Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Flu faz jogo decisivo contra o Tigres e fica na torcida contra adversários diretos

Tricolor precisa vencer e torcer por derrotas ou empates do Cabofriense ou do Americano para ficar com a vaga nas semifinais da Taça Guanabara

Ampliar Foto Agência/Photocâmera Agência/Photocâmera

René Simões quer que os seus jogadores esqueçam os outros jogos da rodada

O domingo promete ser de muita torcida para o Fluminense. Seja em São Januário, onde o time enfrenta o Tigres, às 16h, pela última rodada da Taça Guanabara, seja no estádio do Trabalhador onde o Americano pega o Resende, ou no Alair Corrêa, local do jogo entre Cabofriense e Duque de Caxias, respectivamente.

Para conquistar uma das vagas nas semifinais da competição, o Tricolor, com oito pontos ganhos e em terceiro na tabela, precisa fazer o seu papel e vencer o Tigres. No mesmo horário estarão jogando Americano, com nove, e Cabofriense, como oito pontos, líder e vice-líder do Grupo A, respectivamente, e o Fluminense precisa torcer pela derrota ou empate de pelo menos um desses adversários para se classificar.

O técnico René Simões está confiante na conquista da vaga e faz questão de passar isso para os seus jogadores.

– Temos que entrar em campo contra o Tigres e esquecer dos outros jogos. Vamos em busca da vitória para depois ver o que aconteceu com os nossos adversários diretos na luta pela classificação. Antes da vitória contra o Americano, o Fluminense tinha apenas 6% de chances de ficar com a vaga. Hoje ela aumentou e continuamos sonhando – disse René Simões.

Para este confronto decisivo contra o Tigres, o comandante tricolor terá pelo menos três desfalques certos no time titular. O goleiro Fernando Henrique e o zagueiro Luiz Alberto, suspensos pelo terceiro cartão amarelo, e o atacante Leandro Amaral, vetado pelo departamento médico por causa de dores do joelho direito.

– Não tem mistério para esta partida. Ricardo Berna, Cássio e Maicon serão os substitutos dos jogadores que não podem jogar. Gostei da atuação do time contra o Americano e o restante do time será o mesmo – afirmou o treinador.

Sem poder contar com Luiz Alberto, a braçadeira de capitão para esta rodada ficará com o volante Fabinho, que ano passado era considerado a voz de René Simões dentro de campo.

O Tigres, sem maiores aspirações dentro da Taça Guanabara, busca a vitória para fugir da lanterna do Grupo A. O grande destaque do time da Baixada Fluminense é o atacante Sorato, autor do gol do título do Campeonato Brasileiro de 1989 com a camisa do Vasco.

FLUMINENSE TIGRES
Ricardo Berna; Mariano, Edcarlos, Cássio e Leandro; Fabinho, Diguinho, Thiago Neves e Conca; Maicon e Roger. Marcos Paulo; Guerra, Gustavo, Ailson e Edson; Leão, Fábio, Neto e Marquinho; Juninho e Sorato.
Técnico: René Simões. Técnico: João Carlos Costa.
Estádio: São Januário. Data: 15/02/2009. Árbitro: Felipe Gomes da Silva. Auxiliares: Ronaldo Kenupp e Rodrigo Henrique Corrêa.
Transmissão: O Premiere, pelo sistema pay-per-view, mostra para todo o país.
Tempo Real: O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partir de 16h (de Brasília).

fevereiro 14, 2009 - Posted by | Fluminense | , , , , , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s