Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Galã de novela vai torcer pelo Vasco neste sábado

Rodrigo Hilbert, atualmente na novela ‘Três Irmãs’, da Globo, vai assistir ao jogo contra o Santos em São Januário.

O ator Rodrigo Hilbert, atualmente trabalhando na novela “Três Irmãs”, da Rede Globo, vai assistir ao jogo entre Vasco e Santos, neste sábado, em São Januário. Vascaíno de carteirinha, ele vai ser um dos 23.300 torcedores que vão empurrar o time rumo a um triunfo diante do Peixe, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Além de Hilbert, outro que deve aparecer em São Januário é o ator Marcos Palmeira, também da novela “Três Irmãs”. No empate por 2 a 2 com o Atlético-PR, na semana passada, ele sofreu com a atuação da equipe.

Além dos atores, o português João Vitor Saraiva, o Madjer, considerado um dos melhores jogadores de futebol de areia do mundo, também vai assistir ao jogo.

Nesta sexta-feira, os últimos 1.600 ingressos disponíveis para o setor de cadeira foram vendidos. No confronto deste sábado, a torcida vascaína promete fazer mais uma festa no intuito de ajudar o time a sair das últimas colocações na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro.

novembro 7, 2008 Posted by | Vasco da Gama | , , , , , , , , | 1 Comentário

Leandro quer fazer de São Januário caldeirão

Atacante vascaíno voltará ao time do Vasco contra o Santos

A torcida já praticamente esgotou os 23 mil ingressos postos à venda para a partida entre Vasco e Santos, neste sábado, em São Januário. E para não decepcionar os torcedores que comparecerão ao estádio, o atacante Leandro Amaral quer fazer valer o fator campo.

– Tem que favorecer o mando de campo, até porque treinamos aqui todos os dias e é nossa casa. Conhecemos os atalhos dentro de campo e temos que transformar em uma coisa positiva, com marcação forte e aproveitar as situações quando forem criadas – disse o atacante.

Porém, nas últimas quatro partidas (Cruzeiro, Náutico, Figueirense e Atlético Paranaense) no estádio, o time não conseguiu vencer os rivais. Aliás, foram três derrotas e um empate. Nos dois últimos jogos, contra Figueirense e Atlético Paranaense, por exemplo, foram mais de 20 mil vascaínos no estádio.


novembro 7, 2008 Posted by | Vasco da Gama | , , , | Deixe um comentário

Jorge Wagner volta a ser decisivo no São Paulo

Lider de assistência no São Paulo, o meia que tamanho do campo no Canindé pode ajudar o Tricolor

Rei das assistências do São Paulo nesta temporada, Jorge Wagner voltou a ser decisivo para o time e vem crescendo junto com a equipe nestas últimas rodadas do Brasileirão. Contra o Internacional, no domingo passado, o meia cobrou a falta que originou o primeiro gol da partida, marcado por Borges.

– Acho que eu e os outros jogadores crescemos no momento certo do campeonato. Batalhamos muito para chegar nessa situação de liderança e conseguimos. Falta pouco e estamos trabalhando muito na reta final – comentou Jorge Wagner.

Autor de sete assistências neste Brasileirão, o são-paulino enalteceu a importância da partida contra a Portuguesa e acredita que o Canindé é um fator que pode ajudar o clube do Morumbi, pois as dimensões do campo são pequenas.

– Acho que isso pode favorecer a jogada de bola parada. Acho que temos que explorar essas jogadas para conseguir um bom resultado – frisou o jogador.

A última vez que o São Paulo jogou no estádio lusitano foi no Paulistão de 2004. Naquela oportunidade, o time treinado pelo técnico Cuca venceu a Lusa por 3 a 2, com dois gols de Luis Fabiano e um de Grafite.

novembro 7, 2008 Posted by | São Paulo | , , | Deixe um comentário

Muricy exalta rachão para aliviar pressão

Atividade ajuda elenco a esquecer problemas. Treinador não participa do recreativo e brinca: “Sou bem melhor do que eles”

Tensão, stress, cobrança e crítica são palavras que fazem parte da rotina de um jogador de futebol. O desgaste físico e mental e a vigilância constante da torcida deixam os atletas sob pressão constante, principalmente perto de jogos decisivos, como o que o São Paulo tem contra a Portuguesa neste sábado, às 18h10, no Canindé.

Atento ao lado psicológico dos jogadores, o técnico Muricy Ramalho, sempre que possível, libera o elenco para se divertir no famoso rachão, um bate-bola descontraído onde os atletas costumam trocar de função e o que vale é a diversão, não a tática. O treinador apenas observa o grupo e tem uma justificativa bem-humorada para não participar da atividade.

– Quando temos uma semana dura como esta, os jogadores têm que ter uma descontração. É o que fazemos no rachão. Eu não jogo porque os jogadores não conseguem acompanhar minha categoria – comentou o técnico, com um bom humor que não lhe é habitual.

Embora pareça apenas de diversão, Muricy sabe que o rachão é uma atividade importante para tirar o peso das costas dos atletas nessa reta final. O São Paulo vem de uma recuperação espetacular no campeonato após ficar várias rodadas fora até mesmo da zona de classificação para a Libertadores.

Mas os jogadores discordam da razão pela qual o treinador não se junta ao grupo no bate-bola e até tiram sarro do comandante.

– O Muricy é um grande treinador e muitas vezes a gente está com ele trabalhando e tocando bola, mas o rachão está muito pegado e corrido…acho que na verdade ele não consegue mais acompanhar a gente não – divertiu-se Jorge Wagner ao comentar a ausência do técnico na brincadeira.

novembro 7, 2008 Posted by | São Paulo | , , | Deixe um comentário

Grandes, Vasco e Santos jogam perto da degola

Quatro títulos das últimas 11 edições do Campeonato Brasileiro estarão no campo de São Januário

São Januário receberá, neste sábado, quatro títulos nacionais dos últimos onze anos, mas isso está longe de ser lembrados pelas torcidas. Vasco e Santos não honraram as campanhas das temporadas recentes e se enfrentam não por outra conquista, mas sim para escapar do rebaixamento.

O Peixe ficou com o título em 2002 e 2004, liderado pelos desconcertantes dribles de Robinho, mas a fase atual é diferente. Apesar da ascensão na tabela, o risco de jogar a Série B existe e o técnico Márcio Fernandes pede atenção para que esta seja a última rodada em que as atenções estejam voltadas à parte debaixo da classificação.

– Todos os jogos são decisivos. É claro que conseguimos gordura, e se deu a entender que estávamos tranqüilos, isso não passou pela nossa cabeça. Esse momento é onde temos que cada vez mais nos mantermos onde estamos e nos distanciarmos dos rivais – comentou o treinador.

Para sair com os três pontos no Rio de Janeiro, o único problema santista é a suspensão de Roberto Brum, que pelo terceiro cartão amarelo, não joga. Com isso, Adriano reassume a posição.

No Vasco, a expectativa está na volta do atacante Leandro Amaral. Recuperado de uma torção no tornozelo esquerdo, que o deixou fora das últimas quatro partidas, ele deve voltar a figurar no time titular Cruzmaltino. Com a volta de Leandro, Alan Kardec vai para o banco.

Edmundo, que esteve no título de 97, também está recuperado de uma lesão, mas deve ser opção para o segundo tempo. Quem volta a ser titular no Gigante da Colina é Odvan, campeão da Copa João Havelange em 2000 pelo Vasco. O zagueiro pode começar uma partida pela primeira vez desde que retornou ao clube, em setembro deste ano.

Com uma semana tranqüila para trabalhar, após vitória no último domingo, sobre o Fluminense, o técnico Renato Gaúcho teve uma semana com clima mais ameno para treinar seus comandados. E Renato já projeta uma fuga do U4, neste sábado, diante do Peixe.

– O time é penúltimo, mas calma. Claro que precisamos fazer nosso dever de casa, mas temos grandes chances de ganhar cinco posições no fim de semana – disse o treinador.

FICHA TÉCNICA
VASCO X SANTOS

Estádio: São Januário
Data/hora: 08/11/08, 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (Asp. Fifa/GO)
Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (FIFA/BA) e Altemir Hausmann (FIFA/RS)

VASCO: Rafael, Odvan (Edmundo), Eduardo Luiz e Jorge Luiz; Wagner Diniz, Jonílson, Mateus, Madson, Alex Teixeira e Rodrigo Antônio; Leandro Amaral. Técnico: Renato Gaúcho.

SANTOS: Fábio Costa, Wendel, Domingos, Fabiano Eller e Kléber; Adriano, Rodrigo Souto, Bida e Molina; Cuevas e Kléber Pereira. Técnico: Márcio Fernandes.

novembro 7, 2008 Posted by | Santos, Vasco da Gama | , , , , | Deixe um comentário

Lusa põe liderança do São Paulo à prova

Após arrancada que culminou na chegada à liderança, Tricolor vai ao Canindé encarar rival em grande momento

O São Paulo terá vida dura logo em seu primeiro teste após assumir a liderança isolada do Brasileiro. Além de encarar a Portuguesa no Canindé em ótima fase, o Tricolor verá a torcida rival ser engrossada por palmeirenses, gremistas, cruzeirenses e flamenguistas, adversários que também lutam pelo título nacional e torcem juntos por um tropeço do atual bicampeão.

Mesmo também estando em grande fase, os são-paulinos sabem que o desafio não será simples. Depois de conquistar quatro dos últimos seis pontos e aumentar sua invencibilidade para cinco jogos, a Portuguesa conseguiu deixar a zona de rebaixamento e está confiante que pode bater o líder em casa. Para ajudar na missão, o técnico Estevam Soares conta com o retorno do meia Fellype Gabriel, que volta de suspensão. As ausências ficam por conta do lateral Patrício, suspenso, e do zagueiro Ediglê, machucado. Wilton Goiano e Halisson devem ser os substitutos.

No lado do Morumbi, a preocupação é em manter a concentração na competição e evitar um tropeço no clássico. Para não repetir Grêmio, Cruzeiro e Flamengo, que deixaram pontos importantes no Canindé, o Sampa vai imprimir a forte marcação que se tornou característica da equipe nos últimos anos. Uma vitória faz o time continuar dependendo apenas de si próprio para alcançar mais um título e joga toda a pressão para os concorrentes.

Depois de deixar o time na mão durante boa parte do campeonato, a torcida são-paulina voltou a acreditar no título e já garantiu os 10 mil ingressos a que tinha direito para o duelo. E o bom retrospecto no estádio do rival (14 vitórias, 10 empates e apenas seis derrotas na história) é um motivo a mais para acreditar no triunfo.

A grande baixa tricolor para o confronto com a Lusa é o meia-atacante Hugo, artilheiro da equipe no torneio com 12 gols e peça fundamental no esquema tático de Muricy Ramalho. Sem o camisa 18, Joilson, que volta de lesão, entra na lateral, Zé Luis ocupa a vaga de volante e Hernanes passa a atuar com mais liberdade ofensiva.
FICHA TÉCNICA:
PORTUGUESA X SÃO PAULO

Estádio: Canindé, São Paulo (SP)
Data/hora: 08/11/2008 – 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (SP)
Auxiliares: Ednilson Corona (SP) e Emerson Augusto de Carvalho (SP)

PORTUGUESA: Gottardi, Halisson, Bruno Rodrigo e Erick; Wilton Goiano, Rai, Preto (Giuliani), Athirson e Fellype Gabriel; Edno e Jonas. Técnico: Estevam Soares

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Rodrigo, Miranda e André Dias; Joilson, Zé Luis, Jean, Jorge Wagner e Hernanes; Dagoberto e Borges. Técnico: Muricy Ramalho

novembro 7, 2008 Posted by | Portuguesa, São Paulo | , , , , , | 1 Comentário

Luxa pode conseguir sua 100ª vitória no Palestra

Recordista com a camisa do Verdão, técnico vai atrás de mais uma marca no comando do Alviverde

O técnico do Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo, pode atingir mais uma marca em sua carreira no comando do Palmeiras. Caso vença o Grêmio, neste domingo, o treinador alcançará a vitória de numero 100 comandando a equipe no estádio Palestra Itália. Ao todo são 120 jogos, com 99 vitórias, 15 empates e seis derrotas. O aproveitamento é de 87%.

Se depender do restrospecto contra o Grêmio, dentro do Parque Antarctica, o treinador do Verdão pode comemorar o favoritismo de sua equipe. Sob suas ordens, foram quatro confrontos contra os gaúchos. Foram três vitórias e um empate.

Identificado com o clube, Luxa é o treinador de melhor aproveitamento da história do Alviverde, com 68,5%. Em 323 jogos, conquistou 198 vitórias, 69 empates e 56 derrotas. Atrás dele, está Osvaldo Brandão, que em 580 jogos pelo Verde atingiu a marca de 66% de aproveitamento.

novembro 7, 2008 Posted by | Palmeiras | , | Deixe um comentário

Zagueiro Jéci está de volta à zaga palmeirense

Recuperado de cirurgia, defensor treina como titular e deve começar jogando contra o Grêmio, no Palestra Itália.

O zagueiro Jéci está de volta ao time do Palmeiras. O jogador está escalado por Luxemburgo para o jogo deste domingo, contra o Grêmio, no Palestra Itália. O treinador do Verdão optou pelo atleta para suprir a ausêncía do titular Roque Júnior, lesionado, e lançou o defensor na equipe no coletivo desta sexta-feira.

Jéci não veste a camisa do Palmeiras desde o dia 4 de setembro. Na ocasião, o Verdão perdeu para o Sport, por 3 a 0, no Palestra Itália, pelo primeiro turno do Brasileirão. Muito contestado pela torcida alviverde, o reencontro promete grandes emoções. Desconfiada, a torcida palmeirense espera que sejam boas.

– Estou à disposição do Vanderlei, com garra, vontade e coração. O professor sempre me deu confiança. A comissão técnica veio me perguntar como eu estava. Eu disse que estou bem – afirmou Jéci, após o treino.

O zagueiro passou por uma fase muito turbulenta à frente da zaga palmeirense quando o time sofria muitos gols no Brasileiro deste ano, pricipalmente em jogadas aéreas. A culpa caiu sobre a dupla Jéci/Gladstone, que eram os titulares na época.

O jogador se lesionou no início de setembro e a previsão de recuperação era de até três meses. Jéci voltou aos treinos no fim de outubro .


novembro 7, 2008 Posted by | Palmeiras | , , , , | Deixe um comentário

Inter: Titulares só na Copa Sul-Americana

Presidente colorado afirma que gostaria de ter enfrentado o River Plate

O primeiro confronto entre Chivas e Internacional, pelas semifinais da Copa Sul-Americana, está confirmado para as 21h50 (de Brasília) da próxima quarta-feira, em Guadalajara. O de volta será no Beira-Rio na quarta-feira seguinte, dia 19. As finais estão marcadas para 25 de novembro e 3 de dezembro. Se chegar à final, o Colorado disputará o segundo jogo também no Beira-Rio.

O Inter retornou de Buenos Aires no meio da tarde desta sexta-feira. Treinará sábado e domingo e, na segunda-feira, embarcará para o México. No domingo, um time de reservas enfrentará o Ipatinga no Beira-Rio,pelo Brasileiro.

O presidente Vitório Piffero admitiu que o seu clube preferia enfrentar o River Plate, pela proximidade de Buenos Aires.

– Mas, se a viagem para o México é mais cansativa, também é verdade que a marca Internacional ganhará mais divulgação – explicou Piffero.

novembro 7, 2008 Posted by | Internacional | , , | Deixe um comentário

Grêmio com zaga reserva contra o Palmeiras

Leo não treina e dificilmente poderá comandar a defesa tricolor

O Grêmio fechou os portões do Olímpico para o treino de definição da equipe, nesta sexta-feira. Porém, o técnico Celso Roth não conseguiu esconder que não conta com o zagueiro Leo, lesionado no tornozelo direito, para enfrentar o Palmeiras, neste domingo no Palestra Itália.

Depois do treino, duas entrevistas coletivas deram indício de que esse titular não se recuperou a tempo da lesão e que a zaga só terá reservas – Amaral, Jean e Héverton.

O volante Amaral confirmou que treinou como zagueiro do time titular.

– E pelo lado direito, que é onde eu me sinto melhor – revelou ele.

A seguir, o técnico Celso Roth confirmou que Jean será o líbero, e que Leo só poderia ser aproveitado como zagueiro pela direita. Depois, comparando seus desfalques com os do Palmeiras, afirmou:

– Acho que o Grêmio perde mais, pois todos os integrantes de um setor estarão de fora.

Ele se referia a Pereira, com lesão muscular, Réver e Thiego, suspensos, e, naturalmente, Leo. Se Amaral foi o responsável pelo lado direito, o da esquerda só pode ter sido o júnior Héverton, que atua por esse lado. O também júnior Wagner, que é zagueiro pela direita, deve ser o reserva do setor. O Grêmio jogará com Victor, Amaral, Jean e Héverton; Souza, Rafael Carioca, William Magrão, Tcheco e Hélder; Perea e Reinaldo.

novembro 7, 2008 Posted by | Grêmio | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Volantes do Goiás absolvidos em julgamento do STJD

Entretanto, outra sessão será marcada para apreciar o caso.

Em julgamento no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) absolveu os volantes Fernando e Frédson. Contudo, o caso ainda será apreciado pela Quarta Comissão. Até que seja marcada outra sessão, os jogadores podem ser escalados.

Frédson está apto a jogar contra o Sport, domingo, entretanto, Fernando cumpre suspensão automática e só volta diante do Botafogo.

Em entrevista ao portal Justiça Desportiva, João Bosco, advogado do clube, comemorou a decisão:

– O resultado foi perfeito, pois foi aplicada a lei. Agora o processo vai ser redistribuído para ser apreciado pela Quarta Comissão. No julgamento vamos alegar que existe um Recurso pendente desse caso.

novembro 7, 2008 Posted by | Goiás | , | Deixe um comentário

Figueira e Furacão fazem jogo dos desesperados

Equipes, na zona de rebaixamento, querem espantar a crise

Com um pé na Série B e o outro na luta para se manter na Primeira Divisão, Figueirense e Atlético-PR fazem neste sábado, às 18h30, no Orlando Scarpelli, o duelo dos desesperados da rodada. As duas equipes estão com 35 pontos e ocupam, respectivamente, as 17ª e 18ª posições na tabela.

Como precisa do apoio do seu torcedor, a diretoria do Figueira fará uma promoção para lotar o estádio nos três últimos jogos que restam em casa este ano, contra o próprio Furacão, Náutico e Internacional. Acompanhantes de associados pagarão metade do preço dos ingressos, assim como os apostadores do clube na Timemania.

Para esta partida, o técnico Mário Sérgio contará com o retorno do zagueiro Alex Bruno, que desfalcou a equipe contra o Fluminense por estar suspenso. Com isso, Gomes volta para o meio-de-campo, no lugar de William Matheus. A única dúvida está no ataque. O treinador está dividido entre Bruno Santos e Ramón. Caso opte pelo segundo, que é meia de origem, o time passaria a atuar no 4-5-1.

O treino que estava marcado para a tarde desta sexta-feira no Scarpelli foi cancelado. Os jogadores continuaram em Águas Mornas, onde o grupo está concentrado. Uma prova de que neste momento o mais importante é trabalhar a parte psicológica do que a técnica ou tática.

No décimo jogo do Atlético Paranaense no comando do técnico Geninho, o Furacão busca pela primeira vez neste Brasileirão conquistar duas vitórias consecutivas, já que venceu o Sport no último domingo. E como o adversário é o Figueira, que briga diretamente para fugir da zona de rebaixamento para a Série B, o técnico Geninho não vê melhor momento para isso.

– Vamos para uma decisão e em busca dos três pontos. Claro que se depender do andamento da partida, um ponto é sempre importante. Só que como é um confronto direto e estamos numa situação delicada, a vitória é essencial. Vamos com muita luta buscar essa vitória e seguir forte nesta luta contra o rebaixamento – avisa o treinador.

Para a partida, além do retorno do atacante Rafael Moura, a equipe ganhará quatro reforços. O goleiro Galatto e o zagueiro Antônio Carlos retornam de suspensão. Além de Chico, Antônio Carlos terá Rhodolfo na zaga, recuperado de uma lesão muscular na coxa esquerda. A quarta mudança será a entrada de Zé Antônio na ala-direita, improvisado no lugar de Alberto, lesionado.

– Será um jogo complicado. Eles vão buscar o resultado e nós também, já que temos apenas uma vitória fora de casa nesse Brasileiro. Agora, é um confronto direto e vamos buscar fazer o melhor possível – promete Rhodolfo.
FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE X ATLÉTICO-PR

Local: Orlando Scarpelli, Florianópolis (SC)
Data/hora: 8/11/2008 – 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Vuaden (RS)
Auxiliares: José Javel Silveira (RS) e Marcelo Bertanha Barison (RS)

FIGUEIRENSE: Wilson, Alex Bruno, Asprilla e Bruno Perone; Diogo, Gomes, Jackson, Cleiton Xavier e Marquinho; Tadeu e Ramón (Bruno Santos). Técnico Mário Sérgio.

ATLÉTICO-PR: Galatto; Antônio Carlos, Chico e Rhodolfo; Zé Antônio, Valencia, Alan Bahia, Ferreira e Netinho; Rafael Moura e Júlio César. Técnico: Geninho.

novembro 7, 2008 Posted by | Atlético-PR, Figueirense | , , | Deixe um comentário

Eduardo Costa pode fechar com o Flu na próxima semana

Volante só não deverá acertar se Tricolor Carioca for rebaixado

Eduardo Costa deve acertar em breve com o Fluminense. As conversas entre o jogador e o clube avançaram e existe a possibilidade de o volante, ex-Grêmio, fechar com o Tricolor na próxima semana. Porém, o acerto entre o atleta e a equipe carioca poderá ficar mais difícil, caso a Flu seja rebaixado para a Segunda Divisão do Brasileiro.

– As conversas estão bem encaminhadas. Acho que em uma semana a gente resolve. Eu acredito que a tendência é que ele jogue no Fluminense. Desde o primeiro momento ele (Eduardo Costa) se mostrou motivado para defender o clube. Mas tudo tem seu tempo. Sinceramente, não vejo o Fluminense na Série B, mas caso isso aconteça, é claro que poderia dificultar um pouco – contou o empresário do atleta, Paulo Afonso.

Eduardo Costa, recentemente, rescindiu contrato com o Espanyol (ESP) e quer voltar ao Brasil, por conta do nascimento do filho do jogador.

Através de Branco, coordenador de futebol, o Fluminense não fala em contratações até se livrar por completo da ameaça de rebaixamento.

novembro 7, 2008 Posted by | Fluminense | , , | Deixe um comentário

Fábio Luciano também discorda de Marcio Braga

Capitão do Fla disse que todos seguem motivados na briga pelo título

Fábio Luciano, zagueiro e capitão do Flamengo, garantiu que o grupo rubro-negro continua motivado em busca do hexacampeonato da competição, mesmo após as polêmicas declarações do presidente Marcio Braga ao jornal O Globo.

Faltando cinco jogos para o término do torneio, o camisa 3 rubro-negro afirmou que o objetivo de todos do elenco é vencer os jogos que restam.

– Vamos continuar sonhando porque temos chances. Quando a pontuação não der mais pra brigar, serei o primeiro a reconhecer. Mas enquanto houver esperança, vamos lutar. Acho que podemos vencer os cinco jogos que faltam, temos que pensar assim. Se não fosse assim, teríamos que pedir férias. É uma situação difícil, os adversários são fortes, mas vamos lutar até o fim – afirmou o zagueiro.

Sobre o clássico, Fábio Luciano acredita que o jogo contra o Botafogo, domingo, bastante disputado.

– O Botafogo ainda tem pequena chance de Libertadores, assim como nós temos de titulo. Vamos respeitar o adversário, sabendo da força deles e vamos fazer a nossa parte. Em se tratando de clássico, eles certamente estão sendo motivados. Porque nos vencendo a situação pode clarear para eles – disse.

novembro 7, 2008 Posted by | Flamengo | , | Deixe um comentário

Caio Júnior contraria a opinião de Marcio Braga

Treinador acha que é possível Flamengo chegar ao hexacampeonato

Mesmo no Uruguai, as declarações do presidente Marcio Braga ao jornal “O Globo” – de que o Flamengo não tem chances de conquistar o título brasileiro de 2008 – ecoaram na Gávea nesta sexta-feira. O técnico Caio Júnior, enquanto prepara o time para o clássico contra o Botafogo, decisivo para as ambições da equipe em 2008, comentou as declarações do presidente.

Segundo o treinador, tido pelo presidente como “bom rapaz”, a esperança, ao contrário do que acha Marcio Braga, existe e deve ser cultuada pelo elenco rubro-negro.

– É difícil comentar. O presidente fica fora do dia-a-dia, ele não aceita fácil uma derrota. Para nós que estamos no campo é diferente. Existe esperança até o fim, e a expectativa pelos confrontos diretos – afirmou.

Para manter a esperança, Caio Júnior explica como chegar ao título. Além disso, o treinador lamenta alguns tropeços.

– Para pensarmos em título é necessário pensarmos em vitória em todos os jogos. Tivemos dois empates que nos complicara, o Vitória foi injusto, mas temos de recuperar – concluiu.

novembro 7, 2008 Posted by | Flamengo | , , | 1 Comentário

Thiago Ribeiro segue como principal dúvida

Atacante cruzeirense sentiu a coxa esquerda e será reavaliado no sábado

Na busca pelo título do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro ainda não tem ataque confirmado para a partida contra o Fluminense, no próximo domingo, pela 34ª rodada do campeonato. Thiago Ribeiro, companheiro de ataque do artilheiro Guilherme, sentiu a coxa esquerda na quinta-feira e é dúvida para o confronto.

Um dia antes da partida contra o Fluminense, Thiago Ribeiro passará por uma nova avaliação na Toca da Raposa II.

– Ele tem uma dor na região posterior da coxa. Evoluiu muito bem de quinta para sexta e resolvemos ainda mantê-lo fora do treino. Neste sábado vamos avaliá-lo para ver se tem condição de treinar – disse Octacílio ao site oficial do clube.

Thiago Ribeiro afirma que esperará até o último minuto para ter certeza que poderá entrar como titular.

– Vamos aguardar até sábado para ver como eu vou estar me sentindo. Se eu me sentir melhor, se eu ver que teve uma melhora boa, pode ser que eu tenha condições de jogar. Mas vou esperar para ver se a dor sumiu totalmente, ou se ainda sinto algum incômodo – disse o atacante.

O treinador Adilson Batista tem como opção para substituir Thiago Ribeiro os atacantes: Jajá, Weldon, Wanderley e Reinaldo.

– Tenho certeza que o jogador que for para campo vai dar o seu melhor para ajudar o Cruzeiro neste momento tão importante – comentou Thiago Ribeiro.

novembro 7, 2008 Posted by | Cruzeiro | , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Dorival Júnior escala o Coritiba no 4-4-2

Ariel entra no time para pegar o Náutico. Já Paraíba pode ser barrado

Para voltar a vencer no Brasileirão, o técnico Dorival Júnior resolveu mudar o esquema do Coritiba para o 4-4-2 visando o jogo contra o Náutico, domingo, às 17h (de Brasília), no Estádio Couto Pereira. E com a nova formação, o atacante Ariel Nahuelpan ganhou uma vaga ao lado de Keirrison.

Só que a grande mudança poderám ocorrer no meio-de-campo. Na primeira parte da atividade realizada nesta quinta-feira à tarde, Dorival armou um meio-de-campo com Rodrigo Mancha, Alê, Marlos e João Henrique, sacando assim Carlinhos Paraíba da equipe titular. Na parte final Paraíba entrou no lugar de João Henrique.

Mantendo o mistério, Dorival Júnior preferiu elogiar os dois jogadores e deixar claro que o Coritiba entrará muito forte em campo independentemente de quem for atuar.

– Com o João Henrique ganhamos um pouco mais de velocidade e força ofensiva. Já o Paraíba toca mais a bola e faz uma ótima ligação entre o meio-de-campo e o ataque. O mais importante é que temos ótimas peças para fazermos um grande jogo. Ainda vou pensar mais um pouco – disse o treinador.

O Coritiba deverá entrar em campo com Vanderlei, Marcos Tamandaré, Maurício, Felipe e Ricardinho; Rodrigo Mancha, Alê, João Henrique (Carlinhos Paraíba) e Marlos; Keirrison e Ariel.

novembro 7, 2008 Posted by | Coritiba | , , | Deixe um comentário

O Heriberto Hulse para a Fiel: vem título?

Estádio pode ser o palco do grand finale da temporada 2008 no Timão

O Estádio Heriberto Hulse pode ser considerado de pequeno porte e acanhado para os padrões da elite do futebol brasileiro. Mas festejar um título de Segunda Divisão viria a calhar para todo corintiano neste sábado e o palco está pronto para receber os alvinegros. Seja com festa, seja com comemoração adiada, o que não deve faltar é lotação completa por parte dos catarinenses.

O gramado, alertado por Douglas, ex-jogador do Criciúma, como um dos pontos preocupantes do campo, foi trocado. A grama nova entretanto, não está em condições perfeitas. A imagem mostra algumas falhas no piso e o trabalho das máquinas para deixar tudo pronto.

O jogo entre Criciúma e Corinthians está marcado para as 16h20 deste sabádo. Uma vitória do Timão e pelo menos um empate do Avaí – que pega o CRB no mesmo dia e horário, fora de casa – garantem o título dos paulistanos.

novembro 7, 2008 Posted by | Corinthians | , | Deixe um comentário

Corinthians treina cercado de catarinenses

Mano Menezes dispensa o peso da camisa para bater o Criciúma no sábado

O Corinthians treinou no Estádio Municipal da cidade de Orleans, em Santa Catarina, em preparação para a partida deste sábado, contra o Criciúma, às 16h10, no Heriberto Hulse. Cerca de 100 torcedores catarinense e policiamento militar acompanharam as atividades alvinegras na manhã desta sexta-feira.

A 40 km da capital, Florianópolis, Orleans recebeu o Timão na tarde de quinta-feira. A equipe de Mano Menezes já está definida para a partida e virá a campo com força máxima. O técnico, entretanto, procurou não reclamar do campo de treinamento ou das condições que a Série B oferece ao Corinthians. Para ganhar, não basta ser um time grande, conforme as palavras dele.

– Não é porque você tem mais tradição, mais camisa e mais estrutura que você vai ganhar os jogos antecipadamente. Você tem que jogar. E aí ela (a Série B) não é um inferno, é um campeonato como todos os outros – afirmou.

Mano ainda ressaltou que a prioridde do timão em solo catarinense não é conquistar o título da Série b 2008:

– O primeiro objetivo é vencer o Criciúma e se paralelamente isso vier será outra coisa.

novembro 7, 2008 Posted by | Corinthians | , , | 1 Comentário

Criciúma X Timão: ritmo de Série C ou de festa?

Equipe catarinense ficará na zona de rebaixamento por pelo menos mais uma rodada. Para o Timão, título pode vir de vez

O título da Série B está quase nas mãos do Corinthians. 11 pontos de vantagem sobre o segundo colocado, o Avaí, deixam a equipe de Mano Menezes em situação muito confortável. Acesso garantido e iminência de festa dão o tom dos alvinegros que contam com força máxima para a partida desta sábado. O Criciúma tem, portanto, uma incógnita pela frente: o que pode se esperar do líder? Um time na base da correira em busca do título antecipado ou uma equipe preguiçosa que vai amarrar o jogo?

A questão seria mais simples se os catarinenses não estivessem com a corda no pescoço. Independentemente do resultado obtido nesta partida o Criciúma permanecerá na zona de rebaixamento para a Série C. Três pontos o separam do 16º colocado, o América-RN.

E o técnico do Criciúma, Luiz Gonzaga Milioli, ainda não definiu a equipe que etra em campo neste sábado, às 16h20, no estádio Heriberto Hülse. O zagueiro Wescley, ex-Timão, está fora. Em contrapartida, o meio-campista Sidnei está recuperado e pode surgir como opção. Ele será reavaliado no treino desta sexta-feira. Na ala direita, o treinador deve mesmo escalar Luiz André no lugar de Patric, lesionado.

Além de Wescley, outros dois ex-corintianos fazem parte do elenco do clube catarinense. Tratam-se do meio-campista Luciano Bebê, formado nas categorias do Timão, e Luis Mário, que teve uma apagada passagem pelo Parque São Jorge em 2000.

Um ex-jogador do Criciúma também está do outro lado. O meia Douglas foi um dos expoentes da conquista catarinense na Série B de 2002. Dali, defendeu o São Caetano antes de desembarcar no Parque São Jorge para jogar no Timão. Ele terá a companhia de outros 10 titulares absolutos, visto que nenhum deles está suspenso ou lesionado.

Para não sair de Santa Catarina campeão, um entre dois fatos tem que acontecer: ou o Corinthians não ganha dos donos da casa, ou o Avaí vence o CRB, virtual rebaixado que acaba de dispensar mais de 15 atletas, em Alagoas.

FICHA TÉCNICA:
CRICIÚMA x CORINTHIANS

Estádio: Heriberto Hulse, em Criciúma (SC)
Data/hora: 08/11/2008 às 16:20
Árbitro: Márcio Chagas da Silva (RS)
Auxiliares: Julio Cesar Rodrigues (RS) e Alexandre Pruinelli Kleiniche (RS)

CRICIÚMA: Vinicius, Luiz André, Cláudio Luiz, Éverton e Mateus; Basilio, Coutinho, Luciano Bebê e Canindé (Sidnei); Luiz Mario e Jardel. Técnico: Luiz Gonzaga Milioli

CORINTHIANS: Felipe, Alessandro, Chicão, William e André Santos; Cristian, Elias, Morais e Douglas; Dentinho e Herrera. Técnico: Mano Menezes.

novembro 7, 2008 Posted by | Corinthians, Criciuma | , , | Deixe um comentário

Andre Luis é ‘homenageado’ por internautas

Expressões que fazem alusão ao ator Chuck Norris do zagueiro circulam na rede

A polêmica expulsão do zagueiro Andre Luis na partida da última quarta-feira, contra o Estudiantes-ARG, no Engenhão, virou motivo de gozação em blogs e sites de relacionamento. Um texto com frases em alusão à famosa brincadeira sobre a “astúcia” do ator Chuck Norris já circula na internet.

Durante a partida, jogadores de Botafogo e Estudiantes trocaram empurrões, e o árbitro da partida, o chileno Carlos Chandía, mostrou o cartão amarelo para Andre Luis que, sem titubear, o arrancou de suas mãos e levantou contra o próprio, como se o advertisse. Essa, aliás, não foi a primeira demonstração de bravura do zagueiro.

Confira algumas das frases que ‘homenageiam’ o zagueiro:

“Wellington Paulista perde gols pelo medo do abraço de Andre Luis na comemoração.

“Os clubes europeus não pagam salarios altos, os jogadores saem do Brasil para não terem que jogar contra o Andre Luis

Andre Luis hackeou a comunidade do Flamengo com uma calculadora”

Andre Luis não sente frio, o frio é que sente a presença de Andre Luis

“O pulso de Andre Luis é medido em escala Richter”

“Quando o Hulk fica nervoso, ele vira Andre Luis

“Barack Obama vai chamar Andre Luis para ser Secretário de Defesa dos EUA”

“O Metrô que observa o vão entre Andre Luis e a plataforma”

Andre Luis não mata a bola no peito, a bola é que morre de emoção ao tocá-lo”

“Quando o Bicho Papão vai dormir, ele deixa a luz acesa com medo do Andre Luis

“Zidane abandonou o futebol após receber ameaças de Andre Luis

“Edmundo raspou o cabelo para ficar parecido com Andre Luis

Andre Luis não chuta a gol, ele maltrata a bola até ela sair correndo”

“Nos Aflitos, Andre Luis chutou a garrafa e acertou os balões do padre voador”

Andre Luis já suspendeu o STJD por 120 dias”

“O Botafogo não foi eliminado da Sul-Americana, o Andre Luis que eliminou a Sul-Americana do Botafogo”

novembro 7, 2008 Posted by | São Paulo | , | Deixe um comentário

Atlético-PR encara o Figueira reforçado

Galatto, Antônio Carlos, Rhodolfo, Zé Antônio e Rafael Moura voltam ao time titular.

O técnico Geninho poderá fazer até cinco mudanças para o confronto do Atlético Paranaense contra o Figueirense, neste sábado, às 18h30 (de Brasília), no Orlando Scarpelli. No treinamento realizado nesta quinta-feira à tarde no CT do Caju, Geninho armou o Furacão no 3-5-2, com Rafael Moura e Júlio César no ataque.

No setor defensivo, quatro mudanças. O goleiro Galatto e o zagueiro Antônio Carlos retornam de suspensão automática devido ao terceiro cartão amarelo. Além de Chico, Antônio Carlos terá Rhodolfo na zaga, recuperado de uma lesão muscular na coxa esquerda. A quarta mudança será a entrada de Zé Antônio na ala-direita, improvisado no lugar de Alberto, lesionado.

O Furacão deverá entrar em campo com Galatto; Antônio Carlos, Chico e Rhodolfo; Zé Antônio, Valencia, Alan Bahia, Ferreira e Netinho; Rafael Moura e Júlio César.

novembro 7, 2008 Posted by | Atlético-PR | , , , , , , | Deixe um comentário

Galo com time definido para enfrentar o Vitória

Marcelo Oliveira aciona Juninho para o gol e mantem Welton na defesa

O time do Atlético-MG já está definido para a partida contra o Vitória, às 17h deste domingo, no Barradão, em Salvador. O confronto será válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. No coletivo que comandou na manhã desta sexta-feira, o técnico Marcelo Oliveira repetiu a formação utilizada no último treino, com Juninho no gol e Welton na zaga. No decorrer da atividade, o boliviano Castillo foi substituído por Petkovic.

O treino foi acompanhado pelo auxiliar técnico da Seleção Brasileira, Jorginho. O presidente da Federação Mineira de Futebol, Paulo Schettino, também esteve na Cidade do Galo a convite do presidente Alexandre Kalil.

As outras mudanças em relação à vitória sobre o Botafogo são o retorno de Sheslon à lateral-direita, que cumpriu suspensão na partida contra o time carioca, e o deslocamento de César Prates para a lateral-esquerda.

A equipe treinou com Juninho; Sheslon, Welton, Leandro Almeida e César Prates; Nen, Márcio Araújo, Elton e Renan Oliveira; Marques e Castillo (Petkovic).

A concentração terá início às 22h desta sexta-feira. A delegação alvinegra segue para a capital baiana às 10h48 deste sábado. O desembarque em Salvador está previsto para 11h23. No período da tarde, às 17h, o grupo treinará no CT do Bahia, encerrando a preparação para enfrentar o Vitória.

O técnico Marcelo Oliveira relacionou 19 atletas para a viagem, confira:

Goleiros: Juninho, Édson
Laterais: Sheslon, César Prates
Zagueiros: Leandro Almeida, Welton, Marcos, Nen
Volantes: Márcio Araújo, Elton
Meias: Renan Oliveira, Petkovic, Yuri, Tchô
Atacantes: Marques, Castillo, Pedro Paulo, Raphael Aguiar, Beto

novembro 7, 2008 Posted by | Atlético-MG | , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Atlético-MG x Vasco: 2501 ingressos vendidos

As Cadeiras superiores, central e lateral têm o preço único de R$5

A venda antecipada para a partida entre Atlético-MG e Vasco, na próxima quarta-feira, no Mineirão, registrou até o final da tarde desta sexta-feira, 2.501 ingressos vendidos. A venda prossegue neste sábado, na Sede de Lourdes, Loja do Galo Betim e Class Club Buritis e Sion. As Cadeiras superiores, central e lateral têm o preço único de R$5,00. A Cadeira Especial custa R$30,00. No Mineirão, a venda de ingressos será realizada somente no dia do jogo.

Para agilizar o atendimento nas bilheterias, o torcedor pode efetuar seu cadastro antecipadamente no site http://www.ingressofacil.com.br.

PREÇOS

Cadeira Superior Central (Portão 7A) – R$ 5,00
Cadeira Superior Central ½ (Portão 7A) – R$ 2,50

Cadeira Superior Lateral (Portões 9 e 12) – R$ 5,00
Cadeira Superior Lateral ½ (Portões 9 e 12) – R$ 2,50

Cadeira Especial (Portões 1 e 14) – R$ 30,00
Cadeira Especial ½ (Portões 1 e 14) – R$ 15,00

* Torcida do Vasco – Cadeira de Setor (Portão 2) – R$ 10,00 (½ – R$ 5,00)

novembro 7, 2008 Posted by | Atlético-MG, Vasco da Gama | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Internacional vence Boca e está nas semifinais

Equipe colorada bate time argentino por 2 a 1 em plena La Bombonera

Com uma bela atuação, o Internacional venceu o Boca Juniors por 2 a 1, nesta quinta-feira, em La Bombonera, em Buenos Aires, e se classificou para as semifinais da Copa Sul-Americana. O adversário sairá do confronto entre Chivas (MEX) e River Plate (ARG). O Inter é o único clube brasileiro que restou na competição

Mesmo jogando na temida La Bombonera, o Internacional não se intimidou e comandou as ações no campo de jogo. A vantagem de 2 a 0 obtida na primeira partida, garantiu a tranqüilidade para o time colorado. Assim, com inteligência, tocou a bola e procurou os espaços que o Boca deixou por precisa sair para o ataque.

Apesar do domínio, o Inter não chegou muito próximo do gol de García. E por ironia, quem teve a melhor chance de marcar foi o Boca, por intermédio de uma cabeçada de Figueroa que passou por cima do gol.

O time colorado voltou com a mesma postura para a segunda etapa e foi recompensado com o gol. Magrão, oportunista, recebeu
uma bola na área e abriu o placar. Mas em casa, o Boca não se abala. Dez minutos depois, marcou o gol de empate, com Riquelme, de pênalti.

A partir daí, o time argentino cresceu e buscou a virada. Só que o Boca se deparou com o goleiro Lauro em noite inspirada. Seguro na defesa, o Colorado aproveitou para matar a partida, ao marcar o segundo gol, com Alex, após passe de D’Alessandro.

Depois foi só tocar a bola e esperar o árbitro apitar o final da partida para garantir a classificação às semifinais da Copa Sul-Americana.

FICHA TÉCNICA:

BOCA JUNIORS 1 X 2 INTERNACIONAL

Local: La Bombonera (Argentina)
Data/Hora: 06/11/08 – 21h (de Brasília)
Árbitro: Óscar Ruiz (COL)
Gols: 2’/2ºT, Magrão (0-1); 12’/2ºT, Riquelme (1-1); 26’/2ºT, Alex (1-2)
Cartões: Forlin, Dátolo, Figueroa (BOC); Álvaro (INT); Vermelho: Forlin, 39’/2ºT (BOCA)

BOCA JUNIORS: García, Barroso, Muñoz, Forlín e Calvo; Cardozo (Viatri, intervalo), González, Gaitán (Dátolo 8’/2ºT) e Gracián (Riquelme 8’/2ºT); Mouche e Figueroa. Técnico: Carlos Ischia

INTERNACIONAL: Lauro, Álvaro, Indio e Bolívar; Edinho, Magrão, Guiñazú, Marcão e D’Alessandro (Gustavo Nery, 30’/2ºT); Nilmar e Alex. Técnico: Tite.

novembro 7, 2008 Posted by | Internacional | , , | Deixe um comentário