Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Chuva de gols no Anacleto Campanella

Duelo entre melhores defesas do Paulista surpreende e acaba com seis gols marcados

Palmeiras e São Caetano entraram em campo com as melhores defesas do Paulista, ao lado do Santo André. As três equipes haviam sofrido apenas sete gols na competição. Quem vê este dado pensa em um possível 0 a 0, mas a chuva de gols da partida surpreendeu.

Com uma virada heroica, o Palmeiras bateu o Azulão por 4 a 3 e retomou a liderança perdida para o Corinthians, que derrotou o Noroeste pouco antes. Agora, com 25 pontos, o Verdão supera seu rival por um ponto, apesar de ter uma partida a menos.

A partida começou movimentada. Logo aos três minutos Pierre errou passe na intermediária. Vandinho roubou a bola e lançou para Luan abrir o placar.

Nem bem o Palmeiras se recuperou e já levou o segundo. Cinco minutos depois, Marcelo Batatais aproveitou o ponto fraco da defesa palmeirense, a bola aérea, e ampliou de cabeça.

O Verdão decidiu acordar após o gol. Keirrison, aos 12 minutos, recebeu na área e bateu na saída do goleiro. A bola ainda tocou na trave e no zagueiro antes de entrar.

A partida seguiu em ritmo alucinante. Diego Souza quase ampliou, mas rematou fraco de dentro da área. se por baixo não adiantou a equipe de Vanderlei Luxemburgo usou a arma que mais lhe traz problemas: a bola aérea.

Cleiton Xavier bateu falta fechada para a área, aos 23 minutos. Edmílson subiu sozinho e desviou para o fundo do gol. E não parou por aí. Apens oito minutos depois foi a vez de Diego Souza marcar de cabeça após escanteio batido pelo preciso Cleiton Xavier.

Com a virada, o Palmeiras conseguiu impor seu ritmo veloz de jogo. O São Caetano encontrou dificuldades para segurar o ataque verde e, em uma falha de Gerson, Keirrison ampliou nos acréscimos. O ala do Azulão afastou mal a bola da defesa. Armero dominou e tocou para o camisa 9 marcar seu nono gol na competição.

– O importante foi que a equipe não se abateu. Entramos devagar, mas conseguimos nos recompor rápido. Agora é manter o ritmo – declarou o experiente Marcão ao sair de campo.

Na volta da segunda etapa o Palmeiras se fechou com segurança e apostou nos contra-ataques. Em um deles, Keirrison recebeu de Diego Souza na área e bateu cruzado para a ótima defesa de Luiz.

O técnico Vadão tentou dar mais movimentação ao time tirando o pesadão Tuta e o ala gerson para as entradas de Zé Eduardo e Éverton Ribeiro. O são Caetano ganhou novo gás e ameaçou principalmente pelo lado esquerdo.

Em um contra-ataque por este lado Luan avançou e tocou para Vandinho bater rasteiro no canto, sem chances para Marcos. O gol trouxe ânimo ao Azulão, mas o Palmeiras soube se fechar e garantir a vitória.

Agora, com 25 pontos, o Verdão é líder do Paulista, com um ponto a mais que o Corinthians e um jogo a menos. O próximo compromisso palmeirense será no dia 28, contra o Guarani.
FICHA TÉCNICA:
SÃO CAETANO 3 X 4 PALMEIRAS

Estádio: Anacleto Campanella, em São Caetano (SP)
Data/hora: 25/02/2009 – 21h50min (Brasília)
Árbitro: Philippe Lombard
Auxiliares: Luiz Quirino da Costa e Mario Nogueira da Cruz
Cartões amarelos: Vandinho, Diogo Orlando, Gerson e Marcos Aurélio (SAO); Armero, Edmílson, Willians, Diego Souza, Pierre e Fabinho Capixaba (PAL)
Gols: Luan, 3’/1ºT (1-0); Marcelo Batatais, 8’/1ºT (2-0); Keirrison, 12’/1ºT (2-1); Edmílson, 23’/1ºT (2-2); Diego Souza, 31’/1ºT (2-3); Keirrison, 47’/2ºT (2-4); Vandinho, 33’/2ºT (3-4)

SÃO CAETANO: Luiz; Marcos Aurélio (Cascata, 34’/2ºT), Marcelo Batatais e Amarildo; Gerson (Éverton Ribeiro, 23’/2ºT), Diogo Orlando, Ademir Sopa, Vandinho e Vando; Luan e Tuta (Zé Eduardo, 23’/2ºT)
Técnico: Vadão
PALMEIRAS: Marcos; Maurício Ramos, Edmílson e Marcão; Fabinho Capixaba, Pierre, Cleiton Xavier (Jumar, 45’/2ºT), Diego Souza (Sandro Silva, 37’/2ºT) e Pablo Armero; Willians (Lenny, 26/2ºT) e Keirrison.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

fevereiro 25, 2009 Posted by | Palmeiras | , , , , | Deixe um comentário

Timão não convence, mas passa pelo Norusca

Corinthians sente a marcação do lanterna, mas sai com a liderança provisória do Campeonato Paulista

Corintianos comemoram gol de DouglasCorintianos comemoram gol de Douglas (Crédito: Tom Dib)

O Corinthians não convenceu, mas venceu o Noroeste por 2 a 0 em Presidente Prudente e espera o Palmeiras motivado para o clássico dos líderes, no mesmo estádio. A forte marcação do adversário causou problemas ao Timão, que com gol de Douglas e Otacílio Neto, segue invicto na temporada.

A ambição pela liderança e o medo da lanterna travaram um confronto equilibrado na primeira etapa. Mesmo favorito, o Corinthians não conseguia furar o bloqueio e a disposição do Noroeste, que tentou surpreender em Presidente Prudente.

E o Norusca só não saiu na frente por conta de um erro da arbitragem, que anulou gol legal de Marcinho. O meia aproveitou falha da zaga alvinegra e empurrou para as redes, mas o assistente apontou impedimento inexistente.

O Timão levava sustos em seu lado direito, já que Fabinho, improvisado no setor, falhava na marcação. Por outro lado, tinha nas investidas da dupla Jorge Henrique e Dentinho sua maior virtude, que não foi o bastante para ir ao intervalo com vantagem.

O segundo tempo começou para acabar com a desconfiança do torcedor. Logo com um minuto, Douglas recbeeu cruzamento de Fabinho e escorou de cabeça, por cima do goleiro, para abrir o placar.

A vantagem animou o Timão, que voltou a levar perigo com Douglas e Jorge Henrique. O Noroeste, por sua vez, tentou sair um pouco mais ao ataque, cedendo espaço para o adversário atacar.

Mas o Norusca queria sair da lanterna e levou perigo ao gol do Corinthians, que explorava só os contra-ataques. Mesmo assim não faltaram chances para o segundo gol, mas com pontaria descalibrada, o Timão não começou definir o resultado positivo com antecedência.

Até que aos 42 minutos, Morais arranca com a bola e deixa livre Otacílio Neto, que deu um leve corte e chutou forte para o gol, para aumentar a vantagem e confirmar a vitória.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 X 0 NOROESTE

Estádio: Eduardo José Farah, Presidente Prudente (SP)
Data/hora: 25/02/2009, 19h30
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes: Marcelo Van Gasse (SP) e Newton dos Reis Barreira (SP)
Gols: Douglas, 1’/2ºT (1-0), Otacílio Neto, 42’/2ºT (2-0)
Cartões amarelos: William, Fabinho e André Santos (Corinthians); Anderson Marques e Gilsinho (Noroeste)
Cartões vermelhos: não houve

CORINTHIANS: Felipe, Fabinho, William, Diego e André Santos; Cristian, Elias (Túlio, 45’/2ºT), Douglas (Morais, 30’/2ºT) e Boquita; Jorge Henrique e Dentinho (Otacílio Neto, 22’/2ºT). Técnico: Mano Menezes.

NOROESTE: Fernando Vizotto, Éder (Bruno Ferraz, 31’, 2ºT), Marcelinho, Anderson Marques e George; João Marcos (Bruno César, 8’/2ºT), Júlio Bastos, Bilu, Gilsinho e Marcinho; Marinho (Léo Mineiro, 16’/2ºT). Técnico: Fahel Júnior.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , | Deixe um comentário

Tricolor joga folgado contra o Oeste

Mesmo perdendo a partida, o time mantém a terceira posição

LANCEPRESS!

O São Paulo joga contra o Oeste nesta quinta-feira, às 21h45, no Morumbi, a 100ª partida do Campeonato Paulista de 2009. E dependendo do resultado do confronto entre Palmeiras e São Caetano, pode se tornar líder do Estadual. São apenas dois pontos que separam o Tricolor, em terceiro lugar, e o líder Alviverde.

Além disso, mesmo perdendo a partida em casa para o 12º colocado na tabela de classificação, não corre o risco de ser ultrapassado pelo Santos, que vem logo atrás com quatro pontos a menos. Esta vantagem permite que a principal preocupação do técnico Muricy Ramalho nesta semana seja o clássico do próximo domingo, justamente contra o Peixe, e na próxima semana, a segunda partida da Libertadores, contra o América de Cali (COL).

Muricy deve utilizar mais este jogo do Estadual para fazer seus últimos retoques antes destes desafios. Deve escalar Júnior César e Jorge Wágner novamente pela esquerda, uma formação que deu certo nas outras partidas.

Outro que tem participação garantida na partida é Rogério Ceni. Afastado por cinco jogos devido a uma contusão muscular na coxa direita, está recuperado e volta para o gol são-paulino.

Apesar de estarem pendurados com dois cartões amarelos, Washington e Borges devem ser escalados pelo treinador, mesmo correndo o risco de ficar de fora do jogo contra o Peixe, pois Dagoberto cumpre suspensão automática por ter recebido o terceiro amarelo contra o Barueri, na última rodada do Paulistão.

Para o Oeste, a situação é diferente. Sem ganhar desde a 6ª rodada, o Oeste viaja para São Paulo com apenas um desfalque, o meia Bruninho, com contratura muscular na coxa. Apesar de contar com todo o elenco, o técnico Marco Antônio não definiu ainda a escalação do time que entra em campo contra o campeão brasileiro.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X OESTE

Estádio: Morumbi, São Paulo (SP)
Data/hora: 26/02/2009 21h45
Árbitro: Robério Pereira Pires
Auxiliares: Junivan Rodrigues de Sousa e Matheus Camolesi

SÃO PAULO: Rogério ceni; Renato Silva, André Dias e Miranda; Zé Luis, Jean, Hernanes, Jorge Wagner e Júnior César; Borges e Washington. Técnico Muricy Ramalho.

OESTE: Weverton; Dede, Dezinho, Adriano e Mazinho; Luciano Santos, Dias, Dinosio e Vander; Caíque e Nei Paraíba. Técnico: Marco Antônio.

fevereiro 25, 2009 Posted by | São Paulo | , , , , , , , , , | 1 Comentário

Santos x São Paulo: ingressos à venda. Diretoria santista dobra os preços

Arquibancada passou de R$ 20 para R$ 40. Clássico será disputado no próximo domingo, às 16h, na Vila Belmiro. Confira preços e postos de venda

Os ingressos para o clássico entre Santos e São Paulo, domingo, às 16h (horário de Brasília), na Vila Belmiro, começam a ser vendidos nesta quinta-feira, às 13h, nos guichês do estádio santista (até o intervalo da partida) e nos postos de venda (ver abaixo).

Para tentar lucrar com o apelo do clássico, a diretoria do Peixe dobrou o preço dos ingressos. Além disso, não haverá venda de Ingresso Família, promoção em que o ingresso dá direito a um acompanhante e mais três crianças de 5 a 12 anos.

Confira os preços

Arquibancada – R$ 40

Cadeiras laterais – R$ 80

Cadeiras de fundo – R$ 70

Há meia-entrada para todos os setores.

Torcida tricolor
A torcida do São Paulo deverá efetuar a compra de ingressos nos guichês do portão 21 da Vila Belmiro (acesso pela rua José de Alencar) da Vila Belmiro. As entradas custam R$ 40 .

Postos de venda

Hotel Praiano – Avenida Barão de Penedo, 39 (José Menino – Santos) – Tel: (13) 3251-6826 – Aberto 24 horas.

Casa dos Remédios – Avenida Afonso Pena, 71 (Macuco – Santos) – Tel: (13) 2127-4002 – Aberto das 8h às 18h, Sábado das 8h às 13h, exceto aos domingos.

Ali-Car Auto Peças – Via Santos Dummont, 752 (Vicente de Carvalho – Guarujá) – Tel: (13) 3352-5077 – Aberto das 8h às 18h, exceto aos domingos.

Chaveiro Magenta – Rua Martin Afonso, 34 (Centro – Santos) – Tel: (13) 3233-6688 – Aberto das 8h às 18h, exceto aos domingos.

Pepino Esportes – Super Centro Boqueirão (Rua Oswaldo Cruz, 319 Loja 66/95 – Boqueirão – Santos) – Tel: (13) 3233-8850 ou (13) 3234-4969 – Aberto das 9h às 20h, exceto aos domingos.

Empório Brasil Esportes – Rua Jacob Emmerick, 448 (Centro – São Vicente) – Tel: (13) 3467-5298 – Aberto das 9h às 19h, exceto aos domingos.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Santos, São Paulo | , , , , , , , | Deixe um comentário

Verdão faz o duelo das defesas no ABC

Equipes só sofreram apenas sete gols até agora no Paulistão

LANCEPRESS!

Em partida válida pela décima rodada, Palmeiras e São Caetano fazem, nesta quarta-feira, às 21h50, no Anacleto Campanella, o duelo de duas das melhores defesas do Paulistão até agora. Ao lado do Santo André, as duas equipes sofreram apenas sete gols na competição. O Verdão também tem o melhor ataque, com 20 gols marcados.

Líder da competição com uma partida a menos, o Palmeiras quer afastar de vez o clima de desconfiança que pairou sobre a equipe após as duas últimas partidas. A derrota para a LDU (EQU), pela Libertadores, em Quito, e o empate contra a Portuguesa, no Canindé, após a equipe está vencendo por 2 a 0, frearam a ótima sequencia do Verdão, que venceu seus nove primeiros jogos no ano.

No entanto, a situação não parece preocupar o técnico Vanderlei Luxemburgo. Com tranqüilidade, o treinador analisou a situação da equipe após a perda da invencibilidade no ano e os 100% no Paulistão.

– Nós não podemos identificar algo que não existe. Somos líderes do Paulistão, com um jogo a menos que os concorrentes. Não tem nada com que se preocupar – garantiu o treinador.

Para a partida, Luxemburgo terá apenas um desfalque: o zagueiro Danilo, que recebeu o terceiro cartão amarelo diante da Lusa. Com isso, o treinador deverá promover a estreia do lateral/zagueiro Marcão, contratado junto ao Internacional.

Pelos lados do São Caetano, o importante é somar pontos diante do líder para, assim, não se distanciar dos líderes. O Azulão ocupa a sétima colocação, a dois pontos do G4.
O técnico Vadão fez questão de exaltar o adversário e encaixou um discurso bem mais modesto.

– O Palmeiras é a sensação do campeonato. Tem um time leve, rápido, de muita qualidade. Não vamos montar uma retranca, sofrendo pressão. Temos ambições, queremos uma vaga e os jogadores acreditam. Não pensamos em acabar com a invencibilidade deles, queremos somar pontos contra um time que dificilmente perderá – afirmou o técnico Vadão.

FICHA TÉCNICA:
SÃO CAETANO X PALMEIRAS

Estádio: Anacleto Campanella, em São Caetano (SP)
Data/hora: 25/02/2009 – 21h50min (Brasília)
Árbitro: Philippe Lombard
Auxiliares: Luiz Quirino da Costa e Mario Nogueira da Cruz

SÃO CAETANO: Luiz; Gérson, Marco Aurélio, Marcelo Batatais e Vando; Tobi, Ademir Sopa, Zé Eduardo Vandinho; Luan e Tuta
Técnico: Vadão

PALMEIRAS: Marcos; Maurício Ramos, Edmílson e Marcão; Fabinho Capixaba, Pierre, Cleiton Xavier, Diego Souza e Pablo Armero; Willans e Keirrison.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

fevereiro 25, 2009 Posted by | Palmeiras | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Grêmio: início da guerra pelo Tri da Libertadores

Estreia na competição contra o Universidad do Chile é nesta quarta-feira

Foto: DivugaçãoFoto: Divugação

LANCEPRESS!

O Grêmio incorpora a identidade de que mais gosta: a de especialista em Libertadores. O clube é o segundo maior participante da competição entre os brasileiros – só perde para o São Paulo -, tendo disputado 11 edições. Foi o vencedor de duas delas, em 1983 e 1995, e vice em outras duas oportunidades (1984 e 2007).

Por isso, hoje, na estreia de sua 12ª participação na copa, contra o Universidad de Chile, a expectativa é que, no mínimo, 35 mil tricolores compareçam ao Olímpico. A identificação do clube com a competição fica evidente nas palavras do presidente Duda Kroeff.

– Quarta-feira (hoje) começa a nossa competição de 2009, começa a guerra, recomeça o sonho – declarou o dirigente ao convocar a nação gremista para o jogo.

Confiança que, para o capitão tricolor, Tcheco, é endossada pela qualidade do elenco montado especialmente para a Libertadores.

– Estou ansioso. Minha única dúvida é se o espírito será igual ao de 2007. Se for, o time atual terá vantagem – disse, dando a entender que acha o time de Roth superior ao de Mano Menezes, vice naquele ano.

E é com o objetivo de provar esta teoria que o grupo está concentrado desde segunda-feira. Neste período o técnico Celso tem promovido treino secretos. Mas o mistério não deve ficar por conta da equipe que deve ser escalada já que o Grêmio deverá atuar com seu time titular completo.

O zagueiro Réver, embora não tem treinado, se recuperou da torção no tornozelo direito, sofrida no último sábado, no jogo contra o Juventude, pelo Gauchão, segundo os médicos. Herrera, com dores musculares, foi vetado, mas será reserva de Jonas. Outro argentino do elenco, o atacante Maxi López, ainda não reúne condições físicas para estrear.

Herrera e López já dão idéia do quanto o Grêmio deseja o tri da Libertadores, uma vez que a diretoria se empenhou ao máximo em contratar os jogadores especialmente para a competição. E eles não foram os únicos.

Os alas Ruy, Fábio Santos e Jadilson têm nível superior aos atletas titulares na posição no ano passado. Além deles, veio Alex Mineiro para dar o toque de inteligência que faltava ao ataque, que conta ainda com Reinaldo e Perea.

O time perdeu o volante Rafael Carioca, vendido ao Spartak Moscou, mas Adilson tem dado conta do recado. Além disso, a utilização de Souza no meio-de-campo, como articulador, acrescentou qualidade ao setor e aumentou o volume de jogo da equipe.

O rival do Grêmio, o Universidad de Chile, é líder do Apertura e no domingo venceu o Union Española por 1 a 0. Porém a vitória na competição nacional teve um preço alto. O time chileno perdeu um de seus principais jogadores, o volante Estrada, por lesão. Pior: pelo mesmo problema, perdeu também o primeiro reserva, Pardo. Jogará Iturra.

O uruguaio Sergio Markarian, ex-técnico da seleção paraguaia, costuma escalar apenas um atacante em jogos como visitante. No caso, Olivera. Mas o habilidoso meia paraguaio Cuevas, ex-Santos, terá liberdade para encostar no centroavante.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO X UNIVERSIDAD DE CHILE

Estádio: Olímpico (Porto Alegre, RS)
Data/hora: 25/02/2009 – 22h (horário de Brasília)
Árbitro: Árbitro: Martin Vasquez (URU)
Auxiliares: Carlos Pastorino e Miguel Nievas (URU)

GRÊMIO: Victor; Leo, Réver e Rafael Marques; Ruy, Adilson, Tcheco, Souza e Fábio Santos; Jonas e Alex Mineiro. Técnico: Celso Roth.

UNIVERSIDAD DE CHILE: Miguel Pinto; Osvaldo González, Juan González, Olarra e Rojas; Díaz, Iturra, Arias e Hernández; Cuevas e Olivera. Técnico: Sergio Markarian.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Grêmio | , , , , , | Deixe um comentário

Cruzeiro encara Deportivo Quito na altitude

Raposa busca liderança no grupo 5 da Copa Libertadores

(Crédito: Luiz Cláudio Dionysio)

LANCEPRESS!

Depois de estrear na Copa Libertadores com boa vitória sobre o Estudiantes, da Argentina, por 3 a 0, o Cruzeiro encara nesta quarta, às 21h50, o Deportivo Quito, do Equador, em busca da manutenção da liderança do grupo 5 da competição continental. Os equatorianos empataram na última rodada em 1 a 1 com o Universitário, em Sucre, na Bolívia.

Além do adversário em campo, a Raposa terá mais um inimigo. A cidade equatoriana está localizada a 2.850 metros de altitude. O técnico Adilson Batista pediu nesta terça-feira para que a equipe celeste jogue com inteligência, para evitar um desgaste físico excessivo.

– Temos é que posicionar corretamente, rodar bem a bola, buscar, se compactar. Mas dá para correr, eu já joguei em Quito como atleta, já venci também. Vamos passar tranquilidade para fazermos um bom jogo e vencê-los – disse Adilson.

Do lado celeste, os desfalques são o atacante Kléber, expulso na última partida, e o zagueiro Thiago Heleno, que foi poupado. Com isso, Thiago Ribeiro será mantido ao lado de Wellington Paulista no setor ofensivo. A zaga deverá ser formada por Anderson e Leonardo Silva.

Outro ingrediente que promete apimentar a partida é a situação econômica pela qual passa o clube do Equador. Com salários atrasados desde dezembro, os jogadores do Deportivo fizeram cinco dias de greve e deixaram de treinar. Os trabalhos só foram retomados na última segunda-feira. O clube, que foi campeão nacional na última temporada, também não pagou aos jogadores a premiação referente ao título.

A equipe da casa espera que a torcida vá ao estádio acompanhar a partida, já que a renda do jogo será destinada ao pagamento dos salários. Caso a diretoria do clube não honre os compromissos até esta sexta, o elenco ameaça não entrar em campo no próximo domingo, no duelo contra a LDU.

No Deportivo, os desfalques serão o goleiro Ibarra e o meia e capitão Luis Fernando Saritama. Ambos estão lesionados.

FICHA TÉCNICA:
DEPORTIVO QUITO X CRUZEIRO

Data/Horário: 25/02/09, às 21h50 (de Brasília)
Local: Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito (Equador)
Árbitro: Georges Buckley (Peru)
Auxiliares: Winston Reategui (Peru) e Luis Abadie (Peru)

DEPORTIVO: Bonard García, Franklin Corozo, Geovanny Caicedo, Luis Checa e Isaac Mina; Edwin Tenorio, Oswaldo Minda, Nicolás Asencio e Mauricio Donoso; Martín Mandra e Léider Preciado. Técnico: Rubén Darío Insúa

CRUZEIRO: Fábio, Jonathan, Anderson, Leonardo Silva e Fernandinho; Fabrício, Marquinhos Paraná, Ramires e Wagner; Wellington Paulista e Thiago Ribeiro. Técnico: Adilson Batista

fevereiro 25, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Com Ronaldo na bagagem, Timão inicia maratona

Equipe faz a primeira das quatro partidas fora da capital paulista

LANCEPRESS!

Ainda de ressaca pela folia do Carnaval, e com Ronaldo na “bagagem’, o Corinthians inicia nesta quarta-feira, às 19h30, contra o Noroeste, em Presidente Prudente, uma série de jogos longe da capital paulista. Até o dia 8 de março, data do clássico contra o Palmeiras, a equipe ainda terá pela frente o Marília e o Itumbiara, pela Copa do Brasil. Durante este período, uma “pausa” de dois dias em São Paulo, para treinos.

No primeiro duelo da série, válido pela décima rodada do Paulistão, Mano Menezes ainda não poderá contar com o Fenômeno. Mas, mesmo assim, a Fiel torcida tem bons motivos para crer em um resultado positivo diante da equipe de Bauru.

Além da fragilidade do adversário desta quarta, que ocupa a última posição no campeonato, o Timão vem animado com a chance real de ser líder da competição ainda nesta rodada. Para que isto aconteça, o Corinthians precisa vencer e torcer por um tropeço do Palmeiras diante do São Caetano, fora de casa.

Para a partida, Mano Menezes terá o retorno do lateral-esquerdo André Santos, que volta após cumprir suspensão, por conta da expulsão no clássico contra o São Paulo. O camisa 27, aliás, está animado com a oportunidade de viajar com o Fenômeno.

– Para nós, é sempre bom ter o Fenômeno ao lado. Ele é um cara que diverte o grupo, é tranquilo, transparente… Viajar nesse momento é ainda melhor para essa caminhada dele – afirmou.

Mano também pode ter o retorno de Dentinho. O atacante, que ainda não atuou pelo Corinthians este ano, voltou da Seleção Brasileira sub-20 com uma lesão na coxa, mas já está liberado pelo departamento médico.

Como problemas, Mano não poderá contar com Escudero, suspenso e o atacante Souza, que, na manhã desta terça-feira, sentiu um incômodo na coxa direita. Assim, Dentinho ou Otacílio Neto devem entrar no ataque, enquanto que Jean e Diogo brigam por uma vaga na defesa. Chicão e Alessandro, ainda em fase final de recuperação, devem ficar fora.

Porém, para animar ainda mais a Fiel, o Noroeste terá dois desfalques importantes para a partida. O meia Luciano Bebê, revelado pelo Timão, e o atacante Viola estão vetados. Assim, o técnico Fahel Júnior pode escalar a equipe com três meias, com o atacante Marinho isolado na frente. Se optar por dois atacantes, o treinador deverá sacar Gilsinho e escalar Bruno César no ataque. O lateral-direito Éder, que era dúvida, está confirmado.

FICHA TÉCNICA:

CORINTHIANS X NOROESTE

Estádio: Eduardo José Farah, em Presidente Prudente (SP)
Data/hora: 25/02/2009 – 19h30min (Brasília)
Árbitro: Luis Flávio de Oliveira
Auxiliares: Marcelo Carvalho van Gasse e Newton dos Reis barreira
CORINTHIANS: Felipe; Fabinho, Jean (Diogo), William e André Santos; Cristian, Elias, Boquita e Douglas; Jorge Henrique e Dentinho (Otacílio Neto).
Técnico: Mano Menezes

NOROESTE: Fernando Vizzotto; Éder, Marcelinho, Anderson Marques e George; Júlio Bastos, João Marcos, Bilu, Gilsinho (Bruno César) e Marcinho; Marinho.
Técnico: Fahel Júnior

fevereiro 25, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Fluminense e Botafogo disputam vaga na final

Renê Simões e Ney Franco terão desfalques importantes no ataque

Leandro Amaral e Reinaldo são as principais esperanças de gol de Fluminense e BotafogoLeandro Amaral e Reinaldo são as principais esperanças de gol de Fluminense e Botafogo

LANCEPRESS!

Botafogo e Fluminense entram em campo nesta Quarta-Feira de Cinzas, às 22h, para decidir quem ficará com a vaga na final da Taça Guanabara. O vencedor da partida a ser realizada no Maracanã terá a missão de espantar a zebra chamada Resende, que despachou o Flamengo na outra semifinal.

Depois de anunciar o ataque titular com Everton Santos e Maicon, o técnico René Simões tem problemas para escalar o Fluminense. Revelado em Xerém, o segundo atacante deixou o campo sentindo dores no tornozelo direito antes mesmo do início do treinamento tático realizado na tarde desta terça-feira, nas Laranjeiras.

Com isso, Leandro Amaral ganha a grande chance de voltar para o time. O jogador, no entanto, ainda não marcou gols este ano e começa a ser perseguido pela torcida.

Classificado na última rodada da primeira fase, o Tricolor foge do favoritismo. Perguntado quem seria a grande preocupação dentro de campo, René Simões não pensou duas vezes. Para o treinador, o Botafogo é forte por causa de um único nome.

– Para mim, o Ney Franco merece atenção especial. Se pudesse escalar um zagueiro só para marcá-lo, faria isso. Ele formou um belo time e o Botafogo está jogando muito certinho. É um time complicado de se enfrentar – disse.

Não é só pelas bandas das Laranjeiras que os desfalques preocupam. No Botafogo, o técnico Ney Franco foi obrigado a abrir mão de seu principal jogador, Victor Simões, por causa de uma lesão muscular. Com o desfalque, o treinador se livrou de uma baita dúvida na defesa. A ausência do atacante fez com que Ney adiasse a escolha por Wellington ou Émerson para formar o trio de zaga com Juninho e Leandro Guerreiro.

– Com a ausência de Victor Simões, a melhor escalação do momento é essa que vai para campo. O time não será somente defensivo. Maicosuel, apesar de ser apoiador, cai muito bem pelas pontas. Como segundo atacante, os gols podem sair da mesma forma que aconteceu contra Bangu e Friburguense – explicou o treinador.

A esperança dos alvinegros ficam depositadas em Reinaldo. O atacante, que marcou um gol em cima do Fluminense na final da Taça Guanabara de 2001, quando defendia o Flamengo, terá a chance de repetir a dose, agora com a camisa do Botafogo.

FICHA TÉCNICA:
FLUMINENSE X BOTAFOGO

Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 25/02/2009 – 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols (RJ)
Auxiliares: Marco Aurélio dos Santos Pessanha (RJ) e Jorge Luís Campos Roxo (RJ)
FLUMINENSE: Fernando Henrique, Mariano, Edcarlos, Luiz Alberto e Leandro; Fabinho, Diguinho, Conca e Thiago Neves; Everton Santos e Leandro Amaral (Maicon). TÉCNICO: René Simões.

BOTAFOGO: Renan, Wellington, Emerson e Juninho; Alessandro, Fahel, Leandro Guerreiro, Thiaguinho e Léo Silva; Maicosuel e Reinaldo. TÉCNICO: Ney Franco.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Botafogo, Fluminense | , , , , , , | Deixe um comentário

Dorival Júnior muda o discurso e admite ser difícil clube recuperar os seis pontos

Técnico do Vasco ainda acreditava numa reviravolta em julgamento no STJD, mas agora se mostra conformado em ficar fora das semifinais

Thiago Ribeiro Correia /GLOBOESPORTE.COM Thiago Ribeiro Correia /GLOBOESPORTE.COM

Dorival Júnior conversa com os jogadores na reapresentação do elenco no Vasco-Barra

A disputa judicial para definir se o Vasco vai ou não disputar a semifinal da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca, ainda está em curso. Entretanto, o tom das palavras do técnico Dorival Júnior durante a reapresentação do elenco nesta terça-feira, no Vasco-Barra, era de conformismo, contrastando com o discurso de esperança antes de o clube ganhar dois dias de folga no carnaval.

– Nós sentimos que a cada momento as coisas se distanciam um pouco mais. Temos de respeitar a realidade que estamos vivendo e nos voltarmos para o início da próxima fase – disse o treinador, referindo-se à estreia na Taça Rio, contra o Friburguense, diz 7 ou 8 de março, em São Januário (a Ferj ainda não definiu data e horário das partidas).

Porém, Dorival não diminui os méritos da equipe do Resende, beneficiada pelo fato de o Vasco ter perdido seis pontos no TJD-RJ, por conta da escalação do meia Jéfferson na derrota por 2 a 0 para o Americano, na primeira rodada do Estadual.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Vasco da Gama | , , , , , , , | Deixe um comentário

Dor muscular tira Souza do jogo do Timão contra o Noroeste

Atacante fará exame na manhã de quarta-feira para saber se pode viajar mais para frente. Mano descarta antecipação da estreia de Ronaldo

Leandro Canônico/GLOBOESPORTE.COM Leandro Canônico/GLOBOESPORTE.COM

Dentinho pode ter uma chance no time titular

O atacante Souza está fora da partida do Corinthians desta quarta-feira, contra o Noroeste, em Presidente Prudente, pela décima rodada do Campeonato Paulista. O jogador sentiu um incômodo muscular na coxa direita e não viaja com o restante da delegação para o interior. Seu substituto no time titular será Dentinho ou Otacílio Neto.

– De qualquer maneira ganhamos movimentação e perdemos um pouco de referência. A possibilidade que abre, objetivamente, é do retorno do Dentinho, mas podemos colocar também o Otacílio Neto e deixar uma outra possibilidade no banco – comentou o técnico Mano Menezes.

Na lista dos relacionados para a maratona de viagens (Presidente Prudente, duas vezes, Marília e Itumbiara), Souza ainda não tem um substituto. Isso porque o camisa 50 fará um exame mais detalhado na manhã de quarta-feira, às 10h, para saber se terá condições de encontrar a delegação mais adiante.

Diante da ausência de Souza, o técnico Mano Menezes já descartou a possibilidade de antecipar a estreia de Ronaldo, seja como titular ou no banco de reservas.

– No futebol temos tentações, mas estamos conseguindo controlar bem. Não só a comissão técnica, mas o próprio Ronaldo também. É uma questão de respeitarmos alguns aspectos. Você não pode colocar um atleta do nível dele sem condição de atuar no nível que estamos acostumados – declarou o treinador.

Para a partida desta quarta-feira, contra o Noroeste, Mano Menezes poderá contar com o retorno de André Santos, que cumpriu suspensão. Além da baixa de Souza, o técnico também não poderá escalar Escudero, fora por conta do terceiro amarelo.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Corinthians | , , , , | Deixe um comentário

Emerson Leão culpa as chuteiras pelas lesões nos joelhos dos jogadores

Quatro atletas do Galo estão no departamento médico por conta de problemas nesta parte do corpo: ‘Sempre critiquei esses novos materiais’

Ampliar Foto Bruno Cantini/Site Oficial do Atlético-MG Bruno Cantini/Site Oficial do Atlético-MG

Emerson Leão concede entrevista em sua apresentaçã ao Atlético-MG, em dezembro

O volante Serginho e atacante Marques passaram por cirurgia no joelho direito. O lateral-direito Sheslon passou pelo mesmo procedimento no joelho esquerdo. Agora a suspeita é que o zagueiro Samuel tenha rompido o ligamento cruzado anterior também no joelho esquerdo. As seguidas lesões nesta parte do corpo chamaram a atenção do técnico Emerson Leão, do Atlético-MG. Sobrou para as chuteiras.

– Eu nunca vi estourar tanto ligamento cruzado como está estourando. Sempre critiquei esses novos materiais esportivos, as chuteiras. Jovens jogadores já começaram a profissão sofrendo um trauma muito grande, que é uma cirurgia delicada – disse Leão em entrevista coletiva nesta terça-feira.

Leão lembrou que não é especialista no assunto, mas reclama que as chuteiras são muito leves e flexíveis, diferentes das que ele usava na época em que era jogador. Ele enfatiza também o fato de que, em sentido contrário, os jogadores estão mais fortes.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Atlético-MG | , , , | Deixe um comentário

Reinaldo admite que vai ter dificuldades para jogar sozinho no ataque

Atacante, que não terá a companhia de Victor Simões, diz que o clássico contra o Fluminense será uma pedreira

Ampliar Foto Ivo Gonzales/AGÊNCIA O GLOBO Ivo Gonzales/AGÊNCIA O GLOBO

Reinaldo treina forte no Botafogo

Isolado no ataque, Reinaldo admite que sente dificuldades de jogar no esquema escolhido pelo técnico Ney Franco para enfrentar o Fluminense, na próxima Quarta-feira de Cinzas, no Maracanã, pela semifinal da Taça Guanabara. Como Victor Simões foi vetado pelo departamento médico por causa de uma lesão muscular, o Botafogo vai jogar no 3-6-1, com Maicosuel se aproximando mais de Reinaldo em campo.

– Jogamos assim contra o Flamengo no segundo tempo. É um pouco difícil para mim porque estou acostumado com o Victor Simões ali do meu lado. Ele segura bem os zagueiros. Vamos ver. Só na pratica mesmo para saber se vai dar certo. Vou tentar fazer a minha parte e criar espaços para o Maicosuel e os outros chegarem. Temos que jogar no esquema que o treinador mandar. E com a bola temos que agredir os caras.

Reinaldo lamentou muito o desfalque de Victor Simões no clássico contra o Fluminense. O companheiro de ataque voltou a sentir uma lesão muscular na coxa esquerda durante o treino de segunda-feira e foi vetado pelo departamento médico. Juntos, eles têm sete gols neste Campeonato Carioca.

– O Victor Simões é um jogador que vai fazer muita falta. Ele queria muito jogar, mas não teve jeito. Fiquei muito triste por ele. Sei como ele se esforçou.

O atacante aposta em uma partida muito difícil contra o Fluminense, que cresceu de rendimento após a chegada de Thiago Neves.

– Será uma pedreira esse jogo. Não dá para falar que tem um favorito. Os dois times estão muito fortes. O Fluminense tem grandes jogadores que podem decidir a partida.

window.google_render_ad();

fevereiro 25, 2009 Posted by | Botafogo | , , , , , , | Deixe um comentário

Maicon não treina na véspera da semifinal

Técnico René Simões ainda espera pelo atacante para definir a equipe do Fluminense para a partida contra o Botafogo, nesta Quarta-Feira de Cinzas

Um dia antes do jogo decisivo contra o Botafogo, René Simões não sabe se contará com Maicon

O ataque do Fluminense ainda não está definido para a semifinal da Taça Guanabara, contra o Botafogo, nesta Quarta-Feira de Cinzas, às 21h50m, no Maracanã. A idéia do técnico René Simões era escalar os jovens Maicon e Everton Santos entre os titulares.

No entanto, Maicon não participou do treinamento tático realizado nesta terça-feira, nas Laranjeiras, e voltou a ser dúvida para o Clássico Vovô. Em seu lugar René Simões escalou o experiente Leandro Amaral.

– Está difícil contar com Maicon, que ainda sente dores, mas ele ainda não está fora do jogo. Vamos esperar as próximas 24 horas porque é uma lesão no tornozelo. Se fosse muscular seria mais complicado. Os médicos e fisioterapeutas estão empenhados para recuperá-lo. Mas caso seja vetado, o Leandro Amaral está pronto – disse o treinador.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Fluminense | , , , , , , | Deixe um comentário

Ramires aprova estado do gramado do Estádio Olímpico Atahualpa

Cruzeiro enfrenta o Deportivo Quito no local, nesta quarta-feira

Divulgação/Site Oficial do Cruzeiro

Jogadores correm no Olímpico Atahualpa

O Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito, é o palco do segundo jogo do Cruzeiro na Taça Libertadores, contra o Deportivo. Os jogadores celestes fizeram nesta terça-feira o reconhecimento do gramado, que foi prontamente aprovado pelo volante Ramires.

– O gramado é bom. Não precisa nem de pisar, só de chegar perto e olhar você vê que está em boas condições. Creio que vai ajudar bastante, e a gente vai procurar tocar certinho, fazer as coisas bem para não sermos surpreendidos aqui – comentou o volante Ramires, em entrevista ao site oficial do clube.

Ramires fará a sua estreia na competição deste ano. No primeiro jogo do time, contra o Estudiantes, ele não pôde jogar por estar suspenso – foi expulso no confronto contra o Boca Juniors, em 2008.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , | Deixe um comentário

Keirrison avisa: ‘Me sinto preparado para defender a seleção brasileira’

Artilheiro do Campeonato Paulista, ao lado de Pedrão, do Barueri, o atacante do Verdão acredita que a convocação chegará no momento certo

Ampliar Foto Agência/Estado Agência/Estado

Keirrison está pronto para fugir da marcação do São Caetano

O atacante Keirrison tem um retrospecto invejável com a camisa do Palmeiras. Ele já fez 10 gols em oito partidas. Mas o garoto mantém a humildade. Tanto que ele prefere não apontar favoritismo para ninguém na partida contra o São Caetano, nesta quarta-feira, às 21h50m, no estádio Anacleto Campanella, pelo Campeonato Paulista. A sua meta é continuar balançando a rede dos adversários em grande escala para chamar a atenção do técnico Dunga e ser lembrado em futuras convocações da seleção brasileira.

– O Palmeiras respeita sempre os adversários. Não existe favoritismo. O São Caetano sempre joga bem dentro de casa e vamos trabalhar para conseguir um resultado positivo. E quero ajudar o time tentando fazer gols. O meu sonho é continuar jogando bem para ser convocado. Me sinto preparado para defender a seleção brasileira. Se me chamarem, eu estarei pronto – afirmou Keirrison.

Alguns jogadores reclamam do treinador da seleção brasileira, alegando que ele só valoriza os craques que estão atuando fora do Brasil. Recentemente, o volante Ramires, do Cruzeiro, afirmou que Dunga não olha com carinho para os atletas que jogam no futebol brasileiro. Keirrison não concordou com essa tese.

fevereiro 25, 2009 Posted by | Palmeiras | , , , , , | Deixe um comentário