores e prevê boas condições para o camisa 9 diante do rival.

O preparador físico, Walmir Cruz, explicou que, na última semana, o trabalho foi dedicado à parte muscular e ao descanso. Nesta semana, em Itu, Ronaldo será submetido a treinamentos que irão trabalhar explosão, arranque e, claro, o condicionamento físico.

– Na última semana, foi um período de manutenção. Demos prioridade aos cuidados musculares, já que uma lesão pode atrapalhar, ao peso e também à sua recuperação física, já que os jogos estavam constantes. Agora, aqui em Itu, daremos um complemento para que ele consiga melhorar a mobilidade. Ainda não está nas condições ideais, mas estará em boa condição no fim de semana – afirmou o preparador físico do Corinthians, Walmir Cruz.

Walmir não gosta de falar em tempo de preparação, mas previu um pouco mais de um mês para que Ronaldo esteja 100%.

– Acredito que, com mais 40 dias de trabalho, ele estará em ótima forma. Não podemos falar que vai ser a forma ideal porque o jogador sempre quer melhorar em alguns pontos e a comissão técnica também, mas a força de vontade dele é impressionante. É um cara que trabalha demais e isso só facilita – acrescentou.

No dia 2 de janeiro, Ronaldo iniciou a pré-temporada com uma diferença impressionante em relação aos outros jogadores. Em todos os exercícios, era o último. Agora, claramente ainda precisa melhorar, mas já é possível vê-lo acompanhando o grupo em praticamente todos os exercícios físicos.

if (!(dominioparceiro)){OAS_AD(‘x10’);}

abril 8, 2009 Posted by | Corinthians | , , , | Deixe um comentário

Ronaldo, sinônimo de confiança, respeito adversário e bola na rede

Companheiros comemoram presença do Fenômeno na fase final do Paulista

Alegria de Ronaldo nos treinamentos é sempre destacada pelos companheiros

Alegria de Ronaldo nos treinamentos é sempre destacada pelos companheiros (Crédito: Reginaldo Castro)

Rodrigo Vessoni, em Itu

A presença de Ronaldo não mexeu apenas com a rotina do elenco corintiano. A parte psicológica dos jogadores também foi afetada. E de maneira positiva. Ninguém esconde que a presença do Fenômeno no ataque é sinônimo de confiança. Isso sem falar no respeito dos outros adversários…

Não é mesmo, Alessandro?

– Fico feliz de tê-lo conosco no dia-a-dia, jogando e fazendo gols. A cada gol, a gente comemora demais com ele porque é um cara merecedor de tudo que já fez, por tudo que já conquistou, por tudo que reconstruiu na carreira. É estimulante saber que ele está ao nosso lado. É correr por ele, buscar jogadas para ele fazer os gols. Isso é muito importante. Até o adversário respeita demais. Se sobrar uma bola, ele vai guardar – afirmou o lateral-direiro.

Para André Santos, o mais importante é a vontade do camisa 9 de conquistar seu primeiro título paulista.

– Ele está querendo ser campeão conosco. Em um momento como esse, o Ronaldo pode usar toda a experiência de ter disputado tantas finais. Uma palavra, um incentivo vai nos ajudar muito. Ele será fundamental – garantiu o lateral-esquerdo.

– Assumo minha responsabilidade também. Sei que, cada um de nós, tem que dar sua parcela de contribuição neste momento. Não podemos deixar nas costas do Fenômeno – completou André Santos.

Já Mano Menezes, lembra que Ronaldo não pode ser a única esperança do Corinthians passar para a final.

– Ronaldo é um dos jogadoeres que têm capacidade difrencidada, por ter passado muitas vezes por situações como essa. Mas não é o único e não poderia ser a única esperança. Não seria suficiente. vamos dar sustentação para que ele possa, se a bola
estiver lá, ter a tranquilidade de fazer o que sabe: o gol – minimizou o treinador corintiano.

abril 8, 2009 Posted by | Corinthians | , , , | Deixe um comentário

Grêmio negocia com Paulo Autuori

Porém, clube esbarra na negativa dos dirigentes do Al Rayyan em liberá-lo

Paulo Autuori estaria interessado em assumir o Tricolor Gaúcho

Paulo Autuori estaria interessado em assumir o Tricolor Gaúcho (Crédito: André Brant)

LANCEPRESS!

Após a vitória por 3 a 0 sobre o Aurora, na última terça-feira, pela Libertadores, os torcedores do Grêmio gritaram o nome do ídolo do clube e treinador Renato Gaúcho. Porém, outro nome ganha força na cúpula tricolor para substituir Celso Roth. Paulo Autori, campeão Mundial com o São Paulo em 2005 e atualmente no Al Rayyan, do Catar, foi sondado pelos gaúchos.

De acordo com o jornal Zero Hora, os dirigentes gremistas aguardam apenas um telefonema do técnico. Autuori estaria interessado em assumir a equipe e gostou do contrato oferecido, com duração até o fim de 2010 e um salário em torno de R$ 300 mil. A resposta do comandande deve ser dada até esta sexta-feira.

Mas o clube esbarra em uma dificuldade: a negativa dos xeques para liberar o comandante, com contrato até maio de 2010. Ainda segundo a publicação, Autuori e um representante teriam se reunido com o xeque Abdullah bin Hamad Al Thani, que mostrou-se contrário à ideia.

Já Renato Gaúcho, sem clube atualmente, conta com a simpatia do presidente Duda Kroeff e do ex-mandatário Fábio Koff. Para não criar nenhuma expectativa, os dirigentes preferem não se posicionar sobre o assunto. Os treinadores também evitam dar entrevistas antes de um possível acerto.

abril 8, 2009 Posted by | Grêmio | , , , , , , , , | 2 Comentários

Grêmio vence Aurora e fica com a mão na vaga

Tricolor não faz uma boa partida, mas se isola na liderança do Grupo 7

Rafael Marques comemora o primeiro gol do Grêmio (foto: Ricardo Rímoli)

Rafael Marques comemora o primeiro gol do Grêmio (foto: Ricardo Rímoli)

Sem técnico, fora da disputa da Gauchão, mas como uma torcida apaixonada que carrega o time nas costas, o Grêmio, líder isolado do Grupo 7, venceu o Aurora por 3 a 0 nesta terça-feira, no Olímpico, e ficou muito perto da vaga nas oitavas-de-final da Libertadores. Depois de um período de turbulências, o Tricolor inicia bem a sua era pós-Roth e parece que navegará em mares mais tranquilos.

O Grêmio começou com muita pegada, dominando o território e espremendo o Aurora contra o seu campo de defesa. Assim, enquanto o time boliviano não passava do meio-de-campo, o Tricolor esboçava suas primeiras chances perdidas. Como de praxe nesta Libertadores, a equipe da casa penava para marcar o primeiro.

Coube ao Aurora parar o Grêmio na base da catimba. Mas a equipe gaúcha teve o mérito de não se afobar. Então, de tanto insistir, aos 31 minutos, após cobrança de escanteio, o zagueiro Rafael Marques subiu mais do que a defesa boliviana e fez a festa dos torcedores tricolores.

Após o gol, o Grêmio diminuiu o ritmo, mas nada que pudesse comprometer a atuação da equipe, já que a equipe boliviana não oferecia perigo algum. Foi aquele tipo de jogo que o Tricolor só perderia para ele mesmo.

O que impressionou na segunda etapa foi a falta de objetividade do Grêmio. A equipe trocava passes na frente da área do Aurora, mas faltava um toque de categoria, já que os meias Souza e Tcheco tiveram atuações bem abaixo do esperado. Se a dupla de armadores não jogava, o ataque resolvia. Aos 18, Herera cruzou e Maxi López escorou de cabeça: 2 a 0.

Com mais tranquilidade e com a vitória assegurada, o Grêmio ainda faria mais um, novamente após uma cobrança de escanteio. Bola na área, Réver tentou de cabeça, a bola bateu na defesa do Aurora e sobrou para ele mesmo completar a festa dos gaúchos.

GRÊMIO 3 X 0 AURORA

Local: Estádio Olímpico, Porto Alegre (RS)
Data e hora: 07 de abril, às 19h (de Brasília)
Árbitro: Antonio Arias (PAR)
Auxiliares: Oscar Vieira (PAR) e César Franco (PAR)

Cartão Amarelo: Fernandéz, Bongioanni, Sossa (AUR); Herrera, Tcheco (GRE)
Cartão Vermelho: Não houve
Gols: Rafael Marques, 31’/1ºT (1-0); Maxi López, 18’/2ºT (2-0), Réver, 36’/2ºT (3-0)

GRÊMIO: Víctor; Leo, Rever, Rafael Marques, Makelele (Diogo, 43’/2ºT) Adilson, Tcheco, Souza, Fabio Santos (Jadilson, 35’/2ºT), Maxi López e Herrera (Orteman, 38’/2ºT) Técnico: Marcelo Rospide.

AURORA: Dulcich; Huayhuata, Leonforte, Zenteno e Viviani; Hurtado, Escobar (Castellón, 45’/2ºT), Bongioanni (Cardozo, 10’/2ºT) e Fernández, Sossa (Gutieerez, 42’/2ºT) e Paredes. Treinador: Baldivieso

abril 8, 2009 Posted by | Grêmio | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Peixe encara CSA pela Copa do Brasil sem esquecer semifinais do Paulistão

Mancini pode utilizar o jogo contra o time alagoano para observar jogadores que vão atuar contra o Palmeirasl. Técnico do CSA promete jogo duro

Ampliar Foto Nelson Coelho/Diário de São Paulo Nelson Coelho/Diário de São Paulo

Mancini quer vitória por dois gols para eliminar a necessidade de segundo jogo

O jogo desta quarta-feira, às 21h50m (horário de Brasília), no estádio Rei Pelé, em Maceió, é contra o CSA-AL, pela Copa do Brasil. Mas o Santos entrará em campo pensando também no confronto contra o Palmeiras, sábado, na Vila Belmiro, pelas semifinais do Paulistão.

Tanto que o técnico Vagner Mancini pretende mandar a campo, contra o time alagoano, a mesma escalação que vai utilizar contra o Verdão, com o zagueiro Astorga no lugar de Fabiano Eller e o lateral-direito Pará na vaga de Luizinho. Os dois jogadores que saem do time estão suspensos no estadual e Mancini poderá utilizar confronto contra o CSA para observar os que entram.

Se vencer o time alagoano por dois ou mais gols de diferença, o Peixe elimina o jogo de volta.

O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances em Tempo Real, com vídeos exclusivos.

Eliminar o jogo de volta, marcado para o dia 22 de abril, na Vila Belmiro, é o maior objetivo de Mancini. Também por isso ele mandará a campo os titulares. Se o Peixe avançar no Paulistão, não enfrentar o CSA em casa deixaria o time alvinegro com uma semana livre para se preparar para a decisão do estadual, que será disputada em dois jogos, dias 26 de abril e 3 de maio.

– Sabemos que não será fácil conseguir vencer o CSA por dois gols, mas vamos tentar. Nesse ritmo que estamos, é sempre bom ter uma semana livre.

As entradas de Astorga e Pará deverão ser as únicas novidades do Santos.

CSA tem dúvida

Já o técnico do CSA, Julio Espinosa, garante que sua equipe não vai dar a vaga para a próxima fase de mão beijada para o Santos. Ele assistiu aos últimos jogos do Alvinegro no Paulistão para estudar formas de neutralizar o adversário.

– O time do Santos é rápido e muito forte fisicamente, Madson é um jogador habilidoso e veloz, mas ele não joga sozinho. Eles vêm querendo matar a classificação, mas não vamos deixar isso acontecer – afirma Espinosa.

O treinador do CSA tem dúvidas para escalar o time. Ele ainda não sabe se manda a campo um time um pouco mais aberto, no esquema 4-4-2, ou se opta pelo 3-5-2. Caso opte por escalar três zagueiros, Tiago Emílio estreia, entrando no lugar do volante Jean.

CSA-AL SANTOS
Jeferson; Juninho Caiçara, Carlos Diogo, Fábio Lima e Marciano; Anderson, Jean (Tiago Emílio), Magno e Júnior Amorim; Tiago Potiguar e Fábio Lopes. Fábio Costa, Pará, Fabão, Astorga e Triguinho; Roberto Brum, Rodrigo Souto e Paulo Henrique Lima; Neymar, Kléber Pereira e Madson.
Técnico: Julio Espinosa. Técnico: Vagner Mancini.
Estádio: Rei Pelé, em Maceió. Data: 07/04/2009. Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (FIFA/RS). Auxiliares: José Antônio Chaves Franco Filho (RS) e Luciano José Coelho Cruz (PE).
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partir de 21h40m (de Brasília).

abril 8, 2009 Posted by | Santos | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Com o pensamento dividido, Fla enfrenta o Remo em Belém

Técnico Cuca poupa titulares visando ao Carioca, mas nega menosprezo ao time paraense: ‘Só um leigo diria esse tipo de coisa’
Ampliar Foto Eduardo Peixoto/GLOBOESPORTE.COM Eduardo Peixoto/GLOBOESPORTE.COM

Depois de herói no Fla-Flu, Emerson faz a estreia no time titular do Rubro-Negro

No Rio de Janeiro, cinco titulares treinam forte à espera da semifinal da Taça Rio. Mais de 3.200 km dali, um time misto do Flamengo enfrenta o Remo, em Belém, pela segunda fase da Copa do Brasil. A partida acontece nesta quarta-feira, às 21h50m (horário de Brasília) no estádio do Mangueirão.

O GLOBOESPORTE.COM acompanha em Tempo Real. A TV e a Rádio Globo transmitem para o Rio de Janeiro.

Confira a tabela da Copa do Brasil

Tratado como “jogo do ano” na capital do Pará, a partida teve a atenção desviada por coincidir com a semana de preparação do Rubro-Negro para o clássico contra o Fluminense. O técnico Cuca optou por tirar da viagem Léo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim, Zé Roberto e Josiel. Apesar de reserva, Obina também ficou no Rio.

A atitude do treinador rubro-negro desagradou a parte da imprensa paraense. Durante o último treino, no estádio da Curuzu, Cuca teve de driblar perguntas escorregadias sobre um possível menosprezo.

– É uma palavra forte e errada. Só um leigo em futebol diria esse tipo de coisa. Essa escalação foi feita com base em um planejamento para atingir metas. É natural preservar, mas trouxe uma equipe forte. Tem tudo para ser um grande jogo – afirmou o técnico, que está suspenso e não poderá comandar o time do banco de reservas.

Casa cheia

Ampliar Foto Eduardo Peixoto/GLOBOESPORTE.COM Eduardo Peixoto/GLOBOESPORTE.COM

Torcedores foram em grande número para o treino: prévia de casa cheia no Mangueirão

Os mais de 39 mil ingressos colocados à venda estão esgotados. A pressão da torcida adversária foi destacada pelo técnico Cuca.

– Será um adversário casca dura. Sei a força das arquibancadas. Conheço bem as características do Remo porque joguei e treinei o clube – disse.

Na zaga, a tendência é que Aírton seja improvisado e jogue ao lado de Welinton. Depois de fazer o gol na partida contra o Fluminense, Emerson ganhou vaga no ataque ao lado de Erick Flores. O Sheik da Gávea comemorou a oportunidade:

– Ainda é difícil aguentar os 90 minutos. Mas estou à disposição do técnico. A estreia foi gratificante, legal, mas passou. Agora é a Copa do Brasil.

A escalação do goleiro Bruno não está decidida. O Flamengo corre atrás de um efeito suspensivo para liberá-lo na semifinal do Carioca. Se não conseguir, Cuca vai colocar Diego para dar-lhe ritmo de jogo.

Remo joga últimas fichas

O Remo vive situação delicada em 2009. No próximo domingo, a equipe terá o clássico de número 700 contra o Paysandu, pela semifinal do segundo turno do Paraense. Se perder ou empatar, a equipe será eliminada e não terá mais chance de conseguir classificação para a Série D do Brasileirão. Por isso, o duelo contra o Flamengo é visto como um teste e tanto para a etapa decisiva da temporada.

REMO FLAMENGO
Adriano; Levy (Helinho), Sam, Rogério Corrêa e Edinaldo; Beto, Marlon, Ramon, Jaime e Toninho. Diego (Bruno), Everton Silva, Aírton, Welinton e Juan, Toró, Willians, Ibson e Kleberson; Erick Flores e Emerson.
Técnico: Arthur Oliveira. Técnico: Cuca.
Estádio: Olímpico de Belém. Data: 08/04/2009. Árbitro: José Henrique de Carvalho (SP). Auxiliares: Emerson Augusto (Fifa-SP) e Dante Mesquita (SP).
Transmissão: A Rede Globo transmite a partida para o Rio de Janeiro
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partir de 21h50m (de Brasília).

abril 8, 2009 Posted by | Flamengo | , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Após 36 dias de falatório, Sport e Palmeiras duelam na Ilha do Retiro

Em alta, time de Pernambuco busca classificação antecipada na Taça Libertadores, enquanto equipe paulista briga para ainda respirar no torneio

Ampliar Foto Editoria de Arte/GLOBOESPORTE.COM Editoria de Arte/GLOBOESPORTE.COM

Keirrison e Ciro são as esperanças de gols de Palmeiras e Sport, na Ilha do Retiro

O grande dia para os jogadores do Palmeiras até o momento no semestre, enfim, chegou. Após 36 dias de espera e agonia, a equipe de Vanderlei Luxemburgo trava contra o Sport um duelo nesta quarta-feira, às 21h50m (de Brasília), na Ilha do Retiro, que pode ser o recomeço do time na Taça Libertadores ou o fim de um sonho. E isso depois de muito falatório.

A TV Globo transmite a partida. O GLOBOESPORTE.COM acompanha o duelo entre as equipes brasileiras na Taça Libertadores em Tempo Real.

Durou pouco mais de um mês a espera palmeirense pelo encontro. Com duas derrotas em dois jogos, a equipe de Vanderlei Luxemburgo ocupa a lanterna do Grupo 1 do torneio continental. Já o Sport tem 100% de aproveitamento, com seis pontos em duas partidas – venceu Colo Colo e LDU. Caso consiga novo êxito diante do rival brasileiro, o time de Nelsinho Baptista se garante na próxima fase com três rodadas de antecedência. Os paulistas, por sua vez, buscam continuar respirando na disputa.

Mas antes de o dia tão esperado chegar, o falatório entre diretorias tomou conta dos noticiários. Uma das discussões começou com os mandatários do Sport, que exigiam um árbitro estrangeiro para o encontro, pois temiam que um juiz brasileiro pudesse ter passado pelo Instituto Wanderley Luxemburgo que, entre outras atribuições, forma árbitros. Escolhido o paraguaio Carlos Torres para apitar o confronto, foi a vez de a diretoria palmeirense criar um clima de mistério sobre a ida da equipe à capital pernambucana.

Temendo algum tipo de ato hostil da torcida do Sport, o Palmeiras realizou seu último treino antes do confronto em São Paulo. Só no fim da tarde dessa terça-feira a equipe embarcou para o Recife, mas sem divulgar o hotel onde ficaria hospedada. Apesar do falatório e do zêlo palmeirense, Luxemburgo acredita que o clima será tranquilo. E afirma que sempre é bem recebido no local da partida.

– Eu não sou de briga, não gosto disso. Sou muito bem tratado no Recife, mas de repente antagonizou e virou uma guerra por causa de um boato – disse ele, recordando-se dos problemas que a equipe enfrentou no ano passado na disputa da Copa do Brasil – ônibus apedrejado e jogadores que passaram mal por causa da comida do hotel.

CONFIRA A TABELA DE CLASSIFICAÇÃO DA LIBERTADORES

Noite especial, e Nelsinho misterioso

Ampliar Foto Richard Fausto/GLOBOESPORTE.COM Richard Fausto/GLOBOESPORTE.COM

Nelsinho comanda o último treino no CT

Não faltam motivos para que os jogadores do Sport encarem a partida como uma decisão. Se vencer, o Leão assegura a classificação para as oitavas. Além disso, é dia de fazer história. Uma vitória fará o Rubro-Negro superar a campanha da edição da Libertadores de 1988 (duas vitórias e um empate na primeira fase). Neste ano, o aproveitamento é de 100%. Se depender do apoio da torcida, a missão será mais fácil. Mais de 25 mil leoninos devem gritar o ‘Cazá, Cazá’ na ‘Bombonilha’. Vai ferver!

Um dia depois de recusar a proposta para treinar o Grêmio, Nelsinho Baptista definiu o Sport, mas não divulgou a escalação. O único jogador garantido, segundo o técnico, é o goleiro Magrão. Nem Durval, que volta de lesão, está escalado. Na última atividade, treino secreto de jogadas de bola parada e um recreativo para aliviar a tensão.

– Não existem dúvidas. Já está decidido, e os jogadores estão conversados. Vamos divulgar apenas nesta quarta. Nós temos a base, temos as opções e isso está fazendo com que o Sport tenha bons resultados. Acredito que o Palmeiras também não vá liberar o time. Estamos seguindo o adversário há vários jogos, assim como eles nos estudaram – disse.

Ampliar Foto Richard Fausto/GLOBOESPORTE.COM Richard Fausto/GLOBOESPORTE.COM

Durval, capitão rubro-negro, vai para o jogo

O esquema 3-5-2 é a opção mais forte. Sendo assim, o meia Luciano Henrique deixa o time. Igor, Cesar e Durval formam a defesa. Nas alas, Moacir pela direita, e Dutra pela esquerda. Como Hamilton, machucado, está vetado, Daniel Paulista e Andrade são os volantes. Sandro Goiano corre por fora. Paulo Baier comanda o meio-campo e terá a função de municiar o ataque que deve ser formado por Wilson e Ciro. Mas não será surepresa se Vandinho pintar entre os onze.

– Os três brigam um duas vagas, mas eu não vou entregar assim de bandeja. Ciro, Vandinho e Wilson são jogadores que estão bem, decisivos e ajudam o grupo – despistou Nelsinho.

Capitão está de volta
Líder do time, Durval não poderia ficar fora de um jogo tão importante. Livre da lesão no tornozelo esquerdo, o zagueiro está pronto para voltar e ajudar o Leão a conquistar a vaga nas oitavas.

– Estou no pique. Estou bem e recuperado. Tenho treinado há oito dias e fazendo tratamento. É um jogo muito importante não só para nós, mas para a equipe do Palmeiras. Eles vão jogar tudo e mais um pouco, mas vamos trabalhar para conquistar a vitória e a classificação – disse.

Durval sabe do poder ofensivo do Palmeiras. Nas entrevistas, o técnico Nelsinho Baptista e os jogadores do Leão têm destacado a velocidade e a técnica de Cleiton Xavier, Diego Souza e Keirrison.

Mistério também no Palmeiras

Ampliar Foto Fabio Menotti/Assessoria de Imprensa do Palmeiras Fabio Menotti/Assessoria de Imprensa do Palmeiras

Luxemburgo confia no talento de Keirrison

Para a partida do semestre, Luxemburgo deixa o mistério no ar. Apenas a volta do goleiro Marcos, que foi poupado da partida contra o Botafogo-SP, pelo Paulista, é uma certeza.

Na lateral direita, Fabinho Capixaba e Sandro Silva disputam a posição. Outra dúvida é sobre quem formará a dupla de ataque ao lado de Keirrison. Apesar de estar recuperado de uma lesão no púbis, Willians não tem retorno garantido. Assim, o paraguaio Ortigoza pode ter nova chance na equipe com K9.

– Dá para adiantar o time? Não, não dá. Vamos ter de correr o máximo, lutar e se dedicar para conseguir a vitória – comentou o treinador palmeirense, sem revelar as suas peças para a partida.

O jogo na Ilha do Retiro também pode servir para o atacante Keirrison fazer as pazes com as redes. Sem marcar há quatro jogos, o camisa 9 palmeirense vive um momento atípico no clube. Apesar do jejum, o atleta segue como principal artilheiro do time no ano, com 16 gols, e conta com o apoio do comandante alviverde.

– Eu vou sempre apoiar o meu atleta. O Keirrison perdeu algumas oportunidades, mas esteve sempre lá para decidir. Ele tem todo o meu apoio – disse Luxemburgo.

SPORT PALMEIRAS
Magrão, Igor, Cesar e Durval; Moacir, Daniel Paulista, Andrade (Sandro Goiano), Paulo Baier e Dutra; Wilson, Ciro (Vandinho). Marcos; Fabinho Capixaba (Sandro Silva)Maurício Ramos, Danilo e Armero; Edmílson, Pierre, Cleiton Xavier, Diego Souza; Ortigoza (Willians) e Keirrison.
Técnico: N. Baptista. Técnico: V. Luxemburgo.
Estádio: Ilha do Retiro, Recife. Data: 08/04/2009. Horário: 21h50m. Árbitro: Carlos Torrres (PAR). Auxiliares: Nicolás Yegros e Emigdio Ruiz (ambos PAR)
Transmissão: A Globo exibe a partida ao vivo. O Premiere, pelo sistema pay-per-view, mostra para todo o país.
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partir de 21h50m (de Brasília).

abril 8, 2009 Posted by | Palmeiras, Sport | , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Após degola, Bugre pega o embalado Inter

Colorado aposta em bom retrospecto em torneios mata-matas

LANCEPRESS!

O técnico Osvaldo Alvarez mal assumiu o comando técnico do Guarani e vai estrear em uma das principais partidas do clube neste ano. O Bugre enfrenta o Internacional-RS nesta quarta-feira, às 21h50, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, pela partida de ida da segunda fase da Copa do Brasil.

Depois de serem rebaixados para a série A2 do Campeonato Paulista os jogadores do alviverde querem começar dar a volta por cima começando com um bom resultado diante de um dos melhores times do país.

Para isso o técnico Vadão promoverá mudanças em relação a equipe que vinha atuando no estadual e vai montar a equipe no cauteloso 3-6-1.

Rafael Fefo, que há tempos não tinha uma oportunidade, ganha uma vaga na zaga. No meio-campo Bruno e Danilo Rios, que foram titulares em alguns jogos do Paulista, também retornam ao time. Mas a principal mudança está no ataque. Fernando Gaúcho, titular absoluto no Paulista e vaiado em inúmeras vezes pela torcida, sequer vai ficar como opção no banco de reservas.

A baixa do time será o zagueiro Cássio, que sofreu uma entorse no joelho esquerdo durante a partida contra o Bragantino e foi vetado pelo departamento médico. Após a partida o foco se voltará para a renovação do elenco para a disputa da Série B, já que uma das imposições do treinador para assinar contrato foi formar um elenco forte para a competição.

– Temos um mês para trazer alguns reforços e montar um elenco da forma como gostaríamos. Estamos conversando com o Presidente, já temos alguns nomes, mas só serão divulgados quando estiverem contratados. A Diretoria demonstrou interesse em montar um bom time e nos deu confiança – disse o treinador

No lado do time Colorado, o meia D’Alessandro, que deu assistência a Índio no gol da vitória no último Gre-Nal, deve iniciar a partida, mandando Andrezinho de volta para o banco de reservas.

Apesar de ter passado para a segunda fase da Copa do Brasil com dificuldade – a classificação em cima do União-MT só veio nos minutos finais da segunda partida – a retrospectiva do Colorado em competições de mata-mata é favorável. Desde 2006, o Inter participou de oito e foi campeão em seis delas. Algo normal, do ponto de vista de Guiñazu.

– O grupo cresceu muito, estamos muito focados em tudo que é competição, mata-mata mais ainda. Vamos continuar do mesmo jeito, caminhando devagar, que ainda não se ganhou nada, mas estamos no bom caminho – disse o jogador, em entrevista ao jornal Zero Hora, fazendo questão de esclarecer que a equipe não irá se intimidar por jogar fora de casa e entra disposta a sair do Brinco de Ouro com a vitória.

FICHA TÉCNICA
GUARANI X INTERNACIONAL/RS

Local: Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)
Data/Hora: 08/04/2009, às 21h50
Árbitro: Willian Marcelo Souza Nery (RJ)
Auxiliares: Hilton Moutinho Rodrigues (FIFA-RJ) e Wagner de Almeida Santos

GUARANI: Douglas; Mauricio, Rafael Fefo e Valter; Maranhão, Glauber, Rincón, Bruno, Danilo Rios e André; Dairo. Técnico: Osvaldo Alvarez.

INTERNACIONAL: Lauro; Bolívar, Indio, Álvaro e Kleber; Sandro, Magrão, Guiñazú e D’Alessandro; Taison e Nilmar. Técnico: Tite.

abril 8, 2009 Posted by | Internacional | , , , | Deixe um comentário

Cruzeiro quer classificação na Argentina

Empate com o Estudiantes garante vaga nas oitavas da Libertadores

LANCEPRESS!

Nesta quarta-feira, o Cruzeiro encara o Estudiantes, às 21h50, no Estádio Ciudad de La Plata, na Argentina, com a possibilidade de já voltar com a vaga nas oitavas-de-final da Copa Libertadores.

Para que isso aconteça, basta um empate contra a equipe da casa. A Raposa chegaria aos 10 pontos e ficaria com três pontos de diferença em relação ao Estudiantes, segundo colocado. Deportivo Quito (EQU) e Universitário Sucre (BOL) ainda fecharão a quinta rodada do grupo 5, mas os equatorianos só poderão chegar aos oito pontos se vencerem.

Na Toca da Raposa 2, o moral da equipe anda elevado. Isso porque a Raposa fez 15 gols nos últimos três jogos, uma média de cinco por partida. Para continuar com o ataque afinado, o técnico Adilson Batista deve promover a volta do atacante Wellington Paulista, que já marcou duas vezes na competição internacional.

Sem poder contar com Wagner, o treinador Adilson Batista deve novamente escalar Ramires na armação. Com isso, o meio-de-campo deve ser formado por Henrique, Fabrício, Marquinhos Paraná e Ramires. Na zaga, Leonardo Silva deve retornar.

O grande desfalque no Cruzeiro será o atacante Kléber. Com 11 gols em 10 partidas nesta temporada, o Gladiador cumprirá o segundo jogo de suspensão pela expulsão na partida contra o Universitário Sucre, na Bolívia.

Já o Estudiantes, penúltimo colocado do Torneio Clausura, tem dúvidas na lateral-esquerda e no ataque. Na lateral, Iberbia e Días disputam posição e no setor ofensivo, Calderón e Gastón Fernández brigam por vaga entre os titulares.

FICHA TÉCNICA:

ESTUDIANTES (ARG) X CRUZEIRO

Data/Horário: 08/04, às 21h50 (de Brasília)
Local: Estádio Ciudad de la Plata, em La Plata (ARG)
Árbitro: Roberto Silvera (URU)
Auxiliares: Miguel Nievas (URU) e Carlos Pastorino (URU)

ESTUDIANTES: Mariano Andújar, Marcos Angeleri, Christian Cellay, Leandro Desábato, Raúl Iberbia (Juan Manuel Díaz); Enzo Pérez, Rodrigo Braña, Juan Sebastián Verón e Leandro Benítez; Boselli e José Luis Calderón (Gastón Fernández). Técnico: Alejandro Sabella

CRUZEIRO: Fábio, Jonathan, Leonardo Silva, Thiago Heleno e Gérson Magrão; Henrique, Fabrício, Marquinhos Paraná e Ramires; Soares e Wellington Paulista. Técnico: Adilson Batista

abril 8, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , | Deixe um comentário

Massa empurra o Galo contra o Uberaba

Mais de 33 mil atleticanos empurrarão o Galo, no Mineirão

LANCEPRESS!

Com o apoio maciço da torcida, que já comprou mais de 33 mil ingressos, o Atlético-MG recebe o Uberaba, nesta quarta-feira, às 19h30, no Mineirão. Este será o confronto de volta das quartas-de-final do Campeonato Mineiro. O Galo pode perder por até um gol de diferença que se classifica para as semi do Estadual.

– Eles só estão indo atrás porque têm retorno através de trabalho. Não tem time maravilhoso, vencedor, sem grande torcida. Em compensação, em time perdedor, a torcida vai sumindo. Não é isso que nós pretendemos. Por isso estamos sempre procurando a vitória – comentou o treinador Emerson Leão.

Com uma sequência de oito vitórias seguidas, o comandante atleticano tem apenas um mistério para o confronto diante do Uberaba. Depois da lesão de Renan Oliveira que vinha sendo o mais indicado para assumir a camisa 10 do Galo, a vaga no time ainda não foi preenchida. Para o jogo contra o Zebu, Leão pode opitar pelo meia Lopes, ou por mais um atacante: Trípodi ou Kléber.

No lado do Uberaba, o treinador Pedrinho Rocha ainda tem dúvidas quanto à escalação que deve começar o jogo. Michel Curi faz teste no vestiário, se voltar sentir, Mauricio entra no seu lugar. Nas outras posições o técnico não terá problemas.

O meio campista Andrezinho não se recuperou das dores musculares da perna direita, acabou sendo dispensado pela diretoria. Outro que esta em tratamento e não viajou com a delegação é o volante Bruno Camargo.
FICHA TÉCNICA:
Data/Horário: 08/04/2009 / 19h30 (de Brasília)
Local: Mineirão – Belo Horizonte
Árbitro: André Luis Martins Dias Lopes
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo e Celso Luiz da Silva

ATLÉTICO-MG: Juninho, Werley, Leandro Almeida, Marcos e Júnior; Renan, Carlos Alberto, Márcio Araújo e Lopes (Trípodi ou Kléber); Éder Luis e Diego Tardelli. Treinador: Emerson Leão

UBERABA: Lailson; Ivonaldo, Gustavo, Glauco e Jackson; Balduíno, Gabriel, Michel Curi (Mauricio) e Biro Gomes; Danilo e Tiago Emilio. Treinador: Pedrinho Rocha

abril 8, 2009 Posted by | Atlético-MG | , , , , , , , | Deixe um comentário