Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Lidando com dois lados do favoritismo, Bota pega o Resende na final da Taça GB

Alvinegro assume sua condição, mas reconhece que responsabilidade aumenta na decisão do primeiro turno do Campeonato Carioca

Nos últimos anos, o Botafogo se acostumou a disputar decisões no Campeonato Carioca. Mas na final da Taça Guanabara, que acontece neste domingo, o Alvinegro enfrentará uma situação que muitas vezes é escorregadia. Diante do Resende, o Glorioso entra em campo carregando todo o favoritismo, e, para isso, se prepara técnica e emocionalmente. A Rede Globo (para o Rio de Janeiro) e o Premiere (para todo o Brasil) transmitem ao vivo. O PORTAL FUTEBOL  acompanha em Tempo Real, a partir das 16h (de Brasília).

O Botafogo tem em seu currículo quatro títulos da Taça Guanabara, que conquistou nos anos de 1967, 68, 97 e 2006, além de nove vices, enquanto o Resende tenta levantar este troféu pela primeira vez. Caso haja empate após os 90 minutos da final deste domingo, o título será decidido nos pênaltis. O campeão garante vaga na decisão do Campeonato Carioca, contra o vencedor da Taça Rio.

CLIQUE AQUI E SAIBA ONDE COMPRAR INGRESSOS PARA A DECISÃO!
Para que tudo saia de acordo com a maior probabilidade, o Botafogo encara o Resende como um de seus principais rivais. O discurso de Ney Franco e de seus comandados passa invariavelmente pelo respeito ao adversário e a lembrança de que, se quiser mesmo fazer valer o seu favoritismo, o Alvinegro terá de entrar em campo com total seriedade.

– Quando a final é entre dois clubes grandes, a responsabilidade fica 50% de cada lado. Mas neste domingo, ela será toda nossa. Mesmo assim, não podemos nos dar ao luxo de ir a campo sem a melhor preparação, e não se deve pensar que o favoritismo é suficiente para vencermos a decisão – avisou o treinador.

Este pensamento parece que foi bem absorvido pelos jogadores do Botafogo. E a doutrina foi lançada por Ney Franco, mal terminou o clássico contra o Fluminense, pela semifinal da Taça Guanabara. O treinador fez questão de mostrar aos jogadores que o Alvinegro não pode se tornar mais um grande a ser surpreendido numa final por uma equipe de menor expressão.

– Pedi aos jogadores que tivessem em mente os casos em que pequenos venceram grandes, e vice-versa. Numa decisão como a de domingo não se pode falhar, pois existe apenas uma partida, e, por isso, não há chance de recuperação – ressaltou o técnico.

Nesta final, o Botafogo continuará sem poder contar com Victor Simões, que ainda se recupera de um estiramento na coxa esquerda. Mesmo assim, Ney Franco informou que a equipe entrará em campo com uma formação diferente da utilizada no clássico contra o Fluminense. Reinaldo terá Lucas Silva como companhia na frente. Com isso, o volante Léo Silva fica entre os reservas.

O Resende não tem tradição no futebol carioca, mas em seu elenco há jogadores acostumados a conquistar títulos, como Márcio Costa, que substitui Leandro, suspenso, e Viola, que deve começar a partida no banco de reservas. Empolgado por ter tirado o Flamengo da disputa, o time se mostra confiante em chegar ao topo e derrubar mais um grande.

O técnico Antônio Carlos Roy pôde observar a força do Botafogo nas jogadas de bola parada e, por isso, insistiu neste tipo de treinamento nos últimos dias. O Resende, no entanto, conta com a força ofensiva, já que tem em seu elenco Bruno Meneghel, artilheiro do Campeonato Carioca, com oito gols.

Ficha do jogo:

RESENDE BOTAFOGO
Cléber, Márcio Costa, Naílton e Breno; Bruno Leite, Márcio Gomes, Fred, Léo e Marquinhos; Bruno Meneghel e Fabiano. Renan, Emerson, Juninho e Wellington; Alessandro, Leandro Guerreiro, Fahel, Maicosuel e Thiaguinho; Lucas Silva e Reinaldo.
Técnico: Antônio Carlos Roy. Técnico: Ney Franco.
Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). Data: 01/03/2009. Árbitro: João Batista de Arruda. Auxiliares: Ediney Guerreiro Mascarenhas e Wagner de Almeida Santos.
Transmissão: A Rede Globo exibe a partida ao vivo para o estado do Rio de Janeiro. O Premiere, pelo sistema pay-per-view, mostra para todo o país.
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partir de 16h (de Brasília).

fevereiro 28, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Com Sorín de volta, Cruzeiro faz confronto direto contra o Ituiutaba

Argentino faz primeiro jogo após retorno ao clube. Diferença da líder Raposa para o time do interior, terceiro colocado, é de três pontos

Quase seis meses depois do retorno ao Cruzeiro, Sorín enfim voltará a atuar pelo clube. Será às 16h deste domingo, no Mineirão, em confronto direto contra o Ituiutaba, um dos times que lutam pela liderança do Campeonato Mineiro com a Raposa. O Premiere, pelo sistema pay-per-view, mostra para todo o país. A Globo Minas transmite para Minas Gerais.

Com 16 pontos e 13 gols de saldo, a equipe comandada por Adilson Batista dificilmente será ultrapassada após a rodada. Democrata de Governador Valadares e Ituiutaba, ambos com 13 pontos, têm seis e cinco gols de saldo respectivamente. Mas um revés celeste pode embolar a disputa pela liderança e colocar fogo nas próximas rodadas.

+ Confira a classificação do Campeonato Mineiro

Time celeste é um mistério

Alternando as disputas do Campeonato Mineiro e da Taça Libertadores, o Cruzeiro vem atuando no Estadual com times mistos nestas últimas rodadas. Por isso a escalação de domingo é um mistério total. A única certeza é que Fabrício e Leo Fortunato não jogam, já que estão suspensos. Adilson confirmou somente a intenção de escalar Sorín.

– A intenção é até colocá-lo desde o início. Esta semana trabalhou com os que não viajaram. Estou pensando em iniciar com ele – disse o treinador ao site oficial do clube.

Expulso contra o Deportivo Quito no meio da semana, o atacante Wellington Paulista deve ser um dos escalados. Ele não vai poder atuar na quarta, contra o Sucre.

– Como estamos em primeiro, todo mundo quer vencer a gente. Temos que tomar cuidado com o Ituiutaba, até porque está entre os quatro ali. Não podemos ser surpreendidos por eles no Mineirão – avisou o jogador.

Nedo Xavier estreia no Boa

Contratado após a demissão do técnico Amauri Knevitz, o técnico Nedo Xavier faz a sua estreia exatamente contra o líder do campeonato. E ele tem apenas uma dúvida para escalar o Ituiutaba no domingo. O lateral-esquerdo Radar sentiu uma lesão na coxa esquerda durante o treino de quinta-feira e pode desfalcar o time. Carlinhos está de sobreaviso. Quem não vai poder jogar é o zagueiro Geílson, expulso diante do Guarani.

CRUZEIRO ITUIUTABA
Andrey; Thiago Heleno, Anderson e Gustavo; Jancarlos, Elicarlos, Bernardo, Gérson Magrão e Sorín; Kléber e Wellington Paulista. Thiago; Mateus, Bruno, Leonardo e Radar (Carlinhos); Machado, Kiko, Olívio e Marquinhos; Lúcio Flavio e Rodrigo Hote.
Técnico: Adilson Batista. Técnico: Nedo Xavier.
Estádio: Mineirão. Data: 01/03/2009. Árbitro: Renato Cardoso Conceição. Auxiliares: Guilherme Dias Camilo e Janette Mara Arcanjo.
Transmissão: O Premiere, pelo sistema pay-per-view, mostra para todo o país. A Globo Minas transmite para Minas Gerais.

Primeira fase – sétima rodada
Sábado, 28/02
16h – Atlético x Uberlândia
18h30m – Tupi x Democrata GV
Domingo, 01/03
16h – Cruzeiro x Ituiutaba
16h – Rio Branco x Social

fevereiro 28, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Santos x São Paulo: o clássico sem artilheiros

Kléber Pereira e Borges são desfalques do clássico deste domingo

LANCEPRESS!

Santos e São Paulo disputam, neste domingo, o clássico do fim de semana pelo Campeonato Paulista. Apesar da expectativa para a partida marcada para a Vila Belmiro, às 16h, os torcedores não poderão acompanhar duas das principais armas ofensivas de suas equipes.

Do lado são-paulino, o atacante Borges, responsável pelos gols que decidiram os últimos jogos do Tricolor, está fora por conta de uma suspensão. Kléber Pereira, já que o artilheiro do Peixe, sente dores na coxa esquerda e é dúvida. A ausência dos goleadores deve lançar o foco das atenções nas opções dos treinadores dos dois clubes.

Jogar fora de casa pode ser uma vantagem para o Tricolor, que mantém um desempenho de 100% como visitante. O técnico Muricy Ramalho declarou que o São Paulo tem tido problemas para furar as retrancas quando atua no Morumbi, e apesar de não contar com Borges, deve manter a formação bem sucedida da última partida (vitória por 3 a 0 sobre o Oeste, no Morumbi), quando escalou a equipe em 4-4-2, variando mais as jogadas de ataque.

No lugar do camisa 17, deve entrar Dagoberto. Além da ausência confirmada do artilheiro, o treinador são-paulino pode mudar mais a sua equipe, já que o São Paulo viaja logo após o jogo para a Colômbia, para enfrentar o América de Cali pela Libertadores. Muricy usou o mesmo artifcício no clássico contra o Corinthians (empate em 1 a 1, com um time misto).

No Santos, a situação é outra. Nada de testes por parte do treinador Vágner Mancini. O novo comandante assumiu o Peixe no meio de uma crise. Após sua chegada, o time conseguiu uma vitória, sobre o Botafogo, e um empate, contra o Bragantino, na última quinta-feira. Além do triunfo sobre o Rio Branco (AC), pela Copa do Brasil.

Além das três partidas invictas, a boa recuperação contra o Braga, quando o time estava perdendo por 2 a 0 e conseguiu o empate, mesmo sem Kleber Pereira.

Em quinto lugar na tabela de classificação, o Santos tem que vencer o clássico e torcer por um tropeço da Portuguesa, que ocupa a quarta posição, para poder retornar ao G4. No treino desta sexta-feira, Kleber passou pelo departamento médico, que não indicou lesão, mas ainda sente dores. Se realmente ficar de fora do jogo, deve ser substituído por Roni.

FICHA TÉCNICA

SANTOS X SÃO PAULO

Estádio: Vila Belmiro, Santos (SP)
Data/hora: 1/3/2009 16h
Arbitro: Wilson Luiz Seneme
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Everson Luiz Luquesi Soares

SANTOS: Fábio Costa, Luzinho, Fabão, Eller e Léo; Roberto Brum, Rodrigo Souto, Molina e Madson; Robinho e Roni (Kléber Pereira). Técnico: Vagner Mancini.

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Zé Luis, André Dias, Miranda e Junior Cesar; Jean, Arouca, Hernanes e Jorge Wagner; Dagoberto e Washington. Técnico: Muricy Ramalho.

fevereiro 28, 2009 Posted by | Santos, São Paulo | , , , , , , , , | 1 Comentário

Gre-Nal decide primeiro turno do Gauchão

Segundo clássico do ano vale uma vaga na decisão do Estadual

LANCEPRESS!

Deu a lógica. Grêmio e Inter decidem o primeiro turno do Campeonato Gaúcho, neste domingo, às 16h, no Beira-Rio. O Colorado garantiu a vaga para a decisão derrotando o Novo Hamburgo, em casa, quinta-feira, por 2 a 0. Já o Grêmio fez o dever de casa na sexta, no Olímpico: mesmo jogando com o time reserva, derrotou o Veranópolis por 1 a 0.

O técnico gremista, Celso Roth, reclama da maratona de jogos e não se mostra muito confortável com a disputa do clássico em meio à Libertadores.

– O Gre-Nal é forte, é histórico, decide o primeiro turno e, para quem organiza, o campeonato é excelente. Mas, para nós profissionais, está sendo um absurdo. Isso só existe no Rio Grande do Sul, porque aqui não se privilegia o mais importante – protesta Roth, que comandará o Grêmio em sua terceira partida na semana.

O clássico de domingo marcará o reencontro de Roth com o atacante Taison, do Inter. No último Gre-Nal, dia 08 de fevereiro, em Erechim, Taison saiu de campo acusando o treinador gremista de mandar o zagueiro Léo bater. Porém, agora, o jogador colorado não quer criar polêmica.

– Para mim, aquilo já acabou. Deixem o Celso Roth trabalhar lá que eu fico trabalhando aqui – declara Taison.

O Grêmio vai com time completo para o Gre-Nal. Celso Roth poderá repetir a mesma formação que estreou quarta-feira, na Libertadores.

Já o Inter perde D´Alessandro. O argentino recebeu o terceiro cartão amarelo na partida contra o Novo Hamburgo e cumpre suspensão automática. Andrezinho deverá ocupar o seu lugar. O jogador espera corresponder às expectativas.

– Disputar uma final, ainda mais sendo um Gre-Nal, é diferente. Gostaria muito de ter essa oportunidade. Já substitui o D’Alessandro na Sul-Americana, lá no México, quando ele passou mal no aeroporto e, graças a Deus, ajudei meus companheiros – lembra Andrezinho.

O vencedor do Gre-Nal de número 375 conquistará o primeiro turno do Gauchão e terá vaga na final do Estadual. Caso o mesmo time vença o returno, ele será campeão automaticamente, sem a necessidade da disputa dos jogos finais. O vencedor do primeiro turno ficará com a Taça Fernando Carvalho, homenagem ao presidente do Inter na conquista do Mundial de 2006. Por outro lado, o campeão do returno levará o troféu Fábio Koff, presidente gremista em 1983, quando o Tricolor se sagrou campeão do mundo.

A final do primeiro turno será disputada em jogo único. Ocorrendo empate no tempo normal, o título será decidido através da cobrança de pênaltis. O regulamento não prevê prorrogação.

FICHA TÉCNICA
INTER X GRÊMIO

Data/horário – 01/03/2009 – 16h
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre(RS)
Árbitro – Leonardo Gaciba (FIFA – RS)
Auxiliares – Altemir Hausmann e José Franco Filho

INTER: Lauro, Bolívar, Índio, Álvaro e Kleber; Sandro, Guiñazu, Magrão e Andrezinho; Taison e Nilmar. Técnico: Tite
GRÊMIO: Victor, Leo, Réver e Rafael Marques; Ruy, Souza, Adílson, Tcheco e Jadílson, Jonas e Alex Mineiro. Técnico: Celso Roth.

fevereiro 28, 2009 Posted by | Grêmio, Internacional | , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Ainda sem Ronaldo, Timão encara o MAC

Corinthians ocupa a vice-liderança, apenas um ponto atrás do Palmeiras. O Marília está em 16º, perto do rebaixamento

LANCEPRESS!

Na segunda etapa das viagens corintianas, o Timão viaja a Marília para encarar o MAC, pela 11ª rodada do Campeonato Paulista. Ainda sem Ronaldo, fora de forma e punido por chegar fora do horário na concentração, o Corinthians tenta ficar na cola do líder Palmeiras, time que enfrenta no dia 8 de março.

O comandante corintiano Mano Menezes não contará com Chicão e Alessandro, ambos se recuperam de lesão muscular, e André Santos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Em seus lugares, o zagueiro Diego e o volante Fabinho, improvisado na lateral direita, seguem na equipe. Escudero, que volta de suspensão, deve ganhar a vaga de André.

Invicto no Paulista, com sete vitórias e três empates, o Corinthians começa a enfrentar problemas com a vida noturna de Ronaldo. O atacante chegou às 5h da manhã na concentração e será punido pela diretoria do clube.

Apesar da estreia na noite, o Fenômeno não joga contra o Marília e provavelmente também não contra o Palmeiras. Mano Menezes e o preparados físico Valmi Cruz já deram indícios de que o camisa 9 do Timão terá de treinar mais para entrar em campo.

O Marília, 16º no Paulistão, ainda reclama dos erros do árbitro Flavio Rodrigues de Souza na partida contra o Guaratinguetá, na quinta-feira, e briga para fugir do rebaixamento. A equipe do treinador José Carlos Serrão tem a mesma pontuação do Guarani, primeiro na zona do descenso, mas leva vantagem no número de gols marcados, 11 a 6.
FICHA TÉCNICA

MARÍLIA X CORINTHIANS

Estádio: Bento de Abreu, Marília (SP)
Data/hora: 01/03/2009 – 18h30
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Auxiliares: Aline Lopes Lambert e Luis Alexandre Nilsen

MARÍLIA: Giovanni, Rodrigo Costa, Carlinhos e Ataliba; Rafael Mineiro, Francis, João Vitor, Reinaldo, Gadelha e Tiago Souza; Abuda. Técnico: José Carlos Serrão

CORINTHIANS: Felipe, Fabinho, Diego, William e Escudero; Cristian, Elias, Douglas e Boquita; Jorge Henrique e Dentinho. Técnico: Mano Menezes

fevereiro 28, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Atlético-MG goleia o Uberlândia no Mineirão

Galo faz 4 a 0 e se classifica para a fase final do Campeonato Mineiro

Tardelli marcou o oitavo dele no Mineiro e se isolou na artilhariaTardelli marcou o oitavo dele no Mineiro e se isolou na artilharia (Crédito: André Brant)

LANCEPRESS!

O Atlético-MG não deu chances para o Uberlândia e goleou a equipe do interior por 4 a 0 na tarde deste sábado, no Mineirão.

Com a vitória, o Galo conseguiu a classificação antecipada para a fase final do Campeonato Mineiro, que reunirá oito clubes para disputar um mata-mata.

Logo aos dois minutos Márcio Araújo mostrou que o Galo não deixaria a equipe do Uberlândia surpreender no Gigante da Pampulha. O volante arrancou pela esquerda e tentou o chute, a bola bateu no zagueiro e enganou o goleiro Paulo César.

O gol deu tranquilidade ao Atlético que soube tocar a bola e envolver o adversário. Logo aos 10 minutos, após excelente troca de passes do ataque alvinegro, Diego Tardelli soltou a bomba para marcar o segundo do Galo e o oitavo dele no Mineiro.

O primeiro tempo chegou ao fim sem sustos para a torcida atleticana. Logo no início do segundo tempo, Éder Luís foi lançado e chutou forte, no ângulo de Paulo César.

Aos 39 Júnior dribla duas vezes o lateral Ley e cruza para o ‘baixinho’ Éder Luís marcar o quarto gol alvinegro.

Na próxima rodada o Atlético-MG encara o Democrata de Governador Valadares, em Valadares. Já o Uberlândia enfrenta o Rio Branco, em Uberlândia.

ATLÉTICO-MG: Juninho, Marcos Rocha, Leandro Almeida, Welton Felipe (Werley, 36’/2ºT) e Júnior; Renan, Márcio Araújo (Yuri, 35’/2ºT) e Carlos Alberto; Éder Luís, Diego Tardelli e Kléber (Chiquinho, 19’/2ºT). Técnico: Emerson Leão

UBERLÂNDIA: Paulo Cesar, Ley, Derlan, Rancharia e Marinho; Vertinho, Indinho, Pepo (Mateus, 20’/1ºT) e Wanderson (Caio, 20’/1ºT); Renna e Andre Nascimento (Berg, 20’/2ºT). Técnico: Welligton Fajardo

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 4 X 0 UBERLÂNDIA

Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Data: 28/02/2009 às 16h(de Brasília)
Árbitro: Luiz Carlos Silva
Auxiliares: Márcio Eustáquio Santiago e Ângela Paula Cruz Régis Ribeiro

Gols: Márcio Araújo 2’/1ºT (1-0); Diego Tardelli 10’/1ºT (2-0); Éder Luís 3’/2ºT (3-0); Éder Luís 39’/2ºT (4-0)
Renda e público: R$225.440 / 24.198
Cartões amarelos: Rancharia, Indinho, Derlan e Marinho(UBE) Marcos Rocha e Carlos Alberto (ATL)

fevereiro 28, 2009 Posted by | Atlético-MG | , , , | Deixe um comentário

Misto do Verdão faz a sua parte, de novo

Deyvid entra no segundo tempo no lugar do vaiado Marquinhos e faz o gol da vitória; Palmeiras ‘B’ continua 100% no Palestra

Os reservas do Palmeiras suaram, mas conseguiram bater o Bugre por 1 a 0, neste sábado, no Palestra Itália. O resultado garantiu a liderança para o Palmeiras, com 28 pontos. O Corinthians, segundo colocado, só chega a 27 caso vença o Marília no domingo, fora de casa.

Veja o gol da partida

A equipe reserva do Palmeiras sentiu a falta de entrosamento na primeira etapa. Evandro, único meia da equipe, pouco pegou na bola. Wendel e Armero foram boas opções de ataque, mas sem contar com um atacante de área, os cruzamentos não resultaram em gols.

Lenny se destacou com jogadas rápidas. O atacante se movimentou bastante e, em boa tabela com Evandro, quase abriu o placar. Douglas evitou o gol.

O Guarani, apesar da má campanha no Paulista, não veio apenas para se defender. Com bons chutes de fora de área, Bruno e Fernando Gaúcho deram trabalho ao goleiro Marcos.

A primeira etapa se encaminhava para o final, até que Lenny, em jogada individual, foi derrubado por Danilo na grande área. O árbitro marcou a penalidade. O camisa 19 se preparou para bater, mas Luxemburgo ordenou que Marquinhos cobrasse. O ex-jogador do Vitória chutou rasteiro, mas errou o alvo.

– Bati do jeito que eu treino. A gente tem que ter personalidade – declarou Marquinhos.

– Quem manda é o chefe. Manda quem pode, obedece quem tem juízo – afirmou Lenny.

O Verdão voltou do vestiário sem Marcos no gol. O atacante sentiu a coxa no primeiro tempo e deu lugar a Bruno.

O técnico Vanderlei Luxemburgo não ficou satisfeito com os primeiros dez minutos da equipe e colocou Ortigoza no lugar do zagueiro Maurício.

Apesar das alterações, o segundo tempo seguiu truncado. O Palmeiras encontrou dificuldades para chegar no gol de Douglas. O Guarani, com a saída de Bruno, perdeu qualidade no meio e também não ameaçou a meta de Bruno.

Luxemburgo tentou mexer na equipe novamente. Deyvid Sacconi entrou no lugar de Marquinhos, que saiu vaiado pela torcida. A mudança deu mais mobilidade ao setor de criação e o Verdão passou a ameaçar o gol de Douglas.

Em cruzamento de Evandro, Lenny quase abriu o placar de cabeça, mas por pouco não chegou na bola. Aos 31 minutos o camisa 19 chegou a marcar, mas o assistente indicou impedimento do atacante, que estava na mesma linha do zagueiro adversário.

Três minutos depois não teve jeito. Deyvid Sacconi recebeu de Ortigoza na área, passou pelo goleiro e fez o gol da vitória palmeirense.

Com o resultado, o Palmeiras se garante na liderança do Paulista, com 28 pontos. O Corinthians, vice-líder, só pode chegar a 27 caso vença o Marília neste domingo. O Guarani segue na maré de azar e permanece na zona do rebaixamento, com apenas nove pontos.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1 X 0 GUARANI

Estádio: Palestra Itália, São Paulo (SP)
Data/horário: 28/02/2009 16h
Estádio: Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Árbitro: Marcelo Rogério
Auxiliares: Reinaldo Rodrigues dos Santos e Alexandre Basilio Vasconcellos
Renda e Público: R$ 330.057 / 11.617 presentes
Cartões amarelos: Jumar e Deyvid Sacconi (PAL); Éder Baiano, Walter, João Paulo e Rafael Fefo (GUA)
Gols: Deyvid Sacconi, 34’/2ºT (1-0)

PALMEIRAS: Marcos (Bruno / intervalo); Danilo, Jeci, Maurício (Ortigoza, 13’/2ºT); Wendel, Sandro Silva, Jumar, Evandro e Armero; Lenny e Marquinhos (Deyvid Sacconi, 22’/2ºT). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

GUARANI: Douglas; Éder Baiano (Rafael Fefo / intervalo), Danilo e Walter; Maranhão, Glauber, Claudiney Rincón, Bruno (Chiquinho, 17’/2ºT) e João Paulo (Henrique, 37’/2ºT); Dairo e Fernando Gaúcho. Técnico: Guilherme Macugl

fevereiro 28, 2009 Posted by | Palmeiras | , , , , , , , , | Deixe um comentário

Rodrigo Mancha acerta com o Santos

Jogador, que estava afastado, tem vínculo com o Coxa até julho

LANCEPRESS!

O volante Rodrigo Mancha está com os dias contados no Coritiba. O jogador, que está afastado por não ter renovado seu contrato com o clube, já teria assinado um pré-contrato com o Santos e se apresentaria ao time em julho, quando encerra seu vínculo com o Coxa.

O gerente de futebol do Santos, Ocimar Bolicenho, confirmou que entre Mancha e o clube santista está tudo acertado.

– É verdade. O Rodrigo Mancha assinou um pré-contrato com o Santos e assim que terminar seu vínculo com o Coritiba ele será nosso jogador – afirmou Bolicenho ao Lancenet!.

A diretoria do Coritiba já estaria ciente da negociação do atleta. Porém, o diretor de futebol coxa-branca, Paulo Jamelli, disse que o clube não irá se pronunciar a respeito da possível saída do jogador.

– Não vamos mais nos pronunciar sobre isso. Isso é assunto que deve ser tratado com o empresário dele – limitou-se a dizer Jamelli.

Rodrigo Mancha ficará à disposição do técnico Ivo Wortmann até o término de seu contrato. Mas o treinador do Coritiba já antecipou que só contará com atletas que estarão comprometidos com o clube até o final do ano. O armador Marlos, cujo contrato se encerra em maio, também está afastado.

fevereiro 28, 2009 Posted by | Santos | , , , , | Deixe um comentário

Grêmio vence e enfrenta o Inter na final de domingo

Reinaldo marca e garante o Tricolor na decisão do Campeonato Gaúcho

Reinaldo fez o único gol da vitória do Grêmio sobre o VeranópolisReinaldo fez o único gol da vitória do Grêmio sobre o Veranópolis (Crédito: Ricardo Rimoli)

LANCEPRESS!

Vai ter Gre-Nal! Mesmo com um time de reservas, o Grêmio derrotou o Veranópolis por 1 a 0, na noite desta sexta-feira, no Olímpico, e será o adversário do Inter na final do primeiro turno do Gauchão, às 16h de domingo no Beira-Rio. O gol foi marcado por Reinaldo, no início do segundo tempo. O zagueiro Leo foi o único titular a iniciar a partida, dominada pelo Tricolor em quase todo o seu desenrolar. Ao longo do segundo tempo, entraram também Réver, Jonas e Tcheco.

Os primeiros 15 minutos deram a impressão de que o gol do Grêmio era apenas questão de tempo. Marcação adiantada e sufoco permanente mantiveram o Veranópolis em seu campo, sem a mínima válvula de escape. “Sai, sai”, gritava o técnico Gilmar Pozzo, sem ser atendido.

Douglas Costa, atuando como segundo atacante pela direita, criava os melhores lances. E dá-lhe bola alta na área! Só de escanteios, foram sete.

Mas, arremate consciente, perigoso, o Tricolor não conseguia. E, aos poucos, o time da Serra foi se tranquilizando e tocando a bola até a intermediária adversária. Até que, aos 31, quase marcou. Dinei passou por Saimon, pela esquerda, e cruzou rasteiro; Kito se atrasou e o zagueiro Héverton tirou o perigo.

O Grêmio sentiu e tratou de adiantar suas linhas outra vez. E criou sua melhor chance aos 31: Douglas Costa cortou da direita para o meio e chutou em curva, no ângulo direito; Vanderlei espalmou espetacularmente. Mas os três zagueiros do Veranópolis continuaram a tirar tudo pelo alto.

Na abertura do segundo tempo, o Veranópolis pagou por sua audácia. Foi todo à frente, tomou uma virada de jogo que encontrou Maylson livre na direita. Ao errar o chute cruzado, o meia encontrou Reinaldo, que não perdoou: Grêmio 1 a 0.

O Veranópolis tentou equilibrar mudando do 3-5-2 para o 4-4-2: trocou o zagueiro Diego Correa pelo lateral Dick e transferiu o ala-direita Fininho para o meio-campo. Mas o que prevalecia era a superioridade técnica do Grêmio.

Nesse aspecto, Orteman foi o grande destaque do segundo tempo, com lançamentos precisos, aproveitando os espaços deixados pelo avanço adversário. Em um desses contra-ataques, aos 21, Douglas Costa entrou a dribles, obrigando Vanderlei a grande defesa.

Celso Roth, que já havia trocado Leo por Réver, colocou outros dois titulares em campo: Tcheco e Jonas. Com eles, o Grêmio segurou as tentativas de reação do adversário e continuou a ameaçar o Veranópolis.
FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 1 X 0 VERANÓPOLIS
Estádio: Olímpico (Porto Alegre, RS),
Data-hora: 27/02/2009 – 19,30h (horário de Brasília)
Árbitro: Leandro Vuaden
Auxiliares: Julio César dos Santos e Sedenir Martins
Renda e público: R$ 132.107,00 e 10.275 pagantes

Cartão amarelo: Maylson (G), Diego Correa, Kito e Fininho (V)

Gol: Reinaldo (3’/2ºT)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Saimon (Tcheco 28/2T), Leo (Réver 17/2T), Héverton e Fábio Santos; Diogo, Maylson, Orteman e Makelelê; Douglas Costa (Jonas 24/2T) e Reinaldo. Técnico: Celso Roth.

VERANÓPOLIS: Vanderlei; Ademir, Diego Corrêa (Dick 9/2T) e Marília; Fininho, Edmilson, Eduardinho (Ijuí 41/2T), Miro Bahia e Romano; Kito (Rodrigo Ribeiro 25/2T) e Dinei. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

fevereiro 28, 2009 Posted by | Grêmio | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Atlético-MG busca classificação antecipada

Galo encara o Uberlândia de olho em uma vaga para a fase final do Estadual

Galo joga para tentar a classificação antecipadaGalo joga para tentar a classificação antecipada (Crédito: Adriano Dionysio)

LANCEPRESS!

Buscando a classificação antecipada para a fase final do Campeonato Mineiro, o Atlético-MG encara o Uberlândia no Mineirão, às 16h, pela sétima rodada do Estadual.

O time já está definido pelo técnico Emerson Leão para a partida. O desfalque está no meio campo. O meia Carlos Júnior foi expulso contra o Rio Branco, na última rodada e cumpre suspensão.

Sem opções para vestir a camisa 10 do Galo, já que Tchô, Lopes e Renan Oliveira estão contundidos o jeito foi mudar o esquema. O jovem atacante Kléber formará o trio com Éder Luís e Diego Tardelli. Assim Éder ficará com a responsabilidade de auxiliar na marcação e armação do time.

No Uberlândia o zagueiro Carlão recebeu o terceiro amarelo e cumpre suspensão. Derlan ocupará a vaga na defesa.

Assim como no Galo a maior mudança da equipe de Uberlândia está no esquema. O técnico Welligton Fajardo jogará com três volantes. Vertinho ganhou a vaga de Caio no time titular e começa a partida.

ATLÉTICO-MG: Juninho, Marcos Rocha, Leandro Almeida, Welton Felipe e Júnior; Renan, Márcio Araújo e Carlos Alberto; Éder Luís, Diego Tardelli e Kléber. Técnico: Emerson Leão

UBERLÂNDIA: Paulo Cesar, Ley, Derlan, Rancharia e Marinho; Vertinho, Indinho, Pepo e Wanderson; Renna e Andre Nascimento. Técnico: Welligton Fajardo

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG X UBERLÂNDIA

Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Data: 28/02/2009 às 16h(de Brasília)
Árbitro: Luiz Carlos Silva
Auxiliares: Márcio Eustáquio Santiago, Ângela Paula Cruz Régis Ribeiro

fevereiro 28, 2009 Posted by | Atlético-MG | , , , , , , | Deixe um comentário

Focado na Libertadores, Verdão recebe o Guarani

Luxemburgo só vai escalar três titulares no Paulistão, neste sábado, no Palestra

LANCEPRESS!

O Palmeiras entra em campo neste sábado contra o Guarani , às 16h, no Palestra Itália, com a cabeça no jogo contra o Colo-Colo (CHI), e não esconde isso. A partida válida pelo Paulistão, contra um Bugre em crise, técnico novo e na zona de rebaixamento na tabela de classificação, não deve ser problema para o Alviverde, líder com um ponto de vantagem e uma partida a mais para jogar.

Ao contrário do compromisso no meio da semana, quando recebe o clube chileno em partida válida pela Libertadores, precisando vender para apagar a má estreia com derrota para a LDU (EQU).

Para melhorar a situação, o Verdão joga em casa, onde não perdeu sequer um ponto este ano. E contando com esta grande vantagem sobre o avdersário, o técnico Vanderlei Luxemburgo vai utilizar os reservas no Paulista e preservar suas peças mais importantes, como o artilheiro Keirrison e Willans para a competição continental. No lugar do ataque titular, podem atuar Lenny e Marquinhos, que entraram bem em todas as suas partidas até agora.

Alguns atletas treinaram separados do restante do grupo nesta sexta de manhã, e tem ausência confirmada no jogo: Keirrison, Cleiton Xavier, Edmilson, Willans e Pierre. O preparador físico comentou as atividades:

– É um trabalho de recuperação, que visa fortalecer a parte muscular e acelerar a freqüência física. Já é um planejamento voltado para a partida de terça-feira, contra o Colo Colo – explicou Antonio Mello, nesta sexta-feira.
No Guarani, o foco é reverter a situação ruim do time, dentro de campo e na tabela. Foi anunciado o nome do novo técnico, Guilherme Macuglia, substituto de Luciano Dias. Macuglia foi um dos responsáveis pelo sucesso do Guará no último Paulistão, quando o clube liderou o campeonato por diversas rodadas e foi semifinalista. O novo treinador não deve ter tempo para modificar a equipe até o confronto com o Verdão, já que será apresentado somente na noite de sexta-feira, véspera da partida..

O treinador apenas acompanhará a partida contra o Verdão das arquibancadas e, mais uma vez, o interino Cidinho comandará o time do banco de reservas.

Cidinho, aliás, promoveu mais alteraçõs no time titular. Com a suspensão do zagueiro Plínio, o treinador pode improvisar o volante Rafael Fefo na posição. No ataque, Dairo ganha a vaga de Cléverson por opção do treinador. Se vencer, o Guarani quebra um jejum de oito rodadas, já que não vence desde a segunda pelo Estadual.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS X GUARANI

Estádio: Palestra Itália, São Paulo (SP)
Data/horário: 28/02/2009 16h
Estádio: Palestra Itália, em São Paulo (SP)

Árbitro: Marcelo Rogério
Auxiliares: Reinaldo Rodrigues dos Santos e Alexandre Basilio Vasconcellos

PALMEIRAS: Marcos; Danilo, Jeci, Maurício; Wendel, Sandro Silva, Jumar, Evandro e Armero; Lenny e Marquinhos. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

GUARANI: Douglas; Eder Baiano, Rafael Fefo e Walter; Maranhão, Glauber, Claudiney Rincón, Bruno e João Paulo; Dairo e Fernando Gaúcho. Técnico: Cidinho

fevereiro 28, 2009 Posted by | Palmeiras | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Fred é jogador do Flu por cinco anos

Atacante assina pré-contrato e aguarda a homologação do fim do vínculo com o Lyon para poder ser anunciado e apresentado oficialmente

Agência/Photocâmera

Fred aguarda burocracia para assinar o contrato definitivo com o Tricolor

O atacante Fred, do Lyon, assinou nesta sexta-feira um pré-contrato com o Fluminense. Segundo o coordenador de futebol tricolor, Alexandre Faria, o jogador vai defender o clube por cinco temporadas. Para assinar o vínculo definitivo o atleta ainda aguarda a homologação da sua rescisão com o clube francês na Federação Francesa de Futebol, o que deve acontecer na próxima terça-feira. Ele poderá ser apresentado neste mesmo dia.

– Fred é jogador do Fluminense por cinco anos. Este pré-contrato é apenas uma ferramenta jurídica que tem que constar na negociação. Assim que for homologada a rescisão com o Lyon, faremos o anúncio oficial e marcaremos a apresentação – disse Alexandre Faria.

Fred chegou ao Lyon em agosto de 2005. Fez um a boa primeira temporada, com 20 gols em 49 jogos e esteve no grupo da Seleção Brasileira na Copa de 2006. Nos anos seguintes, foi perdendo espaço no time. Na atual temporada, disputou 11 jogos e fez quatro gols.

O atacante atualmente estava treinando com o time sub-18 do Lyon, uma vez que nem ele nem o clube tinham mais interesse num acordo.


fevereiro 28, 2009 Posted by | Fluminense | , , , , , , | Deixe um comentário