Portal Futebol

Tudo sobre o futebol Brasileiro e Internacional

Verdão vence o Goiás e segue vivo pelo penta

Palmeiras bate o Goiás no Palestra. Vitória afasta polêmica e mantém o time vivo no Brasileiro

Depois da turbulência durante a semana, depois da derrota para o Fluminense (3 a 0) e declarações de parte a parte, o Palmeiras voltou a vencer e sonhar com o pentacampeonato do Brasileirão. O triunfo sobre o Goiás, nesta quarta-feira no Palestra Itália, por 1 a 0 deixa o time paulista na quarta posição, dentro do G4. Já o Goiás continua na nona posição, e também espera o desfecho da rodada.

Palmeiras e Goiás entraram em campo com pretensões muito diferentes. O técnico da casa, Vanderlei Luxemburgo, escalou dois meias de armação para ajudar Kléber e Alex Mineiro na frente e, com isso, pressionar a povoada defesa de Hélio dos Anjos. Já o treinador do Goiás, a começar pela zaga, preparou um verdadeiro ferrolho, com seis jogadores no meio-de-campo.

Precisando do resultado, o Palmeiras lançou-se à frente no início de jogo. Até a metade da primeira etapa, o Alviverde encontrou muita dificuldade para prosseguir com as jogadas de meio-de-campo. Isso devido a forte marcação da equipe visitante. Bloqueando muito bem as intenções ofensivas do Palmeiras, o Goiás foi perigo nos contra-ataques.

A disputa prosseguiu acirrada. Até que, em bola parada, o Verdão começou a vencer a retranca goiana. Aos 26 minutos, Leandro cobrou falta pela esquerda do ataque. No segundo pau, Kléber – sempre brigador – foi derrubado por Júlio César: pênalti para o Palmeiras. Alex Mineiro cobrou, sem paradinha, e abriu a contagem no Palestra Itália.

Durante o segundo tempo, Hélio dos Anjos tirou o lateral-esquerdo Thiago Feltri e apostou na entrada de Felipe. No Palmeiras, saíram Alex Mineiro e Evandro, para a entrada de Denílson e Sandro Silva, respectivamente.

As alterações pouco mudaram o panorama da partida. Sem objetividade, o Palmeiras passou a maior parte do tempo no ataque. Esporadicamente o Goiás organizou bons contra-ataques. Um deles, quase mortal, se não fosse milagre do goleiro Marcos. Sem novidades, o jogo seguiu neste mesmo ritmo. Bom para o satisfeito Palmeiras.

Na próxima rodada, o Palmeiras vai à Vila Belmiro encarar o Santos no clássico paulista. Enquanto o Goiás recebe o Cruzeiro, no Serra Dourada. As duas partidas acontecem às 17 horas do domingo, e são válidas pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1 X 0 GOIÁS

Estádio: Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data/hora: 29/10/2008 – 20h30min (de Brasília)
Árbitro: Wagner Tardelli (SC)
Auxiliares: Carlos Brekenbrok (SC) e Aparecido Donizeti Santana (PR)

Renda/público: Não disponível
Cartões amarelos: Jumar, Fulano (PAL); Fahel, Rafael Marques, Ramalho (GOI)
GOLS: Alex Mineiro, 27’/1ºT (1-0)
PALMEIRAS: Marcos; Fabinho Capixaba, Gustavo, Roque Júnior e Leandro; Jumar, Pierre, Evandro (Sandro Silva, 25’/2ºT) e Diego Souza (Maicousuel, 36’/2ºT); Kléber e Alex Mineiro (Denílson, 20’/2ºT). Técnico: Vanderlei Luxemburgo

GOIÁS: Harlei; Ernando, Henrique, Rafael Marques; Víctor, Fahel (Anderson Gomes, 33’/2T), Ramalho, Júlio César, Paulo Baier, Thiago Feltri (Felipe, 17’/2ºT); Iarley. Técnico: Hélio dos Anjos

outubro 29, 2008 - Posted by | Goiás, Palmeiras | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s